MODELO
TEXTO ÁUREO
• “...Mas, segundo a tua dureza e teu coração impenitente,
entesouras ira para ti no dia da ira e da manifesta...
LEITURA DIÁRIA
SEG: Gn 19:13
• A consequência do pecado de Sodoma e Gomorra.
TER: Nm 16:31-33
• A consequência do pecado d...
LEITURA BÍBLICA EM CLASSE
Gênesis 3:9-23ª
• E chamou o Senhor Deus a Adão, e disse-lhe: Onde estás?
• E ele disse: Ouvi a ...
• Então o Senhor Deus disse à serpente: Porquanto fizeste isto,
maldita serás mais que toda a fera, e mais que todos os
an...
• E a Adão disse: Porquanto deste ouvidos à voz de tua mulher,
e comeste da árvore de que te ordenei, dizendo: Não comerás...
• E fez o Senhor Deus a Adão e à sua mulher túnicas de peles, e
os vestiu.
• Então disse o Senhor Deus: Eis que o homem é ...
SINTETIZANDO
• Consequências sempre acompanham nossas escolhas.
• Isso aconteceu com Eva e Adão.
• Depois da Queda, A vida...
INTRODUÇÃO
• As consequências do pecado do pecado de Adão e Eva foram
avassaladoras.
• Atingiram a primeira família em tod...
I – CONSEQUÊNCIAS ESPIRITUAIS
(EM RELAÇÃO A DEUS
1- Sentimento de culpa.
2- Coração endurecido.
3- Sentimento de medo.
• Tão logo Adão e Eva comeram do fruto proibido, a
consequência – sensor de Deus que existe em todos os seres
humanos – en...
O Problema do Pecado
• Desde Adão e Eva, o pecado tem corrompido nosso mundo e
manchado nossas vidas. Deus ofereceu aos ho...
A Culpa do Homem Pelo Pecado
• O mais completo argumento da Bíblia sobre o assunto da
culpa humana é encontrado nos capítu...
• Um entendimento correto da doutrina bíblica do pecado nos
permitirá evitar muitos erros perigosos na doutrina e na
práti...
• 3. Eu pequei, e preciso do perdão de Deus. Lembre-se da
tese dos primeiros capítulos de Romanos. O evangelho é o
poder d...
• De maneira indiferente, quando ouviram os passos do Senhor,
no jardim, Adão e Eva procuraram esconder-se.
• O pecado faz...
• Comentário de Mateus 13.14-15
• Vs14 “Ainda que estejam sempre ouvindo” (NVI)
• O endurecimento do coração não está rela...
Vs 15 “Mas o coração desse povo se tornou insensível”
A insensibilidade espiritual é resultado de uma pessoa que:
a. 1. Ou...
• O sentimento de medo é próprio de uma vida que não é
perfeita em amor, pois “...no amor não há medo” (I Jo 4:18).
• Que ...
Enfrentando o Medo
• Algumas palavras são simplesmente assustadoras. Assalto.
Estupro. Homicídio. Câncer. Morte. Guerra. I...
A Decisão: Temer ou Não Temer
• Não estamos tratando de reações naturais aos perigos que
enfrentamos no dia-a-dia. Normalm...
II – CONSEQUÊNCIAS
PSICOLÓGICAS/MORAIS (EM
RELAÇÃO AO PRÓXIMO
1- Sentimento de vergonha.
2- Sentimento de egoísmo/indifere...
• Após os olhos de Adão e Eva se abrirem, a vergonha afastou-
os, mutuamente um do outro.
• Eram uma só carne, mas o pecad...
DIFERENÇAS ENTRE VERGONHA.
1- Vergonha de si mesmo
• A vergonha de si mesmo pode ser internalizada como
identidade após um...
• 2- Vergonha × culpa
• Não há distinção-padrão entre vergonha e culpa.
A antropóloga cultural Ruth Benedict descreve a ve...
• 3- Vergonha religiosa
• Vergonha é um tema-chave (se controverso) em religião.
• Religiões que afirmam que somente Deus ...
2 –
2 –
III –
IV –
3º trimestre 2015 juvenis lição 02
3º trimestre 2015 juvenis lição 02
3º trimestre 2015 juvenis lição 02
3º trimestre 2015 juvenis lição 02
3º trimestre 2015 juvenis lição 02
3º trimestre 2015 juvenis lição 02
3º trimestre 2015 juvenis lição 02
3º trimestre 2015 juvenis lição 02
3º trimestre 2015 juvenis lição 02
3º trimestre 2015 juvenis lição 02
3º trimestre 2015 juvenis lição 02
3º trimestre 2015 juvenis lição 02
3º trimestre 2015 juvenis lição 02
3º trimestre 2015 juvenis lição 02
3º trimestre 2015 juvenis lição 02
3º trimestre 2015 juvenis lição 02
3º trimestre 2015 juvenis lição 02
3º trimestre 2015 juvenis lição 02
3º trimestre 2015 juvenis lição 02
3º trimestre 2015 juvenis lição 02
3º trimestre 2015 juvenis lição 02
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

