SANTA MARIA,                                                            JULHO / AGOSTO DE 2011                            ...
JORNAL + EDUCAÇÃO                                                                        Página 2                         ...
SANTA MARIA,                                                                                                    Página 3  ...
JORNAL + EDUCAÇÃO                                                                                   Página 4              ...
SANTA MARIA,                                                                                                         Págin...
JORNAL + EDUCAÇÃO                                                                              Página 6No Dia do Estudante...
SANTA MARIA,                                                                                                             P...
JJO R N A L + E D U C A Ç Ã O        ORNAL + EDUCAÇÃO                                                                     ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Publicação julho agosto

542 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
542
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
82
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Publicação julho agosto

  1. 1. SANTA MARIA, JULHO / AGOSTO DE 2011 ANO 1, 2ª EDIÇÃO JORNAL + EDUCAÇÃO E S COL A M . E . F. PÃ O D OS POBRES SANTO ANTÔNIONESTA EDIÇÃO: ENCERRAMENTO DO SEMESTREENCERRAMENTO 1DO SEMESTRE PROGRAMA MAIS EDUCAÇÃOFILME RIO 3 No dia 15 de julho a esco- la Pão dos Pobres realizou oSEMINÁRIO 4AMBIENTAL encerramento das atividades do Programa Mais EducaçãoDIA DA SAÚDE 5 do 1º Semestre de 2011. OE DIA DOESTUDANTE evento contou com a presen- ça de alunos, professores,DIA DOS PAIS 6 pais e responsáveis. O evento teve como obje-DIA DA 7 tivo a exposição do trabalhoINFÂNCIA realizado nas oficinas ofere-A. E. E. 8 cidas pela escola. Houve apresentação dos professores das oficinas a- lém de peças teatrais, Dan- Jornal Escolar sob res- ça, musical e mensagem ponsabilidade de edição (oficina de Português) e apre- da Profª Émile Paz Lo- sentação da 1ª edição do pes, com participação dos alunos das turmas Jornal Escolar Mais Educa- M1, M2, M3 e M4 do ção. Projeto Mais Educação e com o apoio de Pro- fessores e da Equipe Diretiva da Escola. EQUIPE DIRETIVA DA ESCOLA PÃO DOS POBRES SANTO ANTÔNIO Diretora: Nádia Cristina Tolfo S. de Cecco Vice-Diretora: Carla Raquel da Luz De Gregori Supervisora: Isabel Cristina e Silva Luiz Orientadoras Educacionais: Dalva Lori Vargas Bortolaso Medianeira dos Santos Garcia Coordenadora do Programa Mais Educação: Roseli Dalla Corte
  2. 2. JORNAL + EDUCAÇÃO Página 2 RECOMENDAÇÕES DE LIVROS P.S. BEIJEI ( 2004 ) de Mariana Veríssimo Por Daiana Pereira da Rosa MARIANA VERÍSSIMO: O livro fala de duas melhores amigas que são BV ( boca virgem, nunca beijou!! ) Nascida em Porto Alegre, E uma delas foi viajar para casa de sua avó e lá conheceu RS é neta de Érico Veríssi- um menino e se apaixonou. E ela beijou ele pela primeira mo e Filha de Fernando vez. A outra ficou em casa, mas teve uma festa na qual Veríssimo, ícones da nos- deu seu primeiro beijo!!! sa Literatura. É uma história legal, porque elas só se comunicam pelo computador, ou seja, MSN!!!! CREPÚSCULO de Stephenie Meyer Por Estheffany Barbosa Machado Como todos conhecem, a saga Crepúsculo é um filme de uma ga- rota que vem morar por uns tempos com seu pai em uma cidade chamada FOKERS e ela se apaixona por um cara totalmente o oposto, ele é EDUARD CULLEN pertence a uma família de vampi- ros, mas isso é um segredo que eles guardam há anos. E passam juntos por muitos conflitos, mas acabam ficando juntos. Nessa pri- meira edição da saga, tem também Jecob, o inimigo número um dos Cullen que é apaixonado por Isabela Suan. É isso!! Não per- cam os próximos capítulos ;D. INFORMATIVONosso Jornal está disponível na internet. Acessenosso Blog e veja o andamento da Oficina, a partici-pação dos alunos, assim como as edições digitaisdo Jornal Escolar + Educação. Também estamosno Orkut, acesse Jornal Escolar Pão dos Pobres eveja as fotos. Informamos que houve troca de professor na Oficina de Matemática. Por motivos pessoais a Profª Ana Paula Buhse foi substituída pelo http://jornalescolarpaodospobres.blogspot.com/ Prof. Francis Renato Razeira Freitas.
