Lição 13 hebreus

852 visualizações

Publicada em

Série de estudos sobre o livro de Hebreus, capítulo a capítulo, ministradas na Escola Bíblica em Igreja Evangélica Sem Fronteiras.

Publicada em: Espiritual
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
852
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
45
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Beginning course details and/or books/materials needed for a class/project.
  • Beginning course details and/or books/materials needed for a class/project.
  • Beginning course details and/or books/materials needed for a class/project.
  • Beginning course details and/or books/materials needed for a class/project.
  • Beginning course details and/or books/materials needed for a class/project.
  • Beginning course details and/or books/materials needed for a class/project.
  • Beginning course details and/or books/materials needed for a class/project.
  • Beginning course details and/or books/materials needed for a class/project.
  • Beginning course details and/or books/materials needed for a class/project.
  • Beginning course details and/or books/materials needed for a class/project.
  • Beginning course details and/or books/materials needed for a class/project.
  • Beginning course details and/or books/materials needed for a class/project.
  • Beginning course details and/or books/materials needed for a class/project.
  • Beginning course details and/or books/materials needed for a class/project.
  • Beginning course details and/or books/materials needed for a class/project.
  • Beginning course details and/or books/materials needed for a class/project.
  • Beginning course details and/or books/materials needed for a class/project.
  • Beginning course details and/or books/materials needed for a class/project.
  • Lição 13 hebreus

