SlideShare uma empresa Scribd logo

Aula sistema nervoso boa aula-2

Eliane Pereira
Eliane Pereira
Eliane PereiraCoordenador em Colegio Estadual Dario Vellozo

Anatomia SNC

Aula sistema nervoso boa aula-2

1 de 35
Baixar para ler offline
Sistema Nervoso
Sistema Nervoso
1) Introdução
O sistema nervoso é responsável pelo ajustamento do organismo ao ambiente. Sua
função é perceber e identificar as condições ambientais externas, bem como as
condições reinantes dentro do próprio corpo e elaborar respostas que adaptem a essas
condições.
2) Organização do sistema nervoso humano
Sistema Nervoso Central
(SNC)
Encéfalo
Cérebro
Cerebelo
Tronco Encefálico
Mesencéfalo
Ponte
Bulbo
Medula
Sistema Nervoso Periférico
(SNP)
Nervos cranianos (12 pares)
Nervos raquidianos (31 pares)
Terminações nervosas
Sistema Nervoso
3) Sistema nervoso central (SNC)
a) Encéfalo
 Possui cerca de 1,4 kg nos adultos
 Está localizado na caixa craniana
 Dividido em 3 partes: cérebro, cerebelo e tronco encefálico
Encéfalo
cérebro
cerebelo
Tronco encefálico
Sistema Nervoso
3) Sistema nervoso central (SNC)
a) Encéfalo
I) Cérebro
 Constitui cerca de 90% da massa encefálica
 Sua superfície é bastante pregueada (aumento da superfície)
 Dividido em dois hemisférios (esquerdo e direito)
 Dividido em duas partes:
o Córtex (externo) – substância cinzenta (corpos neuronais)
o Região interna – substância branca (dendritos e axônios)
Sistema Nervoso
3) Sistema nervoso central (SNC)
a) Encéfalo
I) Cérebro
 Funções:
o Sensações
o Atos conscientes e voluntários (movimentos)
o Pensamento
o Memória
o Inteligência
o Aprendizagem
o Sentidos
o Equilíbrio
Sistema Nervoso
3) Sistema nervoso central (SNC)
a) Encéfalo
I) Cérebro
 Tálamo e Hipotálamo (presentes na região inferior do cérebro)
 Tálamo
o Reorganização dos estímulos nervosos
o Percepção sensorial (consciência)
 Hipotálamo
o Regulador da homeostase corporal
o Temperatura
o Apetite
o Balanço hídrico
o Controle da hipófise e outras glândulas

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Cromossomos e mutações genética
Cromossomos e mutações   genéticaCromossomos e mutações   genética
Cromossomos e mutações genéticaAline Mostaro
 
Aula 2 Puberdade, hormônios e reprodução
Aula 2 Puberdade, hormônios e reproduçãoAula 2 Puberdade, hormônios e reprodução
Aula 2 Puberdade, hormônios e reproduçãoAna Filadelfi
 
Origem da vida 1º ano
Origem da vida   1º anoOrigem da vida   1º ano
Origem da vida 1º anoLuciana Mendes
 
Conceitos Básicos de Astronomia
Conceitos Básicos de AstronomiaConceitos Básicos de Astronomia
Conceitos Básicos de AstronomiaWilliam Ananias
 
Drogas licitas e ilicitas - Tema para SIPAT
Drogas licitas e ilicitas - Tema para SIPATDrogas licitas e ilicitas - Tema para SIPAT
Drogas licitas e ilicitas - Tema para SIPATClaudio Cesar Pontes ن
 
Tectonismo e Vulcanismo - 6º Ano (2018)
Tectonismo e Vulcanismo -  6º Ano (2018)Tectonismo e Vulcanismo -  6º Ano (2018)
Tectonismo e Vulcanismo - 6º Ano (2018)Nefer19
 
