Gestão de Processos e Projetos Estratégicos no MEC

398 visualizações

Publicada em

Apresentação realizada no BPM Day Brasília no dia 18 de novembro de 2015.

Publicada em: Serviços
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
398
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
15
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • O objetivo da apresenta
  • Gestão de Processos e Projetos Estratégicos no MEC

    1. 1. Planejamento Estratégico MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Gestão de Processos e Projetos Estratégicos no MEC Desafios e Oportunidades
    2. 2. AGENDA  O EGPPE (Equipe, histórico)  CONTEXTO EM QUE O EGPPE ESTÁ INSERIDO: MEC  ATUAÇÃO EGPPE  DESAFIOS E OPORTUNIDADES  ESFORÇOS EMPREENDIDOS FRENTE AOS DESAFIOS E OPORTUNIDADES
    3. 3. CONTEXTO – Escritório de Gestão de Processos e Projetos Estratégicos  Vinculado à Secretaria Executiva  Apoio à gestão do MEC  Foco de atuação: estratégia e processos
    4. 4. EGPPE  Escritório de Gestão de Processos e Projetos Estratégicos  Equipe composta por onze profissionais  Formação da equipe: Tecnologia da Informação, Administração, Contabilidade e Publicidade  Certificações CBPP® e PMP®  Histórico 2008-2009 Iniciativa na Coordenação de Desenvolvimento da DTI Composição da equipe Criação do Escritório de Processos 2010 - 2011 Início de Elaboração de Termo de Referência para contratação de consultoria 2012 - 2013 Migração para a Secretaria Executiva Portaria Nº 1635, de outubro de 2013 - Institui o EGPPE Contratação de Consultoria – Elo Group 2014 - 2015 Aprovação da Lei 13.005, de 24 de junho de 2014- PNE Formulação do Planejamento Estratégico Institucional do MEC Publicação do PEI 2015-2018 Portaria 812, de 30 de março de 2015
    5. 5. PORTARIA - EGPPE  Avaliação de indicadores de desempenho das ações e projetos estratégicos  Prover informações estratégicas e gerencias sobre o desempenho dos processos  Desenvolver projetos que viabilizem o alcance dos resultados estratégicos  Disseminar metodologias e ferramentas de gestão de processos e projetos estratégicos  Identificar e disseminar boas práticas e lições aprendidas Principais Atribuições
    6. 6. DESAFIOS  Consolidação da atuação do Escritório na instituição apesar dos fatores externos  Ações e políticas Inter setoriais, tendo em vista a transversalidade do PNE  Mudanças na alta gestão – Impacto nas Secretarias, Diretorias e Coordenações  Organização das informações relativas ao Plano Nacional de Educação e Ações Estratégicas do MEC para subsidiar a Secretaria Executiva e compor os relatórios de gestão desenvolvidos.
    7. 7. DESAFIOS  Direcionadores Estratégicos  Lei 13.005 de 24 de junho de 2014 - Plano Nacional de Educação como direcionador estratégico e fonte para elaboração do Planejamento Estratégico Institucional Dispõe de 20 metas, 254 estratégias que devem cumpridos até o final do decênio (2024). PNE
    8. 8. PORTARIA - PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO O Escritório de Gestão de Processos e Projetos Estratégicos participa das reuniões periódicas de monitoramento entre as áreas gestoras das ações e a Secretaria Executiva.
    9. 9. Titulação de docentes da educação superior Educação Infantil Ensino Fundamental Ensino Médio Educação especial / inclusiva Alfabetização Educação em tempo integral Qualidade da educação básica Escolaridade média Alfabetização de jovens e adultos e analfabetismo funcional EJA integrada à educação profissional Educação profissional Educação superior Pós-graduação stricto sensu Formação de profissionais da educação básica Pós-graduação de professores Valorização do professor Planos de Carreira para os (as) profissionais da educação básica Gestão democrática Financiamento da educação METAS PNE 1 2 4 5 6 7 8 9 10 3 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20