3º trimestre 2015 juvenis lição 02

138 visualizações

Publicada em

“...Mas, segundo a tua dureza e teu coração impenitente, entesouras ira para ti no dia da ira e da manifestação do juízo de Deus;...”
(Romanos 2:5)

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
138
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

3º trimestre 2015 juvenis lição 02

  1. 1. MODELO
  2. 2. TEXTO ÁUREO • “...Mas, segundo a tua dureza e teu coração impenitente, entesouras ira para ti no dia da ira e da manifestação do juízo de Deus;...” (Romanos 2:5)
  3. 3. LEITURA DIÁRIA SEG: Gn 19:13 • A consequência do pecado de Sodoma e Gomorra. TER: Nm 16:31-33 • A consequência do pecado de Coré, Datã e Abirão. QUA: Js 7:24,25 • A Consequência do pecado de Acã. QUI: Lm 5:7-18 • A consequência do pecado de Judá. SEX: At 5:5-10 • A consequência do pecado de Ananias e Safira. SAB: Ap 18:28 • A consequência do pecado da “grande Babilônia”
  4. 4. LEITURA BÍBLICA EM CLASSE Gênesis 3:9-23ª • E chamou o Senhor Deus a Adão, e disse-lhe: Onde estás? • E ele disse: Ouvi a tua voz soar no jardim, e temi, porque estava nu, e escondi-me. • E Deus disse: Quem te mostrou que estavas nu? Comeste tu da árvore de que te ordenei que não comesses? • Então disse Adão: A mulher que me deste por companheira, ela me deu da árvore, e comi. • E disse o Senhor Deus à mulher: Por que fizeste isto? E disse a mulher: A serpente me enganou, e eu comi.
  5. 5. • Então o Senhor Deus disse à serpente: Porquanto fizeste isto, maldita serás mais que toda a fera, e mais que todos os animais do campo; sobre o teu ventre andarás, e pó comerás todos os dias da tua vida. • E porei inimizade entre ti e a mulher, e entre a tua semente e a sua semente; esta te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar. • E à mulher disse: Multiplicarei grandemente a tua dor, e a tua conceição; com dor darás à luz filhos; e o teu desejo será para o teu marido, e ele te dominará.
  6. 6. • E a Adão disse: Porquanto deste ouvidos à voz de tua mulher, e comeste da árvore de que te ordenei, dizendo: Não comerás dela, maldita é a terra por causa de ti; com dor comerás dela todos os dias da tua vida. • Espinhos, e cardos também, te produzirá; e comerás a erva do campo. • No suor do teu rosto comerás o teu pão, até que te tornes à terra; porque dela foste tomado; porquanto és pó e em pó te tornarás. • E chamou Adão o nome de sua mulher Eva; porquanto era a mãe de todos os viventes.
  7. 7. • E fez o Senhor Deus a Adão e à sua mulher túnicas de peles, e os vestiu. • Então disse o Senhor Deus: Eis que o homem é como um de nós, sabendo o bem e o mal;
  8. 8. SINTETIZANDO • Consequências sempre acompanham nossas escolhas. • Isso aconteceu com Eva e Adão. • Depois da Queda, A vida deles mudou radicalmente.
  9. 9. INTRODUÇÃO • As consequências do pecado do pecado de Adão e Eva foram avassaladoras. • Atingiram a primeira família em todos os aspéctos. • E para pior. • Além claro, de um forte impacto negativo na natureza. • As consequências da Queda seriam sentidas, fariam a humanidade sofrer, mas o afável manto da graça do Senhor os cobriria.
  10. 10. I – CONSEQUÊNCIAS ESPIRITUAIS (EM RELAÇÃO A DEUS 1- Sentimento de culpa. 2- Coração endurecido. 3- Sentimento de medo.
  11. 11. • Tão logo Adão e Eva comeram do fruto proibido, a consequência – sensor de Deus que existe em todos os seres humanos – entrou em ação. Motivado pela culpa, eles fizeram um patético avental de folhas de figueira (Gn 3:7) pensando que, com isso, resolveria, em parte, o problema. Ledo engano! O sentimento de culpa não se resolve com medidas paliativa. 1 – Sentimento de culpa
