SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 5
Baixar para ler offline
Atividade prática avaliativa
1. Introdução
A qualidade de um produto ou serviço não é restrita somente a empresa e seus processos,
os fornecedores estão ligados diretamente a qualidade dos produtos e serviços de uma
empresa, assim a importância da seleção de fornecedores tornou-se fator estratégico para
as organizações, que estão a cada dia que passa, mais exigentes em relação ao perfil dos
fornecedores que irão compor a sua cadeia de suprimentos.
Ter bons fornecedores em sua organização ajuda a minimizar os custos operacionais e
agilizar os cronogramas de produção sem prejudicar a qualidade de seus produtos. Com
um processo de seleção de fornecedores eficaz, você pode superar significativamente os
riscos da empresa, como falta de fornecimento, atrasos nas entregas, produtos com
defeitos etc. e com isso pode-se melhorar a visibilidade em todas as etapas das operações
cm uma parceira mais estreita com os fornecedores, além disso, pode-se criar uma
vantagem competitiva para seus produtos e serviços. Podemos com isso, inferir que os
fornecedores determinam muitos dos custos da qualidade do negócio da empresa e pode
impactar significativamente a qualidade do produto.
O objetivo do processo de seleção de fornecedores está relacionado a reduzir o risco de
compra, em ser atendido de fato, maximizar o valor geral na cadeia para o comprador e
construir relações de proximidade, confiança focada numa relação de longo prazo entre
compradores e fornecedores.
2. Contexto da atividade prática
ATIVIDADE PRÁTICA – TEMA 5
SELEÇÃO DE FORNECEDORES
Data Aula 6 pp.18 a 23
Disciplina Cadeia de Suprimentos
Professor Sérgio Luiz Pirani
Nome do aluno
RU
Obs.: Trabalhos copiados de sites da internet serão anulados e o aluno não terá
direito de reapresentar a atividade. Qualquer dúvida que tiver consulte a tutoria.
Você deverá selecionar 05 fornecedores para fazer a atividade. Esses cinco fornecedores
podem ser da empresa em que trabalha (se tiver acesso às informações), ou você pode
fazer uma simulação, pois o importante é que saiba usar a técnica de seleção dos
fornecedores.
A seguir há a sugestão de seis indicadores para você trabalhar, mas você pode inserir
mais indicadores, ou ainda, mudar o que acha que não serve para o perfil da empresa,
uma vez que, poderemos trabalhar aqui com produtos e serviços, então fique à vontade
para adequar ao perfil que irá fazer a atividade em relação a empresa a ser adotada por
você.
Obs.: Aqui não importa o ramo de atividade e nem o tamanho da empresa.
3. Indicadores de que podem ser adotados para a seleção de fornecedores
Há alguns indicadores que podem auxiliar na seleção de fornecedores e são fatores que
poderão ajudar a minimizar os impactos na falta de qualidade no produto ou serviço da
empresa.
Vamos ao que se refere cada um dos fatores a serem considerados para a seleção dos
fornecedores:
✓ Histórico – se refere ao tempo de atividade da empresa no setor, além de
informações sobre rotatividade de pessoal e a qualidade da mão de obra da
empresa e o desenvolvimento da empresa ao longo dos anos.
✓ Reputação – está relacionada a imagem da empresa perante a outras empresas
clientes, logo, a pesquisa deve ser realizada com aqueles que utilizam os serviços
e produtos da empresa que está sendo avaliada.
✓ Saúde financeira – esse fator é muito importante, pois se a empresa cumpre
muitos dos requisitos técnicos, por exemplo, é importante que ela, como
fornecedora, seja sólida no mercado, pois qualquer ruptura poderia comprometer
a produção e, por consequência, também a reputação da empresa. Assim, já
demonstrando uma relação de transparência entre as partes o complience é uma
boa forma de se fazer tal análise.
✓ Clientela – a clientela do fornecedor pode dar informações importantes, como se
esse está próximo da estagnação de sua produção, chegando ao limite, se está
atrasando entregas, além de ouvir a voz dos clientes dessa empresa para maiores
detalhes.
✓ Capacidade produtiva – aqui, com o número de clientes, há a informação sobre
se a empresa será capaz de atender à demanda atual ou não, mas se atender e a
demanda da empresa e de alguns clientes também aumentar, o fornecedor teria
capacidade de aumentar a produção?
✓ Logística – de uma forma geral, é um fator muito importante na atualidade,
principalmente se a empresa trabalhar com produção enxuta, qual precisará de
uma cadeia de suprimentos com entregas constantes e responsiva.
✓ Qualidade – esse item hoje é considerado uma obrigação para qualquer empresa,
porém não é bem isso que acontece e cabe a contratante pegar amostras aleatórias
no mercado ou na empresa para teste em laboratório para averiguar a qualidade
dos produtos.
✓ Comunicação – uma empresa bem estruturada cuida muito bem do seu canal de
comunicação e dispõe de tecnologia de ponta para tal fim, pois o meio de
comunicação entre empresas não se resume a informações do dia a dia, mas dispor
de um XERP é um bom indicador de tecnologia de comunicação, pois poderão
fazer a integração de modo mais tranquilo.
✓ Flexibilidade – é a capacidade da empresa responder ao mercado e está atrelada
à sua capacidade de inovação. Inovação – esse fator demonstra se a empresa, ao
longo de seus anos de vida, foi uma empresa que buscou sempre estar à frente de
seus concorrentes com produtos e tecnologias inovadoras, lançamentos de novos
produtos bem aceitos no mercado etc.
Agora que tem o conhecimento fatores supracitados e sobre o que trata cada um desses
fatores, escolha o que mais se encaixa no perfil que irá fazer a atividade. Esses fatores
são sugestões, logo, você pode colocar outros fatores que achar mais relevante e suprimir
outros que não são do seu interesse.
Então mãos à obra.
Siga os seguintes passos para iniciar a sua atividade:
1. Leia o material da Aula 6 - tema 5 Seleção de Fornecedores
2. Assista a vídeo aula – Aula prática 6 – Seleção de fornecedores
3. Faça uma breve introdução sobre a empresa (mesmo que fictícia) – informe o
ramo de atividade, quantos anos está no mercado e qual a finalidade de se fazer a
seleção dos fornecedores.
4. Descreva a política de seleção de fornecedores adotada pela empresa, ou seja,
quais são os critérios adotados para a seleção de fornecedores pela empresa
(qualificação, tempo de atuação no mercado, credibilidade da empresa em relação
a outros parceiros ou concorrentes etc.)
5. Você pode utilizar essa tabela para a classificação de multicritério de escolha de
fornecedores, mas pode utilizar outro método de que tenha conhecimento sem
problema.
6. Finalize descrevendo as razões que fizeram a empresa selecionar esse ou aquele
Fornecedor.
7. O arquivo para a entrega da atividade pode ser em word, PDF
8. Não fique com nenhuma dúvida, procure sempre a tutoria para esclarecimentos
e ajuda sempre que precisar e quantas vezes achar necessário.
Sempre será um enorme prazer em te ajudar.
Bom trabalho para você!!!

