energia hídrica

21.602 visualizações

Publicada em

0 comentários
7 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
21.602
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
45
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
390
Comentários
0
Gostaram
7
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

energia hídrica

  1. 1. Energia Hídrica<br />HYDRO é água…<br />HIDROENERGIA ou ENERGIA HÍDRICA é a energia que obtemos da água em movimento…<br />A Energia Hídrica é nem mais nem menos a energia que poderemos obter através da água.<br />
  2. 2. Apenas este 1/3 está potencialmente disponível ao Homem e aos outros organismos<br />
  3. 3. Energia Hidrica<br /> <br />É a energia proveniente do movimento das águas doces. <br />Quando chove nas montanhas a água junta-se e acumula-se nos rios e ribeiras que se deslocam para o mar.<br />A energia é produzida aproveitando o potencial hidráulico que existe nos rios, usando desníveis naturais, como quedas de água, ou artificiais, como o desvio do curso original do rio.<br />A energia hídrica tem como base a energia solar, uma vez que, é devido a este que ocorre o ciclo da água. O ciclo dá-se através da evaporação da água dos rios, lagos, mares e oceanos, pela radiação solar directa e pelos ventos. O vapor de água mistura-se com o ar atmosférico e sobe até formar as nuvens. Boa parte dessas nuvens é transportada pelos ventos até regiões de maior altitude. Através da chuva, a água é devolvida ao solo, passando a alimentar os rios nos seus fluxos descendentes.<br />O Ciclo da Água pode ser utilizado pelos humanos num determinado momento e num determinado lugar. Embora a água seja um recurso renovável, as quantidades disponíveis têm diminuído ao longo dos anos.<br />
  4. 4. Durante centenas de anos o movimento da água foi usado nos moinhos. A passagem da água fazia mover lemes de madeira que estão ligados a uma mó (pedra granítica redonda muito pesada). Esta roda mói o milho transformando-o em farinha. <br />Actualmente a corrente da água é usada para produzir energia eléctrica.<br />
  5. 5. A produção de hidro-electricidade é feita através centrais hidroeléctricas, que estão associadas a barragens de grande ou média capacidade, que puxam a água dos rios, fazendo como que um reservatório de água, interrompendo pontualmente o fluxo de água. Estas centrais, usam a energia da diferença de nível entre a albufeira e o rio, a jusante da central, que fazem rodar as turbinas e os respectivos geradores, gerando electricidade.<br />Também esta energia tem sido aproveitada através da aplicação do que se designa pequenas centrais hídricas, as PCHs, que consistem na construção de pequenos açudes ou barragens, que desviam uma parte do caudal do rio, para lho devolver num local desnivelado (onde são instaladas as turbinas), produzindo assim electricidade, que é depois distribuída pela rede eléctrica.<br />
  6. 6. Vantagens e desvantagens<br /><ul><li>O facto de se utilizar um recurso renovável para a produção da energia já é uma vantagem.
  7. 7. Esta fonte de energia é uma das fontes de energia mais limpas, é abundante,relativamente económica e cria áreas de lazer, para pescas e desportos náuticos .
  8. 8. A produção de hidro-electricidade, é dos processos mais eficientes e menos poluidores. Muitos dos efeitos são reversíveis, e a natureza, com a contribuição humana, acaba por encontrar novos equilíbrios
  9. 9. Nas pequenas centrais hídricas, os inconvenientes para o ambiente, resumem-se praticamente à fase de construção. Passado pouco tempo da entrada em funcionamento, os impactos negativos não têm qualquer significado, em comparação com os benefícios.
  10. 10. Porém, a construção de empreendimentos de grande dimensão, como as barragens, pode resultar em alguns impactos negativos no meio ambiente e no ecossistema fluvial pois geralmente exige a formação de grandes reservatórios de água. Estes problemas são devidos ao alagamento de grandes</li></ul>áreas, causando a morte de plantas e animais e o deslocamento de populações ribeirinhas. <br />
  11. 11. EM PORTUGAL<br />A energia de origem hídrica é hoje a segunda maior fonte de electricidade no mundo.<br /> Actualmente, em Portugal cerca de 30% da electricidade consumida no País tem origem hídrica, sendo que o potencial de aproveitamento de energia hídrica está distribuído por todo o território nacional, com maior concentração no Norte e Centro do país.<br />Em Portugal a energia míni-hídrica está distribuído por todo o território nacional, com maior incidência no Norte e Centro do País<br /><ul><li>CENTRAIS MINI HIDRICAS</li></ul>Existem à mais de 100 anos para gerar electricidade podem variar de potência de 10 MW a 25 GigaWatts.<br />Estas mini centrais podem ter diferentes classificações consoante:<br />- potência<br />- altura de queda<br /><ul><li>Capacidade de regularizar o caudal </li></ul>(2 tipos) <br /><ul><li>Centrais a fio de água, mais comuns, (que não têm capacidade de regularizar o caudal, pelo que o caudal utilizável é o caudal instantâneo do rio), podem ligar-se à rede ou contribuir para sistemas isolados como fonte de alimentação local ou regional
  12. 12. Centrais com regularização, que possuem uma albufeira que lhes permite adaptar o caudal afluente </li></li></ul><li>Actualmente, uma parte significativa da energia eléctrica consumida em Portugal tem origem hídrica. No entanto, é preciso não esquecer que a produção deste tipo de energia está directamente dependente da chuva. Quando a precipitação é mais abundante, a contribuição destas centrais atinge os 40%. Pelo contrário, nos anos mais secos, apenas 20% da energia total consumida provém dos recursos hídricos. <br />"A água é o veículo da natureza." (Leonardo da Vinci)<br />
  13. 13. Trabalho realizado por :<br />Tiago Santos<br />Renato do Carmo<br />8º 1ª<br />Maio 2010<br />Bibliografia:<br />Internet<br />Enciclopédia Wikipédia<br />

×