PROJETO: HISTÓRIASQUE ALIMENTAM
INTRODUÇÃOQual criança não gosta de ouvir histórias, inventar e recontar casos?As crianças pequenas gostam muito de ouvir ...
“O acesso aos bens culturais é direito de todas as crianças. Alinguagem, que se expressa em dois domínios o oral e o escri...
Dentro dessa perspectiva afirmamos a necessidade de ler para ascrianças histórias da vida cotidiana de outras crianças afr...
OBJETIVOS• Apresentar para as crianças e famílias a cultura africana e afro-brasileira através da leitura de histórias;• R...
CONTEÚDOS• Histórias da cultura africana e afro-brasileira;• Expressões artísticas e culturais africanas e afro-brasileiras.
ORGANIZAÇÃOMETODOLÓGICA
Mês: Maio• Apresentação da proposta em HTPC (08/05);• Apresentação da proposta para as crianças nas salas. (09/05);• Leitu...
Mês: Junho• Apresentação e leitura da história “Chuva de Manga”. (06 e11/06);• Retomada da história (roda de conversa) mos...
PROPOSTA/ SÁBADO LETIVO: Anunciar para as famílias no mês deMaio, através de bilhete o projeto (histórias ambientadas na Á...
Mês: Agosto• Apresentação e leitura do livro “Lila e o Segredo da Chuva”.(30/07 e 01/08);• Retomada da história (roda de c...
• Propor para as crianças uma roda sobre os sentimentos queenvolvem as histórias mostrando os dois personagens e anotandoo...
Mês: Setembro• Apresentação e leitura do livro “As tranças de Bintou” (03 e05/09);• Retomada da história (roda de conversa...
Mês: Outubro• Apresentação e leitura do livro “Os tesouros de Monifa”. (01 e03/10);• Retomada da história (roda de convers...
Mês: Novembro• Apresentação e leitura do texto “Os Sete Novelos” (05 e 07/11);• Retomada da história (roda de conversa) ap...
Mês: Final de Novembro e Dezembro• Leitura e apresentação da história “Fuzarca” (26 e 28/11);• Retomada da história (roda ...
FONTEEducação Infantil e práticas promotoras de igualdade racial. SãoPaulo: CEERT – Instituto Avisa Lá, 2012.
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

PROJETO HISTÓRIAS QUE ALIMENTAM

2.585 visualizações

Publicada em

Projeto Coletivo 2013 "Histórias que alimentam".

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.585
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
30
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

