Aprofissão de educador faceà mudança<br />Mariano Fernández Enguita<br />Universidad Complutense<br />www.enguita.info<br ...
Los entornos organizacionales<br />
Evolução do quadro de professores e dos alunos do Ensino Público não universitário<br />
A SITUAÇÃO DO PROFESSORADO<br />Um controle administrativo que desabou<br />Inspeção, direção, carreira docente<br />Uma r...
O DUPLO ENCAIXE DOS DOCENTES<br />
MFE<br />Instituto de Educação e Psicologia, Universidade do Minho, Braga, 16/06/2005<br />USAL<br />MODELOS PROFISSIONAIS...
MFE<br />Instituto de Educação e Psicologia, Universidade do Minho, Braga, 16/06/2005<br />USAL<br />PROFISSIONALIDADE DEM...
DESAFIOS PROFISSIONAIS<br />Projetos educativos específicos, avançados<br />Centros autônomos, sensíveis e responsáveis<br...
MFE<br />Instituto de Educação e Psicologia, Universidade do Minho, Braga, 16/06/2005<br />USAL<br />A RESPONSABILIDADE IN...
A QUALIFICAÇÃO PARA O TRABALHO<br />
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

3 a profissão de educador face à mudança

646 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
646
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

3 a profissão de educador face à mudança

  1. 1. Aprofissão de educador faceà mudança<br />Mariano Fernández Enguita<br />Universidad Complutense<br />www.enguita.info<br />Encontro do EnsinoProfissional<br />Lisboa, 8/10/2011<br />
  2. 2. Los entornos organizacionales<br />
  3. 3. Evolução do quadro de professores e dos alunos do Ensino Público não universitário<br />
  4. 4. A SITUAÇÃO DO PROFESSORADO<br />Um controle administrativo que desabou<br />Inspeção, direção, carreira docente<br />Uma responsabilidade social que não chega<br />Autonomia organizativa, eleição da escola, participação<br />Uma cultura profissional desencorajadora<br />Fechamento, igualdade por baixo, corporativismo, evitar as responsabilidades<br />
  5. 5.
  6. 6. O DUPLO ENCAIXE DOS DOCENTES<br />
  7. 7. MFE<br />Instituto de Educação e Psicologia, Universidade do Minho, Braga, 16/06/2005<br />USAL<br />MODELOS PROFISSIONAIS<br />BUROCRÁTICO<br />Comedido<br /> (o que me mandem, e só o que me mandem)<br />LIBERAL<br />Jurisdição<br /> (o que eu queira, e só o que eu queira)<br />DEMOCRÁTICO<br />Compromisso<br /> (o que deva, o que faça falta)<br />
  8. 8. MFE<br />Instituto de Educação e Psicologia, Universidade do Minho, Braga, 16/06/2005<br />USAL<br />PROFISSIONALIDADE DEMOCRÁTICA<br />PROFISSIONALIDADE<br />Compromisso com o próprio trabalho no âmbito da autonomia individual<br />COLABORATIVA vs. LIBERAL<br />Compromisso com a organização, com os colegas e a equipe<br />COOPERATIVA vs. PATERNALISTA<br />Compromisso com o público, com os titulares do direito à educação.<br />
  9. 9. DESAFIOS PROFISSIONAIS<br />Projetos educativos específicos, avançados<br />Centros autônomos, sensíveis e responsáveis<br />Profissionais comprometidos com os fins da educação, com a comunidade, com os centros<br />Políticas capacitantes e exigentes<br />Redes de cooperação horizontais<br />Autoconsciência, delimitação de valores e interesses<br />
  10. 10. MFE<br />Instituto de Educação e Psicologia, Universidade do Minho, Braga, 16/06/2005<br />USAL<br />A RESPONSABILIDADE INSTITUCIONAL E PROFISSIONAL<br />A MÂO DE FERRO, vs. IMPUNIDADE<br />Baseada no Estado, na prudência<br />Persegue desvios, ameaça com sanções<br />A MÃO INVISÍVEL, vs. IMUNIDADE<br />Baseada no mercado, no lucro<br />Pede êxito, oferece recompensas<br />A MÃO INTANGÍVEL, vs. INANIDADE<br />Baseada na cultura, nos valores<br />Pede conformidade, oferece respeito<br />
  11. 11. A QUALIFICAÇÃO PARA O TRABALHO<br />

×