Aula 6º ano - O Universo e o Sistema Solar
Aula 6º ano - O Universo e o Sistema SolarAula 6º ano - O Universo e o Sistema Solar
Aula 6º ano - O Universo e o Sistema SolarLeonardo Kaplan
 
Ciencias as camadas da terra e seus elementos
Ciencias   as camadas da terra e seus elementosCiencias   as camadas da terra e seus elementos
Ciencias as camadas da terra e seus elementosGustavo Soares
 
Introdução à Astronomia
Introdução à AstronomiaIntrodução à Astronomia
Introdução à AstronomiaCarlos Priante
 
Aquecimento global
Aquecimento globalAquecimento global
Aquecimento globalLuan Furtado
 
Capítulo 3 a diversidade da vida
Capítulo 3 a diversidade da vidaCapítulo 3 a diversidade da vida
Capítulo 3 a diversidade da vidaSarah Lemes
 
Alterações na atmosfera
Alterações na atmosferaAlterações na atmosfera
Alterações na atmosferaMayjö .
 
Alcool e outras drogas
Alcool e outras drogasAlcool e outras drogas
Alcool e outras drogasblogspott
 

Mais procurados (20)

Cromossomos e mutações genética
Cromossomos e mutações   genéticaCromossomos e mutações   genética
Cromossomos e mutações genética
 
Aula 2 Puberdade, hormônios e reprodução
Aula 2 Puberdade, hormônios e reproduçãoAula 2 Puberdade, hormônios e reprodução
Aula 2 Puberdade, hormônios e reprodução
 
Origem da vida 1º ano
Origem da vida   1º anoOrigem da vida   1º ano
Origem da vida 1º ano
 
Conceitos Básicos de Astronomia
Conceitos Básicos de AstronomiaConceitos Básicos de Astronomia
Conceitos Básicos de Astronomia
 
Ansiedade
AnsiedadeAnsiedade
Ansiedade
 
Drogas licitas e ilicitas - Tema para SIPAT
Drogas licitas e ilicitas - Tema para SIPATDrogas licitas e ilicitas - Tema para SIPAT
Drogas licitas e ilicitas - Tema para SIPAT
 
Poluiçao do ar
Poluiçao do arPoluiçao do ar
Poluiçao do ar
 
Genética: Noções de Hereditariedade
Genética: Noções de HereditariedadeGenética: Noções de Hereditariedade
Genética: Noções de Hereditariedade
 
Tectonismo e Vulcanismo - 6º Ano (2018)
Tectonismo e Vulcanismo -  6º Ano (2018)Tectonismo e Vulcanismo -  6º Ano (2018)
Tectonismo e Vulcanismo - 6º Ano (2018)
 
Aula 6º ano - O Universo e o Sistema Solar
Aula 6º ano - O Universo e o Sistema SolarAula 6º ano - O Universo e o Sistema Solar
Aula 6º ano - O Universo e o Sistema Solar
 
Transtorno de ansiedade
Transtorno de ansiedadeTranstorno de ansiedade
Transtorno de ansiedade
 
Sol e vida na Terra
Sol e vida na TerraSol e vida na Terra
Sol e vida na Terra
 
Buracos negros
Buracos negrosBuracos negros
Buracos negros
 
Ciencias as camadas da terra e seus elementos
Ciencias   as camadas da terra e seus elementosCiencias   as camadas da terra e seus elementos
Ciencias as camadas da terra e seus elementos
 
Introdução à Astronomia
Introdução à AstronomiaIntrodução à Astronomia
Introdução à Astronomia
 
Aquecimento global
Aquecimento globalAquecimento global
Aquecimento global
 
Capítulo 3 a diversidade da vida
Capítulo 3 a diversidade da vidaCapítulo 3 a diversidade da vida
Capítulo 3 a diversidade da vida
 
Alterações na atmosfera
Alterações na atmosferaAlterações na atmosfera
Alterações na atmosfera
 
