Segurança patrimonial e Empresarial

15.205 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
1 comentário
33 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
15.205
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
322
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
297
Comentários
1
Gostaram
33
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Segurança patrimonial e Empresarial

  1. 1. Prof. Eugênio Rocha
  2. 2. É um conjunto de medidas a serem adotadas por uma empresa e que dependem da localização, minimização, ou eliminação de riscos presentes, sejam eles iminentes, ou potenciais, visando a proteção de seres humanos e a preservação do patrimônio.
  3. 3. É a possibilidade ou a evidência de que haverá a Ocorrência de um fato que violará as regras de segurança, Afetando o ser humano e o patrimônio, onde poderá atingi-los de forma direta, ou indireta, com ou sem Violência física, mas sempre emocional.
  4. 4. É toda percepção de que as regras de segurança pré estabelecidas Serão possivelmente violadas, mas não na sua totalidade. Exemplo: O não credenciamento de um visitante que aparentemente pareça ser um funcionário, ou um morador (Condômino)
  5. 5. É a evidencia da violação das regras pré estabelecidas e que Visivelmente viabilizam a execução de um delito.
  6. 6. 1º - Realizando uma análise preliminar 2º - Localizando riscos potenciais e iminentes 3º - Criando regras e normas para minimizar/excluir riscos 4º - Utilizando equipamentos de proteção e inibição 5º - Criando programas de ação efetiva de Segurança 6º - Capacitando e qualificando a equipe operacional 7º - Envolvendo e Informando os Colaboradores/Condôminos 8º - Supervisionando, orientando, reavaliando 9º - Implantando novos conceitos 10º - Não permitir exceções 10 dicas para
  7. 7. Questões Sociais/Crime Organizado Poder de reação Inferior - Polícia/Patrimônio/Pessoal Fácil Acesso Exposição de Bens Materiais Informações Dissimuladas
  8. 8. Planejar e estabelecer regras de Segurança Eficientes Poder de reação Superior - Polícia/Armas/Tecnol.Contin. Dificultar o Acesso / Dispositivos/Equipamentos/Ações Educar os envolvidos na proteção Ocultar Informações
  9. 9. Conscientizar Disciplinar TreinarMotivar Reconhecer
  10. 10. Diferença Segurança é a metodologia aplicável aos procedimentos de prevenção e proteção. Vigilância é a execução dos conceitos de segurança Aplicados pelos agentes (Recursos humanos) , que Podem ou não utilizar meios eletrônicos para tal Finalidade, inspecionando a eficácia aplicada.
  11. 11. Vigilante é um profissional de Segurança, treinado para Observar os conceitos e procedimentos de prevenção, assim como agir, ou reagir em ocorrências diversas contra o patrimônio e seu contingente, conforme a necessidade e possibilidade avaliada. Profissional de Portaria é o responsável pela execução Dos procedimentos de segurança nos limites identificados No mapeamento, controlando acesso e a saída de pessoas, Assim como veículos próprios, ou de terceiros ao interior Do patrimônio, visando a manutenção do ambiente seguro.
  12. 12. SEGURANÇA PÚBLICA – A constituição estabelece a subdivisão da Segurança Pública entre a União, os Estados e Municípios da seguinte forma: Município – Guarda Civil Municipal (Responsável pelos procedimentos de segurança nos serviços públicos do município, além do patrimônio). Estado – Polícia Militar (É a polícia especializada na repressão contra infratores da lei De qualquer natureza, encaminhando o infrator a autoridade competente), também Estão incorporados o Corpo de Bombeiros e Polícia Rodoviária Estadual. Polícia Civil, ou Judiciária (É a polícia investigativa, científica, responsável pela instauração De inquéritos a serem concluídos e apresentados ao ministério Público e posteriormente Ao Judiciário/Magistrado). União – Polícia Federal (É a polícia responsável tanto pela repressão, quanto pela Investigação de crimes contra a união, instaurando inquéritos e apresentando ao Ministério Publico Federal e a Justiça Federal).
  13. 13. SEGURANÇA PRIVADA – São empresas especializadas em Segurança e Vigilância Patrimonial e pessoal, credenciadas pelos respectivos órgãos Competentes como Polícia Federal , para atuarem nos limites internos De empresas públicas e privadas. O profissional de vigilância deverá ser qualificado através de curso de Formação ministrado por empresas credenciadas e poderá portar arma Somente em serviço e nos limites internos de cada posto de trabalho. Agentes de Segurança pessoal, após curso de formação e credenciamento Autorizado pelos órgãos competentes também poderão portar armas em Serviços externos. Os vigilantes de Transporte de valores móveis (Blindados) poderão atuar Armados de acordo com formação específica e em empresas autorizadas. O transporte de armas por estas empresas estão sujeitas a autorização E acopladas em caixa especial, de aço e fechadura.
  14. 14. SITUAÇÃO é um momento transitório específico e que pode ser Transformado e manipulado a curto prazo. (Situação Difícil) ESTADO é um momento genérico e abrangente que Não se pode definir o tempo de transformação. (Estado de Calamidade) Toda empresa deve manter um ESTADO DE SEGURANÇA, Não uma situação, pois as medidas de segurança devem Abranger toda a empresa de forma consciente.
  15. 15. Um conceito que não abrange a segurança de Muitas empresas é a vulnerabilidade das informações Dos negócios que gerenciam o sucesso empresarial e que São violados pela espionagem e venda de informações. A segurança dos Interesses vitais de uma empresa, ou Informações dos negócios(Inteligência), é tão importante Quanto a segurança do Patrimônio (Fisíca).
  16. 16. O Estado de segurança construído pelas medidas De segurança deve proteger os interesses Vitais das Organizações, dos danos, Interferência e Perturbações. DANOS – Perdas materiais, furtos, roubos, acidentes, Incêndios, e tudo que traga prejuízo material. INTERFERÊNCIAS – Atos de Espionagem , furto de Informações, fraudes, prejuízos financeiros. PERTURBAÇÕES – Greves, alcolismo, sinistros, drogas.
  17. 17. A segurança dos Interesses vitais de uma empresa, ou Informações dos negócios(Inteligência), é tão importante Quanto a segurança do Patrimônio (Fisíca).

×