Alexandre

541 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia, Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
541
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
69
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Alexandre

  1. 1. 28 de outubro de 2010 1CEMA – Comissão Energia e Meio Ambiente O B10 E A INDÚSTRIA AUTOMOBILÍSTICA BRASILEIRA
  2. 2. 28 de outubro de 2010 2CEMA – Comissão Energia e Meio Ambiente Background Visão da frota brasileira Transporte no Brasil Biodiesel Características esperadas Programa Nacional de Produção e Uso de Biodiesel Posição dos fabricantes de sistemas de injeção Posição ANFAVEA Perguntas frequentes
  3. 3. 28 de outubro de 2010 3CEMA – Comissão Energia e Meio Ambiente Frota Veicular Brasileira 2009 Não inclui motocicletas, tratores e máquinas agrícolas Total de 29,9 milhões de unidades 80.1% 14.4% 4.5% 1.1% 0.00 0.02 0.04 0.06 0.08 0.10 0.12 0.14 0.16 0.18 0.20 0.22 0.24 0.26 0.28 0.30 0.32 MilharesdeUnidades Automóveis Comerciais Leves Caminhões Ônibus Fonte: Sindipeças
  4. 4. 28 de outubro de 2010 4CEMA – Comissão Energia e Meio Ambiente Frota Veicular Brasileira 2009 0 10 20 30 40 50 60 70 80 90 100 Automóveis Comerciais Leves Caminhões Ônibus Gasolina C Álcool Hidratado FFV Óleo Diesel ~2,9 milhões veículos a diesel Não inclui motocicletas, tratores e máquinas agrícolas Aprox.100% Aprox.100% 28,7% Fonte: Sindipeças %
  5. 5. 28 de outubro de 2010 5CEMA – Comissão Energia e Meio Ambiente Transporte de cargas no Brasil 2006 Rodoviário 61,1% Aquaviário 13,6% Dutoviário 4,2% Ferroviário 20,7% Aeroviário 0,4% Fonte: Confed. Nac. dos Transportes (CNT) % de carga movimentada
  6. 6. 28 de outubro de 2010 6CEMA – Comissão Energia e Meio Ambiente Transporte de passageiros no Brasil 2006 Fonte: Confed. Nac. dos Transportes (CNT) Aquaviário 1% Rodoviário 76 % Aeroviário 2% Metroviário 11% Ferroviário 10% % do total de passageiros
  7. 7. 28 de outubro de 2010 7CEMA – Comissão Energia e Meio Ambiente Características Esperadas de um Combustível Uso pela frota existente sem: • necessidade de alterações em veículos • comprometer a frota • impor aumento custo de manutenção • desrespeitar os limites legais de emissões de gases Seja compatível com a futura qualidade do diesel Seja compatível com as futuras tecnologias de motores
  8. 8. 28 de outubro de 2010 8CEMA – Comissão Energia e Meio Ambiente Programa Nacional de Produção e Uso de Biodiesel Programa aprovou a mistura B5 para as condições Brasileiras e permitiu a antecipação da demanda legal B5B2 Autorizado B2 Obrigatório B2 Obrigatório B5 2006 2008 2013 Lei Nº 11.097 publicada em janeiro de 2005
  9. 9. 28 de outubro de 2010 9CEMA – Comissão Energia e Meio Ambiente Posição dos Fabricantes de Sistema de Injeção Autoriza a mistura até B7 para as condições Europeias: biodiesel de colsa- FAME (EN14214) e diesel comercial S10 (EN590) Recomenda a revisão das especificações do biodiesel (EN14214) e do diesel comercial S10 (EN590) para misturas até 10% de FAME
  10. 10. 28 de outubro de 2010 10CEMA – Comissão Energia e Meio Ambiente Recomendações: • Iniciar programa com a mistura 2% (B2) • Formar um grupo técnico para acompanhar a implantação • O biodiesel na mistura deve atender às especificações da ANP • A mistura B2 deve atender às especificações do diesel comercial • As distribuidoras são responsáveis pela qualidade da mistura Carta da ANFAVEA ao Governo Federal em 13 de maio de 2004. Posição Anfavea 2004
  11. 11. 28 de outubro de 2010 11CEMA – Comissão Energia e Meio Ambiente Posição Atual Anfavea Programa Brasileiro do Biodiesel ANFAVEA Garante Mistura B5 Desde 2004, a ANFAVEA vem apoiando o Programa Brasileiro do Biodiesel. A utilização de 5% da mistura de biodiesel com óleo diesel, conforme especificação da Agência Nacional do Petróleo - ANP, não traz problemas aos veículos, os quais continuam cobertos pela garantia, no decorrer do período originalmente dado.
  12. 12. 28 de outubro de 2010 12CEMA – Comissão Energia e Meio Ambiente Perguntas frequentes No programa de testes e ensaios em motores com biodiesel coordenado pelo governo foram realizados alguns ensaios com o B20. Qual o resultado destes ensaios? R. Sim, de fato... Alguns fabricantes de veículos e motores como a Volvo dizem estar preparados para misturas de % maiores como o B30. Quer dizer que pode-se aplicar B30 na frota? R. Não exatamente... A Argentina recentemente autorizou o uso da mistura B7 em todo o país. De que maneira a Anfavea está se posicionando nesse caso? Está autorizando o uso de B7? R. Eis a questão... E quanto ao B10? A Anfavea é favorável ao uso da mistura? R. Somos favoráveis ao desenvolvimento com responsabilidade... Se os fabricantes de sistemas de injeção autorizam o B7, a Anfavea pode autorizá-lo também? R. Não exatamente...
  13. 13. 28 de outubro de 2010 13CEMA – Comissão Energia e Meio Ambiente
  14. 14. 28 de outubro de 2010 14CEMA – Comissão Energia e Meio Ambiente Consumo Brasileiro de Combustíveis Veiculares 2009 Óleo Diesel 50.9% Gasolina A 25.4% Álcool Anidro 5.9% Álcool Hidratado 14.6% GNV 3.2% Fonte: Relatório BEN 2010/ MME

×