O conhecimento de si mesmo e do outro

11.079 visualizações

Publicada em

Preparação para o sacramento do matrimonio da Igreja Católica

Publicada em: Educação
0 comentários
7 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
11.079
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
416
Comentários
0
Gostaram
7
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O conhecimento de si mesmo e do outro

  1. 1. Pastoral Familiar da Arquidiocese de Manaus ENCONTRO DE PREPARAÇÃO DO SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO
  2. 2. Pastoral Familiar da Arquidiocese de ManausO CONHECIMENTO DE SI MESMO E DO OUTRO Em tudo, o homem prudente procede com conhecimento de causa; mas o insensato, porém, ostenta a sua insensatez. Provérbios 13, 16
  3. 3. Pastoral Familiar da Arquidiocese de Manaus Qualidades 1 2 3 4 5 Aberto a mudanças Serviçal Capaz de pedir perdão Inteligente Empreendedor Capaz de renunciar DINAMICA QUEM SOMOS ? E EF E E E E F F F F F Ezeglair - E Francisca - F
  4. 4. Pastoral Familiar da Arquidiocese de Manaus Quem somos? Somos únicos, originais, criados por Deus, dotados de inteligência, consciência. Somos seres livres, impenetráveis (só nos conhecem se nos revelarmos), indivisíveis (compostos pelo aspecto físico, afetivo e espiritual). Temos notáveis diferenças quanto ao aspecto físico: sexo, ossos, músculos, jeito de andar, etc. 1. CONHECER-SE BEM
  5. 5. Pastoral Familiar da Arquidiocese de Manaus Cinco coisas que determinam QUEM SOMOS:
  6. 6. Pastoral Familiar da Arquidiocese de Manaus QUEM VC é determina:
  7. 7. Pastoral Familiar da Arquidiocese de Manaus Glândula detectara de mentiras Nervo de sempre deixar Abaixado o tampo do vaso Célula de sentido de direção Neurônio de estacionamento paralelo Chave de fofocas quentes Centro de detecção de gases Micron de sexo depois do casamento Partícula de leitura de papas. Cérebro Feminino Núcleo Da Indecisão Centro de chocolate Célula do Consumismo desenfreado Hemisfério da necessidade de compromisso Habilidade de falar ao telefone
  8. 8. Pastoral Familiar da Arquidiocese de Manaus Cérebro Masculino Sexo Atividades Perigosas/Idiotas Habilidades de encontrar coisas Em geladeiras e armários Micron de pedir informação Neurônio de audição Centro de Esportes Neurônio p/ ouvir choro de criança no meio da noite Célula p/ encontrar o caminho do banheiro Nervo de coçar o saco Habilidades Domésticas Sinapse de roupa bem passada
  9. 9. Pastoral Familiar da Arquidiocese de Manaus  Poder e força  Conquista, protege e serve  Vulnerável ao sofrimento  Pensamento lógico  Calculista e objetivo Homem Quem somos? Como pensamos?
  10. 10. Pastoral Familiar da Arquidiocese de Manaus Você têm controle sobre três coisas: A maneira como controla essas três áreas determina o que você vivência. Mas, se você não estiver gostando do que está acontecendo na sua vida, mude sua atitude. Evite os pensamentos negativos e abra espaço e lugar para eventos positivos e fortalecedores.
  11. 11. Pastoral Familiar da Arquidiocese de Manaus Mulher Quem somos? Como pensamos?  Carinho e charme  Ser conquistada e protegida  Aceita melhor o sofrimento  Ligada a detalhes  Delicada, sentimental e intuitiva  Disciplinada e ordeira
  12. 12. Pastoral Familiar da Arquidiocese de Manaus Amar a Deus sobre todas as coisas e amar o próximo como a si mesmo. Mt 22, 34-40 2. ACEITAR-SE Nem sempre é fácil nos amarmos e nos aceitarmos, já nos questionamos o por quê? Será que nós nos amamos? Você se Ama? 3. ACEITAR O OUTRO Esse é um grande desafio, porém se conhecermos a história do cônjuge e a nossa historia, poderemos compreender melhor as nossas atitudes e nos aceitarmos mutuamente.
  13. 13. Pastoral Familiar da Arquidiocese de Manaus 3. ACEITAR O OUTRO
  14. 14. Pastoral Familiar da Arquidiocese de Manaus Vida uterina sempre fica armazenada na superfície, ou nos porões da nossa mente. Se positivas, construirão nosso lado agradável, com qualidades facilmente aceitáveis. As negativas, o lado amargo, indigesto. Concluí-se que daí surgem: a mansidão ou a violência, o egoísmo, a coragem ou o medo, a verdade ou a mentira, a baixa ou a auto-estima. 3. ACEITAR O OUTRO Alguns aspectos importantes como:
  15. 15. Pastoral Familiar da Arquidiocese de Manaus 4. DEUS DEU TALENTO A TODOS Deus nos fez à sua imagem e semelhança (Gn 1,26)
  16. 16. Pastoral Familiar da Arquidiocese de Manaus 5. CULTIVAR AS VIRTUDES E TRABALHAR OS DEFEITOS É importante reconhecermos nossas limitações e procurarmos Melhorar naquilo que podemos mudar. A maturidade humana e conjugal é um processo longo e lento. Testemunho do casal
  17. 17. Pastoral Familiar da Arquidiocese de Manaus 6. CARACTERÍSTICAS DO CASAL O fato de sermos diferentes (cultura, crença e história), vir de famílias distintas e ter histórias diferentes, contribui para termos uma família original, onde nunca houve, nem haverá igual. Comentar características da família.......
  18. 18. Pastoral Familiar da Arquidiocese de Manaus 7. CONHECER-SE: TAREFA PERMANENTE Estamos sempre crescendo como pessoa. Nossa personalidade amadurece. Nunca terminamos de nos conhecer ou conhecer o outro. Janela de Johari CONHECIDO OUTROS I. ZONA LIVRE II. ZONA CEGA DESCONHECIDO OUTROS III. ZONA OCULTA IV. ZONA DESCONHECIDA CONHECIDO MIM DESCONHECIDO MIM UMA CASA DE 4 CÔMODOS MAU HÁBITOPÚBLICA PRIVADA INCONSCIENTE
  19. 19. Pastoral Familiar da Arquidiocese de Manaus 7. CONHECER-SE: UMA TAREFA PERMANENTE Você poderia me responder AGORA: 1. Quem realmente você é? 2. Quem é realmente a pessoa que está do seu lado? 3. Você é o leão ou gatinho? 4. Mas como é que o outro te ver? Como é belo quando os casais se ajudam mutuamente e procuram sempre uma maior aceitação mútua! O amor conjugal, quando sincero e verdadeiro, faz milagres! Característica do cônjuge que tenha mudado com o tempo
  20. 20. Pastoral Familiar da Arquidiocese de Manaus 8. DIÁLOGO COMO SOLUÇÃO As diferenças podem e devem ser trabalhadas com diálogo em momentos favoráveis e encontros bem pessoais. Isto pode acontecer por meio de gestos e palavras que demonstre compreensão, bondade, franqueza ou amizade. Também por silêncios oportunos, momentos adequados que tornam as relações mútuas, sempre mais harmoniosas e como dizia um antropólogo:
  21. 21. Pastoral Familiar da Arquidiocese de Manaus “Eu vou te emprestar os meus olhos e tu me emprestarás os teus e eu te verei com os teus olhos e tu me verás com os meus.”
  22. 22. Pastoral Familiar da Arquidiocese de Manaus Obrigado! V A L E U !

×