A arte na antiguidade

662 visualizações

Publicada em

Conhecendo a arte na Idade Antigs

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
662
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
10
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A arte na antiguidade

  1. 1. A ARTE NA ANTIGUIDADE Mesopotâmia Na Mesopotâmia desenvolveram-se muitas civilizações, entre as quais destacam-se a sumeriana, a babilônica, a persa e a assíria. A escrita dessa época recebe o nome de escrita Cuneiforme. A invenção da escrita coube aos sumérios. Essa escrita era feita, originalmente, na argila mole com um estilete em forma de cunha. Elisandra Rizzon, Natália Ban T. 72 - 2011 -
  2. 2. A ARTE NA ANTIGUIDADE Arquitetura Na arquitetura, destacam-se palácios, zigurates¹, templos, observatórios astronômicos e grandes muralhas. ¹ Zigurates: construções com torres, em andares. Gabriela Dal Bosco, Júlia de Oiveira, Luiza Peroni T.71 - 2011 -
  3. 3. A ARTE NA ANTIGUIDADE Egito Uma das civilizações mais importantes e mais longa da história Antiga. Os egípcios criaram uma sociedade forte e bem organizada. Das pirâmides às belas jóias, muitas dessas coisas sobreviveram para serem admiradas por nós hoje em dia. Jéssica Fiório, Paula Damin T.72 - 2011 -
  4. 4. A ARTE NA ANTIGUIDADE Pintura e escultura Tanto na pintura como na escultura, as figuras humanas eram apresentadas em posição rígida e majestática, geralmente com o tronco e os olhos desenhado de frente, a cabeça, as pernas e os pés de perfil (Lei da Frontalida- de). Jéssica Fiório, Paula Damin T. 72 - 2011 -
  5. 5. A ARTE NA ANTIGUIDADE Os Hieróglifos A escrita egípcia, conhecida como hieróglifica era privilégio dos sacerdotes e dos escribas. Felipe Pereira T.61Eduardo Pacheco T.61 Pedro Zanette T.61Leonardo Dal-Ri T.61 - 2011 -
  6. 6. A ARTE NA ANTIGUIDADE Papel de Papiro A arte de fazer papel teve início com os egípcios. Eles o faziam de tiras de junco de papiro, molhadas em água depois prensadas em conjunto. Dienifer Lise T.6ºA Isadora N. Perera T.6ºA Lucas Palla T.6ºBGabriel Oliveski T.6ºB - 2011 -
  7. 7. A ARTE NA ANTIGUIDADE Múmias Os egípcios acreditavam que o espírito das pessoas falecidas viveria para sempre após a morte. Embalsamar foi uma técnica que os egípcios desenvolveram para preservar corpos. Arilso Brites, Júlia Nesello, Letícia dos Reis, Vitória H. da Silva T. 62 - 2011 -
  8. 8. A ARTE NA ANTIGUIDADE Grécia Os gregos lançaram os principais alicerces da civilização ocidental nas artes, nas ciências e na filosofia. Teatro Originário da Grécia. É o resultado da união da poesia e da música. Tipos de teatro: Tragédia, comédia, de máscaras, de bonecos ( de vara, fantoches, marionetes), etc. *Teatro de máscaras: A máscara, que além de caracterizar o personagem, facilitando a visualização, funcionava como uma espécie de megafone, ampliando a voz. Carolina Ávila de F. Silva T.6ºA Luís H. de Castilhos T.6ºB
  9. 9. A ARTE NA ANTIGUIDADE Jogos Olímpicos Os Jogos Olímpicos se originaram em Olímpia (Grécia Antiga) com o objetivo de celebrar e homenagear os deuses. Mascotes das Olimpíadas As mascotes olímpicas são personagens (geralmente animais nativos) que representam a cultura do país anfitrião dos Jogos Olímpicos. JOGOS OLÍMPICOS E PAROLÍMPICOS – BRASIL – 2016
  10. 10. A ARTE NA ANTIGUIDADE TUTA SEM PÉ: “Representa uma lenda do folclore brasileiro – o Saci-Pererê, que originou-se entre as tribos indígenas do sul do Brasil. Nós o escolhemos para homenagear o surgimento do esporte parolímpico brasileiro.” Gabriel De Gregori, Sabrina Zanotto T.61 - 2011 -
