O slideshow foi denunciado.
Seu SlideShare está sendo baixado. ×

Fontes de poluição

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Próximos SlideShares
Trabalho sobre a poluição
Trabalho sobre a poluição
Carregando em…3
×

Confira estes a seguir

1 de 8 Anúncio

Mais Conteúdo rRelacionado

Diapositivos para si (20)

Anúncio

Semelhante a Fontes de poluição (20)

Mais recentes (20)

Anúncio

Fontes de poluição

  1. 1. O Crescimento económico moderno e as consequências ecológicas: •Poluição (atmosférica, das águas e dos solos) •Diminuição da base dos recursos disponíveis. •Fontes de poluição. •Alterações climáticas. •Redução da biodiversidade. O crescimento económico moderno e a utilização indiscriminada dos recursos tem como consequência o aparecimento de diversas formas de poluição e a diminuição da base dos recursos disponíveis.
  2. 2. Diminuição da base dos recursos disponíveis: - água potável - zonas verdes - zonas ribeirinhas - espécies vegetais e animais - solos produtivos - recursos minerais
  3. 3. . poluição Fontes de - fixas - difusas - acidentais - sistemáticas
  4. 4. Fixas Quando se traduz numa acção continuada de poluição, (consequência directa da utilização “selvagem”e não planeada dos recursos naturais.)
  5. 5. Difusas • Quando as fontes de poluição são difíceis de perceber em termos de intensidade, ritmo ou natureza. • (ex. poluição dos lençóis subterrâneos em virtude de poluentes arrastados pelas águas da chuva, ou devido às práticas agrícolas, aos esgotos e águas domésticas)
  6. 6. Acidentais • Quando devido a fenómenos que ocorrem na natureza, mas cuja frequência é bastante diminuta e irregular. (por ex. tsunamis, furacões) • Quando devido a fenómenos que decorrem da actividade humana e que apresentam uma ocorrência pouco frequente e irregular e cujos efeitos variam em intensidade, de caso para caso. (Chernobyl, 1986; naufrágio do petroleiro Prestige, na costa da Galiza)
  7. 7. Sistemáticas • Quando os fenómenos poluidores ocorrem de forma recorrente na Natureza, em certas épocas do ano, em determinados lugares, isto é com certa frequência e regularidade, e perante condições climáticas específicas. (por ex. fogos florestais; tempestades tropicais; furacões)
  8. 8. EM CONCLUSÃO • É preciso: – Problematizar os padrões culturais (nomeadamente os de consumo) e os estilos de vida como fontes de degradação ambiental. – Conhecer as consequências para o desenvolvimento provocadas pela degradação ambiental.

×