SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 27
A produção florestal
A importância da floresta ,[object Object]
Principais espécies florestais ,[object Object],O Pinheiro Manso tem maior expressão no Alentejo ,Lisboa e Algarve
O Sobreiro e a Azinheira concentram-se no Sul ,nomeadamente no Alentejo.
[object Object]
[object Object]
O Eucaliptal dispersa-se por todo o território apesar de ser no Centro onde mais se tem expandido.
[object Object],No entanto a crescente expansão do eucaliptal pode levar à infertilidade dos solos e ao esgotamento dos recursos hídricos  subterrâneos
[object Object]
A floresta permite: ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Ao nível do comércio externo destaca-se a: ,[object Object],[object Object]
Tem havido uma redução global da área florestal ,[object Object],Devido a:
[object Object]
[object Object]
A construção de vias de comunicação , a pressão turística … As pragas e doenças que afectam as espécies florestais A expansão urbana
incêndios
 
 
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Factores que explicam o elevado número de incêndios
Em 2003 arderam mais de 400mil hectares de floresta
[object Object]
Nos últimos anos, os incêndios florestais provocaram a morte de dezenas de pessoas, incluindo bombeiros, centenas de casas foram destruídas e arderam mais de um milhão e 600 mil hectares de solo e mais de 340 milhões de árvores.
[object Object]
comportamentos de risco a evitar  ,[object Object]
Programa de acção florestal ,[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],Trabalho realizado por: prof. Adelaide   Pereira FIM

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Principais acidentes da costa portuguesa
Principais acidentes da costa portuguesaPrincipais acidentes da costa portuguesa
Principais acidentes da costa portuguesaThepatriciamartins12
 
Agricultura: fatores condicionantes
Agricultura: fatores condicionantesAgricultura: fatores condicionantes
Agricultura: fatores condicionantesIdalina Leite
 
As regiões agrárias: Entre Douro e Minho
As regiões agrárias: Entre Douro e MinhoAs regiões agrárias: Entre Douro e Minho
As regiões agrárias: Entre Douro e MinhoSara Guerra
 
Factores_condicionantes_da_pratica_agricola
Factores_condicionantes_da_pratica_agricolaFactores_condicionantes_da_pratica_agricola
Factores_condicionantes_da_pratica_agricolaHelena Saraiva
 
Região agrária do Ribatejo e Oeste.
Região agrária do Ribatejo e Oeste.Região agrária do Ribatejo e Oeste.
Região agrária do Ribatejo e Oeste.Mariana Costa
 
Atividade piscatória
Atividade piscatóriaAtividade piscatória
Atividade piscatóriaIlda Bicacro
 
3 r agrária alentejo
3   r agrária alentejo3   r agrária alentejo
3 r agrária alentejoPelo Siro
 
Indústria e desenvolvimento rural 11ºse
Indústria e desenvolvimento rural 11ºseIndústria e desenvolvimento rural 11ºse
Indústria e desenvolvimento rural 11ºsemariajosantos
 
Efeitos da aplicação da PAC na agricultura portuguesa
Efeitos da aplicação da PAC na agricultura portuguesaEfeitos da aplicação da PAC na agricultura portuguesa
Efeitos da aplicação da PAC na agricultura portuguesaIdalina Leite
 
A Agricultura portuguesa (11º ano) e a Ação erosiva do mar (10º ano)
A Agricultura portuguesa (11º ano) e a Ação erosiva do mar (10º ano)A Agricultura portuguesa (11º ano) e a Ação erosiva do mar (10º ano)
A Agricultura portuguesa (11º ano) e a Ação erosiva do mar (10º ano)Joana Filipa Rodrigues
 
Desenvolver a silvicultura 11 6
Desenvolver a silvicultura 11 6Desenvolver a silvicultura 11 6
Desenvolver a silvicultura 11 6Joao Paulo Curto
 
A pecuária
A pecuáriaA pecuária
A pecuáriaanatao
 
Paisagens agrarias 2
Paisagens agrarias 2Paisagens agrarias 2
Paisagens agrarias 2Idalina Leite
 
Produção agrícola nacional- Alentejo
Produção agrícola nacional- AlentejoProdução agrícola nacional- Alentejo
Produção agrícola nacional- AlentejoDavide Ferreira
 
A agricultura portuguesa e a política agrícola comum
A agricultura portuguesa e a política agrícola comumA agricultura portuguesa e a política agrícola comum
A agricultura portuguesa e a política agrícola comumIlda Bicacro
 
