Atualizacao iv - destinatarios da missão

145 visualizações

Publicada em

A Nova Evangelização (Pe. João Paulo, Diocese de Caruaru)

Publicada em: Espiritual
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Atualizacao iv - destinatarios da missão

  1. 1. NOVA EVANGELIZACAO PARA A TRANSMISSÃO DA FE CRISTA Nos seus métodos, n o ardor, na ousadia de tentar novos caminhos... Anuncio da Boa Noticia que por excelência é Cristo Criar condições para O encontro entre a pessoa e Cristo que leve a uma fé vivida, celebrada e anunciada
  2. 2. O nosso povo é ... Povo resistente e lutador Orgulhoso de suas festas e que busca o sagrado Simples mas não ingênuo As vezes sincrético e confuso em suas escolhas
  3. 3. Que vive numa realidade... Consumismo Assistencialismo Clientelismo Discriminações Novas realidades familiares Pobreza e Seca Corrupção e Violência Relativismo moral e religioso Sistema de saúde insuficiente Disseminação de Drogas Licitas e Ilícitas
  4. 4. Numa Igreja que quer... Servir mais ainda... Enfrentar as tensões entre o novo e o antigo Ter seu próprio rosto e que produz seus materiais tendo na mídia católica um auxilio e não a intromissão... E por materiais pastorais não ligados à realidade
  5. 5.  A Igreja que quer ser uma presença evangélica sobretudo junto aos    Jovens Famílias Mundo da política  Enfrentando  A realidade social de seca e de pobreza  O relativismo moral e religioso  E sendo próxima, caminhando junto
  6. 6. Inspirados pelo modo de agir de Jesus  Nova abordagem religiosa  Religião Libertadora  Direta e pessoal  Amorosa  Acolhe os pecadores e “impuros”  Questiona a Instituição  Aproxima-se das realidades  De modo simples e desarmado
  7. 7. Que povo? Os destinatários da missão
  8. 8. Marta e Maria
  9. 9. Esclarecendo..... TODOS NOS SOMOS EMISSORES E DESTINATARIOS DA NOVA EVANGELIZAÇÃO
  10. 10. A pessoa na pos-modernidade  Temos de procurar distantes...na Idade Média...  A Igreja detinha os ambitos da Verdade, Consciências e Instrução....  Com o tempo, novas ideias foram se alastrando e defendendo:     Direito à liberdade e autonomia Libertar-se da tutela da Igreja Fundamentando no direito a ser LIVRE Chegar a verdade que é dita pela Razão e não pelos outros
  11. 11. Esta instalada a crise entre Fé e Razão NASCIA A CULTURA MODERNA SABER A VERDADE INDEPENDENTE DA IGREJA
  12. 12. Para isso era necessário centralizar tudo na PESSOA A CENTRALIDADE DO SER HUMANO É O CENTRO DA MODERNIDADE
  13. 13. Para isso a pessoa tem de ser autônoma  Para ser autônoma, deve seguir somente a RAZAO  A razão vai excluir a Religião porque não pode ser provada  E isso leva ao.....  Dogmatismo da racionalidade: A razão é a verdade!  Otimismo: chegaremos a resolver tudo...
  14. 14. Isso não será somente negativo....  O progresso cientifico e tecnológico  Serviu para que a religião purificasse seu pensamento  Ideal de democracia  Direitos Humano  Independência das Colônias
  15. 15. Embaladas pela razão que pode tudo....  Nascem as ideologias:  Marxismo Leninista  Capitalismo  Nazismo  Facismo
  16. 16. Porém, os desastres provocaram a crise desse postulado  Guerras Mundiais  O horror do Holocausto  Persistência de problemas resolvíveis  A ditadura que surgiam de algumas ideologias  Novas doenças desafiam a capacidade humana  Tudo isso levou a......