  3. 3. SANTA MARIA, Página 3 JULHO / AGOSTO DE 2011 FILME RIO O filme Rio fala sobre uma arara azul DIVIRTA-SE chamada Blu que tem que vir para o Rio de Janeiro para conhecer Jade. Um avião, com um gaúcho, um cario- Esse filme também mostra o contra- ca e um paulista, caiu no meio de uma bando de animais silvestres, mas tam- mata. Quando a fome bateu, o paulis- bém mostra a beleza do Rio de Janei- ta disse para o gaúcho: ro. - Você que é todo metido a macho, vai Giulie Fávero Brites ( M4 ) lá fora e caça algo pra gente comer. O gaúcho, sem deixar por menos, mas muito apavorado, abriu a porta do avião, deu dois passos quando, mes- mo no escuro, enxergou uma onça pintada. Apavorado, virou de costasDepois de assistirem o filme Rio os para dar no pé e escorregou, caindo.alunos deram suas opiniões e fizeram A onça, que já tinha dado o bote, pas-comentários. sou por cima do gaudério e foi parar lá dentro do avião. E o homem, mais doFoi muito bom porque teve bem a ver que ligeiro, levantou-se, fechou a por-com o BRASIL, as danças, as gírias e tas do avião e gritou: - vão carneandoas paisagens. Mostrou o Carnaval, essa aí enquanto eu procuro maisuma das datas mais comemoradas do outra.BRASIL. Fala sobre o contrabando dos Piada selecionada poranimais para fora do Brasil e o mais Crystofer Oliveira, M2importante o AMOR DO BLU com a Gato espertoJADE!!! Eu achei o filme Rio bem colorido, Seu Manuel estava cansado de seu Gabrieli Fávero Brites ( M3 ) gatinho e decidiu levá-lo embora. Co- bem desenhado. Ele é muito legal, locou o gato em um saco de pano,Esse filme apresenta bem a realidade, ensina várias coisas: que os pássaros jogou-o dentro do carro e levou parapelo menos foi o que eu entendi nas têm que ser livres. A paisagem é cha- bem longe.críticas, o contrabando, a violência. mativa, com carro alegórico mostran- Quando chegou em casa, o gato esta-Mas por outro lado, tinha muita brinca- do o carnaval. A beleza do Rio com a va deitado no sofá. Nervoso, Seudeira com Blu e Jade e muito samba favela e araras. Blu era uma arara de Manuel pegou o gato, colocou nono Brasil. estimação e ele conheceu a arara carro e levou para mais longe. Luan Levi Machado Gazem ( M3 ) Jade e os dois foram pegos pelos Quando chegou, o gato estava deita- contrabandistas, mas conseguiram do no sofá. Ele ficou muito irritado,Foi muito legal ver o filme Rio porque escapar e tiveram três filhotes. Eu pegou o gato novamente, colocou noconheci um pouco do Rio de Janeiro e adorei o filme!! Legal!! carro e levou ainda mais longe.é muito divertido ver o amor de Blu e Desenho e texto de Dyuli Arruda Depois de duas horas, Manuel ligouJade e todas as aves do Brasil. Tam- Moreira ( M2 ) para casa e perguntou à Maria:bém apareceu o contrabando que exis- - Maria, o gato voltou? - Voltou - respondeu Maria.te muito no Brasil, as favelas e o meni- Rio: Cidade Maravilhosa - Então põe ele no telefone para meno órfão. Também apareceu um pouco O filme Rio eu achei muito interessan- explicar o caminho de casa, porquesobre a cultura do Carnaval. eu estou perdido! Thaís da Silva Espíndola ( M3 ) te porque tem, no início, os animais curtindo o Carnaval nas árvores, en- Formigas AmigasO filme Rio mostra muito a realidade tão o Blu caiu da árvore e foi pego por Duas formigas encontram-se na rua.como, por exemplo, a espécie se aca- um homem que levou ele para Minne- Uma pergunta para a outra:bando, bandidos contrabandeando e sota , EUA, então a Linda