Características da população agrícola
Características da população agrícolaCaracterísticas da população agrícola
Características da população agrícolaMaria Adelaide
 
Sismos e tsunamis luis 8ºb
Sismos e tsunamis luis 8ºbSismos e tsunamis luis 8ºb
Sismos e tsunamis luis 8ºbprotecaocivil
 
Floresta autóctone
Floresta autóctoneFloresta autóctone
Floresta autóctoneSandra Alves
 

Mais procurados (20)

Principais acidentes da costa portuguesa
Principais acidentes da costa portuguesaPrincipais acidentes da costa portuguesa
Principais acidentes da costa portuguesa
 
Agricultura: fatores condicionantes
Agricultura: fatores condicionantesAgricultura: fatores condicionantes
Agricultura: fatores condicionantes
 
As regiões agrárias: Entre Douro e Minho
As regiões agrárias: Entre Douro e MinhoAs regiões agrárias: Entre Douro e Minho
As regiões agrárias: Entre Douro e Minho
 
Factores_condicionantes_da_pratica_agricola
Factores_condicionantes_da_pratica_agricolaFactores_condicionantes_da_pratica_agricola
Factores_condicionantes_da_pratica_agricola
 
Região agrária do Ribatejo e Oeste.
Região agrária do Ribatejo e Oeste.Região agrária do Ribatejo e Oeste.
Região agrária do Ribatejo e Oeste.
 
Atividade piscatória
Atividade piscatóriaAtividade piscatória
Atividade piscatória
 
3 r agrária alentejo
3   r agrária alentejo3   r agrária alentejo
3 r agrária alentejo
 
Indústria e desenvolvimento rural 11ºse
Indústria e desenvolvimento rural 11ºseIndústria e desenvolvimento rural 11ºse
Indústria e desenvolvimento rural 11ºse
 
Efeitos da aplicação da PAC na agricultura portuguesa
Efeitos da aplicação da PAC na agricultura portuguesaEfeitos da aplicação da PAC na agricultura portuguesa
Efeitos da aplicação da PAC na agricultura portuguesa
 
A Agricultura portuguesa (11º ano) e a Ação erosiva do mar (10º ano)
A Agricultura portuguesa (11º ano) e a Ação erosiva do mar (10º ano)A Agricultura portuguesa (11º ano) e a Ação erosiva do mar (10º ano)
A Agricultura portuguesa (11º ano) e a Ação erosiva do mar (10º ano)
 
Desenvolver a silvicultura 11 6
Desenvolver a silvicultura 11 6Desenvolver a silvicultura 11 6
Desenvolver a silvicultura 11 6
 
A pecuária
A pecuáriaA pecuária
A pecuária
 
Paisagens agrarias 2
Paisagens agrarias 2Paisagens agrarias 2
Paisagens agrarias 2
 
Produção agrícola nacional- Alentejo
Produção agrícola nacional- AlentejoProdução agrícola nacional- Alentejo
Produção agrícola nacional- Alentejo
 
A agricultura portuguesa e a política agrícola comum
A agricultura portuguesa e a política agrícola comumA agricultura portuguesa e a política agrícola comum
A agricultura portuguesa e a política agrícola comum
 
Características da população agrícola
Características da população agrícolaCaracterísticas da população agrícola
Características da população agrícola
 
Sismos e tsunamis luis 8ºb
Sismos e tsunamis luis 8ºbSismos e tsunamis luis 8ºb
Sismos e tsunamis luis 8ºb
 
Características da agricultura portuguesa
Características da agricultura portuguesaCaracterísticas da agricultura portuguesa
Características da agricultura portuguesa
 
Desflorestação
DesflorestaçãoDesflorestação
Desflorestação
 
Floresta autóctone
Floresta autóctoneFloresta autóctone
Floresta autóctone
 

Destaque

Trabalho da cortiça andre
Trabalho da cortiça andreTrabalho da cortiça andre
Trabalho da cortiça andreRosalia Ribeiro
 
As florestas industriais e suas vantagens absolutas: geração de riquezas e di...
As florestas industriais e suas vantagens absolutas: geração de riquezas e di...As florestas industriais e suas vantagens absolutas: geração de riquezas e di...
As florestas industriais e suas vantagens absolutas: geração de riquezas e di...Instituto Besc
 
