SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 15
Trabalho de pesquisa:
    Canoagem de
     Velocidade
 Alunas autoras: Érica Couto e
         Eduarda Maia
          Turma: C31
   Matéria: Educação Física
Escola: EMEF Vila Monte Cristo
Canoagem de Velocidade
• A canoagem de velocidade (sprint) é a mais
  conhecida. Acontece em canais construídos
  artificialmente, com 2.000 metros de
  comprimento e 3 metros de profundidade,
  sendo todo o percurso de nove pistas. As
  competições disputam-se em embarcações
  muito rápidas, mas muito instáveis,
  denominadas de: caiaque (K1, K2 e K4) e canoa
  (C1 C2 e C4). A modalidade é praticada em
  embarcações de 1, 2 ou 4 pessoas.
Modalidades do esporte:
• As principais modalidades são:
o Freestyle, canoagem oceânica, caiaque-
  pólo, maratonas, canoagem de
  velocidade (modalidade olímpica),
  canoagem slalom (modalidade
  olímpica).
Modalidades
• Canoagem de velocidade

 É a mais popular sendo é disputada em
 canais de 2 km de comprimento. Nas
 Olimpíadas são disputadas competições em
 percursos de 500 m e 1000 m. As competições
 são realizadas com um, dois ou quatro
 canoístas por canoa. As embarcações usadas
 (caiaques ou canoas) são bem rápidas,
 porém instáveis.
Canoagem Oceânica

Praticada com embarcações especiais
para o mar, o objetivo desta
modalidade é cumprir determinados
percursos no oceano. Apresenta um
elevado grau de dificuldade.
Canoagem Slalom

É praticada em percursos de 250 e 300
metros. Os canoístas devem passar
por 18 a 25 portas, com o menor
número de erros possível e num
menor espaço de tempo.


o canoísta.
• Canoagem Maratona
    Nesta modalidade os percursos são elevados (de 15 km
    para cima). É uma competição que envolve grande esforço
    físico e resistência por parte dos canoístas.
    Caiaque-Pólo
    Competição envolvendo duas equipes em que os
    jogadores utilizam canoas para se movimentarem pela
    área de jogo. É disputado em rios, piscinas ou lagos. O
    objetivo é marcar o maior número de gols.
    Freestyle
    Modalidade recente de canoagem. O canoísta deve fazer
    manobras e movimentos específicos na onda de um rio,
    num determinado período de tempo. Cada manobra vale
    pontos para o canoísta.
•
DEMOSTRAÇÃO...
                                        • K1:                                                     • K2: Caiaque
                                        Caiaque                                                   para duas
                                        para uma
       • K1: Caiaque para uma pessoa. Tem o comprimento máximo de 5,20 m e o peso mínimo de 12
                                        pessoa. Tem
                                                                                                 kg
                                                                                                  pessoas. Tem
                                                                                                  o
                                        o                                                         comprimento
                                        compriment                                                máximo de
                                        o máximo                                                  6,50 m e o
                                        de 5,20 m e                                               peso mínimo
                                        o peso                                                    de 18 kg.
                                        mínimo de
                                        12 kg




• K4: Caiaque para quatro pessoas. Tem o comprimento máximo de
11 m e o peso mínimo de 30 kg.
• C1: Canoa                    • C2: Canoa para
                            para uma                       duas pessoas.
                            pessoa Tem                     Tem o
                            o                              comprimento
                            compriment                     máximo de 6,50
                            o máximo                       m e o peso
                            de 5,20 m e                    mínimo de 20
                            o peso                         kg.
                            mínimo de
                            16 k




                                                • C4: Canoa
                                                para quatro
                                                pessoas. Tem
                                                o
                                                comprimento
Nos caiaques, rema-se sentado com um remo de    máximo de
duas pás. Na canoa, o canoísta apoia-se no      11 m e o peso
assoalho da canoa com um joelho e usa remo de   mínimo de 50
uma só pá.                                      kg.
As regras da canoagem variam de acordo com a
 modalidade. Nos Jogos são disputadas competições de
  slalom e velocidade. Ambas utilizam os dois tipos de
embarcações, os caiaques e as canoas, e possuem provas
                masculinas e femininas.




