Prova de semiologia endocrina questoes respondidas

4.904 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

Prova de semiologia endocrina questoes respondidas

  1. 1. Questões de Semiologia Endócrino1- Paciente com Síndrome de Sheehan (panhipopituitarismo anterior que ocorre no pós-parto) dáentrada na UTI do Hospital João XXIII em estado de choque. É tratada com hidrocortisona e hidrataçãointravenosa. Após 24 horas recobra a consciência e você é o responsável pela coleta da anamnese e examefísico.A) Quais os dados da anamnese com relação à história reprodutiva que você espera encontrar?História obstétrica com relato de sangramento abundante periparto. Hipotensão grave. Amenorréia pós-parto. Perda da libido. Dificuldade para engravidar. Agalactia. Distúrbios psicológicos (dificuldade deconcentração, irritabilidade, ansiedade, depressão, euforia, paraónias). Hipopituitarismo.B) Quais são os dados da anamnese com relação à tireóide?Haverá uma hipofunção da tireóide, pela perda do hormônio estimulador da Adenohipófise. Com apaciente podendo relatar: cansaço, emagrecimento ou ganho de peso, alterações do humor, apneia dosono, mudança do ritmo intestinal, dor muscular, astenia, artralgias, unhas frágeis, letargia,alucinações, câimbras, cansaço, voz arrastada, irregularidade menstrual, infertilidade.C) E no exame físico, quais são os sinais relativos à tireóide?Unhas quebradiças, alopecia areata, vitiligo, voz rouca, sobre-peso.D) No exame físico, como deve se comportar a pressão arterial não tratada?Há aumento da pressão arterial diastólica.E) Esta mulher conseguiu amamentar ? por quê?Não conseguiu amamentar, porque com a necrose da adenohipófise a paciente vai passar por agalactia.F) Como deve ser a história ginecológica após o parto?Amenorréia, agalactia, diminuição da libido, dificuldade de engravidar.G) E no exame físico geral, quais são os sinais relativos à tireóide?Pele seca, espessada e fria. Sudorese diminuída. Aumento de peso. Rouquidão. Unhas frágeis.Rouquidão, voz arrastada.2- Você é o novo médico contratado pelo PSF das Malvinas e é procurado pela Sra. M.J.S., 68 anos, parda,casada, iletrada, católica, agricultora, aposentada, natural da zona rural de Pocinhos, procedente deCampina Grande. A queixa principal é “ferida no pé há 10 dias por causa do diabetes”.A- Quais são os dados da História pregressa da moléstia atual que você deve coletar?A data do diagnóstico, quando surgiu a ferida. Existência de ulceração em outros locais. Se oaparecimento da ferida foi súbito ou progressivo. Se sente dor no local. Como é realizada a limpeza. Qualo tratamento anterior e o atual para diabetes. Se tem polidipsia, poliúria, polifagia. Qual a dietaadotada. Exames anteriores e seus resultados. História do peso. História de Exercício físico.Complicações agudas.B- Sobre que órgãos e sistemas você deve inquirir em busca de complicações crônicas do diabetes?Rins, olhos, nervos (neuropatias), pele, cardiovascular.C- No exame físico geral, quais os dados que devem ser observados?Pêlos, Temperatura local, Sensibilidade, Peso, medida da cintura e quadril, relação cintura-quadril (RCQ),olhos (retina), rubor pendente, palidez ao levantar o membro. PA sentado e em pé. Exame da cavidadeoral. Acantose nigricans
  2. 2. D- À inspeção dos pés, que sinais podem sugerir a presença de vasculopatia arterial periférica?Hiperemia reativa, queda de pêlos, deformidades dos dedos, patologia ungueal (unhas frágeis), palidez aelevação do membro, rubor pendente, temperatura fria, pulsos arteriais diminuídos ou ausentes, retardono enchimento capilar.E- Como deve ser o exame vascular dos pés?Deve incluir: palpação dos pulsos pedioso e tibial posteriorF- Como deve ser o exame neurológico dos pés?Inspeção: deformidades, rachaduras, calosidades, pontos de pressão.Sensibilidade Superficial: tátil com monofilamento 10g, térmica (tubo quente e outro frio), dolorosa compalito japonês.Sensibilidade Profunda: reflexo aquileu com martelo