pegou ele e Qual o seu nome?muita folia no Carnaval. Blu ( uma cuidou dele por 15 anos. Aqui no Bra- - Fu.arara azul ) precisa fazer com que sil, Blu encontrou Jade e eles tenta- - Só Fu?Jade se apaixone por ele, juntos eles ram fugir e daí no final, eles foram - Não, Fumiga. E o seu?vivem uma grande aventura fugindo de para o Carnaval, a Linda achou ele e - Ota.bandidos para salvar suas vidas e aca- o Blu aprendeu a voar e eles viveram - Só Ota?bam encontrando novos amigos. felizes para sempre. - Não, Ota Fumiga. Diuliana Fernandes Cardoso ( M4 ) Daniele Costa da Silva ( M2 ) Piadas selecionadas pela Turma M1
  4. 4. JORNAL + EDUCAÇÃO Página 4 IV SEMINÁRIO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL: DA TEORIA À PRÁTICAAlunos dos 9ºs anos ( Turmas: 91, 92 e 93 ) Por Nubia Witt e Medianeira Gracia O IV Seminário de Educação Ambiental: da teoria à práti- Claudia Ferreira. No dia 07 a abertura artística ficou a cargo dosca (2011), realizou-se nos dias 06, 07 e 08 de julho, sob coorde- alunos da turma 81, com uma paródia e no dia 08 foi a vez dosnação das Profªs Medianeira Garcia e Nubia Witt. Os temas abor- alunos da turma 41 com o Momento Poético, com a coordenaçãodados pelos alunos dos 9ºs anos foram: Mudanças Climáticas, da Profª. Viviane Marconato, que recitaram poesias elaboradasEnergias Renováveis, Água Fonte de Vida, Soluções para a Ques- pelos mesmos.tão do Lixo, Alimentação Saudável, Um Estudo sobre o Bullying, A Os alunos dos 7ºs anos, participaram com a apresenta-Violência como forma de Poder e Como evitar o uso das Drogas na ção do projeto: Imagens Revelando Aprendizagens com a coorde-Adolescência. Participaram do evento, os alunos dos 8º s anos e os nação das Profªs.: Janine Rossi, Magda Kozoroski da Rocha, Miri-coordenadores das demais turmas. an Toniolo da Silveira e Rosmari Corrêa Pedrollo e os alunos dos A palestra de abertura foi com a Irmã Lourdes Dill – Coor- 8ºs anos com a apresentação do projeto: Cidadania: Aprendendodenadora do Projeto Esperança/Cooesperança, com o te- para a Vida.ma:“Economia Solidária e o Cuidado da vida no Planeta Terra”, Também participaram do evento, alunos da E.M.E.F. Líviano segundo dia, a palestra inicial foi com a Profª. Mestranda Jacie- Menna Barreto, com a apresentação do trabalho: Fumo, fiquele Carine Sell – UFSM, com tema: Vida: Quanto vale ou é por qui- longe dessa droga com a Coordenação da Profª. Noeli Facco.lo? e no terceiro dia com a Profª. Doutoranda Ivete Souza da Silva– UFSM com o tema: Educação Ambiental e Relações Humanas: O encerramento do IV Seminário de Educação Ambiental,Pensando uma Prática Intercultural. ocorreu com a participação na Caminhada Ecumênica e Interna- cional: PAZ e JUSTIÇA SOCIAL - 18ª FEICOOP - Santa Maria. A abertura artística do seminário, no dia 06, foi com asalunas dos anos intermediários com a coordenação da Profª. Ana 6º) UM ESTUDO SOBRE O BULLYING: APRESENTAÇÕES DOS TRABALHOS (Bruna Ferreira, Éverson Barboza, Luiz Felipe dos Santos , Luiz Gustavo Alves, Natália Sal- 1º) MUDANÇAS CLIMÁTICAS: danha, Patricke Silva e Tálisson Alves)(Ariane Morais, Caroline Freitas, EtieneAraujo da Silva, Kellen de Oliveira daTrindade, Marlon Gonçalves do Amaral,Rildaiana Baumhardt e Vitória Antunes) 4º) LIXO: UM GRAVE PROBLEMA: (Anatielle dos Santos da Costa, Daniela Prola, Lucas Almeida, Marcelo Batista dos 7º) VIOLÊNCIA COMO FORMA DE PODER: Santos, Rafael C. Rossatto, Stephanie Ro- (Daiana Pereira Rosa, Daniel Bruno