Treinamento gametogênese

10.152 visualizações

Publicada em

0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
10.152
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
162
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Treinamento gametogênese

  1. 1. Treinamento – Gametogênese – Prof. Emanuel 1. As figuras mostram as principais partes dos gametas masculino (em A, com aumento de 1.250 vezes) e feminino (em B, com aumento de 200 vezes). Considerando os dados relativos às figuras apresentadas, julgue os itens que se seguem. (1) A estrutura I é pobre em enzimas. (2) A energia necessária para o batimento do flagelo provém da estrutura II. (3) Na espécie humana, a produção dos gametas representados pela figura A é muito maior que a dos representados pela figura B. (4) No processo de fecundação, a membrana celular da célula B sofre significativas modificações. 2. A reprodução da maioria dos seres vivos envolve um processo sexual onde se alternam os fenômenos de meiose e fecundação. No homem, a meiose é gamética, e a fecundação reconstitui a diploidia. Qual dos pares de gametas representados a seguir poderá originar um zigoto que desenvolverá um embrião normal do sexo masculino? 3. Com relação ao esquema de parte do aparelho reprodutor humano (I, II e III), representados a seguir, assinale a alternativa CORRETA:
  2. 2. Treinamento – Gametogênese – Prof. Emanuel a) As células de Sertoli encontram-se em III. b) Os túbulos seminíferos percorrem a estrutura indicada por I. c) A liberação dos espermatozoides ocorre na sequência II, III e I. d) O epidídimo está representado por III. e) Os espermatozoides são produzidos em II. 4. Analise as afirmações relacionadas à meiose durante a ovulogênese: I - Ocorrem as seguintes fases auxiliares durante a Prófase I: Leptóteno, Zigóteno, Paquíteno, Diplóteno e Diacinese. II - Na Anáfase I dá-se o estrangulamento do citoplasma e a formação da carioteca em torno dos cromossomos. III - No final da Telófase I resultam duas células morfológica e geneticamente idênticas. IV - Intercinese é uma fase de curta duração a partir da qual começa uma segunda divisão celular, que faz parte do processo de divisão meiótica. V - Ao final do processo mitótico, formam-se quatro células haploides férteis. São verdadeiras: a) apenas I, II e IV. b) apenas II, III e V. c) apenas I e V. d) apenas I e IV. e) I, II, III, IV e V. 5. Assinale a alternativa que completa corretamente a afirmação abaixo. Durante a gametogênese, quando ocorre a primeira divisão meiótica (anáfase I),
  3. 3. Treinamento – Gametogênese – Prof. Emanuel a) as cromátides separam-se, dirigindo-se para polos opostos do fuso, resultando em uma divisão equacional que origina duas novas células, no caso da espermatogênese. b) as cromátides separam-se, sendo desigual a divisão do citoplasma, no caso da ovogênese, o que dá origem a um ovócito e dois corpúsculos polares. c) os cromossomos homólogos separam-se, dirigindo-se para polos opostos do fuso, resultando em uma divisão reducional que origina, no caso da espermatogênese, duas novas células. d) formam-se quatro novas células, cada uma com um cromossomo de cada par de homólogos, no caso da ovogênese. e) formam-se quatro novas células, cromossomicamente idênticas, que, no caso da espermatogênese, sofrerão transformações estruturais originando quatro espermatozoides. 6. Considere a ovulogênese de uma mulher normal. Analise o conteúdo cromossômico e de DNA nas células durante a divisão e assinale a afirmativa CORRETA: a) A ovogônia tem a metade do conteúdo de DNA do ovócito I. b) Os ovócitos I e II têm o mesmo número de cromátides. c) O ovócito II e o óvulo têm o mesmo número de cromossomos. d) O corpúsculo polar I não difere na quantidade de DNA do ovócito I. e) O gameta tem valor correspondente a 4C e a ovogônia a 1C. 7. O esquema a seguir representa etapas do processo de gametogênese no homem. Sobre esse processo, assinale a alternativa correta. a) A célula A é diploide e as células B, C e D são haploides. b) A separação dos homólogos ocorre durante a etapa 2. c) As células A e B são diploides e as células C e D são haploides. d) A redução no número de cromossomos ocorre durante a etapa 3. e) A separação das cromátides-irmãs ocorre durante a etapa 1. 8. O esquema a seguir mostra um processo de multiplicação celular em humanos.
