MODELO
TEXTO BÍBLICO
Mateus 5:13-16
• 13 - Vós sois o sal da terra; e se o sal for insípido, com
que se há de salgar? Para nada m...
DESTAQUE
• “...Vocês são o sal para a humanidade; mas, se o sal
perde o gosto, deixa de ser sal e não serve para mais
nada...
DEVOCIONAL
• SEG......................................... Mt 5:13
• TER......................................... Mt 5:14
•...
OBJETIVOS
• Conscientizar: de que o cristão precisa fazer a
diferença na sociedade em que está inserido.
• Saber: Que o cr...
I –Frutos que fazem a diferença
• Ser “sal” e “luz” é testemunhar de Cristo mediante as
nossa s ações, obras e palavras.
S...
• Você é um referencial para aqueles que estão à sua
volta.
• Os não crentes querem ver em você a luz de Cristo.
• Jesus v...
• O pecado afetou consideravelmente imagem de Deus em nós
levando-nos a produzir as obras da carne.
• (Efésios 2.2,3; Gála...
II – Gerados em Cristo
• Não vivemos mais segundo a carne, cumprindo os seus
desejos malignos (Rm 6:17,18 – 8:9).
• Como n...
"Gerados de Novo para uma Viva Esperança“
• No ano 64 d.C., uma grande parte da cidade de Roma foi
queimada.
• Alguns acre...
• Mandou assassinar o seu irmão, a sua mãe, as suas duas
esposas e ainda o seu tutor, para além de inúmeros patrícios,
cav...
• Ambos eventos resultaram em perseguição aos cristãos.
• Nero perseguiu os cristãos em Roma veementemente e foi
provavelm...
• O que poderia Pedro escrever àqueles cristãos espalhados
através da Ásia Menor que pudesse capacitá-los a suportar a
fer...
III – “Sal” e “Luz”
• Certa vez Jesus declarou aos seus discípulos: “...Vós
sois o sal da terra...” (Mt 5:13).
• Como disc...
SAL DA TERRA E LUZ DO MUNDO
Sal da Terra e Luz do mundo (Mt 5:13-14).
• Duas comparações feitas pelo Senhor à sua Igreja; ...
• O Crente é Luz (Mt 5:13).
• As pessoas sem Jesus são comparadas como lâmpadas
desligadas, sem energia, estão apagadas nã...
IV – O caráter de Cristo
• Você sabe o que significa caráter? No grego a palavra
caráter e Kharaktêr,êros e significa sina...
• Vivemos numa época em que os valores estão sendo
descartados dia-a-dia.
• A sociedade tem andado num ritmo acelerado de ...
• Valores estranhos que outrora não faziam parte da realidade
da igreja passam a ser tolerados.
• A igreja que antes era c...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

3º trimestre 2015 adolescentes lição 03

232 visualizações

Publicada em

“...Vocês são o sal para a humanidade; mas, se o sal perde o gosto, deixa de ser sal e não serve para mais nada...”
(Mt 5:13 a)

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
232
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
11
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

