Gestão Ambiental - O lixo na cidade de Campinas

767 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
767
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
10
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Gestão Ambiental - O lixo na cidade de Campinas

  1. 1. Gestão Ambiental:O Lixo em CampinasProfª Eni Aparecida S. BertoliniIngrid Fabrin Nunes
  2. 2. Gestão Ambiental• Gestão Ambiental visa o cuidado e tratamentopara diminuir os impactos sofridos dosprocessos industriais e da atividade humana.
  3. 3. Gestão Ambiental• A prática da Gestão Ambiental utilizando demaneira adequada os recursos naturaisgarantem a conservação e preservação dabiodiversidade.
  4. 4. Gestão Ambiental• Gestão Ambiental é a causa natural dasatitudes e pensamento da humanidadereferente à utilização dos recursos naturais deuma maneira adequada, onde só pode seretirar se for reposto outro no lugar.
  5. 5. O Lixo• O lixo é todo resíduo sólido decorrente deprocessos naturais e atividades humanas.
  6. 6. • Um dos maiores problemas ambientais queestamos tendo no momento é o lixo urbano. Aquantidade de lixo pelas ruas são a causa demuitas enchentes, por entupimentos debueiros.
  7. 7. • A prefeitura de cada cidade tem um contratoestabelecido para o recolhimento dos lixos.O lixo se não recolhido pode ocasionar muitosproblemas a população e a própria cidade.
  8. 8. O Lixo em CampinasA Prefeitura de Campinas não conseguiuterminar o processo de licitação do lixo, emais uma vez teve que contratar rapidamenteo consórcio da Tecam para coletar o lixo dacidade.
  9. 9. • Foi realizada uma contratação para coleta dolixo comum e outra para o lixo hospitalar, osvalores das coletas foram divididos.
  10. 10. • Os contratos tiveram que serem separadospara atender a exigência do Tribunal deContas do Estado de São Paulo (TCE-SP), quejá tinham anulado o edital anterior.
  11. 11. • A decisão foi tomada para que a população deCampinas não ficasse sem o recolhimento delixo.
  12. 12. • O contrato com a empresa havia terminado,mas, não tinha sido realizada a licitação paranova empresa assumir.
  13. 13. • O transtorno ocorreu porque o TCE-SP anulouo edital pronto e um novo teve que ser feito.
  14. 14. • Tiveram que manter a operação da coletacom a antiga empresa, que está desde 2005.
  15. 15. • A prefeitura irá decidir através de duaslicitações os novos contratos.
  16. 16. • A empresa que assumir o serviço ficará noperíodo de um ano, tempo que a prefeituratem para realizar um novo edital que entendao Plano nacional de Resíduos Sólidos.
  17. 17. • O Plano nacional prevê até 2014 que só sejadepositado lixo que não for reciclável.
  18. 18. • Para operar o lixo na cidade a longo prazo, aprefeitura procura uma Parceria PúblicoPrivada.
  19. 19. • Todo dia Campinas recolhe cerca de cincotoneladas de lixo Hospitalar.
  20. 20. • Esse lixo para por um processo diferenciadode tratamento térmico para a eliminação doagente contaminador, para depois ser levadoao aterro.
  21. 21. Fotos da Cidade de Campinas
  22. 22. Lagoa do Taquaral
  23. 23. Estação Anhumas
  24. 24. Maria Fumaça
  25. 25. Torre do Castelo
  26. 26. Aeroporto
  27. 27. Teatro Castro Mendes
  28. 28. Centro de Convivência
  29. 29. • A Prefeitura esta Trabalhando em um Projetopara acabar com a coleta de lixo e paracolocar um fim nos aterros.
  30. 30. • Junto com a Parceria Público Privada, aPrefeitura trabalha em um projeto parapromover a instalação de contêineressubterrâneos.
  31. 31. • A População deverá encaminhar os resíduospara estes contêineres.
  32. 32. • A Implantação desse projeto esta previstapara 2014.
  33. 33. • Quem está à frente desse projeto é osecretário de serviços públicos ErnestoPaulella.
  34. 34. • O secretário acredita na modernização dacidade e no aproveitamento de 100% do Lixocom esse projeto.
  35. 35. • Ele diz que 20% do lixo será reciclado, 40%transformado em fertilizante agrícola e 40%em combustíveis derivados de resíduos.
  36. 36. • Os benéficos que Paulella acredita que esseprojeto trará, é reduzir os lixos pelas ruas:
  37. 37. • E o contato com animais domésticos:
  38. 38. Lixeiras Subterrâneas
  39. 39. • Em 2012 seis lixeiras foram instaladas emCampinas:
  40. 40. Largo do Rosário
  41. 41. Praça Bento Quirino
  42. 42. • A Proposta é criar uma unidade por quarteirãoou em grandes condomínios.
  43. 43. • Paulínia foi a primeira Cidade da Região aoadquirir as lixeiras subterrâneas:
  44. 44. Paulínia
  45. 45. Conclusão• A Prefeitura de Campinas junto com o TCE-SP, ParceriaPúblico Privada , e o Secretário Ernesto Paulella, estão embusca de uma Cidade limpa e segura para toda população,implantando projetos e consertando as irregularidades paramanter conforme a lei.As opiniões se dividem entre a população sobre acabar com acoleta de porta em porta. Mas o que todos querem mesmo éuma Cidade limpa, sem riscos e perigos para a saúde.
  46. 46. Bibliografia• http://ecoviagem.uol.com.br/noticias/ambiente/qualificacao-e-certificacao-ambiental/afinal-o-que-e-gestao-ambiental--15785.asp•• http://www.suapesquisa.com/ecologiasaude/gestao_ambiental.htm•• http://mercadoetico.terra.com.br/arquivo/gestao-ambiental-e-desenvolvimento-sustentavel/•• http://www.prmg.mpf.gov.br/instituicao/programa-de-gestao-ambiental• http://correio.rac.com.br/_conteudo/2013/06/capa/campinas_e_rmc/69071-coleta-de-lixo-em-campinas-ganha-novo-contrato-de-urgencia.html• http://g1.globo.com/sp/campinas-regiao/noticia/2013/06/novo-projeto-para-o-lixo-de-campinas-preve-fim-da-coleta-de-porta-em-porta.html• http://www.portalcbncampinas.com.br/?p=53410•http://www.mcjeditora.com.br/portal/2013/06/novo-projeto-para-o-lixo-de-campinas-preve-fim-da-coleta-de-porta-em-porta/•• http://www.qype.com.br/bra-campinas/categories/501-lixo-e-reciclagem-in-campinas

×