  4. 4. Treinamento – Gametogênese – Prof. Emanuel Analisando o esquema de acordo com seus conhecimentos, é INCORRETO afirmar: a) Na figura acima, estão representadas divisões mitóticas e meiótica da gametogênese feminina. b) A multiplicação das ovogônias ocorre durante a fase intra-uterina de desenvolvimento fetal. c) Cada célula que entra em meiose produz quatro gametas funcionais com dois diferentes conjuntos genômicos. d) Hormônios produzidos pela hipófise e o processo da fecundação controlam progressões da meiose acima esquematizada. 9. A idade materna avançada implica em preocupação com a possibilidade do nascimento de bebês com anomalias, porque a) os folículos ovarianos entram em atividade, mas, em geral, apenas um cresce e amadurece, enquanto os demais regridem. b) os ovócitos maternos permanecem um longo período em divisão meiótica, mais suscetíveis a agentes físicos, químicos e biológicos. c) as ovogônias maternas interrompem a fase de multiplicação por volta da 15a semana de vida fetal e transformam-se em ovócitos primários. d) as gônadas têm células conservadas num estado indiferenciado e, quando estimuladas, iniciam a produção dos gametas. e) as células do ovário materno sofrem inúmeras divisões mitóticas em resposta aos mecanismos de controle do ciclo celular. 10. O trecho a seguir foi extraído do artigo Desencontros sexuais, de Drauzio Varella, publicado na "Folha de S. Paulo", em 25 de agosto de 2005. "Nas mulheres, em obediência a uma ordem que parte de uma área cerebral chamada hipotálamo, a hipófise libera o hormônio FSH (hormônio folículo estimulante), que agirá sobre os folículos ovarianos, estimulando-os a produzir estrogênios, encarregados de amadurecer um óvulo a cada mês. FSH e estrogênios dominam os primeiros 15 dias do ciclo menstrual com a finalidade de tornar a mulher fértil, isto é, de preparar para a fecundação uma das 350 mil células germinativas com as quais nasceu." O trecho faz referência a um grupo de células que a mulher apresenta ao nascer. Essas células são a) ovogônias em início de meiose, presentes no interior dos folículos ovarianos e apresentam 23 cromossomos. b) ovócitos em início de meiose, presentes no interior dos folículos ovarianos e apresentam 46 cromossomos.
  5. 5. Treinamento – Gametogênese – Prof. Emanuel c) ovócitos em fase final de meiose, presentes no interior de folículos ovarianos e apresentam 23 cromossomos. d) óvulos originados por meiose, presentes na tuba uterina e apresentam 23 cromossomos. e) ovogônias em início de meiose, presentes na tuba uterina e apresentam 46 cromossomos. 11. O processo de formação de espermatozoides, conhecido como espermatogênese, ocorre em quatro períodos: germinativo, de crescimento, de maturação e de diferenciação. Sabendo-se que o espermatócito I é encontrado no período de crescimento e que a espermátide é encontrada ao final do período de maturação, pergunta-se: quantos espermatozoides serão formados a partir de 80 espermatócitos I e de 80 espermátides? a) 40 e 20 b) 160 e 320 c) 320 e 80 d) 320 e 160 12. Após a fecundação, o embrião humano recém-formado sofrerá sucessivas clivagens e levará de 5 a 7 dias para chegar ao útero, onde ocorre a nidação. O medicamento conhecido como a "pílula do dia seguinte" pode ser utilizado, em casos de urgência, para evitar uma gravidez depois de uma relação sexual não protegida ou mal protegida, e possivelmente fértil. Os promotores dessa técnica propõem-na não como um método de uso regular, pois ela não impede a fertilização, mas sim como um recurso alternativo. Com base nisso, assinale a alternativa correta. a) A chamada "pílula do dia seguinte" é um método contraceptivo. b) A implantação do zigoto no útero ocorre 72 horas após a fertilização. c) A gestação pode continuar mesmo que não se complete a nidação do embrião no útero. d) A "pílula do dia seguinte" interrompe a gestação ao impedir a implantação do embrião no útero. e) A utilização da chamada "pílula do dia seguinte" não permite a gestação por impedir a ovulação. 13. Um homem dosou a concentração de testosterona em seu sangue e descobriu que esse hormônio encontrava-se num nível muito abaixo do normal esperado. Imediatamente buscou ajuda médica, pedindo a reversão da vasectomia a que se submetera havia dois anos. A vasectomia consiste no seccionamento dos ductos deferentes presentes nos testículos. Diante disso, o pedido do homem a) não tem fundamento, pois a testosterona é produzida por glândulas situadas acima dos ductos, próximo à próstata. b) não tem fundamento, pois o seccionamento impede unicamente o transporte dos espermatozoides dos testículos para o pênis. c) tem fundamento, pois a secção dos ductos deferentes impede o transporte da testosterona dos testículos para o restante do corpo. d) tem fundamento, pois a produção da testosterona ocorre nos ductos deferentes e, com seu seccionamento, essa produção cessa. e) tem fundamento, pois a testosterona é produzida no epidídimo e dali é transportada pelos ductos deferentes para o restante do corpo. 14. O esquema representa a espermatogênese humana, processo no qual, a partir de divisões e diferenciações celulares, serão produzidos os espermatozoides que darão origem aos indivíduos da geração seguinte.
