Deficiência visual

280 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
280
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
56
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Deficiência visual

  1. 1. Deficiência Visual
  2. 2. ConceitoSegundo a Organização Mundial de Saúde (OMS2003) deficiência é algumas restrições ou perdaresultante do impedimento para desenvolverhabilidades consideradas normais para o serhumano. “Deficiência Visual incluindocegueira, designa um comprometimento devisão que, mesmo quando corrigido, prejudica odesempenho educacional da criança. O termoengloba tanto a baixa visão quanto a cegueira”.(WINTER, 2004. p7)
  3. 3. • A deficiência visual é um estado permanente de redução do sentido visual, que pode decorrer de patologias congênitas, hereditárias ou adquiridas, a situação que defere de fato a acuidade visual é a permanência da deficiência mesmo após tratamento clinico e cirúrgico.
  4. 4. Alguns dadosSegundo a Organização Mundial de Saúde (OMS) maisde vinte e cinco milhões de brasileiros sãodeficientes, quase um milhão são pessoas comdeficiência visual, dos quais duzentos mil são cegos. No Brasil noventa por cento dos cegos com menos de trinta anos estão fora das escolas. Sendo assim, cabe à escola estar organizada com políticas educacionais que contemplem a atuação interdisciplinar, rompendo com a exclusão e com a fragmentação dos saberes. A política de educação inclusiva aponta a necessidade de uma organização das políticas de atendimento que contemplem a atuação interdisciplinar, rompendo com o viés de exclusão de que se revestem as práticas atuais, adequando e favorecendo o acesso e a permanência do aluno no ambiente escolar.
  5. 5. Alguma Informações Importantes• A cegueira desperta curiosidade, interesse, inquietações e não raro provoca grande impacto no ambiente escolar.• Costuma ser abordado de forma pouco natural e pouco espontâneo porque os professores não sabem como proceder em relação aos alunos cegos.• Torna-se necessário quebrar o tabu, dissipar os fantasmas, explicitar o conflito e dialogar com a situação. Somente assim será possível assimilar novas atitudes, procedimentos e posturas.
  6. 6. • Percebe-se que nas escolas contemporâneas não existe preparo para lidar com o deficiente visual, tanto por parte dos educadores quanto da sociedade em geral que convive com este sujeito.
  7. 7. Os serviços do CAP para o deficiente Visual• Ensino Braille• Orientação e mobilidade( AVA e AVP)• Escrita cursiva• Sorobã• Informática acessível• Adaptação de material (transcrita para o Braille, para tinta e ampliação.)

×