neurológico, diapasão de 128 hz.3- Sobre a tireóide:a- Quais os dados da identificação são fatores de risco para malignidade da doença nodular da tireóide?Sexo com maior prevalência de malignidade no masculino.Idade com maior prevalência em crianças e idosos.Naturalidade e Procedência podendo ter contato com acidentes radiológicos.Profissão por exposição a radiação ionizante.b- Descreva as técnicas do exame físico da tireóide.O exame físico da tireóide é composto pela inspeção estática e dinâmica, e palpação estática edinâmica.Na inspeção estática deve conter a localização, forma e tamanho da tireóide. Se há cicatriz cirúrgica,teleangiectasias ou hiperpigmentação cutânea indicando radioterapias prévias. Distensão venosa edesvio de traquéia nas compressões. Enchimento da fúrcula esternal (bócio mergulhante).Na inspeção dinâmica pede-se ao paciente para deglutir seco ou com pequenos goles de água, onde atireóide tem característica móvel à deglutição, sua fixação decorre de inflamação fibrose ou infiltraçãoneoplásica.A palpação estática pode ser realizada com paciente em pé ou sentado. O examinador pode ficar afrente ou por trás do paciente. Na abordagem posterior passa-se as mãos ao redor do pescoço, com ospolegares posicionados na região posterior, os dedos da mão direita desloca o músculoesternocleidomastoideo para direita e os dedos da mão esquerda palpa o lobo direito da tireóide,invertendo-se a posição quando for examinar o lobo esquerdo. Na abordagem anterior os polegares éque palpam a tireóide, enquanto os demais dedos apóiam nas regiões supraclaviculares.Na palpação dinâmica pede-se para o paciente deglutir e dá-se atenção ao pólo inferior da tireóide quepode ser semi-mergulhante. Nódulo na linha média do pescoço pode ser anomalia no percusotireoglosso, movendo-se quando a língua é puxada.4- Descreva a anamnese e o exame físico de uma paciente com Síndrome de Cushing de causa benigna.As causas benignas são derivadas de agentes exógenos. Devendo indagar sobre o uso de corticóides,incluindo o tempo e o motivo. Se houve ganho de peso, irregularidade menstrual, diminuição da libido,distúrbios psicológicos. No exame físico verifica-se: abdome é pendular, estrias violáceas, giba de búfalo,hipertensão leve a moderada, a distribuição da gordura (concentrada mais na face, pescoço e tronco),pele frágil.5- Sobre crescimento e desenvolvimento:A- Qual a técnica correta de medição das crianças até os dois anos de idade?Não sei.
  3. 3. B- Qual o primeiro sinal de puberdade nas meninas?O primeiro é o crescimento das mamas, mas vem acompanhado de pilificação pubiana e axilar,menarca, arredondamento das formas corporais e acnes.C- E nos meninos?O primeiro sinal é o crescimento dos testículos, mas vem acompanhado de pilificação pubiana e axilar,crescimento do pênis, delineamento muscular e acne.D- Qual é a idade que tradicionalmente se considera que a puberdade é precoce nas meninas e nosmeninos?Meninas: antes dos 8 anos.Meninos: antes dos 9 anos.1- (valendo 01 ponto) No hipertireoidismo causado pela doença de Graves, quais são os sinais esintomas oculares?Sintomas: Prurido, lacrimejamento, sensação de corpo estranho, fotofobia, dor e desconfortoretrobulbar, diplopia, queda da acuidade visual por estiramento ou compressão do nervo óptico,quemose (edema conjuntival), exoftalmia (proptose do globo ocular), estrabismo, palidez no nervoóptico.Sinais: retração palpebral, olhar brilhante, lagoftalmia, exposição da esclera (olhar de espanto), lid-lag(demora da pálpebra superior em acompanhar o movimento de descida do globo ocular).2- (valendo 01 ponto) Descreva a técnica do exame físico da tireóide.Vide pergunta 3-b.3- (valendo 01 ponto) Descreva 10 sinais ou sintomas de hipotireoidismo e 10 de hipertireoidismo.Hipertireoidismo: emagrecimento, insônia, intolerância ao calor, sudorese profusa, bócio, exoftalmia,pele fina e brilhosa, agitação, irritabilidade, deslocamento do leito ungueal.Hipotireoidismo: desânimo, dificuldade