Biodiesel Congress 2010 6th Global Meeting in Brazil  Estudo de Caso:  Evoluindo até o Sistema Duplo Combustível Mercure G...
Indústria de Veículos Comerciais Demandas por Sustentabilidade  Redução no consumo  de combustível   Redução das emissões ...
Proteção Ambiental  Desafio de Reduzir as Emissões de CO 2   02 <ul><li>Aumento da capacidade de carga transportada (PBTC)...
<ul><li>Um caminhão emite em média 33g de CO 2  por tonelada de carga transportada por quilômetro [gCO 2 /tkm]; o aumento ...
Fontes Primárias de Energia Brasil tem Imenso Potencial para Uso de Biomassa  Gás Natural   Solar Biomassa Carvão   Geotér...
Biodiesel na MAN Latin America Principais Iniciativas em Frotas Cativas  B5 B100 VEÍCULOS MODIFICADOS B0 TESTES PARA VALID...
Biodiesel B20 Iniciativa Concluída <ul><li>06 Veículos VW 19.320 Titan  </li></ul><ul><li>Biodiesel à base de sebo bovino ...
Testes com B20  Alguns Resultados  Fonte: Cummins Latin America, 2009
Testes com B20  Alguns Resultados  Fonte: Cummins Latin America, 2009
Testes com B20  Alguns Resultados  Fonte: Robert Bosch, 2009 Fonte: Cummins Latin America, 2009
Biodiesel B20 Iniciativas em Andamento <ul><li>Projeto B20 Olímpico </li></ul><ul><li>Frotista parceiro: Real Auto-Ônibus ...
Biodiesel B100 Algumas Considerações Importantes <ul><li>Aspectos técnicos:   </li></ul><ul><ul><li>Ponto de névoa e entup...
Biodiesel B100   Iniciativas em Andamento KIT B100 Lançamento feito durante FENATRAN 2009  VW 19.320 Titan Tractor <ul><li...
Biodiesel B100 Tecnologia Duplo Combustível <ul><li>Componentes do Sistema: </li></ul><ul><li>Módulo eletrônico </li></ul>...
Caso Prático em Frotista Ex: Mc Donald‘s (Martin Brower) Fonte: http://planetasustentavel.abril.com.br/noticia/energia/ole...
Testes com Biodiesel  Metodologia Adotada  <ul><li>Monitoramento da qualidade do B100 através da Resolução ANP n° 07/08 </...
Cuidados com o Biodiesel  Consequências da Utilização de Biodiesel Oxidado <ul><li>A mistura B5 é obrigatória por lei e ve...
Cuidados com o Biodiesel  Depósitos de Oxidação <ul><li>Não deixar o veículo parado por mais de 6 semanas a fim de se evit...
Cuidados com o Biodiesel  Acidificação do Combustível  <ul><li>Pode causar a corrosão de componentes metálicos e não metál...
Cuidados com o Biodiesel   Experiências em Campo  Fonte: Robert Bosch, 2010
Cuidados com o Biodiesel  Recomendações para Armazenagem  <ul><li>Garantir a alta rotatividade de combustível na garagem a...
Cuidados com o Biodiesel   Experiências em Campo  Fonte: MAN Latin America, 2009 Base de régua de medição, captação e filt...
Cuidados com o Biodiesel   Experiências em Campo  Fonte: MAN Latin America, 2009 Respiro do tanque de combustível
Cuidados com o Biodiesel   Experiências em Campo  Fonte: MAN Latin America, 2009 Dreno do tanque de combustível
Cuidados com o Biodiesel  Recomendações para Usuário <ul><li>Não deixar o veículo parado por mais de 6 semanas a fim de se...
<ul><li>Vencedor Categoria Veículos com PBT > 15t </li></ul>Reconhecimento Externo Prêmio Challenge Bibendum 2010 Fonte:  ...
<ul><li>Vencedor Categoria Tecnologia Diesel </li></ul>Reconhecimento Externo Prêmio AEA Meio Ambiente 2010 Fonte:  http:/...