PROJETO HISTÓRIAS QUE ALIMENTAM

  1. 1. PROJETO: HISTÓRIASQUE ALIMENTAM
  2. 2. INTRODUÇÃOQual criança não gosta de ouvir histórias, inventar e recontar casos?As crianças pequenas gostam muito de ouvir histórias, sejam lidas oucontadas.Pensando na lei nº 10.639 e na possibilidade de sua aplicação naeducação infantil, [...] embora não seja obrigatório o ensino de história ecultura africana nesta etapa da educação. Escolhemos a literatura comoparceira em nossas práticas com as crianças no desenvolvimento desteprojeto, pois acreditamos que {...} “assim, não será preciso desconstruirtantos preconceitos, pois os conceitos serão construídos desde o inícioda formação dos indivíduos”.Este projeto caminhará entre todas as turmas da escola através dasprofessoras do período integral como consequência do projeto“Aprendizes de Nossa Brasilidade” (2012) desenvolvido com as/oseducadoras/es da unidade escolar.
  3. 3. “O acesso aos bens culturais é direito de todas as crianças. Alinguagem, que se expressa em dois domínios o oral e o escrito, é umadas mais importantes heranças culturais, responsável por mudanças nomodo como as sociedades se organizaram, com reflexos na constituiçãoda identidade humana.” (p.37).Por esse motivo acreditamos ser fundamental ter projetos nos quaisas histórias para os pequenos sejam lidas, pois nestes momentos decontato com a literatura as crianças ampliam o que já sabemenriquecendo suas narrativas e suas próprias maneiras de pensar e ver omundo.“Quando se lê para as crianças, mostramos a elas um pouco domundo. O olhar de um autor, o modo como ele pensa seus sentimentos,sua sensibilidade, a história que desejou contar” (p. 40).
  4. 4. Dentro dessa perspectiva afirmamos a necessidade de ler para ascrianças histórias da vida cotidiana de outras crianças africanas ebrasileiras, trilhando um caminho entre países do continente africanocom o Brasil, descobrindo novos alimentos, vestimentas, brincadeiras etradições culturais típicas desses dois lugares. Enfim todas essas açõesenvolvem muitos aprendizados que estarão contidos nas experiênciasdas crianças de serem leitores, da vida, do mundo.Através da leitura de sete histórias ambientadas em alguns países docontinente africano e também no Brasil, teremos a oportunidade demostrar para as nossas crianças e para as famílias, imagens de criançascomo protagonistas e produtoras da cultura de seu povo.
  5. 5. OBJETIVOS• Apresentar para as crianças e famílias a cultura africana e afro-brasileira através da leitura de histórias;• Reconhecer a criança pequena como produtora da cultura de seupovo.
  6. 6. CONTEÚDOS• Histórias da cultura africana e afro-brasileira;• Expressões artísticas e culturais africanas e afro-brasileiras.
  7. 7. ORGANIZAÇÃOMETODOLÓGICA
  8. 8. Mês: Maio• Apresentação da proposta em HTPC (08/05);• Apresentação da proposta para as crianças nas salas. (09/05);• Leitura da primeira história “Obax” para as crianças. (14 e 16/05);• Retomada da história (roda de conversa) com enfoque nalocalização do continente africano no mapa, mostrando àpersonagem, suas características, as pinturas no rosto, ou seja,ambientando essa história para e com as crianças. (21 e 23/05);• Propor para as crianças a brincadeira da chuva de flores nobexigão. (28/05 e 04/06).
  9. 9. Mês: Junho• Apresentação e leitura da história “Chuva de Manga”. (06 e11/06);• Retomada da história (roda de conversa) mostrando o meninocomo protagonista da história, localizando o país dele no mapa.(13 e 18/06);• Propor para as crianças utilizando brinquedos de montar, aspossibilidades que podemos criar com essas peças, sempreresgatando a história. (tirar foto das criações das crianças parauma exposição nos murais da escola – 20 e 25/06);• Utilizar os dias 27/06 e 02/07 para retomar com as crianças osdois personagens que nós já conhecemos uma menina e ummenino e anunciar as próximas histórias.
  10. 10. PROPOSTA/ SÁBADO LETIVO: Anunciar para as famílias no mês deMaio, através de bilhete o projeto (histórias ambientadas na África).No mês de Junho anunciar para as famílias que no sábado letivo elesconhecerão duas crianças “Obax e o Tomas”, também através debilhete e no calendário mensal. Já o convite para o encontro serárealizado com as professoras do regular anunciando que as criançasapresentarão a música “África” da palavra cantada e após aapresentação acontecerá a leitura das duas histórias nas salas comas famílias.
  11. 11. Mês: Agosto• Apresentação e leitura do livro “Lila e o Segredo da Chuva”.(30/07 e 01/08);• Retomada da história (roda de conversa) mostrando aprotagonista, localizando o seu país no mapa, a forma damoradia, o sol quente, as roupas, a montanha, a comemoraçãodas pessoas no final. (06 e 08/08);• Trazer para as crianças cenas do filme Kiriku mostrando queexiste um menino muito corajoso que sua família também temuma moradia diferente e uma forma de comemorarcoletivamente quando estão felizes.(13 e 15/08);
  12. 12. • Propor para as crianças uma roda sobre os sentimentos queenvolvem as histórias mostrando os dois personagens e anotandoo que as crianças pensam em relação às histórias. Desenhar umagrande árvore junto com cada turma (20 e 22/08);• Colar junto com as crianças os dois personagens na árvore e ossentimentos que eles disseram na semana anterior. (27 e 29/08).
  13. 13. Mês: Setembro• Apresentação e leitura do livro “As tranças de Bintou” (03 e05/09);• Retomada da história (roda de conversa) apresentando aprotagonista, suas características, sua vestimenta, o país ondeestá ambientada a história no mapa. Colocar foco na autoimagem, na auto afirmação. (10 e 12/09);• Propor para as crianças a apreciação de imagens de pessoas comcabelos diferentes tanto de adultos quanto de crianças, realizaruma conversa sobre essas diversas possibilidades de se ter umcabelo, do que é bonito e por que é bonito, sempre fazendo umarelação com a história. (17 e 19/09);• Proporcionar para as crianças a brincadeira do canto da belezacom as imagens já apreciadas. (24 e 26/09).
  14. 14. Mês: Outubro• Apresentação e leitura do livro “Os tesouros de Monifa”. (01 e03/10);• Retomada da história (roda de conversa) apresentando aprotagonista e o caminho entre o Brasil e a África e como essecaminho foi estabelecido nesta família. (08 e 10/10);• Propor ás crianças a escrita de uma grande carta com o tema: “Osnossos maiores tesouros” para entregar a outra turma (22 e24/10);• Realizar a entrega e troca dos tesouros (29 e 31/10).
  15. 15. Mês: Novembro• Apresentação e leitura do texto “Os Sete Novelos” (05 e 07/11);• Retomada da história (roda de conversa) apresentação dospersonagens, localizar o país no mapa, atentar para as cores, paraos desenhos. (12 e 14/11);• Propor para as crianças uma grande fruição estética utilizando ascores da história (19 e 21/11).
  16. 16. Mês: Final de Novembro e Dezembro• Leitura e apresentação da história “Fuzarca” (26 e 28/11);• Retomada da história (roda de conversa) com apresentação dospersonagens, suas características, ambientando a história nonosso país, enfatizando a alegria, a expressão cultural doencontro e da música.(03 e 05/12);• PROPOSTA/ SÁBADO LETIVO: Proporcionar uma grandeapresentação cultural de capoeira e a leitura das outras históriasque aconteceram no projeto para as famílias.
  17. 17. FONTEEducação Infantil e práticas promotoras de igualdade racial. SãoPaulo: CEERT – Instituto Avisa Lá, 2012.

×