Amor barbara sabino

561 visualizações

Publicada em

O Amor - Bárbara Sabino - 8ºD

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
561
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Amor barbara sabino

  1. 1. Trabalho realizado por: Bárbara Martins Sabino 8ºD, nº6
  2. 2. AMOR = TERNURA
  3. 3. AMOR = PAIXÃO
  4. 4. AMOR = AFETO
  5. 5. AMOR = DESEJO
  6. 6. AMOR = AMIZADE
  7. 7. AMOR = CARIDADE
  8. 8. Todos nós achamos que sabemos a sensação do que é estar apaixonado e sobre o que é o amor, mas nunca o conhecemos completamente. Os gregos dividiam o amor em 4 formas diferentes: •AMOR NATURAL OU PARENTAL; •AMOR DE HÓSPEDES; •AMOR DOS AMIGOS •AMOR ERÓTICO. Mas com o passar do tempo, passaram a existir 3 tipos diferentes: •AMOR FRATENAL, •AMOR ERÓTICO, •AMOR CONJUGAL.
  9. 9. Amor fraternal O amor fraternal é partilhado, entre família, amigos,... Está baseado numa relação de proximidade, compreensão, afetividade, bondade e apoio emocional .
  10. 10. Amor erótico O amor erótico, é um amor partilhado por 2 pessoas, que se desejam fisicamente. Neste tipo de amor há uma grande atração física, mas os amantes, ainda, não decidiram se ficariam juntos para o resto das suas vidas.
  11. 11. O amor conjugal é a mistura do amor fraternal e do amor erótico, onde existe paixão, desejo, fraternidade, responsabilidade e fidelidade. Amor conjugal Neste amor há uma confiança absoluta um no outro.
  12. 12. Amor platónico Significa um amor tão perfeito que se torna impossível de acontecer, na realidade existindo apenas no campo das ideais, dos sonhos, …
  13. 13. O amor é a força mais poderosa do ser humano, sendo capaz de pôr em causa a racionalidade. A capacidade de amar é uma das características que distingue cada um de nós, e os seres humanos dos restantes seres vivos.
  14. 14. O Homem sentiu necessidade de levar este sentimento a um novo lugar, passando a estar presente na arte: literatura, pintura, escultura, arquitetura, música. Foram-nos mostrados estes exemplos na aula: • Literatura: Para atravessar contigo o deserto do mundo Para enfrentarmos juntos o terror da morte Para ver a verdade para perder o medo Ao lado dos teus passos caminhei Por ti deixei meu reino meu segredo Minha rápida noite meu silêncio Minha pérola redonda e seu oriente Meu espelho minha vida minha imagem E abandonei os jardins do paraíso Cá fora à luz sem véu do dia duro Sem os espelhos vi que estava nua E ao descampado se chamava tempo Por isso com teus gestos me vestiste E aprendi a viver em pleno vento Sophia de Mello Breyner Andresen Livro Sexto (1962) • Provérbios • O amor não envelhece, morre criança. • O amor é um passarinho que não aceita gaiola. • O amor é como a Lua, quando não cresce, mingua. • Onde manda o amor, não há outro senhor. • As ausências curtas, acirram o amor; as longas, fazem-no morrer.
  15. 15. • Arte O Beijo – Gustav Klimt
  16. 16. • Arquitetura Taj Mahal - const 1631- 1653
  17. 17. • Escultura Vénus (na mitologia romana) ou Afrodite (no panteão grego) é a deusa do amor, do erotismo e da beleza.
  18. 18. • Musicas: https://www.youtube.com/watch?v=D6DFLNa6MBA https://www.youtube.com/watch?v=LxffT9lwHOY https://www.youtube.com/watch?v=H61hy7irX4M https://www.youtube.com/watch?v=22bK0C2obFc https://www.youtube.com/watch?v=-lLvtydTM78 https://www.youtube.com/watch?v=wdGZBRAwW74 https://www.youtube.com/watch?v=WKwqJB7oVH0
  19. 19. Na adolescência, os jovens começam a sentir o desejo intenso de estabelecer com outra pessoa uma relação amorosa muito especial. O NAMORO DEVERÁ LEVAR A: UM REFORÇO DA IDENTIDADE FEMININA OU MASCULINA. DESCOBRIR A FELICIDADE AO TORNAR O OUTRO FELIZ, COMO SE QUANTO MAIS SE DÁ, MAIS SE RECEBE. MELHORAR A AUTOESTIMA POR SE SENTIR AMADO. DESCOBRIR A SENTIMENTO DE LIBERDADE AO PODER FALAR ABERTAMENTE SOBRE TUDO O QUE SENTE, O QUE PENSA, O QUE ESPERA DO FUTURO.
  20. 20. Qual é o medo dos pais? Nem todos os jovens têm responsabilidade para namorar, fazendo com que o namoro seja perigoso ou até mesmo inapropriado. Os jovens, por serem imaturos, vivem as suas realidades com muita intensidade, não distinguindo os sentimentos dos impulsos, o que poderá conduzir a ações que mais tarde os envergonharão e magoarão. Os pais esperam que os filhos se respeitem a si próprios nessa descoberta de si próprio através das relações que estabelecem.
  21. 21. O NAMORO É UMA RELAÇÃO EM QUE QUANTO MAIS CONHECEMOS O OUTRO, TAMBÉM DESCOBRIMOS MAIS SOBRE NÓS PRÓPRIOS.

×