  11. 11. A ARTE NA ANTIGUIDADE LARA AZUL: “Representa uma ave que pode ser encontrada, principalmente, no Pantanal – a Arara-Azul, que está ameaçada de extinção. A arara-azul é a maior das diversas araras existentes no Brasil. Alimenta-se de frutas e sementes. A arara-azul vive em grupos de alguns casais ou somente com o parceiro (e com o filhote quando há cria). As araras são animais monógamos, ou seja, ficam com o mesmo parceiro por toda a vida.” Alane Nesello, Andressa Ferrazza T.61 - 2011 -
  12. 12. A ARTE NA ANTIGUIDADE SABIRI: “Representa a ave-símbolo do Brasil – o sabiá-laranjeira. Seu canto se assemelha ao som de uma flauta, bem variado ilustra a alma brasileira, que é muito alegre.” Micheli Scariot, Rafael A. Scariot T.61 - 2011 -
  13. 13. A ARTE NA ANTIGUIDADE TONY: “Representa uma ave que vive nas florestas tropicais da América do Sul – o Tucano-toco, que é o maior de todos os tucanos. A característica mais notável da espécie é o grande bico amarelo-alaranjado, que pode medir até 22cm.” Maria Carolina Friederich, Luiza C. Novello T.61 - 2011 -
  14. 14. A ARTE NA ANTIGUIDADE ZÉ CAFÉ: “Representa o fruto do cafeeiro, planta nativa de Kaffa (daí certamente o nome café), província da Etiópia. O café no Brasil é produzido nos Estados de Minas Gerais, Espírito Santo, São Paulo e Paraná. O Brasil é o maior produtor mundial de café.” Letícia Vanassi, Vitória Andrade T.61 - 2011 -
  15. 15. A ARTE NA ANTIGUIDADE ZÉ CARIOCA: “Inspirado no músico José do Patrocínio Oliveira, Walt Disney criou seu único personagem brasileiro: o Zé Carioca. Nós o escolhemos por representar a festa e a diversão proporcionado pelos Jogos Olímpicos.” Ana Carolina, Clara Zanandrea T.61 - 2011 -
  16. 16. A ARTE NA ANTIGUIDADE Roma Os romanos dedicavam-se à arte de governar e fazer leis. O Direito Romano, ainda hoje, é base para os códigos de leis de todo o Ocidente. Normas da escola Camila Gonçalves T.6ºA Aline Binotto T.6ºA
  17. 17. A ARTE NA ANTIGUIDADE Maria Eduarda Silva T.6ºBFernanda Sandri T.6ºA Laura dos Santos T.6ºB
  18. 18. A ARTE NA ANTIGUIDADE Arquitetura Os arcos de triunfo são pórticos monumentais, mandados erguer pelos imperadores romanos para registrar seus feitos, ou de seus generais, nas guerras. Bárbara Garibaldino, Djavan Brites, Raissa Silvestre T.72 - 2011 -
  19. 19. A ARTE NA ANTIGUIDADE Mosaico Romano As vilas (casas de campo), quase sempre, tinham pisos com mosaicos decorativos. As estampas ou figuras eram feitas de centenas de pequenos ladrilhos chamados tesserae. Bárbara Garibaldino, Djavan Brites, Raissa Silvestre T.72 - 2011 -
  20. 20. A ARTE NA ANTIGUIDADE O Latim Os romanos falavam latim. A maioria deles não sabia ler e escrever. Somente os filhos das famílias ricas iam à escola. *Os alunos e os escribas faziam anotações em tabuletas cobertas de cera. Laura Gabrielli, Mhaís Menin T.71 - 2011 -
  21. 21. FONTES Livro: Introdução à História da Arte. Kenia Pozenato e Mauriem Gauer – Mercado Aberto – 4ª ed. Revistas: Ciranda Cultural – Egípcios Antigos – Com a história na mão. Fiona Macdonald – edição 2010. Ciranda Cultural – Romanos – Com a história na mão. Fiona Macdonald – edição 2010. www.infoescola.com/historia/mesopatamia www.culturabrasil.org/egito.htm www.suapesquisa.com/pesquisa/papiro.htm www.brasilescola.com/educacaofisica/origem-dos-jogos-olimpicos.htm www.jacarandaorganico.com.br/v_05/historia_do_cafe.html www.brasilescola.com/folclore/saci-perere.htm www.paraolimpíadas.com.br www.pesquisa-total.com/animais/arara-azul.htm pt.wikipedia.org/wiki/tucano-toco pt.wikipedia.org/wiki/Mascotes_olímpicas pt.wikipedia.org/wiki/zé_carioca pt.wikipedia.org/wiki/sabiá-laranjeira

×