  17. 17. Crise da Modernidade.... A RAZÃO NÃO PODE RESOLVER TUDO..... ATRAVÉS DELA NÃO PODEMOS CHEGAR A VERDADE ABSOLUTA
  18. 18. Ao invés de voltar para Deus, a crise levou a um outro caminho... ESSA VERDADE ABSOLUTA NÃO EXISTE.... TUDO É RELATIVO!
  19. 19. Como consequência se desenvolve o agnosticismo  Se Deus existe ou não é um problema seu.....  Não se pode impor uma verdade a todos....  Cada um deve seguir a sua verdade....  Na vida privada você pode ter religião, mas essa não deve ter espaço na vida publica....
  20. 20. Perdendo a referencia ultima e segura... PERDE-SE O SENTIDO DE TUDO.... PORQUE TUDO VAI DEPENDER: DA DECISÃO PESSOAL DA DECISÃO DA MAIORIA
  21. 21. O Eterno fica trocado pelo imediato.... JÁ QUE NÃO TEM O ETERNO: O CORPO É MAIS IMPORTANTE O MATERIAL É SENHOR ABSOLUTO O INDIVIDUALISMO É EXALTADO SÓ VALE A PENA O QUE SE PRODUZ SÓ SERVE AQUILO QUE É ÚTIL
  22. 22. Tentando fazer um resumo: IDADE MEDIA : CONHECIMENTO ECLESIÁSTICO MODERNIDADE: CONHECIMENTO “LIVRE” DOGMATISMO CIENTIFICO E OTIMISMO FRUSTRAÇÃO RACIONAL NEGAÇÃO DA VERDADE ABSOLUTA TUDO É MATERIAL, TEMPORÁRIO, IMEDIATO.....
  23. 23. O destinatário na pos-modernidade  Individual  Resposta Imediata  Insatisfação continua  Não existe uma verdade, tudo é a mesma coisa  Existem outras prioridade e não aquela religiosa  Respeito pela religião, mas não temor...  Que quer o sagrado que é util para suas necessidades...  Pressa, nada de longo prazo
  24. 24. Na pós modernidade  Não quer uma pastoral que diga o que fazer...  Ou senão, uma pastoral que diga tudo o que fazer, porque se sente inseguro...  Não quer a verdade sem uma razão....  Facilmente atraído pela festa, pelo lúdico.....  A utilidade de uma coisa é o mais importante....
  25. 25. E como isso se reflete na vida religiosa?  1) OS ENGAJADOS  2) OS SACRAMENTALIZADOS  3) OS BEIJA-FLORES  4) OS DISTANTES  5) OS HOSTIS
  26. 26. Postura Religiosa ENGAJADOS 1% SACRAMENTALIZADOS 10% BEIJA FLOR 60% DISTANTES 29%
  27. 27. Redimensionar nossas projeções triunfalistas
  28. 28. Colocar-se no lugar de...
  29. 29. partir sempre de nossas inquietações daquilo que pensamos que é o certo...
  30. 30. A quarta conversão é aquela de pretender que sabemos sempre o que é melhor para os outros...
  31. 31. o que entendemos por pessoa evangelizada
  32. 32. Gerar cristãos que sejam adultos
  33. 33. Tendo consciência da complexidade dos destinatários da missão, podemos ser  Espaço  Presença  Sinal
  34. 34. Quem não atingimos:  Jovens que gostam de esportes, a diversão...  Associações de Moradores da Zona Rural...  Os universitários...  Classe Média Alta (políticos, empresários,     comerciantes, médicos, advogados...) Dependentes químicos... As minorias da sociedade (presidiários...) O pessoal que vive na extrema pobreza na periferia... As crianças e pré-adolescentes....
  35. 35. Por que não atingimos           Tempo, o ativismo, sobrecarregados.... Resistências do clero.... Acomodação nas funções... Pouco uso dos MCS... Recursos humanos (lideranças sobrecarregadas e falta de novas...) Conformismo com os 10 %... Dificuldade de encontrar prioridades que sejam assumidas... A Igreja centralizada na Matriz, estruturas... Excesso de material.... Rejeição da parte de quem não quer assumir hoje...

×