Simulado 1 gabarito

440 visualizações

Publicada em

1º SIMULADO RACIOCÍNIO LÓGICO INSS CORRIGIDO

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Simulado 1 gabarito

  1. 1. SIMULADO 1 RACIOCÍNIO LÓGICO 01. Em uma cidade em que existem somente os jornais A, B e C, têm-se as seguintes informações: Todos os leitores do Jornal B leem também o Jornal A Alguns leitores do Jornal C leem o Jornal A Então: a) Se existir algum leitor do Jornal C que também lê o Jornal B, Ele também lê o Jornal A b) Alguns leitores do Jornal B leem também o Jornal C. c) Alguns Leitores do jornal A não leem o Jornal B d) Todos os leitores do Jornal A leem também o Jornal B. e) Pelo menos um leitor do Jornal C lê também o Jornal B. SOLUÇÃO: 02. (FCC) Todos os alunos de matemática são, também, alunos de inglês, mas nenhum aluno de inglês é aluno de história. Todos os alunos de português são também alunos de informática, e alguns alunos de informática são também alunos de história. Como nenhum aluno de informática é aluno de inglês, e como nenhum aluno de português é aluno de história, então: a) Pelo menos um aluno de português é aluno de inglês. b) Pelo menos um aluno de matemática é aluno de história. c) Nenhum aluno de português é aluno de matemática. d) Todos os alunos de informática são alunos de matemática. e) Todos os alunos de informática são alunos de português. SOLUÇÃO: 03. (ESAF). Na formatura de Hélcio, todos os que foram à solenidade de colação de grau estiveram, antes, no casamento de Hélio. Como nem todos os amigos de Hélcio estiveram no casamento de Hélio, conclui-se que, dos amigos de Hélcio: a) Todos foram à solenidade de colação de grau de Hélcio e alguns não foram ao casamento de Hélio. b) Pelo menos um não foi à solenidade de colação de grau de Hélcio. c) Alguns foram à solenidade de colação de grau de Hélcio, mas não foram ao casamento de Hélio. d) Alguns foram à solenidade de colação de grau de Hélcio e nenhum foi ao casamento de Hélio. e) Todos foram à solenidade de colação de grau de Hélcio e nenhum foi ao casamento de Hélio. SOLUÇÃO: 04. (FCC 2012) A declaração abaixo foi feita pelo gerente de recursos humanos da empresa X durante uma feira de recrutamento em uma faculdade:  “Todo funcionário de nossa empresa possui plano de saúde e ganha mais de R$ 3.000,00 por mês. ”  Mais tarde, consultando seus arquivos, o diretor percebeu que havia se enganado em sua declaração. Dessa forma, conclui- se que, necessariamente: a) Dentre todos os funcionários da empresa X, há um grupo que não possui plano de saúde. b) O funcionário com o maior salário da empresa X ganha, no máximo, R$ 3.000,00 por mês. c) Um funcionário da empresa X não tem plano de saúde ou ganha até R$ 3.000,00 por mês. d) Nenhum funcionário da empresa X tem plano de saúde ou todos ganham até R$ 3.000,00 por mês. e) Alguns funcionários da empresa X não têm plano de saúde e ganham, no máximo, R$ 3.000,00 por mês. 05. (ESAF) Todas as amigas de Aninha que foram à sua festa de aniversário estiveram, antes, na festa de aniversário de Betinha. Como nem todas amigas de Aninha estiveram na festa de aniversário de Betinha, conclui-se que, das amigas de Aninha... a) Todas foram à festa de Aninha e algumas não foram à festa de Betinha. b) Pelo menos uma não foi à festa de Aninha.
  2. 2. c) Todas foram à festa de Aninha e nenhuma foi à festa de Betinha. d) Algumas foram à festa de Aninha, mas não foram à festa de Betinha. e) Algumas foram à festa de Aninha e nenhuma foi à festa de Betinha. SOLUÇÃO 06. (IPAD) Supondo que “todos os cientistas são objetivos” e que “alguns filósofos também o são”, podemos logicamente concluir que: a) Não pode haver cientista filósofo. b) Nenhum filósofo é objetivo. c) Algum filósofo é cientista. d) Se algum filósofo é cientista, então ele é objetivo. e) Alguns cientistas não são filósofos. SOLUÇÃO: Por exclusões 07. (FCC) “Todos os macerontes são torminodoros”. “Alguns macerontes são momorrengos”. Logo: a) Todos os momorrengos são torminodoros. b) Alguns torminodoros são momorrengos. c) Todos os torminodoros são macerontes. d) Alguns momorrengos são pássaros. e) Todos os momorrengos são macerontes. SOLUÇÃO: 08. (ESAF) Se é verdade que "Alguns escritores são poetas" e que "Nenhum músico é poeta", então, também é necessariamente verdade que: a) Nenhum músico é escritor b) Algum escritor é músico