Epafrodito

705 visualizações

Publicada em

Reflexão sobre a vida de Epafrodito - Ministrada por Eduardo Paixão - Igreja Evangélica Sem Fronteiras

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
705
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
24
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Epafrodito

  1. 1. Texto Base: Filipenses 2. 25-30
  2. 2.  Paulo foi o fundador da igreja em Filipos, na Macedônia, em sua segunda viagem missionária.  Paulo se dirigia para Bitínia; quando o Espírito de Deus em sonho; mostrou-lhe um Macedônio dizendo: “ Passa em Macedônia e ajuda-nos.” E assim entendeu que o Espírito de Deus o chamava a fazer missões naquela região. (At 16.9)
  3. 3.  Foi em Filipos, a primeira cidade da Macedônia, que recebeu a pregação do evangelho. Foi muito difícil o trabalho de implantação da igreja naquela cidade.  Filipos era a capital da província romana chamada Macedônia, localizada em território que hoje pertence à Grécia.
  4. 4.  A primeira pessoa a se converter na cidade foi Lídia, vendedora de púrpura; depois o carcereiro e sua família quando Paulo e Silas estavam presos. (At 16.14)
  5. 5.  De Filipos: Evódia, Síntique, Clemente e Epafrodito, foram como “colunas da igreja”.  Certa feita eles receberam a notícia que o missionário e fundador da igreja, o apóstolo Paulo, estava preso e passava necessidade em Roma. Alguns irmãos tiveram a disposição para levantar uma oferta e enviá-la a Paulo.
  6. 6.  Mas, quem iria enfrentar os obstáculos de uma viagem tão longa e levar esta oferta?  Epafrodito, um dos líderes da igreja se voluntariou como mensageiro a Paulo. (Filipenses. 4:18).
  7. 7.  Durante o cumprimento da missão, Epafrodito adoeceu gravemente em Roma; porém cumpriu sua missão de suprir o missionário.  Gostaria de falar sobre Epafrodito, que tem um nome estranho, porém suas virtudes e sua motivação no Senhor.
  8. 8.  “ Irmão” (versículo 25)  Significa que este compartilhava a mesma fé redentora e visão da obra, tal qual Paulo.  Somente irmãos, sacrificam-se uns pelos outros. Um irmão supre a necessidade do outro. Um irmão não guarda ressentimento porque é filho do mesmo pai.
  9. 9.  “Cooperador” (versículo 25)  Um diácono, um servidor.  Cooperador é aquele que trabalha sem aparecer. E se aparece não se ensoberbece.  O cooperador serve onde for necessário, das tarefas mais simples às mais complexas, ele está sempre disponível. (1 Coríntios 3.9)
  10. 10.  Companheiro de lutas (versículo 25)  Trata-se de um amigo e irmão nas horas mais difíceis. No momento em que a morte e a prisão rondavam o apóstolo Paulo, lá estava Epafrodito para animá-lo, consolá-lo e servir de apoio.  Todos nós precisamos de um companheiro de lutas. (Provérbios 17:17).
  11. 11. Auxiliar: são os que estão presentes nas necessidades. Choram com os que choram, alegram-se com os que se alegram. (Romanos 12.15)
  12. 12.  O Amor e a Gratidão.  O sentimento que impulsionava Epafrodito era o amor ágape (sacrificial), que não media esforços para alcançar os alvos cristãos.  Vejamos I João 4. 7,8
  13. 13.  A igreja do Senhor Jesus é construída por homens e mulheres que se destacam com suas virtudes e motivações na obra de Deus.

×