de concentração, depressão, astenia, pele pálida fria eressecada, unhas frágeis e quebradiças com estrias, madarose, alopecia areata voz arrastada, dispnéia,diminuição da libido, constipação.4- (valendo 01 ponto) Na avaliação do crescimento e desenvolvimento, com que idade passamos damedida do comprimento para a da altura? Qual é a curva de crescimento que devemos adotar no PSF?Qual o primeiro sinal de puberdade nos meninos? E nas meninas?As duas primeiras perguntas não sei. As duas últimas vide questão 5-b e c.5- (valendo 01 ponto) Como devemos Quantificar clinicamente o hirsutismo?Através do escore de Ferriman e Gallwey, que indica aparecimento de pêlos em locais andrógenosdependente, como nos lábios superiores, queixo, tórax, dorso, abdome, nádegas e coxa.6- (valendo 01 ponto) Descreva 10 sinais e sintomas da síndrome de Cushing.Ganho ponderal, abdome pendular, estrias violáceas no abdome, faces pletóricas, infertilidade,irregularidade menstrual, diminuição da libido, depressão, ansiedade, estados paranóicos, dificuldade deconcentração.7- (valendo 2 pontos)O que deve conter a anamnese da pessoa portadora de diabetes?Começa pela identificação completa. QPD. HDA com a História Pregressa contendo data do diagnóstico,tipo do diabetes, sintomas e resultado dos exames anteriores, história do peso, estado nutricional ehábitos alimentares. tratamentos anteriores e atual, monitoramento pessoal do diabetes, história doexercício físico, complicações agudas, hipoglicemia, cetoacidose, história de infecções. Sintomas deHiperglicemia como poliúria, polidipsia, polifagia, hálito cetônico. Sintomas de Hipoglicemia como
  4. 4. tremores, náuseas, vômitos, sudorese, síncope. Sintomas e tratamentos das complicações crônicas nosolhos, rins e nervos. Antecedentes pessoais como uso de fumo, álcool, medicamentos e drogas.Antecedentes Familiares procurando doenças como diabetes e doenças endócrinas.8- (valendo 2 Pontos) E o exame físico na pessoa portadora de diabetes?Medida do peso, altura (IMC), cintura e quadril (RCQ). Verificação da PA sentado e em pé. Fundoscopia(olho). Exame da cavidade oral, tireóide, sistema cardíaco, abdome, avaliação dos pulsos periféricos(pedioso e tibial posterior), exame das mãos, dos pés, pele, neurológico (sensibilidade tátil, térmica edolorosa; sensibilidade profunda com reflexo aquileu e diapasão), sinais secundários (acromegalia eCushing).9- Valendo dois pontos. Uma paciente após um parto em que sofre uma hemorragia, e comoconseqüência, necrose da hipófise anterior (síndrome de Sheehan). A partir de então, desenvolvesinais e sintomas característicos da doença. Quais são os sinais e sintomas referentes aos hormôniostireoidianos?Haverá uma hipofunção da tireóide, pela perda do hormônio estimulador da Adenohipófise. Com apaciente podendo relatar: cansaço, emagrecimento ou ganho de peso, alterações do humor, apneia dosono, mudança do ritmo intestinal, dor muscular, astenia, artralgias, unhas frágeis, letargia,alucinações, câimbras, cansaço, voz arrastada, irregularidade menstrual, infertilidade.10- Valendo dois pontos, o que deve conter a anamnese da primeira visita do diabético?Começa pela identificação completa. QPD. HDA com a História Pregressa contendo data do diagnóstico,tipo do diabetes, sintomas e resultado dos exames anteriores, história do peso, estado nutricional ehábitos alimentares. tratamentos anteriores e atual, monitoramento pessoal do diabetes, história doexercício físico, complicações agudas, hipoglicemia, cetoacidose, história de infecções. Sintomas deHiperglicemia como poliúria, polidipsia, polifagia, hálito cetônico. Sintomas de Hipoglicemia comotremores, náuseas, vômitos, sudorese, síncope. Sintomas e tratamentos das complicações crônicas nosolhos, rins e nervos. Antecedentes pessoais como uso de fumo, álcool, medicamentos e drogas.Antecedentes Familiares procurando doenças como diabetes e doenças endócrinas.11- Valendo um ponto, descreva detalhadamente o exame