Adivinhas

28.113 visualizações

Publicada em

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
28.113
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
17
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
354
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Adivinhas

  1. 1. Tem a casa bem guardadaNinguém lhe pode mexerSozinha ou acompanhada CastanhaEm Novembro nos vem ver.Verde foi meu nascimentoMas de luto me vesti AzeitonaPara dar luz ao mundoMil tormentos padeciUma caixa redondinhaMas que pode rebolar OvoTodos a sabem abrirMas ninguém a sabe fechar.É uma senhora muito esbeltaE com finos véus se apertaQuem tiver que a desapertar CebolaMuitas lágrimas há-de chorar.Tenho camisa e casacoSem remendo nem buraco CastanhaQuando no lume me metemEstoiro como um foguete.Qual é a coisa qual é ela: PãoNasce ao murro e morre à facada?Qual é a coisa qual é ela:Que antes de o ser já o era? Pescada
  2. 2. O que é que:Quanto mais quente está mais fresco é? PãoQual é a coisa qual é ela: OvoCai no chão fica amarela?Qual é a coisa qual é ela: AlhoTem cabeça mas não é genteTem dentes e não é pente?O que é que:Entra como ouro Grão de milhoSai como neve?O meu nome é pouco limpo PorcoPelo dono sou cevadoQuando tenho uns bons quilosPor ele sou devorado.No campo me crieiMetida entre verdes laçosAquela que faço chorarÉ quem me faz em pedaços. CebolaBranco é OvoGalinha o põe.O que é que éQuanto mais alto está ÁguaMelhor se lhe chega?Alto foi meu nascimentoDe senhora recolhida, caí abaixoTamanha queda dei, CastanhaQue a minha casa não voltei.
  3. 3. É encarnadinha, RomãTem coroa e não é rainha.Verde por foraEncarnada por dentro MelanciaE os jogadores da Académica jogam lá dentro.Redondinha, redondão BatataQue nasce por baixo do chão.Casinha amarela, quase vermelha LaranjaNão tem porta nem telha.Filho duma belaCom muitos irmãosVestindo calça amarela BananaTodos lindos, todos sãos.Tem dentes e não come, AlhoTem barbas e não é HomemUma arquita pequenaDe bom parecer, NozNão há carpinteiro que a saiba fazer.Tem coroa e não é rei AnanásTem escamas e não é peixe.Redondo, redondinho QueijoComo a pedra de um moinho.
  4. 4. - A verdade é como o azeite, vem sempre ao cimo.- Não há carne sem osso, nem fruta sem caroço.- Pão mole, por si se engole, pão quente faz mal ao ventre.- Em Outubro, Novembro e Dezembro, quem come do mar, temque jejuar.- Quem semeia bom grão, terá bom pão.- Para uma boa refeição, é preciso comer pão- Cautelas e caldo de galinha, não fazem mal a ninguém…só àgalinha.- Se não queres morrer cedo, livra-te do salgado e do azedo.- Peixe não puxa carroça.- A hora de comer é sempre a mais pequena.- Quem se deita sem ceia toda a noite esperneia.- Grão a grão enche a galinha o papo.
  5. 5. - Pela boca morre o peixe.- De longe te trouxe um figo quando te vi comi-o.- À hora de comer sempre o diabo traz mais um.- A fome é boa cozinheira mas é má conselheira.- A fome espreita à porta de quem trabalha, mas não entra.- Água mole em pedra dura tanto dá até que fura.- Águas passadas não movem moinhos.-A galinha da minha vizinha é sempre melhor que a minha.- A laranja de manhã é ouro, à tarde é prata e à noite mata.- A mulher e a sardinha quer-se da mais pequenina.- A quem se fez mel as moscas o comem.- Boa árvore não dá bom fruto.- Capa e merenda nunca pesaram.- Deus dá as nozes a quem não tem dentes.- Guardado está o bocado para quem o há-de comer.- Guarda de comer não guarde que fazer.- Juntou-se a fome com a vontade de comer.- Migalhas também são pão.- O pão que o diabo amassou.
  6. 6. - Não sujes a água que hás-de beber.- Nunca digas «desta água não beberei».- Quem comer a carne que roa o osso.- São mais a vozes que as nozes.- Sem ovos não se fazem omoletas.-Come para viver, não vivas para comer.-Tens mais olhos que barriga.-Merenda comida, companhia desfeita.-Saladas inteligentes, para pessoas diferentes.- Os homens pretendem-se pela barriga e os bois pelos cornos.- Refeição equilibrada, deve ser variada.- Comer vegetais, nunca é demais.-Bem comer é bem viver.-Pão de hoje, carne de ontem, e vinho do outro Verão, fazem umHomem são.- Pela boca morre o peixe.- Todos os dias galinha, enfastia a cozinha.- Queijo de ovelha, leite de cabra e manteiga de vaca.- Quando o pobre come galinha, algum está doente.
  7. 7. -Uvas, figos e melão são sustento de nutrição.- Quem quer sardinha assada, chega-lhe a brasa.- Galinha velha, dá bom caldo.-Uvas, pão e queijo são um beijo.- Quem dá o pão dá educação.-Em Abril ainda a velha queima o carro e o carril e dá a filha porpão a quem lha pedir.-Do prato à boca perde-se a sopa.-Quem não trabuca, não manduca.-A gulodice tem matado mais gente do que a espada.-De pequenino se torce o pepino.-O que não mata engorda.- A fruta proibida é a mais apetecida.-Para quem é bacalhau basta.- Na casa onde não há pão todos ralham e ninguém tem razão.-Mata a sede à terra, que ela te mata a fome.- Ao pequeno-almoço, comer que nem um rei, almoçar que nemum príncipe e jantar que nem um pobre.
  8. 8. Processos de conservação dos alimentos - Embalagens . plástico . metal .vidro .cartão -Congelação - Salga -Fumeiro -Adição de açúcar -Adição de conservantes

×