Apresentação Novo Stoa

572 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
572
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
222
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação Novo Stoa

  1. 1. StoaA Rede de Colaboração da USP Ewout ter Haar Instituto de Física – USP ewout@usp.br dezembro de 2012
  2. 2. Rede de ColaboraçãoAmbientes de apoioa disciplinas
  3. 3. Stoa: a Universidade além da sala de aula Aprendizagem é processo social (além de cognitivo) Complementar a um sistema de gerenciamento de cursos (sala de aula virtual) Complementar a um sistema de gerenciamento de conteúdo Espaços públicos paraCompartilhar produção acadêmica na discussão, além de salas de aulaWeb, criação de uma identidadeacadêmica na Web.
  4. 4. Usuários Jovens Mas inicialmente muito mais alunos da pós-graduação do que da graduação e poucos professores e funcionários
  5. 5. Uso da Rede Social 2007-2012Usuários: 50 milPosts: 45 milArquivos: 12 mil
  6. 6. Moodle do StoaA introdução dos ambientes da apoio às disciplinas da USP em2009 levou o número de pessoas cadastrados no Stoa de 10 milpara 50 mil (a USP tem 60 mil alunos de graduação e 20 milalunos de pós). 10 mil pessoas cada mêsEm 2012 foram criados 1200 ambientesde apoio por 600 docentes. 2 milpessoas diferentes se logam no sistematodos os dias.
  7. 7. “ Redes Sociais, de formal e mais geral, são organizado de uma forma menos uma maneira "horizontal" do que os ambientes em apoio a disciplinas tradicionais, mudando o foco de atenção e controle do professor para o aprendiz. Com a implementação da nova plataforma de colaboração, a Rede Social do Stoa, queremos incentivar os professores e estudantes experimentar com estas novas formas de organização de ambientes on-line e investigar como elas podem apoiar as suas atividades institucionais, complementado o que já é oferecido pelo Moodle. ”
  8. 8. Porque não usar X? → Alinhamento com missão e valores da Universidade → Não terceirizar seu “core competency” → Identidade “acadêmica” → Inovação, Pesquisa e Desenvolvimento em novas tecnologias online para o ensino → Privacidade da comunidade e controle sobre os dados → Suporte personalizado : Helpdesk local
  9. 9. Créditos Renato Mendes Coutinho (IFUSP) Paulo Mereilles (IME) Everton Zanella Alvarenga (IFUSP) Daniela Feitosa (Colivre) Luiz Fernando da Silva Armesto (IFUSP) Rodrigo Souto (Colivre) Edgar Zanella Alvarenga (IFUSP) Beraldo Leal (IME) Fernando Henrique (IME) Aurélio A. Heckert (Colivre) Celso Lourenço (IFUSP) Geiser Chalco (IME) Maurício Klein (IFUSP) André Yamin (STI) Talita Romero (STI) Helbert dos Santos (STI) Equipe HelpDesk do STI, Analistas do CCE, Publicitários da ECA,Trampolina: http://flickr.com/photos/laurenmanning/1850210315/Brincando: http://flickr.com/photos/soylentgreen23/Rede de serviços: http://www.flickr.com/photos/silvertje/3582297307/
  10. 10. Redes Sociais, de uma maneira geral, são organizado de uma forma menosformal e mais "horizontal" do que os ambientes em apoio a disciplinastradicionais, mudando o foco de atenção e controle do professor para oaprendiz.Com a implementação da nova plataforma de colaboração, a Rede Social doStoa, queremos incentivar os professores e estudantes experimentar comestas novas formas de organização de ambientes on-line e investigarcomo elas podem apoiar as suas atividades institucionais, complementado oque já é oferecido pelo Moodle. Vídeo do relançamento http://ur1.ca/big0x

×