Florestas
FlorestasFlorestas
FlorestasFPCroca
 
O que está a destruir a floresta powerpoint
O que está a destruir a floresta powerpointO que está a destruir a floresta powerpoint
O que está a destruir a floresta powerpointhannahsbs
 
Modulo 3 ecossitemas florestais
Modulo 3 ecossitemas florestaisModulo 3 ecossitemas florestais
Modulo 3 ecossitemas florestaisAnt�nio Ferreira
 
Desenvolvimento da silvicultura 11 4
Desenvolvimento da silvicultura 11 4Desenvolvimento da silvicultura 11 4
Desenvolvimento da silvicultura 11 4Joao Paulo Curto
 
PROSPECÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA POR MEIO DE BANCOS DE PUBLICAÇÕES E DE PA...
PROSPECÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA POR MEIO DE BANCOS DE PUBLICAÇÕES E DE PA...PROSPECÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA POR MEIO DE BANCOS DE PUBLICAÇÕES E DE PA...
PROSPECÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA POR MEIO DE BANCOS DE PUBLICAÇÕES E DE PA...Gorete Figueiredo
 
A importância da recuperação de áreas ciliares
A importância da recuperação de áreas ciliares A importância da recuperação de áreas ciliares
A importância da recuperação de áreas ciliares Murilo Nasser Pinheiro
 
PRODUÇÃO DE ÁLCOOL DA MANDIOCA E DA CANA
PRODUÇÃO DE ÁLCOOL DA MANDIOCA E DA CANA PRODUÇÃO DE ÁLCOOL DA MANDIOCA E DA CANA
PRODUÇÃO DE ÁLCOOL DA MANDIOCA E DA CANA Lucas Wallace Sousa Alves
 
Producao de Sementes e Mudas florestais
Producao de Sementes e Mudas florestaisProducao de Sementes e Mudas florestais
Producao de Sementes e Mudas florestaisUrialisson Queiroz
 
Trabalho Florestal -- Manual de Prevenção no Abate de árvore
 Trabalho Florestal -- Manual de Prevenção  no  Abate de árvore Trabalho Florestal -- Manual de Prevenção  no  Abate de árvore
Trabalho Florestal -- Manual de Prevenção no Abate de árvorefilipeosantos1
 

Destaque (20)

Produção vegetal
Produção vegetalProdução vegetal
Produção vegetal
 
Conheça a árvore que produz a cortiça
Conheça a árvore que produz a cortiçaConheça a árvore que produz a cortiça
Conheça a árvore que produz a cortiça
 
Trabalho da cortiça andre
Trabalho da cortiça andreTrabalho da cortiça andre
Trabalho da cortiça andre
 
Negocios Florestais
Negocios FlorestaisNegocios Florestais
Negocios Florestais
 
As florestas industriais e suas vantagens absolutas: geração de riquezas e di...
As florestas industriais e suas vantagens absolutas: geração de riquezas e di...As florestas industriais e suas vantagens absolutas: geração de riquezas e di...
As florestas industriais e suas vantagens absolutas: geração de riquezas e di...
 
Florestas
FlorestasFlorestas
Florestas
 
O que está a destruir a floresta powerpoint
O que está a destruir a floresta powerpointO que está a destruir a floresta powerpoint
O que está a destruir a floresta powerpoint
 
Geografia11ºano
Geografia11ºanoGeografia11ºano
Geografia11ºano
 
Modulo 3 ecossitemas florestais
Modulo 3 ecossitemas florestaisModulo 3 ecossitemas florestais
Modulo 3 ecossitemas florestais
 
Mandioca gera etanol e eletricidade
Mandioca gera etanol e eletricidadeMandioca gera etanol e eletricidade
Mandioca gera etanol e eletricidade
 
Floresta
FlorestaFloresta
Floresta
 
Desenvolvimento da silvicultura 11 4
Desenvolvimento da silvicultura 11 4Desenvolvimento da silvicultura 11 4
Desenvolvimento da silvicultura 11 4
 
As Florestas
As FlorestasAs Florestas
As Florestas
 
Biodiversidade
BiodiversidadeBiodiversidade
Biodiversidade
 
PROSPECÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA POR MEIO DE BANCOS DE PUBLICAÇÕES E DE PA...
PROSPECÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA POR MEIO DE BANCOS DE PUBLICAÇÕES E DE PA...PROSPECÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA POR MEIO DE BANCOS DE PUBLICAÇÕES E DE PA...
PROSPECÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA POR MEIO DE BANCOS DE PUBLICAÇÕES E DE PA...
 