MUITO OBRIGADO PELA ATENÇÃO! Gian Gomes Marques Engenheiro de Produto Engenharia de Powertrain  Telefone: (24) 3381-1381 e...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Gian Marques

1.619 visualizações

Publicada em

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.619
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
18
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
27
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • COM A ADESÃO AO PROGRAMA RIOBIODIESEL EM 2003 A MAN LATIN AMERICA DEU INICIO AS SEUS ESTUDOS SOBRE BIODIESEL. COM O APOIO DE DIVERSOS FROTISTA FOI ESTRUTURADO NOSSO PROGRAMA PARA TESTES E VALIDAÇÃO DE BIODIESEL QUE INICIALMENTE FOI FOCADO NA MISTURA B5 (5% DE BIODIESEL EM 95% DE PETRODIESEL). APÓS O ACÚMULO DE MAIS DE 500.000 KM DE TESTES DE DURABILIDADE EM FROTISTAS COMO A COCA-COLA, REAL AUTO-ÔNIBUS E ENGEMIX, FOI AUTORIZADO, EM JUNHO DE 2008, A UTILIZAÇÃO DE B5 EM TODA NOSSA LINHA DE PRODUTOS, ANTECIPANDO EM CINCO ANOS O PREVISTO NO MARCO REGULATÓRIO BRASILEIRO. EM ESTREITA COOPERAÇÃO COM A FRIGORÍFICO BERTIN REALIZAMOS TESTES EXPERIMENTAIS COM A MISTURA B20 A BASE DE SEBO BOVINO ONDE ACUMULAMOS MAIS DE 200.000 KM. ATUALMENTE A BERTIN JÁ ESTÁ AUTORIZADA PARA UTILIZAR B20 EM TODA SUA FROTA DE CAMINHÕES O QUE ACARRETARÁ NA ECONOMIA XXX DE LITROS DE ÓLEO DIESEL POR ANO. ESTAMOS OPERANDO UMA FROTA DE ÔNIBUS COM B20 NO RIO DE JANEIRO DENTRO DO PROGRAMA BIODIESEL OLÍMPICO ALÉM DE TESTAR UMA FROTA DA MARTIN BROWER COM BIODIESEL A BASE DE ÓLEO RESIDUAL DE FRITURA COLETADO DAS REDES DE FAST FOOD McDONALDS. E NÃO PARAMOS POR AÍ. ESTAMOS APRESENTANDO NA FENATRAN O PRIMEIRO CAMINHÃO MOVIDO 100% BIODIESEL DO BRASIL QUE ENTRARÁ EM OPERAÇÃO NA BERTIN. OUTROS DOIS CAMINHÕES B100 SERÃO INCORPORADOS A FROTA DA MARTIN BROWER E COCA-COLA AINDA ESTE ANO.
  • Gian Marques

    1. 1. Biodiesel Congress 2010 6th Global Meeting in Brazil Estudo de Caso: Evoluindo até o Sistema Duplo Combustível Mercure Grand Hotel São Paulo, 23 de Setembro de 2010 Gian G. Marques, M.Sc. Engenheiro do Produto MAN Latin America
    2. 2. Indústria de Veículos Comerciais Demandas por Sustentabilidade Redução no consumo de combustível Redução das emissões (escape e ruído) Redução dos gases de efeito estufa (CO 2 ) Substituição dos combustíveis fósseis Tecnologia focada nas necessidades do cliente Melhoria da eficiência do sistema de transporte Melhoria da compatibilidade ambiental dos produtos
    3. 3. Proteção Ambiental Desafio de Reduzir as Emissões de CO 2 02 <ul><li>Aumento da capacidade de carga transportada (PBTC) </li></ul><ul><li>Aumento da eficiência energética dos veículos: </li></ul><ul><ul><li>Resistência aerodinâmica </li></ul></ul><ul><ul><li>Resistência ao rolamento </li></ul></ul><ul><ul><li>Componentes auxiliares </li></ul></ul><ul><ul><li>Perdas no trem de força </li></ul></ul><ul><li>Utilização de combustíveis menos intensivos em carbono </li></ul><ul><li>Utilização de combustíveis renováveis </li></ul>
    4. 4. <ul><li>Um caminhão emite em média 33g de CO 2 por tonelada de carga transportada por quilômetro [gCO 2 /tkm]; o aumento na eficiência energética continua a ser tema central do desenvolvimento de novos produtos </li></ul>Proteção Ambiental Desafio de Reduzir as Emissões de CO 2 Fonte: MAN Alternative Drive Systems for Transport, 2010 <ul><li>Um ônibus rodoviário emite em média 15g de CO 2 por passageiro transportado por quilômetro [gCO 2 /pass.km] </li></ul><ul><li>(Avião emite aproximadamente 100gCO 2 /pass.km) </li></ul>A quantidade de CO 2 depende parcialmente do sistema propulsão ou do combustível. A fonte primária de energia é decisiva nas emissões de CO 2 totais!