                   Regras da canoagem
Competições
• Principal competição e potências do esporte atual:
• - A principal competição em nível mundial é o
  Campeonato Mundial de Canoagem em Águas Tranquilas.
  Este campeonato ocorre anualmente, exceto nos anos em
  que há Jogos Olímpicos de Verão (Olimpíadas). O último
  campeonato ocorreu em 2011 na cidade de Szeged
  (Hungria).
• - Atualmente, as grandes potências mundiais do esporte
  são: Alemanha, Hungria e Reino Unido. Nas Olimpíadas
  de Londres 2012, a Alemanha conquistou 8 medalhas (3
  de ouro, 2 de prata e 3 de bronze), a Hungria ficou com 6
  medalhas (3 de ouro, 2 de prata e 1 de bronze) e o Reino
  Unido ficou com 2 medalhas de ouro.
Movimentos Realizados
• Tamanho do remo para cada praticante: o tamanho ideal de
  remo para cada praticante durante a iniciação deve ser definido
  pelo tamanho total do remo, ou seja, este deverá estar na
  vertical em frente ao aluno, que deverá elevar um dos seus
  braços, realizando uma flexão gleno-umeral de 180º no plano
  sagital, de modo que os dedos toquem a ponta da pá (figura 1);


• Distância das duas mãos até as pás: o aluno deverá manter um
  mesmo distanciamento da mão até a pá em ambos os lados do
  remo, de forma que exista uma simetria na pegada, para que
  não possibilite maiores aplicações de forças com somente um dos
  lados do corpo;
Pegada: para definir a pegada pode-se
também utilizar algumas regras para
facilitar a automatização do aluno. Com
os cotovelos flexionados em 90º acima
da cabeça (figura 2) deve-se segurar o
remo;
• Movimentação de remar:

depois da correta pegada, ainda fora d'água, ensina-se o
  movimento da remada. A remada deve ocorrer na altura
  aproximada dos olhos e deve existir um movimento de
  extensão do punho direito (para destros) no momento de
  preparação para a remada do lado esquerdo (fase aérea)
  (Freitas, 1999), causando uma entrada melhor do remo na
  água (imbriaco, 2001). Isso deve ser realizado por alguns
  minutos com correção das pessoas que estiverem
  apresentando dificuldades.
Curiosidade:
      o que marcou a realidade !


• A canoagem slalom estreou nas Olimpíadas
  de Munique (1972). Depois, ficou de fora nos
  seis Jogos Olímpicos seguintes, retornando
  em 1992 (Olimpíadas de Barcelona). Já a
  canoagem sprint faz parte dos jogos
  olímpicos desde as Olimpíadas de Berlim
  (1936).

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Mais procurados (20)

A natação
A nataçãoA natação
A natação
 
Natação ppt ed.fisica
Natação ppt ed.fisicaNatação ppt ed.fisica
Natação ppt ed.fisica
 
Canoagem
CanoagemCanoagem
Canoagem
 
Orientação
OrientaçãoOrientação
Orientação
 
Corrida de revezamento
Corrida de revezamentoCorrida de revezamento
Corrida de revezamento
 
Corrida de revezamento
Corrida de revezamentoCorrida de revezamento
Corrida de revezamento
 
Atletismo na escola
Atletismo na escolaAtletismo na escola
Atletismo na escola
 
Atletismo
AtletismoAtletismo
Atletismo
 
Dança aerobica
Dança aerobicaDança aerobica
Dança aerobica
 
Atletismo
AtletismoAtletismo
Atletismo
 
Mini trampolim (este sim está correcto o outro estava incompleto)
Mini trampolim (este sim está correcto o outro estava incompleto)Mini trampolim (este sim está correcto o outro estava incompleto)
Mini trampolim (este sim está correcto o outro estava incompleto)
 