Mais conteúdo relacionado

Mais de estudosfaculdade05fa

ATIVIDADE 1 - FSCE - FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL E ÉTICA II - 54-2023.pdf
ATIVIDADE 1 - FSCE - FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL E ÉTICA II - 54-2023.pdfATIVIDADE 1 - FSCE - FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL E ÉTICA II - 54-2023.pdf
ATIVIDADE 1 - FSCE - FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL E ÉTICA II - 54-2023.pdfestudosfaculdade05fa
 
ATIVIDADE 01 - ENF - PARASITOLOGIA - 54-2023.pdf
ATIVIDADE 01 - ENF - PARASITOLOGIA - 54-2023.pdfATIVIDADE 01 - ENF - PARASITOLOGIA - 54-2023.pdf
ATIVIDADE 01 - ENF - PARASITOLOGIA - 54-2023.pdfestudosfaculdade05fa
 
ATIVIDADE EXTENSIONISTA BMG CANVAS.pdf
ATIVIDADE EXTENSIONISTA BMG CANVAS.pdfATIVIDADE EXTENSIONISTA BMG CANVAS.pdf
ATIVIDADE EXTENSIONISTA BMG CANVAS.pdfestudosfaculdade05fa
 
ATIVIDADE PRÁTICA - CIRCUITOS ELÉTRICOS II - UNINTER.pdf
ATIVIDADE PRÁTICA - CIRCUITOS ELÉTRICOS II - UNINTER.pdfATIVIDADE PRÁTICA - CIRCUITOS ELÉTRICOS II - UNINTER.pdf
ATIVIDADE PRÁTICA - CIRCUITOS ELÉTRICOS II - UNINTER.pdfestudosfaculdade05fa
 