  6. 6. Treinamento – Gametogênese – Prof. Emanuel Pode-se dizer que: a) a seta de número 1 indica mitose. b) a célula A é chamada de espermátide. c) nas células B, cada cromossomo tem duas cromátides. d) a partir da puberdade, ocorrem apenas os eventos representados pelas setas de números 2 e 3. e) as células A, B e C são haploides. 15. A análise dos componentes dos túbulos seminíferos de um menino, antes do início da puberdade, mostra quais tipos celulares? Assinale a alternativa correta. a) Espermatogônias e células de Sertoli. b) Espermatócitos primários, espermatócitos secundários e células de Sertoli. c) Espermatogônias, espermatócitos primários e espermatócitos secundários. d) Espermatócitos secundários, espermátides, células de Sertoli e células de Leydig. 16. Durante a ovulogênese na espécie humana, nem sempre se observa a fase de óvulo. Quando observado, este tipo celular será encontrado a) no ovário de uma recém-nascida. b) na tuba uterina. c) no ovário após a segunda divisão meiótica. d) na mucosa uterina. 17. Usualmente, denomina-se a célula liberada pelas mulheres durante a ovulação de 'óvulo', mas o termo correto é 'ovócito secundário', pois a meiose ainda não foi completada. Sobre o assunto, considere o relato a seguir. Quatorze dias após a última menstruação de Maria, um ovócito secundário foi liberado de um de seus ovários, seguindo pela tuba uterina. Como Maria tivera relação sexual há alguns minutos, havia uma quantidade considerável de espermatozoides no interior da tuba uterina. Considerando que o ovócito e os espermatozoides não apresentam nenhum tipo de alteração morfológica ou genética, assinale a alternativa correta. a) Poderia ocorrer fecundação, havendo a fusão dos núcleos diploides do ovócito secundário e do espermatozoide, formando um zigoto triploide. b) Poderia ocorrer fecundação, formando o zigoto, que iniciaria uma série de divisões mitóticas, denominadas clivagens, para formar um embrião multicelular. c) Não ocorreria a fecundação, pois isso só acontece quando óvulo e espermatozoides se encontram no útero. d) Não ocorreria fecundação, pois o ovócito secundário não está ainda pronto para receber o espermatozoide. e) Poderia ocorrer a fecundação, se o espermatozoide penetrasse completamente no ovócito secundário e seu flagelo fosse a seguir digerido pelos lisossomos do ovócito para a formação do zigoto.