Nado Crawl Power Point
Nado Crawl Power PointNado Crawl Power Point
Nado Crawl Power Point
 
Educação fisica ginástica acrobática
Educação fisica ginástica acrobáticaEducação fisica ginástica acrobática
Educação fisica ginástica acrobática
 
Ginástica artistica
Ginástica artisticaGinástica artistica
Ginástica artistica
 
Natação
NataçãoNatação
Natação
 
Trabalho educação fisica
Trabalho educação fisicaTrabalho educação fisica
Trabalho educação fisica
 
Ginastica de Solo - UFAC
Ginastica de Solo - UFACGinastica de Solo - UFAC
Ginastica de Solo - UFAC
 
badminton
badmintonbadminton
badminton
 
Ogd mod 5_conteúdos _1 a 2.5
Ogd mod 5_conteúdos _1 a 2.5Ogd mod 5_conteúdos _1 a 2.5
Ogd mod 5_conteúdos _1 a 2.5
 
Atletismo
AtletismoAtletismo
Atletismo
 

Destaque

Canoagem - Rui Magalhães
Canoagem - Rui MagalhãesCanoagem - Rui Magalhães
Canoagem - Rui Magalhãesmalex86
 
apresentação Mario Santos congresso Olompico
apresentação Mario Santos congresso Olompicoapresentação Mario Santos congresso Olompico
apresentação Mario Santos congresso OlompicoMarcos Oliveira
 
Canoagem 10 anos
Canoagem 10 anosCanoagem 10 anos
Canoagem 10 anosSunsetour
 
Desportos aquáticos
Desportos aquáticosDesportos aquáticos
Desportos aquáticoschave1999
 
Presentacion Modalidades Olimpicas
Presentacion Modalidades OlimpicasPresentacion Modalidades Olimpicas
Presentacion Modalidades OlimpicasSPG1978
 
Praticas de ativid fisicas e desportivas (1)
Praticas de ativid fisicas e desportivas (1)Praticas de ativid fisicas e desportivas (1)
Praticas de ativid fisicas e desportivas (1)Sérgio Abreu
 
Esportes Paraolímpicos
 Esportes Paraolímpicos Esportes Paraolímpicos
Esportes Paraolímpicossandraprado
 
Polo aquatico principal
Polo aquatico principalPolo aquatico principal
Polo aquatico principalPedro Alves
 
Caspar david friedrich_moonwatchers
Caspar david friedrich_moonwatchersCaspar david friedrich_moonwatchers
Caspar david friedrich_moonwatchersAna Isabel Falé
 
Apresentação de slides pronto
Apresentação de slides prontoApresentação de slides pronto
Apresentação de slides prontocandidacbertao
 

Destaque (17)

Canoagem - Rui Magalhães
Canoagem - Rui MagalhãesCanoagem - Rui Magalhães
Canoagem - Rui Magalhães
 
Canoagem popular
Canoagem popularCanoagem popular
Canoagem popular
 
apresentação Mario Santos congresso Olompico
apresentação Mario Santos congresso Olompicoapresentação Mario Santos congresso Olompico
apresentação Mario Santos congresso Olompico
 
Canoagem 10 anos
Canoagem 10 anosCanoagem 10 anos
Canoagem 10 anos
 
Canoagem nas olimpíadas de londres 2012
Canoagem nas olimpíadas de londres 2012Canoagem nas olimpíadas de londres 2012
Canoagem nas olimpíadas de londres 2012
 
Atletas de Canoagem.
Atletas de Canoagem.Atletas de Canoagem.
Atletas de Canoagem.
 
