Quando usar à crase?
Temos vários tipos de contração ou combinação na Língua
Portuguesa. A contração se dá na junção de uma preposição com
outr...
Na contração, as palavras perdem alguma letra no
momento da junção. Veja:
• da ( preposição de + artigo a)
• na (preposiçã...
Crase é a junção da preposição “a” com o artigo definido “a
(s)”, ou ainda da preposição “a” com as iniciais dos
pronomes ...
Crase é a junção da preposição “a” com o artigo definido “a(s)”, ou ainda da
preposição “a” com as iniciais dos pronomes d...
É importante lembrar dos casos em que a crase é
empregada, obrigatoriamente: nas expressões que indicam
horas ou nas locuç...
Importante: A crase não ocorre: antes de palavras
masculinas; antes de verbos, de pronomes pessoais, de
nomes de cidade qu...
A CRASE E OS PRONOMES DEMONSTRATIVOS:
AQUELE, AQUELA, AQUILO!
Você já teve dúvidas se colocava ou não a crase nos
pronomes...
Refiro-me a alguém.
Refiro-me a aquela mulher.
Refiro-me àquela mulher.
Agora veja: Refiro-me àquela mulher que entrou ago...
Não me refiro àquilo que aconteceu ontem. Refiro-me a
isso que aconteceu agora.
Não se assuste em colocar a crase antes de...
Você receberá o seu bônus quando ele suceder a este
plano de minutos gratuitos. A crase também pode ocorrer
com os pronome...
Para mais informações, acesse: emanuelhallef.
wordpress.com
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Quando usar à crase

454 visualizações

Publicada em

Para mais informações, acesse: emanuelhalelf.wordpress.com

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
454
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Quando usar à crase

  1. 1. Quando usar à crase?
  2. 2. Temos vários tipos de contração ou combinação na Língua Portuguesa. A contração se dá na junção de uma preposição com outra palavra. Na combinação, as palavras não perdem nenhuma letra quando feita a união. Observe: • Aonde (preposição a + advérbio onde) • Ao (preposição a + artigo o)
  3. 3. Na contração, as palavras perdem alguma letra no momento da junção. Veja: • da ( preposição de + artigo a) • na (preposição em + artigo a) Agora, há um caso de contração que gera muitas dúvidas quanto ao uso nas orações: a crase.
  4. 4. Crase é a junção da preposição “a” com o artigo definido “a (s)”, ou ainda da preposição “a” com as iniciais dos pronomes demonstrativos aquela(s), aquele(s), aquilo ou com o pronome relativo a qual (as quais). Graficamente, a fusão das vogais “a” é representada por um acento grave, assinalado no sentido contrário ao acento agudo: à. Como saber se devo empregar a crase? Uma dica é substituir a crase por “ao” e o substantivo feminino por um masculino, caso essa preposição seja aceita sem prejuízo de sentido, então com certeza há crase.
  5. 5. Crase é a junção da preposição “a” com o artigo definido “a(s)”, ou ainda da preposição “a” com as iniciais dos pronomes demonstrativos aquela(s), aquele (s), aquilo ou com o pronome relativo a qual (as quais). Graficamente, a fusão das vogais “a” é representada por um acento grave, assinalado no sentido contrário ao acento agudo: à. Como saber se devo empregar a crase? Uma dica é substituir a crase por “ao” e o substantivo feminino por um masculino, caso essa preposição seja aceita sem prejuízo de sentido, então com certeza há crase.
  6. 6. É importante lembrar dos casos em que a crase é empregada, obrigatoriamente: nas expressões que indicam horas ou nas locuções à medida que, às vezes, à noite, dentre outras, e ainda na expressão “à moda”. Veja: Exemplos: Sairei às duas horas da tarde. À medida que o tempo passa, fico mais feliz por você estar no Brasil. Quero uma pizza à moda italiana.
  7. 7. Importante: A crase não ocorre: antes de palavras masculinas; antes de verbos, de pronomes pessoais, de nomes de cidade que não utilizam o artigo feminino, da palavra casa quando tem significado do próprio lar, da palavra terra quando tem sentido de solo e de expressões com palavras repetidas (dia a dia).
  8. 8. A CRASE E OS PRONOMES DEMONSTRATIVOS: AQUELE, AQUELA, AQUILO! Você já teve dúvidas se colocava ou não a crase nos pronomes demonstrativos? O problema é que esta crase não é do pronome, mas sim a representação da junção da preposição que o antecede e seu “a” inicial! Assim, existirá o acento grave quando o que foi dito anteriormente exigir a preposição “a”. Veja:
  9. 9. Refiro-me a alguém. Refiro-me a aquela mulher. Refiro-me àquela mulher. Agora veja: Refiro-me àquela mulher que entrou agora ou Refiro-me à que entrou agora. Ficará ainda mais claro se você substituir o pronome por outro que não comece com “a”:
  10. 10. Não me refiro àquilo que aconteceu ontem. Refiro-me a isso que aconteceu agora. Não se assuste em colocar a crase antes de “aquele”, por se tratar de um termo masculino, pois o que é levado em consideração é o “a” do início. Este caderno é igual àquele que vimos ontem. Agora veja com mais exatidão: Você receberá o seu bônus quando este suceder àqueledos minutos gratuitos.
  11. 11. Você receberá o seu bônus quando ele suceder a este plano de minutos gratuitos. A crase também pode ocorrer com os pronomes relativos a qual, as quais: As celebrações às quais assisti eram muito mais breves. Ainda pode ocorrer com “à que”, a fim de se evitar repetições desnecessárias: Comprou uma capa igual à (capa) que tinha estragado na última chuva.
  12. 12. Para mais informações, acesse: emanuelhallef. wordpress.com

×