Nh aula 3.1 - vit. hidrossolúveis

1.916 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.916
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
107
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Nh aula 3.1 - vit. hidrossolúveis

  1. 1. Seleção de uma alimentação adequada
  2. 2. Qual a necessidade de um Como atingir a quota deste nutriente a partir dos alimentos?Nutriente em particular? Onde obter •Educação nutricional este •Guias alimentares nutriente? •Políticas públicas •Fortificação e suplementação
  3. 3. E qual a quota?• Sexo• Idade• Gravidez• Lactação• Raças• Atividades físicas
  4. 4. Como chegamos até aqui...• 1941: Comitê de Recomenda Recomenda Dados ainda alimentação e dos em dos a partir não nutrição – EUA 1943 de ~1970 disponíveis – Conclusão: não há conhecimento suficiente para propor PTNs Zn, K CHO ingestão de nutrientes A,D Selênio Colina – Decidiu-se por estabelecer Tiamina I, Mg W-6 necessidades mínimas Ca, Fe E, B6 (RDA)
  5. 5. Lembrando das DRIs
  6. 6. A descoberta das vitaminas Conceito Substâncias orgânicas, presentes em pequena quantidade nos alimentos naturais, essenciais para o metabolismo normal e cuja carência na dieta pode causar doenças. Não podem ser sintetizadas pelo homem, pelo menos em quantidades apreciáveis. VITA + AMINA
  7. 7. Vitaminas (13) Grupo heterogêneo de moléculas químicas classificadas pela função e não pela estrutura Funções: hormonal, antioxidação, mediadores celulares, replicadores celulares, coenzimas
  8. 8. Fontes
  9. 9. Vitaminas Hidrossolúveis• Particularidades • vitaminas do complexo B – Não são armazenadas – vitamina B1 (tiamina) – Biotina e riboflavina: – vitamina B2 (riboflavina) parcialmente – vitamina B6 (piridoxina) produzidas no TGI – ácido pantotênico (B5) – Ác. Nicotínico: – Niacina (B3, PP ou ác. Nicotínico); produzido – Biotina (H) parcialmente no fígado – ácido fólico (folato ou Bc) – vitamina B12 (cianocobalamina) • vitamina C (ascorbato)
  10. 10. Vitaminas hidrossolúveis• Não são significativamente armazenadas – Ingestão diária?• Instáveis ao calor• Instáveis à cocção
  11. 11. Vitamina C • Freqüente em frutas cítricas • Essencial apenas para primatas e alguns porcos • Termo-sensível e estável em ácido Funções: - Síntese de colágeno(C6H8O6, ascorbato) - Antioxidante: câncer e imunidadeRDA: 60mg/dia - Dentes, gengivas e ossosOu 314 micro mol - Reciclagem da vitamina EFumantes: 140mg? - Redução Fe no TGI (+3  +2)
  12. 12. PRINCIPAIS FONTES Carência: Escorbuto: Cansaço, dor muscular e hemorragias Possíveis: Infecções? Câncer? Envelhecimento precoce?
  13. 13. Digestão e metabolismo Vitamina C e gripe???• Absorvido por transporte ativo Excesso previne?• Pouco armazenada no fígado Carência favorece o• Excesso excretada pela aparecimento? urina: – Oxalato – Treonato – diidroascorbato
  14. 14. Vitamina B1 - Tiamina Histórico: carne ou arroz cura polineurite (Beriberi) VITA-AMINA Funções: -Metabolismo neural de CHOs(C12H17ClN4OS·HCl) -Regulação da fosfo- rilação oxidativaRDA: 1,5 ♂ e ♀1,1mg4,45 micromol1,2mg – crianças eadolescentes1,6mg – grávidas elactantes
  15. 15. Principais fontes Carência• Grãos integrais Depressão, agitação• Carnes magras Beriberi (Polineurite)• Vísceras (coração, fígado e rim) - Destruição mielinaDigestão e metabolismo - Disfunção nervo óptico• Absorvido no duodeno e no jejuno proximal Inibição da absorção – Principalmente por Álcool, café, cigarro, transporte ativo antiácidos, barbitúricos e• Pouco armazenada no diuréticos fígado• Excretada pela urina
  16. 16. Vitamina B2 - Riboflavina Termoestável Pouco solúvel: resistente ao cozimento Funções: • Formação hemácias • Regulação da gliconeogênese6,7-dimetil-9-d- • Regulação das enzimas tireoidianasisoaloxazina • Transporte de elétronsRDA: • Ativação da Vitamina B12♂ 1,7mg♀1,3mg4,52 micromol