  12. 12. O Problema do Pecado • Desde Adão e Eva, o pecado tem corrompido nosso mundo e manchado nossas vidas. Deus ofereceu aos homens inúmeras oportunidades para serem limpos do pecado, mas as pessoas, egoístas, concupiscentes, continuam pecando. O problema é tão difundido que Paulo afirmou: "Pois todos pecaram e carecem da gloria de Deus" (Romanos 3:23) e "...assim também a morte passou a todos os homens, porque todos pecaram" (Romanos 5:12).
  13. 13. A Culpa do Homem Pelo Pecado • O mais completo argumento da Bíblia sobre o assunto da culpa humana é encontrado nos capítulos da abertura do livro de Romanos. Paulo principia com a mensagem do evangelho da salvação para os judeus e gentios (Romanos 1:16). O fato que os homens precisam de salvação implica em que eles estão perdidos, separados de Deus pela barreira do pecado (veja Isaías 59:1-2). Paulo desenvolve sua tese muito claramente, começando pelos gentios e então voltando para os judeus.
  14. 14. • Um entendimento correto da doutrina bíblica do pecado nos permitirá evitar muitos erros perigosos na doutrina e na prática. Pense nestas implicações do fatos bíblicos que temos examinado. • 1. Maria não era sem pecado. Todos os seus filhos nasceram puros e inocentes. Mas Maria pecou, e todos os seus filhos (exceto um) pecaram. Somente Jesus conseguiu resistir às tentações deste mundo (1 Pedro 2:21-22). • 2. Jesus não herdou a mancha do pecado porque nenhuma criança herda o pecado. A pureza de Jesus, quando nasceu, nada tinha a ver com qualquer Imaculada Conceição de sua mãe para quebrar a maldição herdada do pecado. A culpa não é herdada, nem por Jesus, nem por nossos filhos ou netos.
  15. 15. • 3. Eu pequei, e preciso do perdão de Deus. Lembre-se da tese dos primeiros capítulos de Romanos. O evangelho é o poder de Deus para salvar. Os gentios pecaram e por isso precisavam da salvação. Os judeus pecaram, e por isso precisavam do perdão. Todos pecaram. • 4. O homem criou a barreira do pecado; somente Deus pode removê-la. O grito terrível de Paulo em Romanos 7:24 sugere a intransponível barreira do pecado: "Desventurado homen que sou! Quem me livrará do corpo desta morte?" Eu criei minha própria situação, mas não tenho poder para libertar- me Precisamente no próximo versículo, Paulo responde sua própria pergunta: "Graças a Deus por Jesus Cristo, nosso Senhor."
  16. 16. • De maneira indiferente, quando ouviram os passos do Senhor, no jardim, Adão e Eva procuraram esconder-se. • O pecado faz isso, tira a sensibilidade da presença de Deus. 2 –Coração Endurecido.
  17. 17. • Comentário de Mateus 13.14-15 • Vs14 “Ainda que estejam sempre ouvindo” (NVI) • O endurecimento do coração não está relacionado ao fato de alguém não ouvir a Palavra de Deus, mesmo que este ouça freqüentemente, ainda assim pode endurecer o coração. Ao mesmo tempo em que a fé vem pelo o ouvir, a incredulidade também pode acontecer à medida que a pessoa ouve a palavra com uma postura de coração inadequada. • O povo de Israel no exílio da Babilônia, costumava se reunir para ouvir o profeta Ezequiel ( Ez 33.30-33), porém se tratava apenas de um passatempo religioso, pois seus corações tinham outros interesses. • É sobre isso que Jesus se refere na parábola do semeador. Ele nos mostra como as pessoas ouvem a Palavra e reagem de diferentes maneiras. Mostra a disposição do coração de cada ouvinte.
  18. 18. Vs 15 “Mas o coração desse povo se tornou insensível” A insensibilidade espiritual é resultado de uma pessoa que: a. 1. Ouve de má vontade ( Jer 6.10, Ez 3.7, At 7.51, 2 Tim 4.2- 4). b. 2. Não percebe sua doença espiritual “Se converta e eu os cure” (Is 1.5-6). c. 3. Foi cegada por Satanás (2 Cor 4.1-6, 2 Tim 2.24-25). d. 4. Que não aceita advertências (Tito 3.10-11). e. 5. Vive de acordo ao seu ponto de vista (Ef 4.17-19).
