Manaus: memória e patrimônio

8.835 visualizações

Publicada em

Síntese histórica da cidade de Manaus, enfatizando os logradouros públicos como patrimônio e memória da cidade.

Publicada em: Educação, Turismo, Tecnologia
0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
8.835
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
261
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Manaus: memória e patrimônio

  1. 1. MEMÓRIA E PATRIMÔNIO<br />Conceitos Fundamentais<br />
  2. 2. Conceito de Memória<br />MEMÓRIA<br /> Não é apenas um ‘ banco de dados’ mas o resultado das nossas experiências e tudo o que guardamos para não esquecer. <br />Memória Individual – o que diz respeito às nossas experiências particulares; é apoiada pela memória coletiva<br />Memória Coletiva – diz respeito às experiências de um determinado grupo.<br />Memória Oficial – diz respeito ao que o poder público busca institucionalizar como memória coletiva, mas que é imposta, como a colocação de monumentos cívicos.<br />* Suportes de Memória – objetos que nos ajudam a lembrar de acontecimentos importantes.<br />
  3. 3. Conceito de Patrimônio<br />PATRIMÔNIO<br /> Tudo o que é de interesse coletivo e que diz respeito à identidade de um grupo ou lugar específicos.<br />Patrimônio Cultural – tudo o que é produzido por uma determinada cultura ou utilizado por ela.<br />Elementos pertencentes à natureza, ao meio ambiente;<br />Conhecimento, técnicas, elementos do saber;<br />Bens culturais, os artefatos;<br />Patrimônio Artístico – faz parte do patrimônio cultural e diz respeito aos objetos artísticos.<br />
  4. 4. MANAUS<br />História e Memória Visual<br />
  5. 5. Origem da Cidade de Manaus<br />Manaus foi um povoado que nasceu ao redor de uma fortaleza, transformou-se em vila e depois em cidade. <br />Nessa área já existia um intenso comércio tribal.<br />Muitos grupos indígenas habitavam a região: Barés, Banibás, Passés, Manáos, Aroaquis, Juris e outras tribos.<br />Em língua tupi, Manaus significa Mãe dos Deuses.<br />
  6. 6. Ruínas da Fortaleza da Barra do Rio Negro<br />
  7. 7. Planta da Cidade de Manaus em 1852<br />
  8. 8. Entrada da Vila da Barra – entre 1840-1860<br />
  9. 9. Panorama da Vila da Barra, vista dos Remédios – entre 1840-1860<br />
  10. 10. Planta da Cidade de Manaus - 1895<br />
  11. 11. Crescimento e Organização Urbana<br />Manaus - 1852<br />Manaus - 1895<br />
  12. 12. Entorno do Teatro Amazonas na época de sua construção<br />
  13. 13. Palácio da Justiça<br />
  14. 14. Sistema de Transporte no Período da Borracha<br />
  15. 15. Avenida Eduardo Ribeiro com Sete de Setembro<br />
  16. 16. Fonte Decorativa – A Dama dos Leões<br />
  17. 17. Praça da Polícia<br />
  18. 18. Praça da Polícia<br />
  19. 19. Praça Dom Pedro II<br />
  20. 20. Vista Panorâmica do Largo da Matriz<br />
  21. 21. Transformações Urbanas<br />Manaus - 1850<br />Manaus - 1900<br />
  22. 22. Manaus – Cronologia Histórica<br />Século XVII:<br />1669 – Construção do Forte de São José do Rio Negro; a aldeia que se forma ao redor, passa a se chamar de Lugar da Barra;<br />1695 – Construção da 1ª capela dedicada à Nossa Senhora da Conceição;<br />Século XVIII:<br />1757 – Instalação da Capitania de São José do Rio Negro;<br />1783 – Desativação do Forte de São José do Rio Negro;<br />
  23. 23. Manaus – Cronologia Histórica<br />Século XIX:<br />1833 – Elevação do Lugar da Barra à Categoria de Vila – Vila da Barra – Vila de Manaus;<br />1848 – Elevação da Vila à Categoria de Cidade – Cidade da Barra do Rio Negro;<br />1850 – Elevação do Amazonas à Categoria de Província;<br />1856 – Mudança do nome de Cidade da Barra do Rio Negro para Cidade de Manáos;<br />1867 – Abertura dos Portos do Amazonas às Nações Amigas;<br />
  24. 24. Construções da belleèpoque<br />Final do século XIX – Início do século XX:<br />1890 a 1910 – Fase áurea da borracha, período de grandes mudanças urbanísticas:<br />Teatro Amazonas;<br />Palácio da Justiça;<br />Palácio Rio Negro;<br />Cervejaria Miranda Corrêa;<br />Alfândega;<br />Mercado Adolfo Lisboa;<br />
  25. 25. Presente e Futuro... <br />Século XX e XXI<br />1920 a 1967 – Período pós declínio da borracha;<br />1967 – Abertura da Zona Franca de Manaus;<br />Manaus hoje – Século XXI<br />
  26. 26. Referência Bibliográfica<br />NASCIMENTO, Maria Evany do. Patrimônio e Memória da Cidade: Monumentos do Centro Histórico de Manaus. Tese de Mestrado apresentada ao Instituto de Ciências Humanas e Letras da UFAM, não publicada, 2003.<br />

×