A comunicação na igreja

821 visualizações

Publicada em

Seminário Paulo VI

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
821
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
20
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
48
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Pastoral é o agir da Igreja no mundo. É a Igreja em marcha.
  • Pastoral é o agir da Igreja no mundo. É a Igreja em marcha.
  • Pastoral é o agir da Igreja no mundo. É a Igreja em marcha.
  • Característica do pastor na literatura bíblica – é aquele que guia, conduz.
  •  na festa da Ascensão do Senhor, no domingo que antecede a Festa de Pentecostes.
    A mensagem do Papa para a ocasião é publicada, tradicionalmente, no dia 24 de janeiro, festa de São Francisco de Sales, padroeiro dos jornalistas.
     “Comunicar a família: ambiente privilegiado do encontro na gratuidade do amor”. (tema 2015)
  • O anúncio deve sempre ser acompanhado pelo testemunho.
  • Espiritualidade – garantia do sentido pastoral das ações comunicativas.
  • Espiritualidade – garantia do sentido pastoral das ações comunicativas.
  • A comunicação na igreja

    1. 1. A Comunicação na Igreja A atuação da Pastoral da comunicação Instituto de Filosofia e Teologia Paulo VI 1
    2. 2. PASTORAL o r i g e m e s i g n i f i c a d o D e r i va d e Pa s t o r. E s t á r e l a c i o n a d o c o m o p e r í o d o N ô m a d e d a h i s t ó r i a d e I s ra e l . SER PASTOR É : GUIAR , ENSINAR GOVERNAR, DEFENDER 2
    3. 3. COMUNICAÇÃO O r i g e m e s i g n i f i c a d o É u m t e r m o p o l i s s ê m i c o . S i g n i f i c a d o s m a i s u s a d o s s ã o : - C a m i n h o d e a c e s s o - C a p a c i d a d e d e t r o c a r i d é i a s , o u i n f o r m a ç õ e s a t ra v é s d a f a l a , g e s t o s o u i m a g e n s . - a t o o u e f e i t o d e e m i t i r e r e c e b e r m e n s a g e n s p o r m e i o d e m é t o d o s o u p r o c e s s o s c o n v e n c i o n a d o s . -To r n a r c o m u m - E s t a b e l e c e r c o m u n h ã o Do latim –COMMUNIS 3
    4. 4. OBJETIVOS DA PASTORAL *Criar comunhão. *Vínculos de relações. *Promover o bem comum. *O serviço e o diálogo na comunidade. 4
    5. 5. PASTORAL O b j e t i v o s Criar comunhão. Vínculos de relações. Promover o bem comum. O serviço e o diálogo na comunidade . 5
    6. 6. A importância da comunicação no diálogo entre fé e a cultura  Desafios e oportunidades entre fé e cultura.  A ruptura entre o Evangelho e a cultura é o drama da nossa época.  Necessidade de uma revisão pastoral. 6
    7. 7. Necessidade de planejar a comunicação  A Igreja vem fazendo um caminho progressivo na reflexão nas políticas e práticas comunicativas.  Inserir nos planos pastorais questões dos meios de comunicação. 7
    8. 8. Articulação e animação dos processos e meios  Animar o agir comunicativo da Igreja.  Estimular a presença da Igreja nas mídias.  Articulação e animação da pascom.  Promoção dos mutirões nacionais e regionais. 8
    9. 9. Articulação e animação dos processos e meios  A divulgação e reflexão do Dia Mundial das Comunicações.  Cursos de comunicação para agentes pastorais, padres e bispos.  Organização de encontros nacionais. 9
    10. 10. Comunicação na cultura digital  Impulsionar a missão evangelizadora no ciberespaço.  RIIBRA – promove cursos e encontros para agentes de pastoral.  Desenvolvimento de ferramentas para web. 10