  7. 7. Treinamento – Gametogênese – Prof. Emanuel 18. Com relação à gametogênese humana, a quantidade de DNA I. do óvulo é a metade da presente na ovogônia. II. da ovogônia equivale à presente na espermatogônia. III. da espermatogônia é a metade da presente no zigoto. IV. do segundo corpúsculo polar é a mesma presente no zigoto. V. da espermatogônia é o dobro da presente na espermátide. São afirmativas corretas apenas: a) I e II b) IV e V c) I, II e V d) II, III e IV e) III, IV e V 19. Em humanos, a fecundação ou fertilização é o evento responsável pela origem de um novo ser. Os principais eventos que ocorrem após a entrada do espermatozoide no óvulo são: I. O óvulo termina a divisão meiótica, ocorre a formação do pró-núcleo feminino e a união desse com o pró-núcleo masculino. II. O zigoto contém uma nova combinação de cromossomas diferente de ambos os pais. III. O zigoto sofre a primeira divisão mitótica, a qual resulta na formação de dois blastômeros, que é o início do desenvolvimento embrionário. A(s) afirmativa(s) correta(s) é(são) a) I e II. b) I e III. c) II e III. d) somente III. e) I, II e III. 20. A gametogênese é um processo que ocorre na espécie humana, assim como em todos os animais, seres que apresentam normalmente reprodução sexuada. Ela consiste na produção de células especiais, os gametas feminino e masculino, que ao fundir-se formam o zigoto, a primeira célula de um novo organismo. A respeito desse processo, assinale o que for correto. 01) No início da gametogênese, no período de multiplicação, ocorre um grande número de mitoses das células germinativas primordiais, resultando as gônias, que são células diploides. 02) No período de crescimento, as gônias acumulam substâncias de reserva e aumentam em volume, denominando-se citos I, ainda diploides. Durante a sua maturação ocorrerá a meiose. 04) A gametogênese masculina e a gametogênese feminina são processos muito semelhantes, diferindo apenas com relação ao tamanho dos gametas. O gameta feminino é microscópico e o gameta masculino é macroscópico. 08) Na ovogênese, das quatro células resultantes da meiose, apenas a maior, o óvulo, é fértil. As outras três menores, os polócitos, são estéreis. 16) Na metáfase originam-se os citos II, e no final, na anáfase, já estão formados os óvulos e as espermátides, ambos haploides. 21. Em tempos modernos, doamos agasalhos, óculos, e até óvulos... — exclamou uma personagem de novela diante da amiga que cogitava a doação de suas células não fertilizadas que restaram de um procedimento de inseminação artificial. Supondo-se que as células a serem doadas tenham sido coletadas da tuba uterina da doadora e mantiveram-se exatamente na fase em que se encontravam quando da ovulação, pode-se dizer que estavam em metáfase: a) I e apresentavam n cromossomos, cada um deles com duas cromátides. b) I e apresentavam 2n cromossomos, cada um deles com uma única cromátide.
  8. 8. Treinamento – Gametogênese – Prof. Emanuel c) II e apresentavam n cromossomos, cada um deles com uma única cromátide. d) II e apresentavam n cromossomos, cada um deles com duas cromátides. e) II e apresentavam 2n cromossomos, cada um deles com duas cromátides. 22. A reprodução é o mecanismo responsável pela perpetuação da espécie e consiste fundamentalmente no processo em que um ou dois organismos originam um novo indivíduo. Sobre a reprodução humana e desenvolvimento embrionário, é correto afirmar. a) Os espermatozoides são produzidos no epidídimo. b) A fecundação ocorre no útero. c) É através da placenta que o organismo materno fornece ao embrião nutrientes e oxigênio, e o embrião elimina excretas na circulação materna. d) Após a formação do zigoto, inicia-se o processo de gastrulação, onde a célula-ovo sofre sucessivas divisões mitóticas, proporcionando um aumento significativo do número de células. e) A segmentação é o estágio embrionário que se caracteriza pela formação dos folhetos embrionários: ectoderme, mesoderme e endoderme. 23. Analisando o processo de gametogênese em mamíferos, é correto afirmar que: a) as espermatogônias são células diploides (2n) que se multiplicam intensamente por mitose, originando células também diploides. b) na formação dos espermatozoides ocorre uma etapa de diferenciação celular antes da divisão meiótica. c) após a divisão meiótica, de cada ovogônia originam-se quatro ovócitos idênticos. d) a ovogênese ocorre no interior do útero. e) na espermatogênese, a fase de multiplicação é restrita à vida intra-uterina ou termina pouco depois do nascimento. 