ATIVIDADE PRÁTICA TRANSFERÊNCIA DE CALOR.pdf
ATIVIDADE PRÁTICA TRANSFERÊNCIA DE CALOR.pdfATIVIDADE PRÁTICA TRANSFERÊNCIA DE CALOR.pdf
ATIVIDADE PRÁTICA TRANSFERÊNCIA DE CALOR.pdfestudosfaculdade05fa
 
ESTUDO DE CASO - MÓDULO B - FASE II - ANO 2023.pdf
ESTUDO DE CASO - MÓDULO B - FASE II - ANO 2023.pdfESTUDO DE CASO - MÓDULO B - FASE II - ANO 2023.pdf
ESTUDO DE CASO - MÓDULO B - FASE II - ANO 2023.pdfestudosfaculdade05fa
 
ATIVIDADE PRÁTICA - FÍSICA GERAL E EXPERIMENTAL MECÂNICA.pdf
ATIVIDADE PRÁTICA - FÍSICA GERAL E EXPERIMENTAL MECÂNICA.pdfATIVIDADE PRÁTICA - FÍSICA GERAL E EXPERIMENTAL MECÂNICA.pdf
ATIVIDADE PRÁTICA - FÍSICA GERAL E EXPERIMENTAL MECÂNICA.pdfestudosfaculdade05fa
 
PORTFÓLIO - FENÔMENOS DE TRANSPORTE.pdf
PORTFÓLIO - FENÔMENOS DE TRANSPORTE.pdfPORTFÓLIO - FENÔMENOS DE TRANSPORTE.pdf
PORTFÓLIO - FENÔMENOS DE TRANSPORTE.pdfestudosfaculdade05fa
 
ROTEIRO DE AULA PRÁTICA - FÍSICA GERAL E EXPERIMENTAL MECÂNICA.pdf
ROTEIRO DE AULA PRÁTICA - FÍSICA GERAL E EXPERIMENTAL MECÂNICA.pdfROTEIRO DE AULA PRÁTICA - FÍSICA GERAL E EXPERIMENTAL MECÂNICA.pdf
ROTEIRO DE AULA PRÁTICA - FÍSICA GERAL E EXPERIMENTAL MECÂNICA.pdfestudosfaculdade05fa
 
PROJETOS INTERDISCIPLINARES EM ARTES E EDUCAÇÃO.pdf
PROJETOS INTERDISCIPLINARES EM ARTES E EDUCAÇÃO.pdfPROJETOS INTERDISCIPLINARES EM ARTES E EDUCAÇÃO.pdf
PROJETOS INTERDISCIPLINARES EM ARTES E EDUCAÇÃO.pdfestudosfaculdade05fa
 
PRIMEIROS PASSOS COM O KIT PIC - UNINTER.pdf
PRIMEIROS PASSOS COM O KIT PIC - UNINTER.pdfPRIMEIROS PASSOS COM O KIT PIC - UNINTER.pdf
PRIMEIROS PASSOS COM O KIT PIC - UNINTER.pdfestudosfaculdade05fa
 
PROCESSAMENTO DE IMAGENS - FORMULÁRIO.pdf
PROCESSAMENTO DE IMAGENS - FORMULÁRIO.pdfPROCESSAMENTO DE IMAGENS - FORMULÁRIO.pdf
PROCESSAMENTO DE IMAGENS - FORMULÁRIO.pdfestudosfaculdade05fa
 
PROJETOS INTERDISCIPLINARES EM ARTES E EDUCAÇÃO.pdf
PROJETOS INTERDISCIPLINARES EM ARTES E EDUCAÇÃO.pdfPROJETOS INTERDISCIPLINARES EM ARTES E EDUCAÇÃO.pdf
PROJETOS INTERDISCIPLINARES EM ARTES E EDUCAÇÃO.pdfestudosfaculdade05fa
 
PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL INTELIGÊNCIA EMOCIONAL - 53-2023.pdf
PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL INTELIGÊNCIA EMOCIONAL - 53-2023.pdfPROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL INTELIGÊNCIA EMOCIONAL - 53-2023.pdf
PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL INTELIGÊNCIA EMOCIONAL - 53-2023.pdfestudosfaculdade05fa
 
PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E INTERPESSO...
PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E INTERPESSO...PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E INTERPESSO...
PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E INTERPESSO...estudosfaculdade05fa
 
PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL ADMINISTRAÇÃO DE CONFLITO - 53-202...
PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL ADMINISTRAÇÃO DE CONFLITO - 53-202...PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL ADMINISTRAÇÃO DE CONFLITO - 53-202...
PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL ADMINISTRAÇÃO DE CONFLITO - 53-202...estudosfaculdade05fa
 
PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL LEITURA DE IMAGENS, GRÁFICOS E MAP...
PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL LEITURA DE IMAGENS, GRÁFICOS E MAP...PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL LEITURA DE IMAGENS, GRÁFICOS E MAP...
PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL LEITURA DE IMAGENS, GRÁFICOS E MAP...estudosfaculdade05fa
 
ATIVIDADE 1 - FSCE - FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL E ÉTICA I - 53-2023.pdf
ATIVIDADE 1 - FSCE - FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL E ÉTICA I - 53-2023.pdfATIVIDADE 1 - FSCE - FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL E ÉTICA I - 53-2023.pdf
ATIVIDADE 1 - FSCE - FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL E ÉTICA I - 53-2023.pdfestudosfaculdade05fa
 
ATIVIDADE PRÁTICA - FÍSICA MECÂNICA - QUEDA LIVRE - UNINTER.pdf
ATIVIDADE PRÁTICA - FÍSICA MECÂNICA - QUEDA LIVRE - UNINTER.pdfATIVIDADE PRÁTICA - FÍSICA MECÂNICA - QUEDA LIVRE - UNINTER.pdf
ATIVIDADE PRÁTICA - FÍSICA MECÂNICA - QUEDA LIVRE - UNINTER.pdfestudosfaculdade05fa
 

Mais de estudosfaculdade05fa (20)

ATIVIDADE 1 - FSCE - FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL E ÉTICA II - 54-2023.pdf
ATIVIDADE 1 - FSCE - FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL E ÉTICA II - 54-2023.pdfATIVIDADE 1 - FSCE - FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL E ÉTICA II - 54-2023.pdf
ATIVIDADE 1 - FSCE - FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL E ÉTICA II - 54-2023.pdf
 
ATIVIDADE 01 - ENF - PARASITOLOGIA - 54-2023.pdf
ATIVIDADE 01 - ENF - PARASITOLOGIA - 54-2023.pdfATIVIDADE 01 - ENF - PARASITOLOGIA - 54-2023.pdf
ATIVIDADE 01 - ENF - PARASITOLOGIA - 54-2023.pdf
 
ATIVIDADE EXTENSIONISTA BMG CANVAS.pdf
ATIVIDADE EXTENSIONISTA BMG CANVAS.pdfATIVIDADE EXTENSIONISTA BMG CANVAS.pdf
ATIVIDADE EXTENSIONISTA BMG CANVAS.pdf
 
ATIVIDADE PRÁTICA - CIRCUITOS ELÉTRICOS II - UNINTER.pdf
ATIVIDADE PRÁTICA - CIRCUITOS ELÉTRICOS II - UNINTER.pdfATIVIDADE PRÁTICA - CIRCUITOS ELÉTRICOS II - UNINTER.pdf
ATIVIDADE PRÁTICA - CIRCUITOS ELÉTRICOS II - UNINTER.pdf
 
ATIVIDADE PRÁTICA TRANSFERÊNCIA DE CALOR.pdf
ATIVIDADE PRÁTICA TRANSFERÊNCIA DE CALOR.pdfATIVIDADE PRÁTICA TRANSFERÊNCIA DE CALOR.pdf
ATIVIDADE PRÁTICA TRANSFERÊNCIA DE CALOR.pdf
 
ESTUDO DE CASO - MÓDULO B - FASE II - ANO 2023.pdf
ESTUDO DE CASO - MÓDULO B - FASE II - ANO 2023.pdfESTUDO DE CASO - MÓDULO B - FASE II - ANO 2023.pdf
ESTUDO DE CASO - MÓDULO B - FASE II - ANO 2023.pdf
 
ATIVIDADE PRÁTICA - FÍSICA GERAL E EXPERIMENTAL MECÂNICA.pdf
ATIVIDADE PRÁTICA - FÍSICA GERAL E EXPERIMENTAL MECÂNICA.pdfATIVIDADE PRÁTICA - FÍSICA GERAL E EXPERIMENTAL MECÂNICA.pdf
ATIVIDADE PRÁTICA - FÍSICA GERAL E EXPERIMENTAL MECÂNICA.pdf
 