Distúrbios do Sono
Distúrbios do SonoDistúrbios do Sono
Distúrbios do Sono
 
Alcool e outras drogas
Alcool e outras drogasAlcool e outras drogas
Alcool e outras drogas
 

Semelhante a Aula sistema nervoso boa aula-2 (20)

Aula sistema-nervoso
Aula sistema-nervosoAula sistema-nervoso
Aula sistema-nervoso
 
Aula Sistema Nervoso
Aula Sistema NervosoAula Sistema Nervoso
Aula Sistema Nervoso
 
Sistema Nervoso
Sistema NervosoSistema Nervoso
Sistema Nervoso
 
Sistema nervoso
Sistema nervosoSistema nervoso
Sistema nervoso
 
Sistema nervoso
Sistema nervosoSistema nervoso
Sistema nervoso
 
Sistema Nervoso.ppt
Sistema Nervoso.pptSistema Nervoso.ppt
Sistema Nervoso.ppt
 
Sistema nervoso
Sistema nervosoSistema nervoso
Sistema nervoso
 
Sistemanervoso
SistemanervosoSistemanervoso
Sistemanervoso
 
Sistema Nervoso.ppt
Sistema Nervoso.pptSistema Nervoso.ppt
Sistema Nervoso.ppt
 
Sistema Nervoso .ppt
Sistema Nervoso .pptSistema Nervoso .ppt
Sistema Nervoso .ppt
 
27072021090454Sistema Nervoso.ppt
27072021090454Sistema Nervoso.ppt27072021090454Sistema Nervoso.ppt
27072021090454Sistema Nervoso.ppt
 
27072021090454Sistema Nervoso.ppt
27072021090454Sistema Nervoso.ppt27072021090454Sistema Nervoso.ppt
27072021090454Sistema Nervoso.ppt
 
Aula Sistema Nervoso 8º Ano
Aula Sistema Nervoso 8º AnoAula Sistema Nervoso 8º Ano
Aula Sistema Nervoso 8º Ano
 
Aula sistema nervoso
Aula sistema nervosoAula sistema nervoso
Aula sistema nervoso
 
Anatomia - Sistema nervoso
Anatomia - Sistema nervosoAnatomia - Sistema nervoso
Anatomia - Sistema nervoso
 
sistema-nervoso-1.pptx
sistema-nervoso-1.pptxsistema-nervoso-1.pptx
sistema-nervoso-1.pptx
 
Aula sm (sn)
Aula sm (sn)Aula sm (sn)
Aula sm (sn)
 
Sistema Nervoso - Aula
Sistema Nervoso - AulaSistema Nervoso - Aula
Sistema Nervoso - Aula
 
Sistema Nervoso - Aula
Sistema Nervoso - AulaSistema Nervoso - Aula
Sistema Nervoso - Aula
 
Sistemanervoso 120618081852-phpapp01
Sistemanervoso 120618081852-phpapp01Sistemanervoso 120618081852-phpapp01
Sistemanervoso 120618081852-phpapp01
 

Mais de Eliane Pereira

1 apostila-de-anatomia-e-fisiologia-para-enfermagem1
1 apostila-de-anatomia-e-fisiologia-para-enfermagem11 apostila-de-anatomia-e-fisiologia-para-enfermagem1
1 apostila-de-anatomia-e-fisiologia-para-enfermagem1Eliane Pereira
 
Cirurgica romulo passos
Cirurgica romulo passosCirurgica romulo passos
Cirurgica romulo passosEliane Pereira
 
Fraternidade dos-12-raios-radiestesia-e-mesa-radionica
Fraternidade dos-12-raios-radiestesia-e-mesa-radionicaFraternidade dos-12-raios-radiestesia-e-mesa-radionica
Fraternidade dos-12-raios-radiestesia-e-mesa-radionicaEliane Pereira
 