24. Os métodos de reprodução assistida vêm se popularizando e sendo tecnicamente aprimorados. À medida que o sucesso desses métodos aumenta, a frequência de gestações múltiplas decorrentes da fertilização in vitro vem diminuindo, embora ainda apresente taxas acima da média, quando comparada à fertilização natural. Com relação aos motivos do aumento da incidência de gestações múltiplas após a fertilização in vitro, considere as seguintes afirmativas: 1. A grande proporção de gametas masculinos em relação aos femininos disponíveis in vitro aumenta as chances de polispermia, ou seja, de que mais de um espermatozoide fecunde o mesmo ovócito. 2. A separação das células da massa celular interna do blastocisto produz duas populações de células totipotentes, sendo que cada uma dessas populações irá originar um organismo completo. Substâncias presentes no meio de cultura estimulam essa separação em taxa acima do esperado naturalmente. 3. Geralmente, são transferidos mais de um concepto para o útero, para aumentar as chances de sucesso do procedimento in vitro. Assim, com frequência, múltiplos conceptos desenvolvem-se e chegam a termo. 4. A implantação do único zigoto produzido pela fertilização com frequência estimula mecanicamente a dissociação das células da massa celular interna do blastocisto, gerando células totipotentes que se desenvolverão em organismos completos. Assinale a alternativa correta. a) Somente a afirmativa 3 é verdadeira. b) Somente as afirmativas 2 e 3 são verdadeiras. c) Somente as afirmativas 1 e 4 são verdadeiras. d) Somente as afirmativas 1, 3 e 4 são verdadeiras. e) Somente as afirmativas 1 e 2 são verdadeiras.
  9. 9. Treinamento – Gametogênese – Prof. Emanuel TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO: PAULISTANO ADOTIVO Ivan Angelo (Adaptado de Veja, janeiro de 2004) Fico pensando: por onde foi que São Paulo me pegou? Já contei que não sou daqui, que cheguei num dezembro de 38 anos atrás, meio tombado para um lado com o peso da mala carregada de incertezas. Capital dez vezes maior que a minha, habitada por gente que andava mais depressa do que era costume na minha terra, e pedindo passagem; de caras com traços e cores bem mais variados; de vozes com sílabas tônicas deslocadas (mãiê!, Antoniô!) e consoantes como o "t" e o "r" soando muito puras; cidade de clima úmido, de névoas, de mais apelos, ruídos, ofertas, exigências, perigos, ordem, disciplina - mais tudo -, São Paulo dava trabalho aos que chegavam. Eu não sabia, ou esqueci, que naquela década 60% das pessoas que moravam na capital tinham vindo de outras cidades, outros Estados, outros países. Não, eu não estava sozinho na minha perplexidade, talvez muitos dos que cruzavam comigo também hesitassem nas esquinas. Obras, muitas obras no caminho dos anos. Avenidas, elevados, metrô, marginais, vias expressas... Até hoje a cidade se constrói e se destrói, sem nunca ficar pronta, sem guardar seu passado, escamoteando-se, retirando da paisagem casas, prédios, ruas inteiras, até rios. Olhava e pasmava. E percebia desordens aflorando na paisagem da ordem: favelas, construções clandestinas, camelôs, moradores de rua. Desordem e progresso. Então, o que foi que me pegou? Estaria sendo pretensioso se dissesse que foram os teatros, ou os numerosos cinemas. Que foram as bibliotecas, a vida cultural, os museus, a vibração profissional, os botecos, as cruzadas de pernas, os violões, os restaurantes, as feiras, os festivais. Ou as indústrias, o comércio, os bancos, a riqueza. Ouvi de um pernambucano que vive em Berkeley, nos EUA: "São Paulo é um chip na minha cabeça". A primeira vez que percebi que já "pertencia" a São Paulo foi quando me surpreendi comovido com a canção Sampa, que Caetano gravou em 1978: "Alguma coisa acontece no meu coração, que só quando cruzo a Ipiranga e a Avenida São João". Aquela maneira de ver a qualidade pelo ângulo do defeito me revelou o que eu próprio sentia. O que notamos como defeito pode significar o maior esforço. É como enxergar no ato de mancar não a falha, mas o esforço de