    10. 10. Mapa Estratégico – Um objetivo para cada MetaMAPA ESTRATÉGICO
    11. 11. PRINCIPAIS INSTRUMENTOS DO ESCRITÓRIO O Plano Tático operacional é um instrumento que subsidia o planejamento da execução das soluções e seu monitoramento, consolidando indicadores, cronograma e informações orçamentárias.
    12. 12. PRINCIPAIS INSTRUMENTOS DO ESCRITÓRIO A agenda de melhorias é um instrumento utilizado para a consolidação das ideias levantadas junto à área gestora por meio da metodologia Visão de Futuro. Neste momento também são registrados os problemas, causas e consequências.
    13. 13. PRINCIPAIS INSTRUMENTOS DO ESCRITÓRIO Boletim de Apoio à Gestão é uma ferramenta de acompanhamento da execução das ações estratégicas, em que são apresentadas as informações de monitoramento, incluindo alertas, pontos críticos, ações de melhoria preventivas e/ou corretivas, com a definição de prazos e responsáveis.
    14. 14. OUTROS INSTRUMENTOS DO ESCRITÓRIO ESCRITÓRIOTAMBÉM É MULTIUSO
    15. 15. PRINCIPAIS FERRAMENTAS DO ESCRITÓRIO SISTEMA INTEGRADO DE MONITORAMENTO, EXECUÇÃO E CONTROLE – Ferramenta de Monitoramento do MEC
    16. 16. PRINCIPAIS FERRAMENTAS DO ESCRITÓRIO PORTAL DO ESCRITÓRIO DE PROCESSOS – Utilizado para divulgação de metodologias e todos os materiais produzidos pelo Escritório de Processos
    17. 17. Metodologia para Acompanhamento PNE 2015 21 Dispositivos de curto prazo PNE 2016 Elaboração de Planos Tático Operacionais (PTO) • Metas do PNE • Objetivo Estratégico • Iniciativa • Ações Estratégicas vinculadas • Indicadores • Orçamento • Atividades, prazos e responsáveis pela execução das ações 1. REUNIÃO DE ABERTURA (Sec. Executivo e Áreas Envolvidas) 2. REUNIÃO PARA ELABORAÇÃO DE PTOs (Escritório de Processos e Áreas Envolvidas) 3. MONITORAMENTO DOS PTOs PELA SEC. EXECUTIVA (SIMEC) 4. PONTOS DE CONTROLE E ENCAMINHAMENTOS (Sec. Executivo e Áreas Envolvidas)
    18. 18. Desdobramento da Estratégia Linha de Base Processos CEBAS Projetos SEI Gestão do dia-a- dia SISU / PROUNI Estruturação Organizacional SECADI Análise e proposição de estrutura organizacional para otimização na distribuição de atribuições entre as áreas gerando maior valor para os resultados da Secretaria. SECADI composta: 05 Diretorias / 13 Coordenações Atualização dos processos a cada ciclo dos programas de acordo com as novas regras de cada ciclo, apoio ao monitoramento de riscos por meio de checklists (cerca de 500 itens). Implantação do SEI (Sistema Eletrônico de Informações), atuando como facilitadores no processo de articulação, organização e disseminação das informações integradas com as áreas envolvidas. Redesenho dos processos, elaboração de agenda de melhorias e de plano de implantação das melhorias. O CEBAS dobrou a produção de NotasTécnicas a partir da implementação dos novos processos redesenhados. Estruturação e PlanosTáticos e Monitoramento de 17 dispositivos de curto prazo do PNE, resultando na conclusão do documento. EXEMPLOS DE CASES DO MEC
    19. 19. ATUAÇÃO EGPPE  Esforços do EGPPE frente aos desafios e oportunidades  Institucionalização de Rito de Monitoramento Interno do PNE e do Planejamento Estratégico Institucional 2015-2018, com participação da alta gestão e formalização por meio de Portaria  Consolidação de sistema que suporte a execução e monitoramento da estratégia  Revisão do Planejamento Estratégico Institucional 2015-2018  Continuidade dos serviços de processos  Aprimoramento da priorização de demandas (atuação proativa)  Promoção da articulação e integração entre as áreas do MEC, tendo em vista a transversalidade das políticas
    20. 20. O MAIOR DESAFIO
    21. 21. ATUAÇÃO EGPPE
    22. 22. CONTATOS LUIZ EDUARDO RODRIGUESALVES – DIRETOR luizalves@mec.gov.br ADRIANA SEIDEL - COORDENADORA adrianaseidel@mec.gov.br INSTITUCIONAL EGPPE@mec.gov.br

    ×