PORTFÓLIO - FENÔMENOS DE TRANSPORTE.pdf
PORTFÓLIO - FENÔMENOS DE TRANSPORTE.pdfPORTFÓLIO - FENÔMENOS DE TRANSPORTE.pdf
PORTFÓLIO - FENÔMENOS DE TRANSPORTE.pdf
 
ROTEIRO DE AULA PRÁTICA - FÍSICA GERAL E EXPERIMENTAL MECÂNICA.pdf
ROTEIRO DE AULA PRÁTICA - FÍSICA GERAL E EXPERIMENTAL MECÂNICA.pdfROTEIRO DE AULA PRÁTICA - FÍSICA GERAL E EXPERIMENTAL MECÂNICA.pdf
ROTEIRO DE AULA PRÁTICA - FÍSICA GERAL E EXPERIMENTAL MECÂNICA.pdf
 
PROCESSAMENTO DE IMAGENS.pdf
PROCESSAMENTO DE IMAGENS.pdfPROCESSAMENTO DE IMAGENS.pdf
PROCESSAMENTO DE IMAGENS.pdf
 
PROJETOS INTERDISCIPLINARES EM ARTES E EDUCAÇÃO.pdf
PROJETOS INTERDISCIPLINARES EM ARTES E EDUCAÇÃO.pdfPROJETOS INTERDISCIPLINARES EM ARTES E EDUCAÇÃO.pdf
PROJETOS INTERDISCIPLINARES EM ARTES E EDUCAÇÃO.pdf
 
PRIMEIROS PASSOS COM O KIT PIC - UNINTER.pdf
PRIMEIROS PASSOS COM O KIT PIC - UNINTER.pdfPRIMEIROS PASSOS COM O KIT PIC - UNINTER.pdf
PRIMEIROS PASSOS COM O KIT PIC - UNINTER.pdf
 
PROCESSAMENTO DE IMAGENS - FORMULÁRIO.pdf
PROCESSAMENTO DE IMAGENS - FORMULÁRIO.pdfPROCESSAMENTO DE IMAGENS - FORMULÁRIO.pdf
PROCESSAMENTO DE IMAGENS - FORMULÁRIO.pdf
 
PROJETOS INTERDISCIPLINARES EM ARTES E EDUCAÇÃO.pdf
PROJETOS INTERDISCIPLINARES EM ARTES E EDUCAÇÃO.pdfPROJETOS INTERDISCIPLINARES EM ARTES E EDUCAÇÃO.pdf
PROJETOS INTERDISCIPLINARES EM ARTES E EDUCAÇÃO.pdf
 
PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL INTELIGÊNCIA EMOCIONAL - 53-2023.pdf
PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL INTELIGÊNCIA EMOCIONAL - 53-2023.pdfPROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL INTELIGÊNCIA EMOCIONAL - 53-2023.pdf
PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL INTELIGÊNCIA EMOCIONAL - 53-2023.pdf
 
PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E INTERPESSO...
PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E INTERPESSO...PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E INTERPESSO...
PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E INTERPESSO...
 
PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL ADMINISTRAÇÃO DE CONFLITO - 53-202...
PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL ADMINISTRAÇÃO DE CONFLITO - 53-202...PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL ADMINISTRAÇÃO DE CONFLITO - 53-202...
PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL ADMINISTRAÇÃO DE CONFLITO - 53-202...
 
PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL LEITURA DE IMAGENS, GRÁFICOS E MAP...
PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL LEITURA DE IMAGENS, GRÁFICOS E MAP...PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL LEITURA DE IMAGENS, GRÁFICOS E MAP...
PROVA - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL LEITURA DE IMAGENS, GRÁFICOS E MAP...
 
