Relatório de Estágio IV período

3.147 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.147
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
81
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Relatório de Estágio IV período

  1. 1. RELATÓRIO DO ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO IV Everton Angelo Andreassa1 Joelson do Rocio Prestes2RESUMO 1. INTRODUÇÃO O presente trabalho apresenta alguns relatórios realizados durante este ano de2011. Além disso, fazem-se algumas breves colocações sobre a sala de aula quetemos em mente ao discorrer sobre a qualidade do ensino no Brasil de hoje, ou seja,sobre os novos desafios e sobre novas abordagens da comunicação entre professor- aluno mediada pelas tecnologias. Pois as tecnologias estão se popularizando;sendo assim, passam a fazer parte do cotidiano das pessoas e, também, vêmaumentando sua importância como instrumentos para difundir, a nossa cultura. A utilização das novas tecnologias, pode-se assim dizer, tem provocadograndes transformações na realidade social, confirmando assim a importância douso dos computadores e das mídias digitais, por exemplo, a lousa interativa, naEducação. Porém não é apenas o uso das tecnologias como práticas pedagógicasque garantem uma aprendizagem totalmente eficaz. Para a utilização de um recursopedagógico, qualquer que seja ele, deve-se fazer um planejamento e refletir sobre amelhor forma de empregá-lo. Por conseguinte, o professor deve conhecer bem os instrumentos que serãoutilizados em suas aulas. Tanto para planejar quanto para ajudar o aluno no seumanuseio, caso seja necessário. Ele deve conhecer as possibilidades de cadarecurso para que seu planejamento possa focar no objetivo e facilitar aaprendizagem do aluno.1 Graduando em Filosofia.2 Graduando em Filosofia. 1
  2. 2. Para a utilização do computador na sala de aula, o educador deve rever a função dos conteúdos curriculares e como poderá contribuir para o desenvolvimento das competências e habilidades que tornarão o educando alguém capaz de aprender, sempre que estiver desenvolvendo seus projetos pessoais ou sociais, sem esquecer que o pensar é o aprendizado mais importante (SIMÕES, 2011). O recurso escolhido deve ser um aliado para se alcançar o objetivo almejado,ou seja, o professor não deve se utilizar das novas tecnologias apenas comoatrativos para os alunos, pois além de atrair as suas atenções, os recursos devemacrescentar algum conhecimento, principalmente, referentes a conteúdosdesenvolvidos em sala. Por fim, pode-se dizer que as tecnologias tanto da informação quanto dacomunicação, são capazes de revolucionar o aprendizado do mundo, sabendo usarcorretamente a tecnologia, teremos nas mãos instrumentos importantíssimos para aEducação, isto é, para informar, enriquecer e facilitar os conhecimentos. REFERÊNCIAS  Teóricas utilizadas na análise VILARINHO, Sabrina. A tecnologia e a sala de aula. Disponível em http://www.educador.brasilescola.com/estrategias-ensino/a-tecnologia-sala- aula.htm Acesso em 24 de novembro de 2011 SIMÕES, Maria Dulce Neves. As TICs na Sala de Aula. In: Ambiente Hipermédia: Uma Nova Ferramenta Pedagógica. Disponível em http://www.prof2000.pt/users/dulces/introdu%C3%A7%C3%A3o.htm Acesso em 24 de novembro de 2011 FELITTI, Guilherme. Tecnologia muda função de professor na sala de aula. Disponível em http://idgnow.uol.com.br/carreira/2007/04/30/idgnoticia.2007-04- 30.4722945396 Acesso em 24 de novembro de 2011  Didáticas utilizadas no desenvolvimento das aulasSER ÉTICO. São Paulo: Saraiva, 2011. 2
  3. 3. Os pensadores. História da Filosofia. São Paulo: Nova Cultura, 1999.KANT, Immanuel. O que é esclarecimento. Disponível emhttp://caosmose.net/candido/unisinos/textos/esclarecimento.pdf Acesso em 31 deagosto de 2011. 3

×