Feridas - FSA

82.056 visualizações

Publicada em

Feridas, Classificação - Enfermagem

Publicada em: Saúde e medicina, Negócios
  • Seja o primeiro a comentar

Feridas - FSA

  1. 1. Feridas
  2. 2. A pele <ul><li>Maior órgão do corpo humano </li></ul><ul><li>É composta pela: </li></ul><ul><li>Epiderme </li></ul><ul><li>Derme </li></ul><ul><li>Tecido subcutâneo </li></ul>
  3. 4. <ul><li>Funções da pele </li></ul><ul><li>Manter a integridade do corpo; </li></ul><ul><li>Proteger o corpo contra infecções, lesões ou traumas; </li></ul><ul><li>Absorver e excretar líquidos; </li></ul><ul><li>Manter a temperatura corpórea; </li></ul><ul><li>Sintetizar vit D com a exposição aos raios solares </li></ul><ul><li>Agir como órgão do sentido; </li></ul><ul><li>Exercer papel estético. </li></ul>
  4. 5. Feridas <ul><li>Conceito </li></ul><ul><li>Classificação </li></ul><ul><ul><li>1- Quanto à causa </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Ferida cirúrgica </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Ferida traumática </li></ul></ul></ul>
  5. 6. Classificação 1-Quanto a causa Ferida cirúrgica e traumática
  6. 7. 1- Quanto à causa Ferida patológica : geralmente ocorre como conseqüência de uma patologia, (úlcera de pressão, neoplasia, úlceras venosas e arteriais)
  7. 8. 1- Quanto à causa Feridas Iatrogênicas : Resultantes de procedimentos ou tratamentos (radioterapia)
  8. 9. Classificação <ul><li>2 -Quanto à evolução </li></ul><ul><li>Agudas : Feridas de fácil resolução,há ruptura da vascularização e desencadeamento imediato de hemostasia (cortes , escoriações, queimaduras) </li></ul><ul><li>Crônicas : Feridas de longa duração (desvio do processo cicatricial fisiológico.) </li></ul>
  9. 10. Aguda e Crônica
  10. 11. Classificação <ul><ul><li>3- Quanto à presença de infecção : </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Ferida limpa : isenta de microganismos </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Limpa Contaminada : lesões com tempo inferior 6h entre o trauma e o atendimento inicial </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Contaminadas: feridas cujo tempo de atendimento foi superior a 6h após o trauma </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Infectada : presença de agente infeccioso local. </li></ul></ul></ul>
  11. 12. Feridas limpa, contaminada e infectada
  12. 13. Classificação <ul><ul><li>4- Quanto ao comprometimento tecidual </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Estágio I : pele íntegra, com sinais de hiperemia, descoloração ou endurecimento. </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Estágio II : a epiderme e a derme estão rompidas, podendo envolver tecido subcutâneo, e com hiperemia , bolhas e cratera rasa. </li></ul></ul></ul>
  13. 14. Estágio I
  14. 15. Estágio II
  15. 16. Estágio III : perda total do tecido cutâneo, necrose do tecido subcutâneo até a fáscia muscular;
  16. 17. Estágio IV : grande destruição tecidual, com necrose, atingindo músculos,tendões e ossos
  17. 18. Tipos de feridas <ul><li>Feridas mecânicas : causadas por traumatismos externos, cortante ou penetrante. </li></ul><ul><li>Feridas laceradas : apresentam margens irregulares ( vidro ou arame farpado). </li></ul><ul><li>Feridas químicas : causadas pela ação de ácidos ou bases muito fortes </li></ul>
  18. 19. Feridas laceradas e químicas
  19. 20. Tipos de feridas <ul><li>Ferida térmica : resultante do calor ou frio extremo. </li></ul><ul><li>Ferida por eletricidade : causadas por raios ou contato com objeto energizado. </li></ul><ul><li>Ferida por radiação : causada pela longa exposição a raios solares, raios X. </li></ul>