físico dos pés da pessoa portadora dediabetes.Inspeção: deformidades, rachaduras, calosidades, pontos de pressão, pele e fâneros, patologia ungueal.Palpação: verificar temperatura e sensibilidades, checar pulso periférico (pedioso e tibial posterior)Sensibilidade Superficial: tátil com monofilamento 10g, térmica (tubo quente e outro frio), dolorosa compalito japonês.Sensibilidade Profunda: reflexo aquileu com martelo neurológico, diapasão de 128 hz.12- Na avaliação do crescimento e desenvolvimento:a) Valendo meio ponto, qual é a técnica correta de medir o comprimento e a altura das crianças?Não sei.b) Valendo meio ponto, qual o é o primeiro sinal de início da puberdade nos meninos e meninas?Meninas: O primeiro é o crescimento das mamas, mas vem acompanhado de pilificação pubiana e axilar,menarca, arredondamento das formas corporais e acnes.Meninos: O primeiro sinal é o crescimento dos testículos, mas vem acompanhado de pilificação pubianae axilar, crescimento do pênis, delineamento muscular e acne.13- Valendo um ponto, descreva os sintomas e sinais da acromegalia.Face alongada e alargada. Prognatismo mandibular, pele espessa, nariz e orelhas alargadas,macroglossia, dentes separados, voz rouca e arrastada, visceromegalias, letargia, sudorese, astenia,artralgias, tórax em forma de barril, pés gigantes, amenorréia e hipoespermia, diminuição da libido.
  5. 5. 14- Valendo um ponto,descreva os sinais e sintomas da doença de Adison( insuficiência adrenal).Hiperpigmentação, astenia, letargia, fadiga, anorexia, náuseas, vômitos, artralgias, mialgias, tontura,diarréia, sudorese, hipotensão.15- Valendo um ponto, descreva a técnica do exame físico da tireóide.O exame físico da tireóide é composto pela inspeção estática e dinâmica, e palpação estática e dinâmica.Na inspeção estática deve conter a localização, forma e tamanho da tireóide. Se há cicatriz cirúrgica,teleangiectasias ou hiperpigmentação cutânea indicando radioterapias prévias. Distensão venosa edesvio de traquéia nas compressões. Enchimento da fúrcula esternal (bócio mergulhante).Na inspeção dinâmica pede-se ao paciente para deglutir seco ou com pequenos goles de água, onde atireóide tem característica móvel à deglutição, sua fixação decorre de inflamação fibrose ou infiltraçãoneoplásica.A palpação estática pode ser realizada com paciente em pé ou sentado. O examinador pode ficar afrente ou por trás do paciente. Na abordagem posterior passa-se as mãos ao redor do pescoço, com ospolegares posicionados na região posterior, os dedos da mão direita desloca o músculoesternocleidomastoideo para direita e os dedos da mão esquerda palpa o lobo direito da tireóide,invertendo-se a posição quando for examinar o lobo esquerdo. Na abordagem anterior os polegares éque palpam a tireóide, enquanto os demais dedos apóiam nas regiões supraclaviculares.Na palpação dinâmica pede-se para o paciente deglutir e dá-se atenção ao pólo inferior da tireóide quepode ser semi-mergulhante. Nódulo na linha média do pescoço pode ser anomalia no percusotireoglosso, movendo-se quando a língua é puxada.16- Valendo um ponto, o que é Hirsutismo?Hirsutismo é o crescimento excessivo de pêlos terminais em mulheres nas áreas andrógeno dependentes,que são de prevalência anatômica masculina (lábio superior, queixo, tórax, dorso, abdome, nádegas ecoxas).17- Paciente masculino, 38 anos, obeso, hipertenso, foi atendido no PSF, por apresentar pico hipertensivo(180X120mmHg) acompanhado de cefaléia, náuseas, poliúria. Diante desse quadro clínico, oplantonista suspeitou de Síndrome Cushing. Na sua anamnese o que deve conter?(Sinais e sintomas)(1 ponto)Ganho ponderal, abdome pendular, estrias violáceas no abdome, faces pletóricas, infertilidade,irregularidade menstrual, diminuição da libido, depressão, ansiedade, estados paranóicos, dificuldade deconcentração.18- Na Doença de Adison, quais os sintomas clínicos mais frequentes?