    5. 5. Fontes Primárias de Energia Brasil tem Imenso Potencial para Uso de Biomassa Gás Natural Solar Biomassa Carvão Geotérmica Eólica Carvão Petróleo Marés Hidráulica FÓSSIL RENOVÁVEL
    6. 6. Biodiesel na MAN Latin America Principais Iniciativas em Frotas Cativas B5 B100 VEÍCULOS MODIFICADOS B0 TESTES PARA VALIDAÇÃO B5 MAN LATIN AMERICA JÁ LIBERA A MISTURA B5 PARA TODA SUA LINHA DE PRODUTOS DESDE JUNHO 2008 DUPLO COMBUSTÍVEL (DIESEL / B100) SISTEMA DE GERENCIAMENTO ELETRÔNICO PARA INJEÇÃO DE BIODIESEL PURO (B100) B20 AUTORIZADO PELO GOVERNO BRASILEIRO EM 2010 GOVERNO BRASILEIRO NÃO TEM PREVISÃO PARA INTRODUÇÃO VEÍCULOS ORIGINAIS GOVERNO BRASILEIRO NÃO TEM PREVISÃO PARA INTRODUÇÃO PESQUISAS PARA USO B20 PESQUISAS PARA USO B100
    7. 7. Biodiesel B20 Iniciativa Concluída <ul><li>06 Veículos VW 19.320 Titan </li></ul><ul><li>Biodiesel à base de sebo bovino </li></ul><ul><li>Início dos teste: Dezembro/2007 </li></ul><ul><li>Conclusão dos testes: Fevereiro/2009 </li></ul><ul><li>Apresentação para Bertin: Setembro/2009 </li></ul><ul><li>Resultados: </li></ul><ul><ul><li>Durabilidade atendeu aos targets </li></ul></ul><ul><ul><li>Plano de manutenção diferenciado </li></ul></ul><ul><li>Custo anual para o Cliente com uso de B20: </li></ul><ul><ul><li>Saving: 7.000 litros diesel/ano/veículo </li></ul></ul>JBS/Bertin
    8. 8. Testes com B20 Alguns Resultados Fonte: Cummins Latin America, 2009
    9. 9. Testes com B20 Alguns Resultados Fonte: Cummins Latin America, 2009
    10. 10. Testes com B20 Alguns Resultados Fonte: Robert Bosch, 2009 Fonte: Cummins Latin America, 2009
    11. 11. Biodiesel B20 Iniciativas em Andamento <ul><li>Projeto B20 Olímpico </li></ul><ul><li>Frotista parceiro: Real Auto-Ônibus </li></ul><ul><li>05 Veículos VW 17.230e OD </li></ul><ul><li>Biodiesel B20 é um Blend fornecido pela Shell </li></ul><ul><li>Início dos testes: Novembro/2009 </li></ul><ul><li>Conclusão dos testes: Novembro/2010 </li></ul>Biodiesel Olímpico <ul><li>03 Veículos VW 24.250 </li></ul><ul><li>03 Veículos VW 19.370 </li></ul><ul><li>Biodiesel à base de óleo de fritura </li></ul><ul><li>Início dos testes: Junho/2009 (apenas o 1° veículo) </li></ul><ul><li>Conclusão dos testes: Dezembro/2010 </li></ul>Martin Brower (Mc Donald’s)
    12. 12. Biodiesel B100 Algumas Considerações Importantes <ul><li>Aspectos técnicos: </li></ul><ul><ul><li>Ponto de névoa e entupimento a frio </li></ul></ul><ul><ul><li>Incompatibilidade com mangueiras nitrílicas/naturais </li></ul></ul><ul><ul><li>Incompatibilidade com metais coloridos (Zn,Cu, latão, bronze) </li></ul></ul><ul><ul><li>Diluição no óleo lubrificantes </li></ul></ul><ul><ul><li>Maior solubilidade em água </li></ul></ul><ul><li>Na Europa: </li></ul><ul><ul><li>De acordo com EN 14.214 </li></ul></ul><ul><ul><li>Veículos rodoviários </li></ul></ul><ul><li>No Brasil: </li></ul><ul><ul><li>De acordo com ANP n° 07/08 </li></ul></ul><ul><ul><li>Veículos rodoviários, urbanos e distribuição </li></ul></ul>
    13. 13. Biodiesel B100 Iniciativas em Andamento KIT B100 Lançamento feito durante FENATRAN 2009 VW 19.320 Titan Tractor <ul><li>JBS/Friboi </li></ul><ul><ul><li>01 VW 19.320 Titan Tractor </li></ul></ul><ul><li>Martin Brower (Mc Donald’s) </li></ul><ul><ul><li>01 VW 24.250 </li></ul></ul><ul><li>Coca-Cola </li></ul><ul><ul><li>01 VW 17.250 </li></ul></ul>