Desportos aquáticos
Desportos aquáticosDesportos aquáticos
Desportos aquáticos
 
Presentacion Modalidades Olimpicas
Presentacion Modalidades OlimpicasPresentacion Modalidades Olimpicas
Presentacion Modalidades Olimpicas
 
Degas 1834 - 1917
Degas 1834 - 1917Degas 1834 - 1917
Degas 1834 - 1917
 
Praticas de ativid fisicas e desportivas (1)
Praticas de ativid fisicas e desportivas (1)Praticas de ativid fisicas e desportivas (1)
Praticas de ativid fisicas e desportivas (1)
 
Esportes Paraolímpicos
 Esportes Paraolímpicos Esportes Paraolímpicos
Esportes Paraolímpicos
 
Polo aquatico principal
Polo aquatico principalPolo aquatico principal
Polo aquatico principal
 
Caspar david friedrich_moonwatchers
Caspar david friedrich_moonwatchersCaspar david friedrich_moonwatchers
Caspar david friedrich_moonwatchers
 
Pintura barroca
Pintura barrocaPintura barroca
Pintura barroca
 
Impressionismo
Impressionismo Impressionismo
Impressionismo
 
Capacidades FíSicas
Capacidades FíSicasCapacidades FíSicas
Capacidades FíSicas
 
Apresentação de slides pronto
Apresentação de slides prontoApresentação de slides pronto
Apresentação de slides pronto
 

Semelhante a Canoagem

Regras do remo
Regras do remoRegras do remo
Regras do remoraquelyno
 
Regras do remo
Regras do remoRegras do remo
Regras do remoraquelyno
 
Regras do remo
Regras do remoRegras do remo
Regras do remoraquelyno
 
Regras do remo
Regras do remoRegras do remo
Regras do remoraquelyno
 
Regras do remo
Regras do remoRegras do remo
Regras do remoraquelyno
 
Desportos aquáticos
Desportos aquáticosDesportos aquáticos
Desportos aquáticoschave1999
 
Desportos aquáticos
Desportos aquáticosDesportos aquáticos
Desportos aquáticoschave1999
 

Semelhante a Canoagem (9)

Regras do remo
Regras do remoRegras do remo
Regras do remo
 
Regras do remo
Regras do remoRegras do remo
Regras do remo
 
Regras do remo
Regras do remoRegras do remo
Regras do remo
 
Regras do remo
Regras do remoRegras do remo
Regras do remo
 
Regras do remo
Regras do remoRegras do remo
Regras do remo
 
Desportos aquáticos
Desportos aquáticosDesportos aquáticos
Desportos aquáticos
 
Desportos aquáticos
Desportos aquáticosDesportos aquáticos
Desportos aquáticos
 
Atletismo
AtletismoAtletismo
Atletismo
 
Atletismo
AtletismoAtletismo
Atletismo
 

Mais de Escola Municipal Vila Monte Cristo

Programas e projetos do Cidade Escola na EMEF Vila Monte Cristo em 2014
Programas e projetos do Cidade Escola na EMEF Vila Monte Cristo em 2014Programas e projetos do Cidade Escola na EMEF Vila Monte Cristo em 2014
Programas e projetos do Cidade Escola na EMEF Vila Monte Cristo em 2014Escola Municipal Vila Monte Cristo
 
PRINCÍPIOS E BREVE HISTÓRICO DO PROGRAMA CIDADE ESCOLA E MAISEDUCAÇÃO
PRINCÍPIOS E BREVE HISTÓRICO DO PROGRAMA CIDADE ESCOLA E MAISEDUCAÇÃOPRINCÍPIOS E BREVE HISTÓRICO DO PROGRAMA CIDADE ESCOLA E MAISEDUCAÇÃO
PRINCÍPIOS E BREVE HISTÓRICO DO PROGRAMA CIDADE ESCOLA E MAISEDUCAÇÃOEscola Municipal Vila Monte Cristo
 

Mais de Escola Municipal Vila Monte Cristo (20)

Laboratório de aprendizagem de português 2017
Laboratório de aprendizagem de português 2017Laboratório de aprendizagem de português 2017
Laboratório de aprendizagem de português 2017
 
Memória fotográfica:LA matemática 2015/2016
Memória fotográfica:LA matemática 2015/2016Memória fotográfica:LA matemática 2015/2016
Memória fotográfica:LA matemática 2015/2016
 