ATIVIDADE 1 - FSCE - FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL E ÉTICA I - 53-2023.pdf
ATIVIDADE 1 - FSCE - FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL E ÉTICA I - 53-2023.pdfATIVIDADE 1 - FSCE - FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL E ÉTICA I - 53-2023.pdf
ATIVIDADE 1 - FSCE - FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL E ÉTICA I - 53-2023.pdf
 
ATIVIDADE PRÁTICA - FÍSICA MECÂNICA - QUEDA LIVRE - UNINTER.pdf
ATIVIDADE PRÁTICA - FÍSICA MECÂNICA - QUEDA LIVRE - UNINTER.pdfATIVIDADE PRÁTICA - FÍSICA MECÂNICA - QUEDA LIVRE - UNINTER.pdf
ATIVIDADE PRÁTICA - FÍSICA MECÂNICA - QUEDA LIVRE - UNINTER.pdf
 

Último

As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. EvoluçãoAs teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. Evoluçãoprofleticiasantosbio
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxGislaineDuresCruz
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullyingMary Alvarenga
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoJayaneSales1
 
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTECAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTEJoaquim Colôa
 
Romero Britto - biografia 6º ano (1).pptx
Romero Britto - biografia 6º ano (1).pptxRomero Britto - biografia 6º ano (1).pptx
Romero Britto - biografia 6º ano (1).pptxLuisCarlosAlves10
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.azulassessoria9
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOMNOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOMHenrique Pontes
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...azulassessoria9
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...azulassessoria9
 
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Mary Alvarenga
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...azulassessoria9
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxHenriqueLuciano2
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...nexocan937
 
Modernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e AméricaModernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e Américawilson778875
 

Último (20)

As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. EvoluçãoAs teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
 
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTECAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
 
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
 
Romero Britto - biografia 6º ano (1).pptx
Romero Britto - biografia 6º ano (1).pptxRomero Britto - biografia 6º ano (1).pptx
Romero Britto - biografia 6º ano (1).pptx
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
 
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOMNOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
 
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
 
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
 
Modernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e AméricaModernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e América
 