A importância da recuperação de áreas ciliares
A importância da recuperação de áreas ciliares A importância da recuperação de áreas ciliares
A importância da recuperação de áreas ciliares
 
A cortiça
A cortiçaA cortiça
A cortiça
 
PRODUÇÃO DE ÁLCOOL DA MANDIOCA E DA CANA
PRODUÇÃO DE ÁLCOOL DA MANDIOCA E DA CANA PRODUÇÃO DE ÁLCOOL DA MANDIOCA E DA CANA
PRODUÇÃO DE ÁLCOOL DA MANDIOCA E DA CANA
 
Producao de Sementes e Mudas florestais
Producao de Sementes e Mudas florestaisProducao de Sementes e Mudas florestais
Producao de Sementes e Mudas florestais
 
Trabalho Florestal -- Manual de Prevenção no Abate de árvore
 Trabalho Florestal -- Manual de Prevenção  no  Abate de árvore Trabalho Florestal -- Manual de Prevenção  no  Abate de árvore
Trabalho Florestal -- Manual de Prevenção no Abate de árvore
 

Semelhante a A ProduçãO Florestal

A importância das florestas
A importância das florestasA importância das florestas
A importância das florestaselmachon
 
Desflorestação 9g
Desflorestação 9gDesflorestação 9g
Desflorestação 9gMayjö .
 
Floresta portuguesa
Floresta portuguesaFloresta portuguesa
Floresta portuguesaevilangel97
 
Ambiente e Sociedade- As florestas
Ambiente e Sociedade- As florestasAmbiente e Sociedade- As florestas
Ambiente e Sociedade- As florestasRita Galrito
 
Desflorestação e florestas
Desflorestação e florestasDesflorestação e florestas
Desflorestação e florestasMarta Fernandes
 
Geografia 9º ano - A Importância das Florestas e a Desflorestação
Geografia 9º ano - A Importância das Florestas e a DesflorestaçãoGeografia 9º ano - A Importância das Florestas e a Desflorestação
Geografia 9º ano - A Importância das Florestas e a DesflorestaçãoCarlos F. M. Costa
 
2017 03-21-anx floresta
2017 03-21-anx floresta2017 03-21-anx floresta
2017 03-21-anx florestaCarlos Couto
 
Desflorestação
Desflorestação Desflorestação
Desflorestação inesserafim
 
Desflorestação
Desflorestação   Desflorestação
Desflorestação CoordTic
 
Os solos e climas de moçambique
Os solos e climas de moçambiqueOs solos e climas de moçambique
Os solos e climas de moçambiqueVakuva Jose
 
Desflorestação 2014 8ºd
Desflorestação 2014 8ºdDesflorestação 2014 8ºd
Desflorestação 2014 8ºdcarolina-lago12
 
O Desmatamento
O DesmatamentoO Desmatamento
O Desmatamentobiodeise
 
trabalho de ciencias naturais
trabalho de ciencias naturaistrabalho de ciencias naturais
trabalho de ciencias naturaisrita margarida
 
Reserva Florestal Ingazeira - Proposta de Conservação da Biodiversidade e Val...
Reserva Florestal Ingazeira - Proposta de Conservação da Biodiversidade e Val...Reserva Florestal Ingazeira - Proposta de Conservação da Biodiversidade e Val...
Reserva Florestal Ingazeira - Proposta de Conservação da Biodiversidade e Val...Benito Fernandez Mera
 
DesflorestaçãO
DesflorestaçãODesflorestaçãO
DesflorestaçãOzucolandia
 
A conservação do cerrado com imagens
A conservação do cerrado com imagensA conservação do cerrado com imagens
A conservação do cerrado com imagensUelson E E
 
Desflorestação e desertificação original
Desflorestação e desertificação originalDesflorestação e desertificação original
Desflorestação e desertificação originalDaniela Costa
 

Semelhante a A ProduçãO Florestal (20)

Floresta em portugal[1]
Floresta em portugal[1]Floresta em portugal[1]
Floresta em portugal[1]
 
A importância das florestas
A importância das florestasA importância das florestas
A importância das florestas
 
Desflorestação 9g
Desflorestação 9gDesflorestação 9g
Desflorestação 9g
 
Floresta portuguesa
Floresta portuguesaFloresta portuguesa
Floresta portuguesa
 
Ambiente e Sociedade- As florestas
Ambiente e Sociedade- As florestasAmbiente e Sociedade- As florestas
Ambiente e Sociedade- As florestas
 