3º trimestre 2015 adolescentes lição 03

  1. 1. MODELO
  2. 2. TEXTO BÍBLICO Mateus 5:13-16 • 13 - Vós sois o sal da terra; e se o sal for insípido, com que se há de salgar? Para nada mais presta senão para se lançar fora, e ser pisado pelos homens. • 14 - Vós sois a luz do mundo; não se pode esconder uma cidade edificada sobre um monte; • 15 - Nem se acende a candeia e se coloca debaixo do alqueire, mas no velador, e dá luz a todos que estão na casa. • 16 - Assim resplandeça a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai, que está nos céus.
  3. 3. DESTAQUE • “...Vocês são o sal para a humanidade; mas, se o sal perde o gosto, deixa de ser sal e não serve para mais nada...” (Mt 5:13 a)
  4. 4. DEVOCIONAL • SEG......................................... Mt 5:13 • TER......................................... Mt 5:14 • QUA........................................ Mt 5 13 b • QUI.......................................... Mt 7:16,17 • SEX......................................... 2 Co 5:17 • SAB......................................... Jo 15:4 • DOM........................................ Rm 12:2
  5. 5. OBJETIVOS • Conscientizar: de que o cristão precisa fazer a diferença na sociedade em que está inserido. • Saber: Que o cristão precisa produzir bons frutos. • Compreender: O real significado de ser “sal” da terra e “luz” deste mundo.
  6. 6. I –Frutos que fazem a diferença • Ser “sal” e “luz” é testemunhar de Cristo mediante as nossa s ações, obras e palavras. Sal Luz
  7. 7. • Você é um referencial para aqueles que estão à sua volta. • Os não crentes querem ver em você a luz de Cristo. • Jesus viveu numa sociedade corrompida pelo pecado, mas Ele não pecou.
  8. 8. • O pecado afetou consideravelmente imagem de Deus em nós levando-nos a produzir as obras da carne. • (Efésios 2.2,3; Gálatas 5.19-21) Entretanto através do novo nascimento, Cristo é novamente formado em nós e assim somos transformados constantemente de glória em glória, crescendo na graça e no conhecimento de Jesus Cristo. • (2 Co 3.17,18) A manifestação do fruto do Espírito Santo diz respeito à nossa santificação. • (separação do pecado e consagração a Deus) É através da manifestação do fruto do Espírito Santo que a maturidade espiritual torna-se perceptível.
  9. 9. II – Gerados em Cristo • Não vivemos mais segundo a carne, cumprindo os seus desejos malignos (Rm 6:17,18 – 8:9). • Como novas criaturas, produzimos novos frutos, ou seja, novas ações , pois agora somos guiados e dirigidos pelo Senhor.
  10. 10. "Gerados de Novo para uma Viva Esperança“ • No ano 64 d.C., uma grande parte da cidade de Roma foi queimada. • Alguns acreditavam que o imperador Nero era o responsável, tentando abrir espaço para seus projetos de construção. • Enfrentando tais acusações, o próprio Nero acusou um grupo de pessoas já vistas com suspeita pelo público em geral, os cristãos. • Durante mais ou menos o mesmo período de tempo, os judeus da Palestina se rebelaram contra os romanos. • Essa rebelião tornou-se uma guerra, no ano 66 d.C., que terminou com a destruição de Jerusalém e da nação judia.
  11. 11. • Mandou assassinar o seu irmão, a sua mãe, as suas duas esposas e ainda o seu tutor, para além de inúmeros patrícios, cavaleiros e senadores que ele próprio matou no Circo Máximo. O grande incêndio de Roma teve início na noite de 18 de julho, no ano 64 d.C., afetando 10 das 14 zonas da antiga cidade de Roma, três das quais foram completamente destruídas.
  12. 12. • Ambos eventos resultaram em perseguição aos cristãos. • Nero perseguiu os cristãos em Roma veementemente e foi provavelmente o responsável pelas mortes de Pedro e Paulo. • Alguns cristãos sofreram devido ao conflito entre os judeus e os romanos, porque estes freqüentemente não faziam distinção entre aqueles judeus que eram cristãos e aqueles que não eram. • O apóstolo Pedro escreveu sua primeira epístola durante este período. • Ele entendia que muitos cristãos iriam enfrentar severa perseguição. • Seu propósito era advertir seus leitores contra a tribulação iminente e encorajá-los a permanecerem fiéis durante esses tempos difíceis.
  13. 13. • O que poderia Pedro escrever àqueles cristãos espalhados através da Ásia Menor que pudesse capacitá-los a suportar a feroz tempestade de perseguição? Pedro decidiu começar salientando as bênçãos espirituais gozadas por seus leitores (1 Pedro 1:3-12). Eles tinham "renascido" através do batismo para uma viva esperança, uma herança celestial que ele descreve em termos negativos (incorruptível, sem mácula, imarcessível) porque não há nada neste mundo comparável ao esplendor do céu (1:3-4).
  14. 14. III – “Sal” e “Luz” • Certa vez Jesus declarou aos seus discípulos: “...Vós sois o sal da terra...” (Mt 5:13). • Como discípulos de Cristo, temos que preservar este mundo da corrupção do pecado.
  15. 15. SAL DA TERRA E LUZ DO MUNDO Sal da Terra e Luz do mundo (Mt 5:13-14). • Duas comparações feitas pelo Senhor à sua Igreja; o sal e a luz são dois elementos únicos, não há como substituí-los, é I N D I S P E N S Á V E L à presença destas substâncias em nossas vidas no dia a dia. • Jesus estava comparando isto com sua Igreja, que espiritualmente é única na terra, isto é importante, porém, gera uma grande responsabilidade. • O crente faz a diferença ele é sal, para ser sentido, para dar sabor, para conservar, e tem que ser autentico. • Sal é sal, não há outra opção ou é sal ou não vale nada, só serve para ser jogado no lixo.
  16. 16. • O Crente é Luz (Mt 5:13). • As pessoas sem Jesus são comparadas como lâmpadas desligadas, sem energia, estão apagadas não tem luz e lâmpada apagada é inútil, pois não desempenham o seu papel, por este motivo Jesus observa os que estão nele são luz e brilham no mundo, são úteis, abençoam, convencem, tem poder e o brilho e a energia que vem do Espírito Santo de Deus. • Jesus disse: “...vós sois a luz do mundo....”; nossa responsabilidade é muito grande, luz se destaca é vista ao longe e não tem como se esconder. • Que Deus nos abençoe, que possamos projetar a Glória de Deus neste mundo tenebroso todos os dias da nossa vida.
  17. 17. IV – O caráter de Cristo • Você sabe o que significa caráter? No grego a palavra caráter e Kharaktêr,êros e significa sinal gravado, marca. • Caráter é o “conjunto de traços psicológicos e/ ou morais que caracterizam um indivíduo. • O caráter não é inato, ou seja, ele não pertence a nós desde o nosso nascimento. • Jesus veio nos mostrar que, sem ele, nada podemos produzir de bom (Jo 15:4).
  18. 18. • Vivemos numa época em que os valores estão sendo descartados dia-a-dia. • A sociedade tem andado num ritmo acelerado de inversão de valores a ponto de não nos espantarmos mais com a infinidade de absurdos que nos são comunicados.
  19. 19. • Valores estranhos que outrora não faziam parte da realidade da igreja passam a ser tolerados. • A igreja que antes era caracterizada por andar na contramão dos valores materialistas tem se deixado levar por modismos e novidades que passam a moldar seu “novo” jeito de ser. • Neste ritmo, já não podemos brilhar como luz do mundo e nem temperar como sal da terra. • Neste ritmo, a moral e o bom caráter não têm um valor tão intenso como deveria ter. • Não importa se a igreja faz a diferença no meio em que está inserida, em sua comunidade, mas o que importa é ser numérica, mesmo que não tenha qualidade.

×