(1 ponto)Hiperpigmentação, astenia, letargia, fadiga, anorexia, náuseas, vômitos, artralgias, mialgias, tontura,diarréia, sudorese, hipotensão.19- Cite 10 sinais e ou sintomas do hipertireoidismo ( 1 ponto)Hipertireoidismo: emagrecimento, insônia, intolerância ao calor, sudorese profusa, bócio, exoftalmia,pele fina e brilhosa, agitação, irritabilidade, deslocamento do leito ungueal.20- Paciente de 20 anos, feminina, procura o endocrinologista por apresentar aumento de pêlos e peso. Omédico vai examiná-la e terá que fazer o diagnóstico diferencial entre hipertricose e hirsutismo,comoele vai diferenciar?(1 ponto)Na hipertricose há crescimento excessivo de pêlos velares em regiões que não são andrógenodependentes ou sua transformação em pêlos terminais em áreas de ocorrência normal (antebraços,coxas e pernas).No hirsutismo há crescimento excessivo de pêlos terminais em áreas andrógeno dependente, deprevalência masculina.
  6. 6. 21- MSO, 22 anos, professora, relata dor nos MMII, pele seca, diminuição da memória. O Médico suspeitade hipotireoidismo, ele vai fazer a anamnese dirigida, quais as perguntas que o mesmo deve fazer? E oque ele vai encontrar provavelmente no exame físico dessa paciente?(2 Pontos)O médico deverá perguntar sobre o raciocínio da paciente, se alterações do sono, se houve ganho ouperda de peso, como está o fluxo menstrual, alterações do humor no apetite, reações a temperatura, setem tremores, palpitações, alterações da voz, se houve mudança na pele e fâneros. No exame físicopoderá encontrar pele ressecada, pálida e fria, mucosas pálidas, unhas frágeis, cabelos quebradiços,madarose, alopecia areata, voz arrastada e rouca, ginecomastia (nos homens).22- O que deve conter a anamnese da pessoa com diabetes? (2pontos)Começa pela identificação completa. QPD. HDA com a História Pregressa contendo data do diagnóstico,tipo do diabetes, sintomas e resultado dos exames anteriores, história do peso, estado nutricional ehábitos alimentares. tratamentos anteriores e atual, monitoramento pessoal do diabetes, história doexercício físico, complicações agudas, hipoglicemia, cetoacidose, história de infecções. Sintomas deHiperglicemia como poliúria, polidipsia, polifagia, hálito cetônico. Sintomas de Hipoglicemia comotremores, náuseas, vômitos, sudorese, síncope. Sintomas e tratamentos das complicações crônicas nosolhos, rins e nervos. Antecedentes pessoais como uso de fumo, álcool, medicamentos e drogas.Antecedentes Familiares procurando doenças como diabetes e doenças endócrinas.23- O que deve conter o exame físico da pessoa com diabetes? (2 pontos)Medida do peso, altura (IMC), cintura e quadril (RCQ). Verificação da PA sentado e em pé. Fundoscopia(olho). Exame da cavidade oral, tireóide, sistema cardíaco, abdome, avaliação dos pulsos periféricos(pedioso e tibial posterior), exame das mãos, dos pés, pele, neurológico (sensibilidade tátil, térmica edolorosa; sensibilidade profunda com reflexo aquileu e diapasão), sinais secundários (acromegalia eCushing).24- Valendo 2 pontos responda: você está de plantão em um hospital no interior do estado da Paraíba,em que dá entrada uma mulher de 45 anos, em grave desidratação e estado de choque hipovolêmico.Você faz a hidratação, medidas de suporte e hidrocortisona. Com 24 horas a paciente está lúcida, vocêsuspeita de síndrome de Sheehan (necrose da hipófise anterior pós- parto) e vai colher os dadosclínicos.a. Quais os sintomas referentes ao aparelho reprodutor?História obstétrica com relato de sangramento abundante periparto. Hipotensão grave. Amenorréiapós-parto. Perda da libido. Dificuldade para engravidar. Agalactia. Distúrbios psicológicos(dificuldade de concentração, irritabilidade, ansiedade, depressão, euforia, paraónias).Hipopituitarismo.b. Quais os sintomas da tireóide?Haverá uma hipofunção da tireóide, pela perda do hormônio estimulador da Adenohipófise. Com apaciente podendo relatar: cansaço, emagrecimento ou ganho de peso, alterações do humor, apneiado sono, mudança do ritmo intestinal, dor muscular, astenia, artralgias, unhas frágeis, letargia,alucinações, câimbras, cansaço, voz arrastada, irregularidade menstrual, infertilidade.c. Quais os sintomas adrenais?Fraqueza, náuseas, vômitos, tonturas, dor e desconforto abdominal, confusão mental, hipotensãoarterial, febre, hipoglicemia, desidratação, choque circulatório, coma, podendo levar a morte.d. Como deve ser a história do último parto?Parto com sangramento abundante.