    14. 14. Biodiesel B100 Tecnologia Duplo Combustível <ul><li>Componentes do Sistema: </li></ul><ul><li>Módulo eletrônico </li></ul><ul><li>Tanque de óleo diesel – 80 ou 150l (depende da aplicação) </li></ul><ul><li>Tanque de biodiesel – 480 l </li></ul><ul><li>Sistema de aquecimento </li></ul><ul><li>Conjunto de filtros de combustível específicos para B100 </li></ul><ul><li>Unidade dosadora de combustível </li></ul><ul><li>Display digital </li></ul>1 2 3 4 5 6 7 Nota: Mangueiras e tubulações compatíveis com B100
    15. 15. Caso Prático em Frotista Ex: Mc Donald‘s (Martin Brower) Fonte: http://planetasustentavel.abril.com.br/noticia/energia/oleo-fritura-combustivel-mcdonalds-quatrorodas-574247.shtml
    16. 16. Testes com Biodiesel Metodologia Adotada <ul><li>Monitoramento da qualidade do B100 através da Resolução ANP n° 07/08 </li></ul><ul><li>Monitoramento da qualidade da mistura B20 com base na norma Norte-Americana ASTM D 7467a e de análises de infra-vermelho </li></ul><ul><li>Monitoramento do desempenho, consumo de combustível e óleo lubrificante dos caminhões e da frota a partir de controle de dados do frotista </li></ul><ul><li>Monitoramento da qualidade do óleo lubrificante </li></ul><ul><li>Monitoramento das atividades de manutenção do motor e sistema de injeção dos caminhões testados </li></ul><ul><li>Monitoramento dos materiais elastoméricos que estiveram em contato com a mistura B20 através de análise quanto a sua maleabilidade, dureza, inchamento e ductibilidade </li></ul>
    17. 17. Cuidados com o Biodiesel Consequências da Utilização de Biodiesel Oxidado <ul><li>A mistura B5 é obrigatória por lei e vendida em todos os postos de abastecimento brasileiros desde de 1º de janeiro de 2010 </li></ul><ul><li>O biodiesel quando armazenado por longos períodos, e dependendo das condições de armazenagem como umidade, temperatura e incidência de luz solar, pode sofrer reação de oxidação </li></ul><ul><li>Desta forma, deve-se evitar seu armazenamento por mais de 6 semanas (trata-se apenas de uma referência visto que a presença ou ausência destes fatores podem influenciar aumentando ou reduzindo este período) </li></ul><ul><li>A oxidação ou envelhecimento do biodiesel causa a formação de depósitos de oxidação e a acidificação do combustível </li></ul>
    18. 18. Cuidados com o Biodiesel Depósitos de Oxidação <ul><li>Não deixar o veículo parado por mais de 6 semanas a fim de se evitar a utilização de um combustível oxidado </li></ul><ul><li>Deve ser estabelecido um procedimento para manutenção dos sistema de abastecimento, trocando os filtros e drenando a água do fundo de tanque </li></ul><ul><li>Deixar o tanque de combustível do veículo sempre cheio, evitando que o volume de ar no tanque “respire” com as variações de temperatura ambiente durante o dia e a noite </li></ul><ul><li>Realizar manutenção dos sistema de filtragem do veículo conforme manual do proprietário, atentando para presença de depósitos no filtro </li></ul><ul><li>Drenar periodicamente o filtro separador de água do veículo </li></ul>
