Mário de andrade

3.253 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
5 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.253
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
169
Comentários
0
Gostaram
5
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Mário de andrade

  1. 1. Enrico Bertolini João Felipe Gomes Matheus Franco
  2. 2.   Mário de Andrade nasceu no dia 9 de Outubro de 1893 na cidade de São Paulo  O autor dedicou-se ao estudo da música, mas desistiu da profissão depois da perda do irmão mais novo em 1913.  Em 1917 teve seu primeiro contato com o modernismo em uma exposição de Anita Malfatti.  Em 1920 é apresentado ao público por Oswald de Andrade. Vida (Mário de Andrade)
  3. 3.   Em 1922 Mário de Andrade participou da organização da Semana de Arte Moderna e publicou Pauliceia Desvairada, que o introduziu ao modernismo brasileiro.  Mário constituiu o grupo dos cinco, junto a Menotti del Picchia, Oswald de Andrade, Anita Malfatti e Tarsila do Amaral.  Em 1928 publicou Macunaíma - o Herói sem nenhum caráter, onde inova com audácia e rebela-se contra a mesmice das normas vigentes.  O autor morreu no dia 25 de Fevereiro de 1945 na sua casa em São Paulo, vítima de um ataque cardíaco. Vida (Cartaz de divulgação da Semana de Arte Moderna de 22. Arte de Di Cavalcanti)
  4. 4.   Mário de Andrade foi pioneiro e um dos mais importantes autores modernistas brasileiros, além de músico, pesquisador do folclore brasileiro e crítico de artes.  Estilos: Poesia, prosa de ficção, crônicas e críticas.  Temas: Dentre os temas abordados por Mário os principais são o folclore brasileiro e o cotidiano. Obra (Capa do Livro Pauliceia Desvairada)
  5. 5.  Poesia:  Pauliceia Desvairada;  O losango caqui;  Clã do jabuti;  Remate de males;  Poesias;  Liras paulistanas;  Prosa de ficção:  Amar, verbo intransitivo;  Macunaíma;  Os contos de Belazarte;  Contos novos; Principais Obras (Cena do filme Macunaíma, inspirado na obra de Mário de Andrade)
  6. 6.   O livro de poesias, Pauliceia desvairada, foi o segundo livro de Mário de Andrade. Publicado em 1922 introduziu o autor ao movimento modernista Brasileiro.  Pauliceia desvairada significou o rompimento absoluto entre o Modernismo e as escolas literárias anteriores.  O livro faz uma análise da sociedade paulista do início do século XX, de forma irônica e áspera, de acordo com o próprio autor. Pauliceia desvairada
  7. 7.  No “Prefácio interessantíssimo” de Pauliceia desvairada é podemos notar o rompimento do modernismo com as escolas anteriores pelos ideais nele defendidos. Pauliceia desvairada Leitor: Este prefácio, apesar de interessante, inútil. * Quando sinto a impulsão lírica escrevo sem pensar tudo que meu inconsciente me grita. Penso depois: não só para corrigir, como para justificar o que escrevi. Daí a razão deste Prefácio Interessantíssimo. ANDRADE, Mário de. Pauliceia desvairada.  No trecho acima podemos notar a negação às formas e padrões. O autor defende a poesia como fruto do sentimento e não da reflexão.
  8. 8.   Podemos notar no livro a crítica feita a classe burguesa e o tom irônico com o qual essa crítica é construída, como no poema “Ode ao Burguês”. Pauliceia desvairada Eu insulto o burguês! O burguês-níquel, o burguês-burguês! A digestão bem-feita de São Paulo! O homem-curva! O homem-nádegas! O homem que sendo francês, brasileiro, italiano, é sempre um cauteloso pouco-a-pouco! ANDRADE, Mário de. Pauliceia desvairada.
  9. 9.   https://www.youtube.com/watch?v=1Oih3j1TAEU Macunaíma
  10. 10.   http://www.releituras.com/marioandrade_bio.asp  http://pt.wikipedia.org/wiki/M%C3%A1rio_de_Andra de#Obra  https://www.youtube.com/watch?v=1Oih3j1TAEU  http://www.infoescola.com/livros/pauliceia- desvairada/  http://www.mac.usp.br/mac/templates/projetos/jogo/ pauliceia.asp  http://www.passeiweb.com/estudos/livros/ode_ao_bur gues  http://guiadoestudante.abril.com.br/estudar/literatura/ macunaima-analise-obra-mario-andrade-700315.shtml Referências bibliográficas

×