  20. 21. Feridas térmicas,eletricidade e radiação
  21. 22. Tipos de feridas <ul><li>Feridas incisas : produzidas por um instrumento cortante. </li></ul><ul><li>Feridas contusas : produzidas por ação contudente de objetos rombos. </li></ul><ul><li>Feridas perfurantes : Produzidas por arma de fogo ou arma branca. </li></ul>
  22. 23. Ferida incisa, contusa e perfurante
  23. 24. Tipos de feridas <ul><li>Ferida oncológica : causada por tumor da pele. </li></ul><ul><li>úlcera por pressão : lesão na pele ocasionada por longa permanência no leito. </li></ul><ul><li>Feridas vasculogênicas : crônica, resulta de complicações da diabetes. </li></ul>
  24. 25. Feridas oncológicas, úlcera de pressão e vasculogênicas
  25. 26. Cicatrização <ul><li>processo fisiológico pelo qual o corpo substitui e restabelece a função normal do tecidos danificados . </li></ul>
  26. 27. Fases da cicatrização <ul><li>1-Fase inflamatória ou exsudativa </li></ul><ul><li>ativado sistema de coagulação, </li></ul><ul><li>debridamento da ferida e de defesa </li></ul><ul><li>imunológica </li></ul><ul><li>.Trombocítica – hemostasia , pela agregação plaquetária e ativação da cascata de coagulação. </li></ul><ul><li>.granulocítica- função de debridamento da ferida e de defesa contra infecções (os granulócitos liberam enzimas proteolíticas, que decompõem o tecido necrótico ) </li></ul>
  27. 28. Fases da cicatrização <ul><li>.Macrofágica : fase reparadora, os </li></ul><ul><li>macrófagos secretam proteases, fatores de </li></ul><ul><li>crescimento, e substâncias vasoativas que </li></ul><ul><li>dão continuidade ao processo de </li></ul><ul><li>debridamento e controlam as outras fases </li></ul><ul><li>da cicatrização. </li></ul>
  28. 29. Fases da cicatrização <ul><li>2- Fase proliferativa </li></ul><ul><li>Granulação - fibroblastos produzem colágeno e fatores angiogênicos estimulam a formação de neocapilares para a formação de tecido de granulação. </li></ul><ul><li>Epitelização - redução da capilarização e aumento do colágeno. Migração e divisão celular iniciando nas bordas das feridas,formando a epitelização . </li></ul>
  29. 30. Fases da cicatrização <ul><li>3-Fase reparadora </li></ul><ul><li>Nesta fase ocorre a remodelação do </li></ul><ul><li>colágeno e redução da capilarização </li></ul><ul><li>, com retração da ferida e formação </li></ul><ul><li>da cicatriz . </li></ul>
  30. 31. Tipos de cicatrização <ul><li>Cicatrização por 1ª intenção </li></ul><ul><li>Há perda mínima de tecido e os bordos são passiveis de ajuste por sutura. </li></ul><ul><li>Cicatrização por 2ª intenção </li></ul><ul><li>lesão com perda acentuada de tecido, onde não é possível realizar a junção dos bordos </li></ul>
  31. 32. <ul><ul><ul><li>Cicatrização por 3ª intenção </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Quando há fatores que retardam o processo de cicatrização ( drenos, feridas cirúgicas infectadas ) </li></ul></ul></ul>Tipos de cicatrização
  32. 33. Fatores que influenciam na cicatrização <ul><li>Hematomas ( cultura para microoganismos) </li></ul><ul><li>medicamentos </li></ul><ul><li>Estado nutricional </li></ul><ul><li>Tecido necrótico </li></ul><ul><li>Infecção </li></ul><ul><li>Corpo estranho </li></ul>
  33. 35. AVALIAÇÃO <ul><li>Em relação as figuras abaixo: </li></ul><ul><li>Classifique-as quanto à etiologia e a presença de infecção. </li></ul>
  34. 36. AVALIAÇÃO <ul><li>O que compreendeu sobre o processo de cicatrização de feridas. </li></ul><ul><li>Relacione os fatores que interferem no processo de cicatrização </li></ul>

×