    19. 19. Cuidados com o Biodiesel Acidificação do Combustível <ul><li>Pode causar a corrosão de componentes metálicos e não metálicos além de atacar as superfícies galvanizadas </li></ul><ul><li>Tal corrosão pode chegar ao ponto de fragilizar os componentes, causando sua quebra prematura </li></ul><ul><li>Também pode, através da remoção da superfície protetora galvanizada, deixar o componente suscetível a ataques químicos pelo combustível ou contaminantes, como a água </li></ul><ul><li>Causa a oxidação (ferrugem) em componentes metálicos, semelhante ao observado quando o combustível está contaminado por água </li></ul><ul><li>As conseqüências podem ser o travamento dos componentes do sistema de injeção e seu desgaste prematuro devido à dureza das partículas de óxidos metálicos que se soltam dos componentes </li></ul>
    20. 20. Cuidados com o Biodiesel Experiências em Campo Fonte: Robert Bosch, 2010
    21. 21. Cuidados com o Biodiesel Recomendações para Armazenagem <ul><li>Garantir a alta rotatividade de combustível na garagem afim de evitar mais de 6 semanas de armazenamento </li></ul><ul><li>Proteger o tanque contra intempéries, como sol e chuva. Proteger o respiro do tanque contra entrada de poeira, umidade ou material orgânico. </li></ul><ul><li>No caso particular de tanques antigos, recomenda-se verificar a existência de lodo no seu fundo e procedendo a limpeza se necessário </li></ul><ul><li>Eliminar o contato do combustível com materiais que aceleram a reação de oxidação do combustível, como o cobre, latão, zinco e estanho </li></ul><ul><li>Utilizar filtro separador de água tanto na entrada quanto na saída do tanque de armazenagem (manter este equipamento sempre em bom estado de funcionamento) </li></ul><ul><li>Deve ser estabelecido um procedimento para manutenção dos sistema de abastecimento, trocando os filtros e drenando a água do fundo de tanque </li></ul>
    22. 22. Cuidados com o Biodiesel Experiências em Campo Fonte: MAN Latin America, 2009 Base de régua de medição, captação e filtro de partículas
    23. 23. Cuidados com o Biodiesel Experiências em Campo Fonte: MAN Latin America, 2009 Respiro do tanque de combustível
    24. 24. Cuidados com o Biodiesel Experiências em Campo Fonte: MAN Latin America, 2009 Dreno do tanque de combustível
    25. 25. Cuidados com o Biodiesel Recomendações para Usuário <ul><li>Não deixar o veículo parado por mais de 6 semanas a fim de se evitar a utilização de um combustível possivelmente oxidado </li></ul><ul><li>Deixar o tanque de combustível do veículo sempre cheio de combustível, evitando que o volume de ar no tanque respire com as variações de temperatura ambiente durante o dia e a noite </li></ul><ul><li>Limpar periodicamente os tanques de combustível do veículo </li></ul><ul><li>Realizar manutenção dos sistema de filtragem do veículo conforme manual do proprietário, atentando para presença de depósitos no filtro </li></ul><ul><li>Drenar períodicamente o filtro separador de água do veículo </li></ul>
    26. 26. <ul><li>Vencedor Categoria Veículos com PBT > 15t </li></ul>Reconhecimento Externo Prêmio Challenge Bibendum 2010 Fonte: http://www.challengebibendum.com/en/Challenge-Bibendum/Rio-20102/Challenge-Bibendum-2010-The-Event-Summary
    27. 27. <ul><li>Vencedor Categoria Tecnologia Diesel </li></ul>Reconhecimento Externo Prêmio AEA Meio Ambiente 2010 Fonte: http://www.aea.org.br/pt_br/fiat-man-fundacao-volkswagen-bosch-auto-esporte-e-proficiens-ecodesing-levam-premio-aea-de-meio-ambiente
    28. 28. MUITO OBRIGADO PELA ATENÇÃO! Gian Gomes Marques Engenheiro de Produto Engenharia de Powertrain Telefone: (24) 3381-1381 email: gian.marques @volkswagen.com.br

    ×