Projeto para o Laboratório aprendizagem matemática 2017
Projeto para o Laboratório aprendizagem matemática  2017Projeto para o Laboratório aprendizagem matemática  2017
Projeto para o Laboratório aprendizagem matemática 2017
 
Boas vindas ao ano letivo de 2016
Boas vindas ao ano letivo de 2016Boas vindas ao ano letivo de 2016
Boas vindas ao ano letivo de 2016
 
Homenagem à Monte Cristo em seus 20 anos: 1995 a 2015
Homenagem à Monte Cristo em seus 20 anos: 1995 a 2015 Homenagem à Monte Cristo em seus 20 anos: 1995 a 2015
Homenagem à Monte Cristo em seus 20 anos: 1995 a 2015
 
Apresentaçao janete machado
Apresentaçao janete machadoApresentaçao janete machado
Apresentaçao janete machado
 
PROJETO CAPOEIRA EM DIÁLOGO
PROJETO CAPOEIRA EM DIÁLOGOPROJETO CAPOEIRA EM DIÁLOGO
PROJETO CAPOEIRA EM DIÁLOGO
 
SARAUS MUSICAIS NA EMEF VILA MONTE CRISTO
SARAUS MUSICAIS NA EMEF VILA MONTE CRISTOSARAUS MUSICAIS NA EMEF VILA MONTE CRISTO
SARAUS MUSICAIS NA EMEF VILA MONTE CRISTO
 
COMPLEMENTO DE GRAFITAGEM 2014
COMPLEMENTO DE GRAFITAGEM 2014COMPLEMENTO DE GRAFITAGEM 2014
COMPLEMENTO DE GRAFITAGEM 2014
 
Programas e projetos do Cidade Escola na EMEF Vila Monte Cristo em 2014
Programas e projetos do Cidade Escola na EMEF Vila Monte Cristo em 2014Programas e projetos do Cidade Escola na EMEF Vila Monte Cristo em 2014
Programas e projetos do Cidade Escola na EMEF Vila Monte Cristo em 2014
 
PRINCÍPIOS E BREVE HISTÓRICO DO PROGRAMA CIDADE ESCOLA E MAISEDUCAÇÃO
PRINCÍPIOS E BREVE HISTÓRICO DO PROGRAMA CIDADE ESCOLA E MAISEDUCAÇÃOPRINCÍPIOS E BREVE HISTÓRICO DO PROGRAMA CIDADE ESCOLA E MAISEDUCAÇÃO
PRINCÍPIOS E BREVE HISTÓRICO DO PROGRAMA CIDADE ESCOLA E MAISEDUCAÇÃO
 
GUAÍBA: UM FALSO RIO CONTA A HISTÓRIA DA CIDADE
GUAÍBA: UM FALSO RIO CONTA A HISTÓRIA DA CIDADE GUAÍBA: UM FALSO RIO CONTA A HISTÓRIA DA CIDADE
GUAÍBA: UM FALSO RIO CONTA A HISTÓRIA DA CIDADE
 
Dom Quixote: várias formas de contar essa história
Dom Quixote: várias formas de contar essa históriaDom Quixote: várias formas de contar essa história
Dom Quixote: várias formas de contar essa história
 
Revista Turma da Monica cuidando do mundo
Revista Turma da Monica cuidando do mundoRevista Turma da Monica cuidando do mundo
Revista Turma da Monica cuidando do mundo
 
Pré-leitura: formando um contexto para ler outras culturas
Pré-leitura: formando um contexto para ler outras culturasPré-leitura: formando um contexto para ler outras culturas
Pré-leitura: formando um contexto para ler outras culturas
 
As três ecologias
As três ecologiasAs três ecologias
As três ecologias
 
FORMAÇÃO DE EDUCADORES AMBIENTAIS
FORMAÇÃO DE EDUCADORES AMBIENTAIS FORMAÇÃO DE EDUCADORES AMBIENTAIS
FORMAÇÃO DE EDUCADORES AMBIENTAIS
 