  19. 19. • O sentimento de medo é próprio de uma vida que não é perfeita em amor, pois “...no amor não há medo” (I Jo 4:18). • Que conseqüência terrível! Aliás, em nossos dias, essa característica humana é bastante presente. 3 – Sentimento de medo
  20. 20. Enfrentando o Medo • Algumas palavras são simplesmente assustadoras. Assalto. Estupro. Homicídio. Câncer. Morte. Guerra. Inferno. Em nossas vidas, enfrentamos estas palavras e as realidades que representam, mas como devemos reagir? Cristãos, pessoas que sinceramente confiam no Senhor, devem sentir medo? O que diz a Bíblia sobre o medo? É Normal Ficar Assustado • Neste estudo, vamos observar que há vários sentidos em que o discípulo de Cristo não precisa, e nem deve, temer. Para não criar uma preocupação desnecessária (medo de sentir medo?!), devemos notar que é normal ficar assustado em algumas situações. Deus criou o ser humano e outras criaturas com a capacidade de reconhecer e reagir ao perigo.
  21. 21. A Decisão: Temer ou Não Temer • Não estamos tratando de reações naturais aos perigos que enfrentamos no dia-a-dia. Normalmente, pensamos no amor como se fosse sentimento, algo fora do nosso controle. • A própria Bíblia fala sobre o amor nestes termos, especialmente no contexto de atração entre homens e mulheres (Gênesis 34:3; 2 Samuel 13:4,15; 1 Reis 11:1). • O amor, porém, é mais do que mero sentimento. É algo que decidimos fazer, e escolhemos o seu objeto. Deus ordenou que nós amássemos, e decidimos fazer ou não o que ele mandou. • Assim, devemos amar o Senhor (Mateus 22:37), o nosso próximo (Mateus 22:39), a nossa mulher (Efésios 5:25) e até os nossos inimigos (Mateus 5:44)
  22. 22. II – CONSEQUÊNCIAS PSICOLÓGICAS/MORAIS (EM RELAÇÃO AO PRÓXIMO 1- Sentimento de vergonha. 2- Sentimento de egoísmo/indiferença. 3- Desigualdade entre os gêneros (dentro do casamento).
  23. 23. • Após os olhos de Adão e Eva se abrirem, a vergonha afastou- os, mutuamente um do outro. • Eram uma só carne, mas o pecado separou-os emocionalmente, eles não podiam olhar entre si. • Achavam seus corpos instrumento do mal, sujos e por isso se envergonhavam. 1- Sentimento de vergonha.
  24. 24. DIFERENÇAS ENTRE VERGONHA. 1- Vergonha de si mesmo • A vergonha de si mesmo pode ser internalizada como identidade após um ultraje. Uma pessoa pode sentir que sua dignidade foi permanentemente perdida, seja por fazer parte de um grupo que é socialmente estigmatizado ou por vivenciar ultraje ou ridículo. As crianças são especialmente vulneráveis à formação de uma identidade de vergonha própria durante seu desenvolvimento.
  25. 25. • 2- Vergonha × culpa • Não há distinção-padrão entre vergonha e culpa. A antropóloga cultural Ruth Benedict descreve a vergonha como uma violação de valores culturais e sociais enquanto sentimentos de culpa emergem de violações de valores internos. É possível sentir-se envergonhado de pensamentos ou comportamentos que ninguém saiba bem como sentir-se culpado por ações que ganham a aprovação de outros.
  26. 26. • 3- Vergonha religiosa • Vergonha é um tema-chave (se controverso) em religião. • Religiões que afirmam que somente Deus ou outros seres espirituais são perfeitos neste sentido, atribuem um certo tipo de vergonha aos seres humanos. • Em muitos casos, esta vergonha está associada com a sexualidade e outras características carnais dos seres humanos, embora outros possam arguir que somente as expressões pecaminosas destas características devessem ser motivo de vergonha.
  27. 27. 2 –
  28. 28. 2 –
  29. 29. III –
  30. 30. IV –

×