ATIVIDADE PRÁTICA – TEMA 5 - SELEÇÃO DE FORNECEDORES.pdf

  • 1. Atividade prática avaliativa 1. Introdução A qualidade de um produto ou serviço não é restrita somente a empresa e seus processos, os fornecedores estão ligados diretamente a qualidade dos produtos e serviços de uma empresa, assim a importância da seleção de fornecedores tornou-se fator estratégico para as organizações, que estão a cada dia que passa, mais exigentes em relação ao perfil dos fornecedores que irão compor a sua cadeia de suprimentos. Ter bons fornecedores em sua organização ajuda a minimizar os custos operacionais e agilizar os cronogramas de produção sem prejudicar a qualidade de seus produtos. Com um processo de seleção de fornecedores eficaz, você pode superar significativamente os riscos da empresa, como falta de fornecimento, atrasos nas entregas, produtos com defeitos etc. e com isso pode-se melhorar a visibilidade em todas as etapas das operações cm uma parceira mais estreita com os fornecedores, além disso, pode-se criar uma vantagem competitiva para seus produtos e serviços. Podemos com isso, inferir que os fornecedores determinam muitos dos custos da qualidade do negócio da empresa e pode impactar significativamente a qualidade do produto. O objetivo do processo de seleção de fornecedores está relacionado a reduzir o risco de compra, em ser atendido de fato, maximizar o valor geral na cadeia para o comprador e construir relações de proximidade, confiança focada numa relação de longo prazo entre compradores e fornecedores. 2. Contexto da atividade prática ATIVIDADE PRÁTICA – TEMA 5 SELEÇÃO DE FORNECEDORES Data Aula 6 pp.18 a 23 Disciplina Cadeia de Suprimentos Professor Sérgio Luiz Pirani Nome do aluno RU Obs.: Trabalhos copiados de sites da internet serão anulados e o aluno não terá direito de reapresentar a atividade. Qualquer dúvida que tiver consulte a tutoria.
  • 2. Você deverá selecionar 05 fornecedores para fazer a atividade. Esses cinco fornecedores podem ser da empresa em que trabalha (se tiver acesso às informações), ou você pode fazer uma simulação, pois o importante é que saiba usar a técnica de seleção dos fornecedores. A seguir há a sugestão de seis indicadores para você trabalhar, mas você pode inserir mais indicadores, ou ainda, mudar o que acha que não serve para o perfil da empresa, uma vez que, poderemos trabalhar aqui com produtos e serviços, então fique à vontade para adequar ao perfil que irá fazer a atividade em relação a empresa a ser adotada por você. Obs.: Aqui não importa o ramo de atividade e nem o tamanho da empresa. 3. Indicadores de que podem ser adotados para a seleção de fornecedores Há alguns indicadores que podem auxiliar na seleção de fornecedores e são fatores que poderão ajudar a minimizar os impactos na falta de qualidade no produto ou serviço da empresa. Vamos ao que se refere cada um dos fatores a serem considerados para a seleção dos fornecedores: ✓ Histórico – se refere ao tempo de atividade da empresa no setor, além de informações sobre rotatividade de pessoal e a qualidade da mão de obra da empresa e o desenvolvimento da empresa ao longo dos anos. ✓ Reputação – está relacionada a imagem da empresa perante a outras empresas clientes, logo, a pesquisa deve ser realizada com aqueles que utilizam os serviços e produtos da empresa que está sendo avaliada. ✓ Saúde financeira – esse fator é muito importante, pois se a empresa cumpre muitos dos requisitos técnicos, por exemplo, é importante que ela, como fornecedora, seja sólida no mercado, pois qualquer ruptura poderia comprometer a produção e, por consequência, também a reputação da empresa. Assim, já demonstrando uma relação de transparência entre as partes o complience é uma boa forma de se fazer tal análise. ✓ Clientela – a clientela do fornecedor pode dar informações importantes, como se esse está próximo da estagnação de sua produção, chegando ao limite, se está atrasando entregas, além de ouvir a voz dos clientes dessa empresa para maiores detalhes.
  • 3. ✓ Capacidade produtiva – aqui, com o número de clientes, há a informação sobre se a empresa será capaz de atender à demanda atual ou não, mas se atender e a demanda da empresa e de alguns clientes também aumentar, o fornecedor teria capacidade de aumentar a produção? ✓ Logística – de uma forma geral, é um fator muito importante na atualidade, principalmente se a empresa trabalhar com produção enxuta, qual precisará de uma cadeia de suprimentos com entregas constantes e responsiva. ✓ Qualidade – esse item hoje é considerado uma obrigação para qualquer empresa, porém não é bem isso que acontece e cabe a contratante pegar amostras aleatórias no mercado ou na empresa para teste em laboratório para averiguar a qualidade dos produtos. ✓ Comunicação – uma empresa bem estruturada cuida muito bem do seu canal de comunicação e dispõe de tecnologia de ponta para tal fim, pois o meio de comunicação entre empresas não se resume a informações do dia a dia, mas dispor de um XERP é um bom indicador de tecnologia de comunicação, pois poderão fazer a integração de modo mais tranquilo. ✓ Flexibilidade – é a capacidade da empresa responder ao mercado e está atrelada à sua capacidade de inovação. Inovação – esse fator demonstra se a empresa, ao longo de seus anos de vida, foi uma empresa que buscou sempre estar à frente de seus concorrentes com produtos e tecnologias inovadoras, lançamentos de novos produtos bem aceitos no mercado etc. Agora que tem o conhecimento fatores supracitados e sobre o que trata cada um desses fatores, escolha o que mais se encaixa no perfil que irá fazer a atividade. Esses fatores são sugestões, logo, você pode colocar outros fatores que achar mais relevante e suprimir outros que não são do seu interesse. Então mãos à obra. Siga os seguintes passos para iniciar a sua atividade: 1. Leia o material da Aula 6 - tema 5 Seleção de Fornecedores 2. Assista a vídeo aula – Aula prática 6 – Seleção de fornecedores
  • 4. 3. Faça uma breve introdução sobre a empresa (mesmo que fictícia) – informe o ramo de atividade, quantos anos está no mercado e qual a finalidade de se fazer a seleção dos fornecedores. 4. Descreva a política de seleção de fornecedores adotada pela empresa, ou seja, quais são os critérios adotados para a seleção de fornecedores pela empresa (qualificação, tempo de atuação no mercado, credibilidade da empresa em relação a outros parceiros ou concorrentes etc.) 5. Você pode utilizar essa tabela para a classificação de multicritério de escolha de fornecedores, mas pode utilizar outro método de que tenha conhecimento sem problema. 6. Finalize descrevendo as razões que fizeram a empresa selecionar esse ou aquele Fornecedor. 7. O arquivo para a entrega da atividade pode ser em word, PDF 8. Não fique com nenhuma dúvida, procure sempre a tutoria para esclarecimentos e ajuda sempre que precisar e quantas vezes achar necessário.
  • 5. Sempre será um enorme prazer em te ajudar. Bom trabalho para você!!!