Relatório do 2º trimestre 2012 na Turma A34
Relatório do  2º  trimestre 2012  na Turma A34 Relatório do  2º  trimestre 2012  na Turma A34
Relatório do 2º trimestre 2012 na Turma A34
 
Trabalho sobre o boxe
Trabalho sobre o boxeTrabalho sobre o boxe
Trabalho sobre o boxe
 
Hóquei na grama
Hóquei na gramaHóquei na grama
Hóquei na grama
 

Último

v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basicoPRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basicoSilvaDias3
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...Martin M Flynn
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira partecoletivoddois
 
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundogeografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundonialb
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresaulasgege
 
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 anoAdelmaTorres2
 
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISPrática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISVitor Vieira Vasconcelos
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxIsabellaGomes58
 
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?MrciaRocha48
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileirosMary Alvarenga
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfIedaGoethe
 
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfO guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfErasmo Portavoz
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOMarcosViniciusLemesL
 
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfIedaGoethe
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAlexandreFrana33
 
PPT _ Módulo 3_Direito Comercial_2023_2024.pdf
PPT _ Módulo 3_Direito Comercial_2023_2024.pdfPPT _ Módulo 3_Direito Comercial_2023_2024.pdf
PPT _ Módulo 3_Direito Comercial_2023_2024.pdfAnaGonalves804156
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxconcelhovdragons
 

Último (20)

v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basicoPRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
 
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppttreinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
 
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundogeografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
 
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
 
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISPrática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
 
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
 
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfO guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
 
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
 
PPT _ Módulo 3_Direito Comercial_2023_2024.pdf
PPT _ Módulo 3_Direito Comercial_2023_2024.pdfPPT _ Módulo 3_Direito Comercial_2023_2024.pdf
PPT _ Módulo 3_Direito Comercial_2023_2024.pdf
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
 