andar. A canção captou o resultado de um gigantesco mutirão, sem o orgulho bairrista, o tom ufanista. Percebi: a poderosa São Paulo me pegava pelas coisas mínimas. Detalhes. Rostos rústicos cobiçando ferramentas nas vitrines do centro. Caprichosa pirâmide de tomates na feira, quando o feirante poderia simplesmente entorná-los na banca. Estrela de televisão comprando sapatos no shopping, sem assédio. Música de passarinhos, ainda e apesar. Uma pizza, um certo chope, uma coxinha, um bauru. Florista onde parecia improvável. Um miserável bradando na Sé: "Aqui ninguém morre de fome!". Miudezas assim, somadas ao que a cidade tem de mundano e espetacular, transformaram o esperançoso migrante em paulistano por adesão e adoção. 25. Na fertilização humana só os espermatozoides que têm o cromossomo Y geram filhos homens (patrilinhagem, ou seja, linhagem paterna) enquanto só as mitocôndrias maternas presentes no óvulo são transferidas para todos os filhos (matrilinhagem, ou seja, linhagem materna). Estudos envolvendo o cromossomo Y e o DNA mitocondrial de brasileiros brancos revelam que "a imensa maioria das patrilinhagens é europeia, enquanto a maioria das matrilinhagens é ameríndia ou africana". (adaptado de "Ciência Hoje" - n0. 159). Aliando esses conhecimentos aos das ciências sociais e transferindo as informações para o
  10. 10. Treinamento – Gametogênese – Prof. Emanuel contexto de "São Paulo", foram feitas as seguintes argumentações sobre as etnias que contribuíram para a formação da população de São Paulo: I. É possível que a baixa porcentagem de cromossomos Y de indígenas e de africanos esteja ligada à baixa fertilidade dessas raças. II. Deve ter ocorrido um processo de miscigenação, iniciado entre os primeiros colonos portugueses com as mulheres indígenas. III. É possível que em meados do século XIX, devido às levas de novos imigrantes, genes de origem portuguesa, italiana, japonesa, espanhola, alemã, e sírio-libanesa passaram a integrar o genoma dos paulistanos. Assinale a alternativa que, segundo as Ciências Sociais e a Biologia, apresenta todas as argumentações aceitáveis. a) Apenas I b) Apenas II c) Apenas III d) Apenas I e II e) Apenas II e III
  11. 11. Treinamento – Gametogênese – Prof. Emanuel Gabarito: Resposta da questão 1: F V V V Resposta da questão 2: [B] Resposta da questão 3: [A] Resposta da questão 4: [D] Resposta da questão 5: [C] Resposta da questão 6: [C] Resposta da questão 7: [A] Resposta da questão 8: [C] Resposta da questão 9: [B] Resposta da questão 10: [B] Resposta da questão 11: [C] Resposta da questão 12: [D] Resposta da questão 13: [B] Resposta da questão 14: [C] Resposta da questão 15: [A] Resposta da questão 16: [B] Resposta da questão 17: [B]
  12. 12. Treinamento – Gametogênese – Prof. Emanuel Resposta da questão 18: [C] Resposta da questão 19: [E] Resposta da questão 20: 01+ 02 + 08 = 11 Gametogênese é o processo pelo qual os gametas são produzidos nos organismos dotados de reprodução sexuada. A afirmativa 04 está errada, pois apesar de serem processos muito semelhantes, a gametogênese masculina forma espermatozoides, que são gametas microscópicos. Na gametogênese feminina formam-se óvulos, que são gametas femininos macroscópicos. A afirmativa 16 também é incorreta, pois os citos II surgem após o final da meiose I. Resposta da questão 21: [D] Na espécie humana, as células reprodutoras femininas (“ovários”) liberadas pelo folículo ovariano maduro estão em metáfase II da meiose, com n cromossomos, cada um deles apresentando duas cromátides. Resposta da questão 22: [C] Os espermatozoides são produzidos nos testículos e a fecundação ocorre geralmente nas tubas uterinas. Após a formação do zigoto, inicia-se o processo da segmentação (ou clivagem). A formação dos folhetos germinativos começa a acontecer durante o estágio de gastrulação. Resposta da questão 23: [A] As espermatogônias são células germinativas diploides (2n). Elas se multiplicam por mitose e, posteriormente, sofrem meiose para originar os gametas masculinos, os espermatozoides. Resposta da questão 24: [A] A gravidez gemelar múltipla é resultante da implantação de vários embriões no útero da gestante com a finalidade de garantir o desenvolvimento normal e completo de, pelo menos, uma criança. Resposta da questão 25: [E]

×