Desflorestação e florestas
Desflorestação e florestasDesflorestação e florestas
Desflorestação e florestas
 
Geografia 9º ano - A Importância das Florestas e a Desflorestação
Geografia 9º ano - A Importância das Florestas e a DesflorestaçãoGeografia 9º ano - A Importância das Florestas e a Desflorestação
Geografia 9º ano - A Importância das Florestas e a Desflorestação
 
2017 03-21-anx floresta
2017 03-21-anx floresta2017 03-21-anx floresta
2017 03-21-anx floresta
 
4-170424151442 4.pptx
4-170424151442 4.pptx4-170424151442 4.pptx
4-170424151442 4.pptx
 
Desflorestação
Desflorestação Desflorestação
Desflorestação
 
Desflorestação
Desflorestação   Desflorestação
Desflorestação
 
Os solos e climas de moçambique
Os solos e climas de moçambiqueOs solos e climas de moçambique
Os solos e climas de moçambique
 
Desflorestação 2014 8ºd
Desflorestação 2014 8ºdDesflorestação 2014 8ºd
Desflorestação 2014 8ºd
 
O Desmatamento
O DesmatamentoO Desmatamento
O Desmatamento
 
trabalho de ciencias naturais
trabalho de ciencias naturaistrabalho de ciencias naturais
trabalho de ciencias naturais
 
Desmatamento da amazônia
Desmatamento da amazôniaDesmatamento da amazônia
Desmatamento da amazônia
 
Reserva Florestal Ingazeira - Proposta de Conservação da Biodiversidade e Val...
Reserva Florestal Ingazeira - Proposta de Conservação da Biodiversidade e Val...Reserva Florestal Ingazeira - Proposta de Conservação da Biodiversidade e Val...
Reserva Florestal Ingazeira - Proposta de Conservação da Biodiversidade e Val...
 
DesflorestaçãO
DesflorestaçãODesflorestaçãO
DesflorestaçãO
 
A conservação do cerrado com imagens
A conservação do cerrado com imagensA conservação do cerrado com imagens
A conservação do cerrado com imagens
 
Desflorestação e desertificação original
Desflorestação e desertificação originalDesflorestação e desertificação original
Desflorestação e desertificação original
 

Mais de Maria Adelaide

Mais de Maria Adelaide (14)

A agricultura
A agriculturaA agricultura
A agricultura
 
Transgênicos
TransgênicosTransgênicos
Transgênicos
 
A politica agrícola comum
A politica agrícola comumA politica agrícola comum
A politica agrícola comum
 
Pac
PacPac
Pac
 
A RecuperaçãO Da Qualidade Urbana 1
A RecuperaçãO Da Qualidade Urbana 1A RecuperaçãO Da Qualidade Urbana 1
A RecuperaçãO Da Qualidade Urbana 1
 
CondiçOes De Vida Urbana
CondiçOes De Vida UrbanaCondiçOes De Vida Urbana
CondiçOes De Vida Urbana
 
A ExpansãO Urbana
A ExpansãO UrbanaA ExpansãO Urbana
A ExpansãO Urbana
 
A Rede Urbana Nacional
A Rede Urbana NacionalA Rede Urbana Nacional
A Rede Urbana Nacional
 
FunçõEs Urbanas
FunçõEs UrbanasFunçõEs Urbanas
FunçõEs Urbanas
 
As Cidades Cbd
As Cidades CbdAs Cidades Cbd
As Cidades Cbd
 
A OrganizaçãO Das áReas Urbanas
A OrganizaçãO Das áReas UrbanasA OrganizaçãO Das áReas Urbanas
A OrganizaçãO Das áReas Urbanas
 
Morfologia Urbana
Morfologia UrbanaMorfologia Urbana
Morfologia Urbana
 
A Agricultura
A AgriculturaA Agricultura
A Agricultura
 
A Politica AgríCola Comum
A Politica AgríCola ComumA Politica AgríCola Comum
A Politica AgríCola Comum
 

Último

trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduraAdryan Luiz
 
Regência Nominal e Verbal português .pdf
Regência Nominal e Verbal português .pdfRegência Nominal e Verbal português .pdf
Regência Nominal e Verbal português .pdfmirandadudu08
 