Mouta drigues e Suelen Trindade) Ribeiro, Douglas da Silva, Karoline da Silva Guedes, Marcelo de Aguiar Dornelles, Willi- am Gabriel Favero Brites, William Vanderlei Nascimento da Rosa) 2º) ENERGIAS RENOVÁVEIS:(Angelina Ortiz, Douglas Doná, Diuly Sou-za, Gilvan Moura, Lucas Gomes, MateusAbdalla, Shirlei Teixeira,Wellington Silva) 5º) ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL: (Diênifer Alves, Évelin Santos, Fagner Leal,, 8º) COMO EVITAR O USO DAS DROGAS NA Felipe Ayres Flora Borin Quinhones e La- ADOLESCÊNCIA: rissa Veja, Maria Luiza Correa, Renata (Ariane Vargas, Arthur Lima, Ingrid Reis, Rezende e Sinara Trindade) Mauricio Bencke, Nathália Weide, Nicoly Freitas, Thaíse Pinheiro e Vinicius Flores) 3º) A ÁGUA FONTE DE VIDA:(Andrielle de Oliveira, Franciele da Silva,Karoline Roieski Rodrigues, Klaivin Rodri-gues, Leonardo Nielsen da Silva, Néver-ton Funk Abdalla e Octávio Fagundes)
  5. 5. SANTA MARIA, Página 5 JULHO / AGOSTO DE 2011 5 DE AGOSTO: DIA NACIONAL DA SAÚDE A saúde resulta de um equilíbrio físico, água, leite e outras coisas que alimen- orgânico e mental do nosso organismo, tam. E não alimentos industrializados conquistado no dia-a-dia. Para isso, como: salgadinho, refrigerante e várias devemos ter uma boa alimentação à outras coisas. base de frutas, verduras, carboidratos, Marya Eduarda Carvalho proteínas, pouca gordura e muita água; ( M1 ) um bom descanso; alguma atividade física; cuidados com a higiene pessoal Para manter a saúde devemos fazer e horas de lazer. ginástica, se tratar bem, comer bem, tomar água todos os dias, praticar e- Para não ficar doente temos que nos xercícios como: correr, jogar, pular cuidar, tomar banho, beber água, comer nadar. bastante verduras, saldas e mais muitas Lucas Lima da Silva ( M1 ) proteínas porque faz bem para a saúde. Juliane Dornelles Bianchim ( M1 ) Para manter a saúde devemos comerDia 5 de Agosto é o Dia Nacional da verdura e uma fruta por dia e praticarSaúde, mas não é somente neste dia Para não ficarmos doentes, precisamos esportes.que se deve cuidar dela. comer muitas frutas, verduras; tomar Landiéren Ribeiro da Costa ( M2 ) 11 DE AGOSTO: DIA DO ESTUDANTE Curiosidade sobre a origem do Ser estudante... Espero que sejam coisas muito boas... Dia do Estudante: Tarefa que exige muita batalha, muito ;D Diuliana Fernandes Cardoso ( M4 ) esforço, tarefa que deve ser feita comNo dia 11 de agosto de 1827, D. Pedro o coração!! Eu espero que o futuro me Para mim, ser estudante é ser alguémI instituiu no Brasil os dois primeiros traga muitas coisas boas e se Deus na vida, estudar, aprender coisas no-cursos de ciências jurídicas e sociais quiser eu vou realizar meu sonho!!! vas, a ler, a escrever... Na realidade,do país. Até então, todos os interessa- Parabéns!! Feliz dia do estudante!!! aprender sobre o mundo, claro!!!dos em entender melhor o universo Daiana Pereira Rosa ( M4 ) Thais Silva ( M3 )das leis tinham de ir a Coimbra, emPortugal. Cem anos após a criação do Ser estudante é ir em busca de uma vida melhor; termos o nosso próprio Ser estudante é.......cursos, Celso Gand Ley propôs que a dinheiro e ser feliz pra mais tarde a Pensar no meu futuro......data fosse escolhida para homenagear vida não nos cobrar, pra termos o co- Pensar numa profissão.....todos os estudantes. Foi assim que nhecimento e sabedoria em nossas Pensar alto ... Pensar nos meus so-nasceu o Dia do Estudante, em 1927. Fonte: http://www.arteducacao.pro.br/ vidas. Espero um futuro melhor e uma nhos... E a coisa mais importante é vida bacana com dinheiro no bolso, pensar no meu amanhã. capaz, dinheiro nem é tudo na vida. Gabriele Brites ( M4 )Para a produção dos textos sobre o Dia Que possamos ser felizes, inteligentesdo Estudante foi perguntado aos alunos e se Deus quiser, gostaria de me for- Ser estudante é ser uma pessoa queo significado de ser estudante e o que mar com uma bela família, que exista pensa um dia em ser alguém, forma-eles esperam do futuro. menos violência e mais educação e do, ter uma profissão e aprender coi- que o estudo seja levado a sério. ;D sas novas, que somente um estudante Estheffany Barbosa Machado ( M4 ) sabe fazer, saber o que pode e o quePra mim, ser estudante é aprender adescobrir o mundo todo e sobre onde não pode. Ser estudante e conectar-se Ser estudante é ter o seu futuro nas nos estudos e estudar os sentidos emoramos e também ser alguém respon- próprias mãos sem ter que depender os valores da vida.sável capaz de conseguir o que quer!!! de ninguém. É ter orgulho de si mes- Aline Guedes ( M4 ) Luan Levi Machado Gazem ( M3 ) mo, por que quanto mais a gente estu- da mais a gente aprende, mais a gen-Estudamos para ter uma vida melhor e te cresce e mais cedo a gente entra na Ser estudante para mim é cumprir comter mais conhecimento. Eu espero do faculdade e acordamos para a vida. as tarefas e também fazer como eu:futuro que as pessoas sigam o que for Eu espero para o futuro continuar es- passar de ano. Espero do meu futuromelhor para elas e se não conseguirem, tudando, entrar na faculdade e fazer ter um serviço e ganhar o meu dinhei-que continuem estudando. Medicina, me formar e trabalhar, e aí ro para ajudar minha família. Fagner Leal ( M4 ) ver o que o futuro reservou pra mim! Willian Santos da Silva ( M4 )
  6. 6. JORNAL + EDUCAÇÃO Página 6No Dia do Estudante, a Escola Pão dos Pobres Santo Antônio ofereceu a seus alunosum lanche diferente: o cachorro-quente campeiro, composto por pão francês, salsi-chão assado, alface e batata palha acompanhado de refrigerante. Um reforçadolanche para comemorar o dia deles. 14 DE AGOSTO DE 2011: DIA DOS PAISPara homenagear o Dia dos Pais, os alunosdas Turmas M1 e M2, confeccionaram cartõespara serem entregues para seus pais. Abaixotemos algumas mensagens escritas nos car-tões: De Karla Lima para o Pai AntônioPai, você é a luz do meu coração. Você iluminao meu amor por você e aumenta mais ainda.Pai é aquele que ama.Pai é aquele que dá amor.Pai é aquele que cuida. Juliane, Marya Eduarda, Karla e Andreína da M1Pai é aquele que dá carinho.EU TE AMO PAI Juliane De Juliane para o Pai CelsoPai, você é o amor da minha vida. Você é muitoespecial. Pai é aquele que nos dá amor, alegria,confiança, carinho e amizade.Feliz Dia dos Pais. PARA COLORIR Daniele e Landiéren M2 De Andreína para o Pai Nilson Pai, eu te amo muito mesmo, te adoro. Para sempre vou te amar. Você mora no meu coração e sempre vai morar. Te amo tanto que você é minha vida. De Marya Eduarda para o Pai Nataniel Pai te amo. Você é o amor da minha vida! Você não sabe o quanto eu te amo! Você me dá enorme carinho quando eu preciso! Mas quando eu não preciso, me dá carinho e amor também. Você é o melhor pai do mundo. Beijo! Te amo!! De Daniele para o Pai Lucas Pai você tem uma canção linda e você sempre irá morar no fundo do meu coração e saiba que você é lindo. Você me xinga e pede para eu buscar o seu palitinho, hehehe. Te amo!!!