Canoagem

  • 1. Trabalho de pesquisa: Canoagem de Velocidade Alunas autoras: Érica Couto e Eduarda Maia Turma: C31 Matéria: Educação Física Escola: EMEF Vila Monte Cristo
  • 2. Canoagem de Velocidade • A canoagem de velocidade (sprint) é a mais conhecida. Acontece em canais construídos artificialmente, com 2.000 metros de comprimento e 3 metros de profundidade, sendo todo o percurso de nove pistas. As competições disputam-se em embarcações muito rápidas, mas muito instáveis, denominadas de: caiaque (K1, K2 e K4) e canoa (C1 C2 e C4). A modalidade é praticada em embarcações de 1, 2 ou 4 pessoas.
  • 3. Modalidades do esporte: • As principais modalidades são: o Freestyle, canoagem oceânica, caiaque- pólo, maratonas, canoagem de velocidade (modalidade olímpica), canoagem slalom (modalidade olímpica).
  • 4. Modalidades • Canoagem de velocidade É a mais popular sendo é disputada em canais de 2 km de comprimento. Nas Olimpíadas são disputadas competições em percursos de 500 m e 1000 m. As competições são realizadas com um, dois ou quatro canoístas por canoa. As embarcações usadas (caiaques ou canoas) são bem rápidas, porém instáveis.
  • 5. Canoagem Oceânica Praticada com embarcações especiais para o mar, o objetivo desta modalidade é cumprir determinados percursos no oceano. Apresenta um elevado grau de dificuldade.
  • 6. Canoagem Slalom É praticada em percursos de 250 e 300 metros. Os canoístas devem passar por 18 a 25 portas, com o menor número de erros possível e num menor espaço de tempo. o canoísta.
  • 7. • Canoagem Maratona Nesta modalidade os percursos são elevados (de 15 km para cima). É uma competição que envolve grande esforço físico e resistência por parte dos canoístas. Caiaque-Pólo Competição envolvendo duas equipes em que os jogadores utilizam canoas para se movimentarem pela área de jogo. É disputado em rios, piscinas ou lagos. O objetivo é marcar o maior número de gols. Freestyle Modalidade recente de canoagem. O canoísta deve fazer manobras e movimentos específicos na onda de um rio, num determinado período de tempo. Cada manobra vale pontos para o canoísta. •
  • 8. DEMOSTRAÇÃO... • K1: • K2: Caiaque Caiaque para duas para uma • K1: Caiaque para uma pessoa. Tem o comprimento máximo de 5,20 m e o peso mínimo de 12 pessoa. Tem kg pessoas. Tem o o comprimento compriment máximo de o máximo 6,50 m e o de 5,20 m e peso mínimo o peso de 18 kg. mínimo de 12 kg • K4: Caiaque para quatro pessoas. Tem o comprimento máximo de 11 m e o peso mínimo de 30 kg.
  • 9. • C1: Canoa • C2: Canoa para para uma duas pessoas. pessoa Tem Tem o o comprimento compriment máximo de 6,50 o máximo m e o peso de 5,20 m e mínimo de 20 o peso kg. mínimo de 16 k • C4: Canoa para quatro pessoas. Tem o comprimento Nos caiaques, rema-se sentado com um remo de máximo de duas pás. Na canoa, o canoísta apoia-se no 11 m e o peso assoalho da canoa com um joelho e usa remo de mínimo de 50 uma só pá. kg.
  • 10. As regras da canoagem variam de acordo com a modalidade. Nos Jogos são disputadas competições de slalom e velocidade. Ambas utilizam os dois tipos de embarcações, os caiaques e as canoas, e possuem provas masculinas e femininas. Regras da canoagem
  • 11. Competições • Principal competição e potências do esporte atual: • - A principal competição em nível mundial é o Campeonato Mundial de Canoagem em Águas Tranquilas. Este campeonato ocorre anualmente, exceto nos anos em que há Jogos Olímpicos de Verão (Olimpíadas). O último campeonato ocorreu em 2011 na cidade de Szeged (Hungria). • - Atualmente, as grandes potências mundiais do esporte são: Alemanha, Hungria e Reino Unido. Nas Olimpíadas de Londres 2012, a Alemanha conquistou 8 medalhas (3 de ouro, 2 de prata e 3 de bronze), a Hungria ficou com 6 medalhas (3 de ouro, 2 de prata e 1 de bronze) e o Reino Unido ficou com 2 medalhas de ouro.
  • 12. Movimentos Realizados • Tamanho do remo para cada praticante: o tamanho ideal de remo para cada praticante durante a iniciação deve ser definido pelo tamanho total do remo, ou seja, este deverá estar na vertical em frente ao aluno, que deverá elevar um dos seus braços, realizando uma flexão gleno-umeral de 180º no plano sagital, de modo que os dedos toquem a ponta da pá (figura 1); • Distância das duas mãos até as pás: o aluno deverá manter um mesmo distanciamento da mão até a pá em ambos os lados do remo, de forma que exista uma simetria na pegada, para que não possibilite maiores aplicações de forças com somente um dos lados do corpo;
  • 13. Pegada: para definir a pegada pode-se também utilizar algumas regras para facilitar a automatização do aluno. Com os cotovelos flexionados em 90º acima da cabeça (figura 2) deve-se segurar o remo;
  • 14. • Movimentação de remar: depois da correta pegada, ainda fora d'água, ensina-se o movimento da remada. A remada deve ocorrer na altura aproximada dos olhos e deve existir um movimento de extensão do punho direito (para destros) no momento de preparação para a remada do lado esquerdo (fase aérea) (Freitas, 1999), causando uma entrada melhor do remo na água (imbriaco, 2001). Isso deve ser realizado por alguns minutos com correção das pessoas que estiverem apresentando dificuldades.
  • 15. Curiosidade: o que marcou a realidade ! • A canoagem slalom estreou nas Olimpíadas de Munique (1972). Depois, ficou de fora nos seis Jogos Olímpicos seguintes, retornando em 1992 (Olimpíadas de Barcelona). Já a canoagem sprint faz parte dos jogos olímpicos desde as Olimpíadas de Berlim (1936).