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISPrática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISVitor Vieira Vasconcelos
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
CRÔNICAS DE UMA TURMA - TURMA DE 9ºANO - EASB
CRÔNICAS DE UMA TURMA - TURMA DE 9ºANO - EASBCRÔNICAS DE UMA TURMA - TURMA DE 9ºANO - EASB
CRÔNICAS DE UMA TURMA - TURMA DE 9ºANO - EASBAline Santana
 
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e TaniModelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e TaniCassio Meira Jr.
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfaulasgege
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxIsabellaGomes58
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Slides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
02. Informática - Windows 10 apostila completa.pdf
02. Informática - Windows 10 apostila completa.pdf02. Informática - Windows 10 apostila completa.pdf
02. Informática - Windows 10 apostila completa.pdfJorge Andrade
 
Cenários de Aprendizagem - Estratégia para implementação de práticas pedagógicas
Cenários de Aprendizagem - Estratégia para implementação de práticas pedagógicasCenários de Aprendizagem - Estratégia para implementação de práticas pedagógicas
Cenários de Aprendizagem - Estratégia para implementação de práticas pedagógicasRosalina Simão Nunes
 
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxSlides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptxATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptxOsnilReis1
 
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimirFCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimirIedaGoethe
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfHenrique Pontes
 
A experiência amorosa e a reflexão sobre o Amor.pptx
A experiência amorosa e a reflexão sobre o Amor.pptxA experiência amorosa e a reflexão sobre o Amor.pptx
A experiência amorosa e a reflexão sobre o Amor.pptxfabiolalopesmartins1
 
Gerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem OrganizacionalGerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem OrganizacionalJacqueline Cerqueira
 
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdfO Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdfPastor Robson Colaço
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfEditoraEnovus
 

Último (20)

trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditadura
 
Regência Nominal e Verbal português .pdf
Regência Nominal e Verbal português .pdfRegência Nominal e Verbal português .pdf
Regência Nominal e Verbal português .pdf
 
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISPrática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
CRÔNICAS DE UMA TURMA - TURMA DE 9ºANO - EASB
CRÔNICAS DE UMA TURMA - TURMA DE 9ºANO - EASBCRÔNICAS DE UMA TURMA - TURMA DE 9ºANO - EASB
CRÔNICAS DE UMA TURMA - TURMA DE 9ºANO - EASB
 
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e TaniModelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Slides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, Betel, Ordenança quanto à contribuição financeira, 2Tr24.pptx
 
02. Informática - Windows 10 apostila completa.pdf
02. Informática - Windows 10 apostila completa.pdf02. Informática - Windows 10 apostila completa.pdf
02. Informática - Windows 10 apostila completa.pdf
 
Cenários de Aprendizagem - Estratégia para implementação de práticas pedagógicas
Cenários de Aprendizagem - Estratégia para implementação de práticas pedagógicasCenários de Aprendizagem - Estratégia para implementação de práticas pedagógicas
Cenários de Aprendizagem - Estratégia para implementação de práticas pedagógicas
 
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxSlides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
 
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptxATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
 
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimirFCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
 
A experiência amorosa e a reflexão sobre o Amor.pptx
A experiência amorosa e a reflexão sobre o Amor.pptxA experiência amorosa e a reflexão sobre o Amor.pptx
A experiência amorosa e a reflexão sobre o Amor.pptx
 
Gerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem OrganizacionalGerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem Organizacional
 
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdfO Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
 

A ProduçãO Florestal

  • 2.
  • 3.
  • 4. O Sobreiro e a Azinheira concentram-se no Sul ,nomeadamente no Alentejo.
  • 5.
  • 6.
  • 7. O Eucaliptal dispersa-se por todo o território apesar de ser no Centro onde mais se tem expandido.
  • 8.
  • 9.
  • 10.
  • 11.
  • 12.
  • 13.
  • 14.
  • 15. A construção de vias de comunicação , a pressão turística … As pragas e doenças que afectam as espécies florestais A expansão urbana
  • 17.  
  • 18.  
  • 19.
  • 20. Em 2003 arderam mais de 400mil hectares de floresta
  • 21.
  • 22. Nos últimos anos, os incêndios florestais provocaram a morte de dezenas de pessoas, incluindo bombeiros, centenas de casas foram destruídas e arderam mais de um milhão e 600 mil hectares de solo e mais de 340 milhões de árvores.
  • 23.
  • 24.
  • 25.
  • 26.
  • 27.