  7. 7. SANTA MARIA, Página 7 JULHO / AGOSTO DE 2011 24 DE AGOSTO: DIA DA INFÂNCIA O que é ser CRIANÇA? Criança é um presente de Deus que foi mandado para os nos- sos pais. Giovani Machado D’vicariSer criança é brincar, cantar, dançar, correr, desenhar e sorrir.Nem todas as crianças têm uma infância muito legal. Mas Uma criança é quem brinca, quem corre e se diverte. Uma cri-quando eu era criança eu brincava muito. Ser criança é apro- ança anda de bicicleta, joga Playstation, futebol, etc.veitar a vida. Guilherme Henrique Rodrigues Alves Dyuli Arruda Moreira Ser criança é melhor parte da vida é quando a gente aprende aSer criança é ser livre, não se preocupar com os problemas, caminhar, falar, até jogar bola, a gente faz brincadeira, corre enão ter que trabalhar. É ter tudo que você quiser, por exemplo: pula. Ser criança não é só diversão, a gente deve estudar eeu peço pra minha mãe ou para o meu pai comprar uma bone- quando crescemos temos uma família boa e feliz para toda aca e eles dizem sim. E eles perguntam qual tu quer? Viu como vida.é fácil? É só pedir, brincar e dormir. Luana Milena Moraes Tome Landiéren Ribeiro da Costa O dia da infância é legal e eu gosto de brincar, jogar bola e an-Ser criança é uma coisa muito boa. Eu nunca quero crescer, dar de bicicleta.por mim eu teria 5 anos, mas a gente nasce, cresce, floresce e Maurício Abdallamorre. Ser criança é brincar, sair com os nossos pais, ir aoshopping, ir ao parque, ir ao circo, mas nem todas as crianças Ser criança pra mim é quando nós saímos com os nossos pais.têm essa oportunidade, como por exemplos os adultos, pois É quando eles não dão o que nós queremos. Ser criança éantigamente era muito difícil. quando nos divertimos e as vezes um adulto fala: “estou curtin- Andressa Dorneles da Silva do a infância que eu não curti”. Ser criança é atitude e religião. Jéssica TeixeiraSer criança é brincar, jogar bola e estudar e ser unido. União élegal, fazer as coisas unidos. Eu adoro os meus amigos. Ser criança é uma aventura. João Victor Rodrigues Eich É ver o nascer do dia. Ser criança é uma diversão.Ser criança é tudo que eu gosto, é ser feliz. É querer brincar É viver em união.com os amigos na escola. Laira Milena Moraes Tome Camila Strahi AyresSer criança é brincar, olhar TV, fazer brincadeiras, fazer festas,jogar vídeo game, fazer piada, olhar filme, brincar de boneca,de urso e comer bastante. Eu acho que isso é ser criança. Paola de Souza SilveiraSer criança é brincar, se divertir, ir à escola e estudar. Quandoeu era menor, eu brincava e ajudava o meu pai e minha mãe. Jonathan MachadoNo dia da infância a gente tem que ganhar presentes, brincar,sair com os nossos familiares, se divertir, etc. Eu tenho 11anos e acho que eu não sou criança, sou pré-adolescente. Sercriança é ter que se divertir aproveitar enquanto é tempo, porque depois de grande não podemos brincar, só se voltar a sernenê. Daniele Costa da Silva
