Metas de aprendizagem nas TIC

1.503 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia, Diversão e humor
0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.503
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
38
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
40
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Metas de aprendizagem nas TIC

  1. 1. webinar<br />Janeiro 2011, 12<br />Metas de Aprendizagemnaárea das TIC<br />Fernando Albuquerque Costa<br />fc@ie.ul.pt<br />UNIVERSIDADE DE LISBOA Instituto de Educação<br />
  2. 2. http://www.metasdeaprendizagem.min-edu.pt/<br />
  3. 3. “Concretiza-se no estabelecimento de parâmetros que definem de forma precisa e escalonada as metas de aprendizagem para cada ciclo, o seu desenvolvimento e progressão por ano de escolaridade, para cada área de conteúdo, disciplina e área disciplinar.”<br />
  4. 4. Objectivos<br /><ul><li>Apresentar a proposta de metas de aprendizagemnaárea das TIC
  5. 5. Convidar os colegas a explorarem/experimentarem… a ajudarem a melhorar...</li></li></ul><li>Contexto<br />Relação natural dos mais jovens com as TIC<br />Superficialidade com que as TIC são assumidas no Currículo Nacional<br />Definição das competências profissionais dos professores em TIC <br />Capitalização do esforço de equipamento das escolas<br />
  6. 6. Contexto<br />
  7. 7. Questões de partida<br />Que competências digitais se espera que os jovens adquiram na escola? <br />Para quê?<br />Como é que essas competências podem ser trabalhadas? <br />Em que contextos? <br />Quando?...<br />
  8. 8. As TIC podem acrescentar valor…<br />As TIC enquanto indutoras de mudança…<br />“Saberes duradouros”… enfoque transversal<br />Perspectiva<br />Assumimos, por isso, que a integração curricular das TIC deve constituir uma responsabilidade de todas e cada uma das áreas disciplinares<br />
  9. 9. Perspectiva<br />As TIC como um fim em si mesmo (saber usar)<br />As TIC como competências instrumentais ao serviço dos outros saberes disciplinares<br />(saber usar para aprender o currículo)<br />As TIC como estratégia de desenvolvimento intelectual e social dos indivíduos(saber usar para pensar, decidir e agir)<br />
  10. 10. As TIC como estratégia de desenvolvimento intelectuale social dos indivíduos<br />As TIC como competências instrumentais ao serviço dos outros saberes disciplinares<br />META-APRENDIZAGEM<br />COMUNICAÇÃO<br />AUTO-AVALIAÇÃO<br />INFORMAÇÃO<br />AUTO-REGULAÇÃO<br />PRODUÇÃO<br />EXPRESSÃO<br />CRIATIVIDADE<br />SEGURANÇA<br />ÉTICA…<br />
  11. 11. Proposta<br />Objectivos mais ambiciosos!!<br />As tecnologias como ferramentas cognitivas, que estendem, ampliam e reforçam a capacidade de pensar, de decidir, de agir…<br />APRENDERCOMTECNOLOGIAS<br />
  12. 12. COMPETÊNCIAS TRANSVERSAIS EM TIC (II)<br />saber o quêsaber com quê saber comosaber ser<br />COMUNICAÇÃO<br />INFORMAÇÃO<br />PRODUÇÃO<br />saber o quêsaber com quê saber comosaber onde<br />saber quem<br />saber ser<br />saber o quêsaber com quêsaber comosaber ser<br />SEGURANÇA<br />saber o quêsaber com quê saber como<br />saber ser<br />
  13. 13. PLANOS CONSIDERADOS NA ELABORAÇÃO DAS METAS<br />(II)<br />(I)<br />(III)<br />saber usar para aprender o currículo<br />saber usar para pensar, decidir e agir<br />saber usar<br />META-APRENDIZAGEM<br />INFORMAÇÃO<br />AUTO-AVALIAÇÃO<br />COMUNICAÇÃO<br />AUTO-REGULAÇÃO<br />TECNOLOGIAS <br />EXPRESSÃO<br />PRODUÇÃO<br />CRIATIVIDADE<br />SEGURANÇA<br />ÉTICA…<br />
  14. 14. Em síntese<br />Mais do que um currículo autónomo, a ideia nuclear é a de que estas metas constituam o referencial a considerar por cada professor na sua área específica, <br />numa óptica de desenvolvimento global do aluno,<br />permitindo-lhe compreender em que matérias, para que fins e como será pertinente e adequado mobilizar as TIC<br />
  15. 15. MODELO DE INTEGRAÇÃO CURRICULAR DAS TIC<br />saber usar<br />saber usar para pensar, decidir e agir<br />saber usar para aprender o currículo<br />
  16. 16. Exemplo pré-escolar<br />
  17. 17. Exemplo 2º Ciclo<br />DOMÍNIO: INFORMAÇÃO<br />Meta Final <br />O aluno utiliza recursos digitais on-line e off-line para, com o apoio do professor, pesquisar, seleccionar e tratar informação de acordo com objectivos concretos e com critérios de qualidade e pertinência.<br />Meta intermédia <br />O aluno classifica e organiza a informação seleccionada, recorrendo a ferramentas digitais adequadas (programas de gráficos, bases de dados, ferramentas de criação de mapas conceptuais, etc.), de acordo com categorias definidas em conjunto com o professor. <br />
  18. 18. Equipa responsável<br />Fernando Albuquerque Costa professor e investigador<br />Elisabete Cruz investigadora<br />Francisca Soares professora e investigadora<br />Margarida Belchior professora e investigadora<br />Sandra Fradão professora e investigadora<br />Vasco Trigo jornalista e professor<br />
  19. 19. Referências<br />Costa, Fernando (2010)  Metas de Aprendizagemnaárea das TIC: Aprender Com Tecnologias. in Fernando Costa et al (2010). I EncontroInternacional TIC e Educação. Inovação Curricular com TIC. Lisboa. Instituto de Educaçãoo da Universidade de Lisboa. (931-936).  (http://aprendercom.org/miragens/wp-content/uploads/2010/11/398.pdf)<br />Costa, F. [Coord.] (2008). Competências TIC. Estudo de Implementação (Vol.I). Lisboa: GEPE/ME.<br />(http://aprendercom.org/Arquivo/Competencias%20TIC_1.pdf)<br />
  20. 20. fc@ie.ul.pt<br />aprendercom.org/miragens<br />Obrigado pela vossa atenção!<br />

×