  7. 7. 25- Valendo 01 ponto: cite 10 sinais e ou sintomas da síndrome de Cushing (hipercortisolismo endógenoou exógeno).Ganho de peso, irregularidade menstrual, diminuição da libido, distúrbios psicológico,. abdomependular, estrias violáceas, giba de búfalo, hipertensão leve a moderada, a distribuição da gordura(concentrada mais na face, pescoço e tronco), pele frágil.26- Valendo 02 pontos: descreva o exame físico da tireóide.O exame físico da tireóide é composto pela inspeção estática e dinâmica, e palpação estática e dinâmica.Na inspeção estática deve conter a localização, forma e tamanho da tireóide. Se há cicatriz cirúrgica,teleangiectasias ou hiperpigmentação cutânea indicando radioterapias prévias. Distensão venosa edesvio de traquéia nas compressões. Enchimento da fúrcula esternal (bócio mergulhante).Na inspeção dinâmica pede-se ao paciente para deglutir seco ou com pequenos goles de água, onde atireóide tem característica móvel à deglutição, sua fixação decorre de inflamação fibrose ou infiltraçãoneoplásica.A palpação estática pode ser realizada com paciente em pé ou sentado. O examinador pode ficar afrente ou por trás do paciente. Na abordagem posterior passa-se as mãos ao redor do pescoço, com ospolegares posicionados na região posterior, os dedos da mão direita desloca o músculoesternocleidomastoideo para direita e os dedos da mão esquerda palpa o lobo direito da tireóide,invertendo-se a posição quando for examinar o lobo esquerdo. Na abordagem anterior os polegares éque palpam a tireóide, enquanto os demais dedos apóiam nas regiões supraclaviculares.Na palpação dinâmica pede-se para o paciente deglutir e dá-se atenção ao pólo inferior da tireóide quepode ser semi-mergulhante. Nódulo na linha média do pescoço pode ser anomalia no percusotireoglosso, movendo-se quando a língua é puxada.27- Valendo 02 pontos: descreva um roteiro da primeira anamnese da pessoa com diabetes.Começa pela identificação completa. QPD. HDA com a História Pregressa contendo data do diagnóstico,tipo do diabetes, sintomas e resultado dos exames anteriores, história do peso, estado nutricional ehábitos alimentares. tratamentos anteriores e atual, monitoramento pessoal do diabetes, história doexercício físico, complicações agudas, hipoglicemia, cetoacidose, história de infecções. Sintomas deHiperglicemia como poliúria, polidipsia, polifagia, hálito cetônico. Sintomas de Hipoglicemia comotremores, náuseas, vômitos, sudorese, síncope. Sintomas e tratamentos das complicações crônicas nosolhos, rins e nervos. Antecedentes pessoais como uso de fumo, álcool, medicamentos e drogas.Antecedentes Familiares procurando doenças como diabetes e doenças endócrinas.28- Valendo 02 pontos: descreva o exame do pé diabético.Inspeção: verificar deformidades, rachaduras, calosidades, pontos de pressão, pele e fâneros, patologiaungueal.Palpação: verificar temperatura e sensibilidades, checar pulso periférico (pedioso e tibial posterior)Sensibilidade Superficial: tátil com monofilamento 10g, térmica (tubo quente e outro frio), dolorosa compalito japonês.Sensibilidade Profunda: reflexo aquileu com martelo neurológico, diapasão de 128 hz.29- Valendo 01 ponto: Quais são os sinais e sintomas da descompensação aguda do diabetes nahiper e na hipoglicemia?Hiperglicemia: poliúria, polidipsia, polifagia, perda acentuada de peso, náuseas. Vômitos,torpor, hálito cetônico, respiração de Kussmaul, coma.Hipoglicemia: palpitações, taquicardia, ansiedade, náuseas, vômitos, tonturas, cefaléias,fraqueza, parestesia, sudorese, distúrbios visuais, convulsões, coma.