  8. 8. JJO R N A L + E D U C A Ç Ã O ORNAL + EDUCAÇÃO Página 8 ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO ENTREVISTA REALIZADA PELAS ALUNAS: GABRIELI BRITES (M3) GIULIE BRITES E THAÍS SOUZA (M4) Nossa escola possui o Atendi- que elabora e organiza recursos de acessi- te, pois juntos eles poderão assegurar omento Educacional Especializado ( AEE ) . bilidade para que o aluno tenha acesso ao acesso e a participação autônomo doSegundo SEESP/MEC ( 2008 ) o AEE é conhecimento dos conteúdos estudados aluno nas atividades escolares.um serviço da educação especial que [...] na sala de aula comum. O professor do AEE poderáidentifica, elabora, e organiza recursospedagógicos e de acessibilidade, que elimi- No AEE utilizamos recursos como orientar os alunos e o professor da salanem as barreiras para a plena participação Impressora e Máquina em Braille, progra- de aula a utilizarem os recursos que sedos alunos, considerando suas necessida- mas de computadores para alunos com aluno utiliza na sala de recursos multi-des específicas. O AEE complementa e/ou deficiência visual, além de calculadoras funcionais, para que ele faça uso emsuplementa a formação do aluno, visando a para alunos com deficiência visual, além sala de aula também.sua autonomia na escola e fora dela, cons- de calculadoras falantes e lupas. Confec- Com base nessas interações otituindo oferta obrigatória pelos sistemas de cionamos materiais em alto relevo e utili- professor do AEE avalia e reformula suasensino. O AEE não se confunde com refor-ço escolar. Esse atendimento tem funções zamos diversos materiais didáticos peda- ações no sentido de buscar novas estra-próprias do ensino especial, as quais não gógicos. tégias e recursos, ou seja, ele refaz ese destinam a substituir o ensino comum e A interação entre o professor de reajusta o seu plano de AEE para o alu-nem mesmo a fazer adaptações aos currí- AEE e o da sala de aula é muito importan- no.culos, às avaliações de desempenho eoutros.  Interações do professor do AEEcom o professor de sala de aula :- O professor de AEE e o da sala de aulainteragem no sentido de assegurar o aces-so e a participação autônoma do aluno nasatividades escolares.- Ele ensina os alunos da sala de aula autilizarem os recursos que seu aluno utilizaem sala de aula. Aluno Carlos Rafael 3º ano/- Com base nessas interações o professor Aluna Vitória, 4º ano/tarde manhã fazendo uso da lupado AEE avalia e reformula suas ações no utilizando a e Profª Valquireasentido de buscar novas estratégias e re-cursos, ou seja, ele refaz e reajusta o seuplano de AEE para o aluno.As alunas Gabrielli, Giulie e Thais realiza-ram uma entrevista com a professora res-ponsável pelo AEE, profª Valquirea MartinsMonteblanco. Impressora em BrailleComo é o atendimento do AEE em Aluno Lorenzo utilizando a máqui-nossa escola? na de escrever em Braille Aluna Vitória 3º ano / tarde utili- zando o Livro Sensorial Na escola Pão dos Pobres,temos alunos com Deficiência Visual (4alunos com cegueira e 2 alunos combaixa visão) e alunos com DeficiênciaIntelectual. Estes alunos estão matricu-lados nas diferentes séries juntamentecom os demais. No turno inverso o dasala de aula eles frequentam o Atendi-mento Educacional Especializado naSala de Recursos Multifuncionais. Aluna do AEE e Profª Fabiane Importante salientar que o AEE Alfabeto Braillenão é reforço escolar e sim um espaço

×