    11. 11. A pastoral da comunicação  Estrutura-se a partir dos documentos da Igreja.  Duas realidades que interagem reciprocamente: comunicação e pastoral. 11
    12. 12. Documentos da Igreja  INTER MERIFICA - Decreto do Concílio Vaticano II sobre os meios de comunicação social. 1963. Foi a primeira vez na história da Igreja que um Concílio ecumênico discutiu os meios de comunicação. Com este Decreto o Concílio cria o termo “Comunicação Social”, o Dia Mundial das Comunicações e um Secretariado mundial para as comunicações.  ÉTICA NAS COMUNICAÇÕES - Documento promulgado pelo Pontifício Conselho para as Comunicações Sociais, Foi publicado na Cidade do Vaticano em 4 de junho de 2000 Lembra o documento que os mass media são chamados ao serviço da dignidade humana, ajudando os indivíduos a viverem bem e a agirem como pessoas em comunidade. A comunicação social tem o poder de promover a felicidade e a realização humana. 12
    13. 13. Documentos da Igreja  ÉTICA NA INTERNET- Documento promulgado pelo Pontifício Conselho para as Comunicações Sociais, em 22 de Fevereiro de 2002,  O RÁPDO DESENVOLVIMENTO- Carta Apostólica do Papa João Paulo II, aos responsáveis pelas comunicações sociais. Publicada em 24 de Janeiro de 2005. O rápido desenvolvimento das tecnologias no campo da mídia é certamente um dos sinais do progresso da sociedade de hoje.  IGREJA E COMUNICAÇÃO RUMO AO NOVO MILÊNIO  35° Assembléia geral da CNBB , em abril de 2007 – Este documento inspira o planejamento da Pascom, valiosa contribuição para a prática da verdadeira comunicação, que deve ser dialógica.  A COMUNICAÇÃO NA VIDA E MISSÃO DA IGREJA DO BRASIL  Estudo da CNBB de 2011– orientações para uma comunicação qualificada da Igreja e as preocupações com a atual situação midiática. 13
    14. 14. Dia mundial da comunicação  Nestes últimos anos, por ocasião do dia mundial das comunicações sociais, o tema das novas tecnologias e a presença da Igreja nos meios digitais foi abordado 5 vezes.  2002 - “Internet: um novo foro para a proclamação do Evangelho” (João Paulo II)  2006 - “As mídias: rede de comunicação, comunhão e participação” (Bento XVI)  2009 - “Novas tecnologias, novas relações. Promover uma cultura de respeito, de diálogo, de paz.” (Bento XVI)  2010 - “O padre e a pastoral no mundo digital: novos meios de comunicação a serviço da Palavra” (Bento XVI)  2011 - “Verdade, anúncio e autenticidade na era digital”(Bento XVI) 14
    15. 15. O sentido da pastoral da comunicação  Colaborar com a ação evangelizadora da Igreja, pois a evangelização, anúncio do Reino, é comunicação.  Comunicar valores, vivenciados a partir da palavra de Deus e da Eucaristia. 15
    16. 16. Abrangência das ações da pascom  Colocar-se a serviço de todas as pastorais.  Promover diálogo e comunhão das diversas pastorais.  Capacitar os agentes de todas as pastorais, especialmente a catequese e a liturgia. 16
    17. 17. Eixos da pascom  1- Formação  2 - Articulação  3 - Espiritualidade  4 - Produção 17
    18. 18. O cristão, em comunhão com a Igreja, é chamado A inserir-se na cultura da comunicação e a evangelizar com meios modernos de comunicação. O medo das novas tecnologias, a falta de recursos necessários e de preparação adequada não pode esconder nem limitar a Mensagem de JESUS.
    19. 19. referências  Instrução pastoral Aetatis Novae  Diretório de comunicação da Igreja no Brasil (Doc 99)  Comunicação e Igreja no Brasil. São Paulo, Paulus, 1994. (Estudos da CNBB 72). Formatação: Eloy Bezerra eloybezerra@hotmail.com 19 A Comunicação na Igreja

    ×