  8. 8. 30- Quais as perguntas a ser feita a uma pessoa que tem hipertireoidismo?O médico deverá perguntar sobre o raciocínio da paciente, se há alterações do sono, se houve ganho ouperda de peso, como está o fluxo menstrual, alterações do humor no apetite, reações a temperatura, setem tremores, palpitações, alterações da voz, se houve mudança na pele e fâneros.31- Falar sobre a doença de Adison.Na doença de Adison encontramos como sinais e sintomas: Hiperpigmentação nas áreas expostas ao sol(face e pescoço), nas áreas de pressão, linhas das mãos, aréola, mamilos, cavidade oral, astenia,letargia, fadiga, anorexia, náuseas, vômitos, artralgias, mialgias, tontura, diarréia, sudorese, hipotensão.32- Descreva 10 sinais e 10 sintomas de hipertireoidismo.Hipertireoidismo: emagrecimento, insônia, intolerância ao calor, sudorese profusa, bócio, exoftalmia,pele fina e brilhosa, agitação, irritabilidade, deslocamento do leito ungueal.Hipotireoidismo: desânimo, dificuldade de concentração, depressão, astenia, pele pálida fria eressecada, unhas frágeis e quebradiças com estrias, madarose, alopecia areata voz arrastada, dispnéia,diminuição da libido, constipação.33- Descreva o que deve conter na anamnese do portador de diabetes melito.Começa pela identificação completa. QPD. HDA com a História Pregressa contendo data do diagnóstico,tipo do diabetes, sintomas e resultado dos exames anteriores, história do peso, estado nutricional ehábitos alimentares. tratamentos anteriores e atual, monitoramento pessoal do diabetes, história doexercício físico, complicações agudas, hipoglicemia, cetoacidose, história de infecções. Sintomas deHiperglicemia como poliúria, polidipsia, polifagia, hálito cetônico. Sintomas de Hipoglicemia comotremores, náuseas, vômitos, sudorese, síncope. Sintomas e tratamentos das complicações crônicas nosolhos, rins e nervos. Antecedentes pessoais como uso de fumo, álcool, medicamentos e drogas.Antecedentes Familiares procurando doenças como diabetes e doenças endócrinas.34- Descreva o que deve conter no exame físico do portador de diabetes melito.Medida do peso, altura (IMC), cintura e quadril (RCQ). Verificação da PA sentado e em pé. Fundoscopia(olho). Exame da cavidade oral, tireóide, sistema cardíaco, abdome, avaliação dos pulsos periféricos(pedioso e tibial posterior), exame das mãos, dos pés, pele, neurológico (sensibilidade tátil, térmica edolorosa; sensibilidade profunda com reflexo aquileu e diapasão), sinais secundários (acromegalia eCushing).35- Defina Hirsutismo e o seu diagnóstico diferencial com hipertricose.Na hipertricose há crescimento excessivo de pêlos velares em regiões que não são andrógenodependentes ou sua transformação em pêlos terminais em áreas de ocorrência normal (antebraços,coxas e pernas).No hirsutismo há crescimento excessivo de pêlos terminais em áreas andrógeno dependente, deprevalência masculina.

×