c) Algum músico é escritor d) Algum escritor não é músico (SENDO ESCRITOR E POETA NÃO PODE SER MÚSICO! ENUNCIADO) e) Nenhum escritor é músico SOLUÇÃO: 09. (ESAF) Se é verdade que "Alguns A são R" e que "Nenhum G é R", então é necessariamente verdadeiro que: SOLUÇÃO: IDEM ANTERIOR a) Algum A não é G; b) Algum A é G. c) Nenhum A é G; d) Algum G é A; e) Nenhum G é A; 10. Qual é a negação de “Todos os candidatos desse concurso têm mais de 18 anos”? a) Todos os candidatos desse concurso têm menos de 18 anos. b) Pelo menos um candidato desse concurso tem menos de 18 anos. c) Nenhum candidato desse concurso tem menos de 18 anos. d) Nenhum candidato tem exatamente 18 anos. e) Pelo menos um candidato desse concurso tem 18 anos ou menos. 11. (ESAF) Assinale a alternativa que contém um argumento válido. a) Alguns atletas jogam xadrez. Todos os intelectuais jogam xadrez. Conclusão: Alguns atletas são intelectuais. FALSO
  3. 3. b) Todos os estudantes gostam de Lógica. Nenhum artista é um estudante. Conclusão: Ninguém que goste de Lógica é um artista. FALSA NENHUM ARTISTA É ESTUDANTE ENTRETANTO NADA FALA SOBRE ARTISTA E GOSTAR DE LÓGICA c) Se estudasse tudo, eu passaria. Eu não passei. Conclusão: Eu não estudei tudo. CORRETO d) Se estudasse tudo, eu passaria. Eu não estudei tudo. Conclusão: Eu não passei. 12. (ANPAD) Se "Alguns profissionais são administradores” e "Todos os administradores são pessoas competentes", então, necessariamente, com as proposições apresentadas, pode-se inferir: a) Algum profissional é uma pessoa competente. b) Toda pessoa competente é administradora. c) Todo administrador é profissional. d) Nenhuma pessoa competente é profissional. e) Nenhum profissional não é competente. 13. Dizer que a afirmação “todos os economistas são médicos” é falsa, do ponto de vista lógico, equivale a dizer que a seguinte afirmação é verdadeira: a) Pelo menos um economista não é médico. b) Nenhum economista é médico. c) Nenhum médico é economista. d) Pelo menos um médico não é economista. e) Todos os não médicos são não economistas. 14. (ESAF) Em uma comunidade, todo trabalhador é responsável. Todo artista, se não for filósofo, ou é trabalhador ou é poeta. Ora, não há filósofo e não há poeta que não seja responsável. Portanto, tem- se que, necessariamente: a) Todo responsável é artista. b) Todo responsável é filósofo ou poeta. c) Todo artista é responsável. d) Algum filósofo é poeta. e) Algum trabalhador é filósofo. 15. (IPAD) Supondo que “Cronópios e Famas existem” e que “Nem todos os Cronópios são Famas”, podemos concluir logicamente que: a) Nenhum cronópio é fama. b) Não existe cronópio que seja fama. c) Todos os cronópios são famas. d) Nenhum fama é cronópio. e) Algum cronópio não é fama. SOLUÇÃO: 16. (CESPE) Uma noção básica da lógica é a de que um argumento é composto de um conjunto de sentenças denominadas premissas e de uma sentença denominada conclusão. Um argumento é válido se a conclusão é necessariamente verdadeira sempre que as premissas forem verdadeiras. Com base nessas informações, julgue (“V” para Verdadeiro e “F” para Falso) os itens que se seguem. Item 1 ( F) Toda premissa de um argumento válido é verdadeira. Item 2 ( F) Se a conclusão é falsa, o argumento não é válido. Item 3 (F ) Se a conclusão é verdadeira, o argumento é válido. Item 4 ( V) É válido o seguinte argumento: Todo cachorro é verde, tudo que é verde é vegetal, logo todo cachorro é vegetal. SOLUÇÃO: 17. (FGV) O silogismo é uma forma de raciocínio dedutivo. Na sua forma padronizada, é constituído por três proposições: as duas primeiras denominam-se premissas e a terceira, conclusão. As premissas são juízos que precedem a conclusão. Em um silogismo, a conclusão é consequência necessária das premissas. São dados 3 conjuntos formados por 2 premissas verdadeiras e 1 conclusão não necessariamente verdadeira. Premissa 1: Alguns animais são homens. I. Premissa 2: Júlio é um animal. Conclusão: Júlio é homem. FALSO
  4. 4. Premissa 1: Todo homem é um animal. II. Premissa 2: João é um animal. Conclusão: João é um homem. FALSO Premissa 1: Todo homem é um animal. III. Premissa 2: José é um homem. Conclusão: José é um animal. VÁLIDO VERDADEIRO É (são) silogismo (s) somente: a) I b) II c) III d) I e III e) II e III GABARITO 01 A 04 C 07 B 10 E 13 A 16 F F F V 02 C 05 B 08 D 11 C 14 C 17 C 03 B 06 D 09 A 12 A 15 E

×