    1. 1. ESCOLA BÍBLICA IGREJA EVANGÉLICA SEM FRONTEIRA O LIVRO DE
    2. 2. LIÇÃO PERSEVERANÇA NA FÉ E SANTIDADE
    3. 3. Lição 13: PERSEVERANÇA NA FÉ E SANTIDADE TEXTO ÁUREO “Portanto, nós também, pois, que estamos rodeados de uma tão grande nuvem de testemunhas, deixemos todo embaraço e o pecado que tão de perto nos rodeia e corramos, com paciência, a carreira que nos está proposta” (Hb 12.1).
    4. 4. Lição 13: PERSEVERANÇA NA FÉ E SANTIDADE VERDADE PRÁTICA A vitória na vida cristã é para os que correm com paciência rumo ao encontro final com Cristo nos céus.
    5. 5. LEITURA DIÁRIA Mt 10.22 - Perseverando até o fim Gl 4.2 - Perseverando na oração Rm 12.13 - Ajudando aos santos 1 Co 7.14 - Santificação conjugal Jo 15.9 - Permanecendo no amor 2 Co 13.13 - A graça, o amor e a comunhão Lição 13: PERSEVERANÇA NA FÉ E SANTIDADE
    6. 6. LEITURA BÍBLICA EM CLASSE Hebreus 12.1,2,6-8,12,13 Lição 13: PERSEVERANÇA NA FÉ E SANTIDADE
    7. 7. PONTO DE CONTATO Depois de apresentar os homens de fé e a vitória que eles alcançaram, o escritor aos hebreus volta e dirigi- se aos seus leitores para estimulá-los a percorrer o mesmo caminho. Tanto os antigos crentes como nós somos aperfeiçoados em Cristo. Eles alcançaram esta posição por sua fé apesar de sofrerem tantas provações. Nós, igualmente, devemos ter uma fé ativa, despojando-nos de todo o embaraço e do pecado que nos assedia, para corrermos com perseverança a carreira que nos foi proposta. Lição 13: PERSEVERANÇA NA FÉ E SANTIDADE
    8. 8. OBJETIVOS Após esta lição, deveremos estar apto a:  Identificar o pecado e o embaraço como elementos que podem atrapalhar a vida cristã.  Afirmar que a vida cristã é parecida com uma maratona.  Reconhecer que a vida de santificação é a vontade de Deus para as nossas vidas. Lição 13: PERSEVERANÇA NA FÉ E SANTIDADE
    9. 9. Os cristãos hebreus tinham à sua disposição muito mais vantagens que as permitidas aos heróis que os antecederam. O autor se compara, juntamente com seus irmãos em Cristo, a atletas disputando uma corrida, ao redor dos quais está aquela numerosa plateia enfileirada, como nas arquibancadas de um grande estádio. As testemunhas da grande prova são justamente os heróis da fé, cujos feitos estão registrados no capítulo 11 da epístola em estudo. Tomando o exemplo desses homens das gerações anteriores, o escritor procura nos encorajar a correr a boa corrida da fé e ganhar, pela resistência e coragem, o prêmio que nos é oferecido. INTRODUÇÃO
    10. 10. Os dois últimos capítulos de Hebreus encerram a epístola com exortações e orientações aos crentes sobre como perseverar na fé e na doutrina, com disciplina, amor e santidade. Estes temas atualmente são desprezados em muitos lugares, por causa do “vírus” do relativismo. Mas a Palavra de Deus é como um “martelo que esmiúça a penha” (Jr 23.29), e dissipa os “ventos” contrários a sã doutrina, fortalecendo e INTRODUÇÃO
    11. 11. 1. Uma nuvem de testemunhas (v.1). O escritor nos leva a outros aspectos da vida cristã, ressaltando que estamos rodeados de “uma tão grande nuvem de testemunhas”. Quem são essas testemunhas? Pelo contexto entendemos que aqueles são heróis diante do Todo-poderoso que testemunham a sua fidelidade. Aqui, a palavra testemunha, originalmente martys, denota a experiência dos antepassados da fé. Por outro lado, podemos dizer que em nossa carreira cristã estamos sendo observados por muitas testemunhas. Umas visíveis: os homens, crentes e descrentes; outras, invisíveis: os anjos e os demônios. (Ver Sl 34.7; Hb I. A CARREIRA COM PACIÊNCIA
    12. 12. 2. Deixando o pecado e o embaraço (v.2). Somos exortados a deixar “todo o embaraço e o pecado que tão de perto nos rodeia”. O embaraço certamente não é pecado, mas pode tornar-se num impedimento, ou num atraso à nossa vida e carreira espiritual, e aí sim, conduzir-nos ao pecado. Um crente embaraçado é facilmente atingido pelo I. A CARREIRA COM PACIÊNCIA
    13. 13. A televisão, por exemplo, mesmo transmitindo programas de cunho informativo ou cultural, pode embaraçar o crente se este deixar de ir à casa de Deus para prostrar-se diante dela. Há crentes que se embaraçam com dívidas, amizades, esportes, lazer, etc. Ademais disso, não podemos esquecer que a Bíblia nos manda remir o I. A CARREIRA COM PACIÊNCIA
    14. 14. 3. Correndo com paciência. Aqui o escritor toma uma figura de linguagem emprestada, provavelmente dos jogos olímpicos, para comparar a vida cristã a uma maratona. Numa corrida, é necessário ter paciência para se alcançar a chegada (cf. Hb 10.36). No caso da fé, a carreira não é escolhida pelo cristão, e sim proposta por Deus. O crente precisa correr e chegar ao final vitorioso. Para que isso aconteça só existe um segredo segundo as Escrituras: perseverança e paciência (Rm 5.3- 5). I. A CARREIRA COM PACIÊNCIA
    15. 15. 4. Olhando para Jesus (v.2). Numa corrida de resistência, o atleta precisa olhar para frente, caso contrário, poderá perder o tempo e o rumo. Na vida cristã, mais ainda, o crente não pode perder de vista o alvo, Jesus. Ele é o autor e também o consumador de nossa fé. Deu-nos o exemplo, suportando a cruz, desprezando a afronta, até assentar-se à direita de Deus, “pelo gozo que lhe estava proposto”. A história da Igreja está cheia de exemplos de homens e mulheres, que corajosamente I. A CARREIRA COM PACIÊNCIA
    16. 16. 5. A correção com amor (vv.3-11). Nesta primeira parte do texto, o escritor exorta os crentes hebreus à perseverança, dizendo que ainda não haviam resistido “até o sangue no combate contra o pecado” (v.4). Parece que o escritor tinha em mente que seus destinatários poderiam ignorar um pouco da Palavra de Deus, e cita Provérbios 3.11-12, onde a Palavra de Deus anima os crentes a não se esquecerem da exortação do Pai, e a não I. A CARREIRA COM PACIÊNCIA
    17. 17. No v.6, o autor diz que se alguém está sem disciplina não é filho, mas bastardo, ou filho ilegítimo (vv.7,8). E conclui falando do valor da correção: “porque o Senhor corrige o que ama e açoita a qualquer que o recebe por filho” (vv.10,11). Trata- se da correção com amor. Do Senhor para nós. De pais para filhos. De discipulador para discípulo. I. A CARREIRA COM PACIÊNCIA
    18. 18. 1. Levantando as mãos cansadas (v.12). Na vida cristã, pode haver momentos de cansaço e esgotamento espiritual. Mas existe um remédio para isso: Os que estão firmes pela graça de Deus, ao invés de dificultarem ainda mais a caminhada dos mais fracos, devem ajudá-los a levantarem-se (cf. Jó 4.3; Is 35.3). E, Deus tem o poder necessário para nos renovar e restaurar II. EXORTAÇÃO À SANTIFICAÇÃO
    19. 19. 2. Seguindo a paz e a santificação. Santidade é o estado de quem se destaca pela pureza. Santificação é a prática. E só é possível através da Palavra de Deus e mediante o sangue de Cristo (Jo 17.17; 1 Jo 1.7). A santificação é a salvação em andamento, em processo. A doutrina equivocada de que “uma vez salvo para sempre salvo” não passa de falácia, para justificar a pretensiosa doutrina da predestinação absoluta, segundo a qual uns nascem “carimbados” como “salvos” e outros como “perdidos”. Uma vez salvo, o cristão precisa fazer II. EXORTAÇÃO À SANTIFICAÇÃO
    20. 20. Temos uma carreira a percorrer pacientemente, mas esta deve ser livre de embaraços, pois eles, mesmo não sendo o pecado, podem conduzir-nos a ele. Que possamos concluir esta carreira como santos filhos de Deus, e receber do nosso Pai o galardão reservado a cada um de nós. CONCLUSÃO

    ×