  17. 17. Principais fontes Carência • Leite e derivados • Estomatite • Vísceras (fígado e rim) • Glossite • Folhas verdes • Lesões oculares Digestão e metabolismo • Anemia normocrômica e• Absorvida por difusão normocítica facilitada em todo o TGI• Não-estocada Toxicidade• Excretada pela urina Não há relatos...
  18. 18. Vitamina B3 - Niacina 60mg Triptofano  1mg Niacina Niacina = Nicotinamida e ácido nicotínico Funções: – Formação NADÁcido nicotínico • Atuando em 200 enzimasRDA: ♂ 19mg • Glicólise, fosforilação, metabol. De♀ 15mg lipídios(155micromol)Equiv. Niacina=1mgniacina ou 60mgTriptofano
  19. 19. Principais fontes Carência • Vísceras • Fraqueza muscular • Levedura • Anorexia • Carnes magras • Erupções cutâneas • Indireta: leite • Pelagra – Dermatite, demência e Digestão e metabolismo diarréia (3Ds) – Comum em alcóolatras e• Absorvida por difusão em intestino curto facilitada no intestino proximal• Virtualmente não-estocada• Excretada pela urina • Coloração amarelada
  20. 20. Vitamina B5 • Parte da –CoA – Metabolismo intermediário 3-[(2R,4-dihidroxi-3,3- • Síntese de esteróides dimetilbutanoil)amino]propanóico . Estável ao cozimentoNão existem DRIs Instável perante refino~4-7mg/diaDeficiência improvável Absorção em todo o TGI Eliminação urinária Fontes: brócolis, ovo, fígado, Quase todos os alimentos (PAN...) Deficiência: insônia, depressão
  21. 21. Vitamina B6 - Piridoxina + Piridoxal + Piridoxamina Termoestável, solúvel em água Funções: • Transaminação, desaminação, dessulfuração de aminoácidos1,3MG/DIA • Metabolismo intermediário • Síntese de hemácias • Conversão de triptofano em niacina
  22. 22. Principais fontes Carência • Vísceras • Dermatite • Levedura • Dimin. Crescimento • Anemia • Cereais integrais • Baixa imunidade • Formação de oxalato Digestão e metabolismo Excesso• Absorvida por difusão • Insônia (100mg) facilitada no jejuno e no íleo • Neuropatias (2g)• Transporte ligada à albumina
  23. 23. Vitamina B7 – Biotina – Vitamina HC10H16O3N2S Não existe RDA!!! 8 isômeros Apenas d-biotina ativa – Síntese bacteriana dificulta predizão Papel não-esclarecido – ~30-100micrograma • Aparentemente envolvida no – Toxicidade desconhecida controle do metabolismo intermediário – Regulação de carboxilases Fontes: leite, fígado e gema. Absorção no TGI curto Excreção urinária Fator antinutricional - Avidina
  24. 24. Vitamina B9 – Folatoácido pteroil-L-glutâmico RDA Termolábil – ♂ 200micrograma – ♀ 180micrograma Papel não-esclarecido • Aparentemente envolvida no controle do metabolismo Fontes: folhas intermediário verdes, vísceras e feijão – Regulação de carboxilases • Formação de bases nitrogenadas? Carência: anemia Absorção jejunal megaloblástica, distúrbios gastrintestinais Excreção urinária, potencializada por álcool e diuréticos Aparentemente não-tóxico
  25. 25. Vitamina B12 - CianocobalaminaRDA: 2,4mcg adultos • Absorvida no íleo, na presença 1,2mcg crianças de fator intrínseco • Excreção urináriaFunções: – Eritropoiese Se faltar: – Metabolismo de Aas – anemia perniciosa – Manutenção das céls. – Alterações neurológicas nervosas local-dependentesFontes: fígado, carnes vermelhas, ovos e laticínios (fontes animais)
  26. 26. 1. Escolher 3 suplementos alimentares2. Quantificar o teor de vitaminas desses suplementos na dose recomendada3. Comparar esses teores com RDA – em percentual!
  27. 27. Os vegetarianosOvo-lacto vegetarianos Vegans• Menor ingestão de • Adicionalmente, baixas riboflavina, niacina, ingestões de riboflavina e vitamina B12 cobalamina, mesmo com suplementação• Maior ingestão de ácido fólico, vitamina C e cobre

×