Boas praticas-calculo-seguro-volume-1-revisao-das-operacoes-basicas 0
Boas praticas-calculo-seguro-volume-1-revisao-das-operacoes-basicas 0Boas praticas-calculo-seguro-volume-1-revisao-das-operacoes-basicas 0
Boas praticas-calculo-seguro-volume-1-revisao-das-operacoes-basicas 0Eliane Pereira
 

Mais de Eliane Pereira (7)

Atlas bsico
Atlas bsicoAtlas bsico
Atlas bsico
 
1 apostila-de-anatomia-e-fisiologia-para-enfermagem1
1 apostila-de-anatomia-e-fisiologia-para-enfermagem11 apostila-de-anatomia-e-fisiologia-para-enfermagem1
1 apostila-de-anatomia-e-fisiologia-para-enfermagem1
 
Cirurgica romulo passos
Cirurgica romulo passosCirurgica romulo passos
Cirurgica romulo passos
 
Fraternidade dos-12-raios-radiestesia-e-mesa-radionica
Fraternidade dos-12-raios-radiestesia-e-mesa-radionicaFraternidade dos-12-raios-radiestesia-e-mesa-radionica
Fraternidade dos-12-raios-radiestesia-e-mesa-radionica
 
Medica seguros coren
Medica seguros corenMedica seguros coren
Medica seguros coren
 
Boas praticas-calculo-seguro-volume-1-revisao-das-operacoes-basicas 0
Boas praticas-calculo-seguro-volume-1-revisao-das-operacoes-basicas 0Boas praticas-calculo-seguro-volume-1-revisao-das-operacoes-basicas 0
Boas praticas-calculo-seguro-volume-1-revisao-das-operacoes-basicas 0
 
Anestesias
AnestesiasAnestesias
Anestesias
 

Último

TEMPLATE relatório de praticas por aluno.pptx
TEMPLATE relatório de praticas por aluno.pptxTEMPLATE relatório de praticas por aluno.pptx
TEMPLATE relatório de praticas por aluno.pptxAssisTeixeira2
 
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaQuiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaCentro Jacques Delors
 
A realização das atividades extensionistas do CST em Gestão Financeira, vincu...
A realização das atividades extensionistas do CST em Gestão Financeira, vincu...A realização das atividades extensionistas do CST em Gestão Financeira, vincu...
A realização das atividades extensionistas do CST em Gestão Financeira, vincu...Colaborar Educacional
 
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...azulassessoriaacadem3
 
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!Psyc company
 
Trovadorismo, Humanismo, Classicismo e Quinhentismo
Trovadorismo, Humanismo, Classicismo e QuinhentismoTrovadorismo, Humanismo, Classicismo e Quinhentismo
Trovadorismo, Humanismo, Classicismo e QuinhentismoPaula Meyer Piagentini
 
Q20 - Reações fotoquímicas.pdf
Q20 - Reações fotoquímicas.pdfQ20 - Reações fotoquímicas.pdf
Q20 - Reações fotoquímicas.pdfPedroGual4
 
PLANEJAMENTO ANUAL LINGUA ESPANHOLA 2024 3 ANOS PRONTO.docx
PLANEJAMENTO ANUAL LINGUA ESPANHOLA 2024 3 ANOS PRONTO.docxPLANEJAMENTO ANUAL LINGUA ESPANHOLA 2024 3 ANOS PRONTO.docx
PLANEJAMENTO ANUAL LINGUA ESPANHOLA 2024 3 ANOS PRONTO.docxfran50171
 
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 7º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 7º ANO.pdfPLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 7º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 7º ANO.pdfkeiciany
 
Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...
Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...
Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...manoelaarmani
 
Agora, imagine a seguinte situação você é o coordenador da área de inovação e...
Agora, imagine a seguinte situação você é o coordenador da área de inovação e...Agora, imagine a seguinte situação você é o coordenador da área de inovação e...
Agora, imagine a seguinte situação você é o coordenador da área de inovação e...Unicesumar
 
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaFicha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaCentro Jacques Delors
 
As relações entre empregador e empregado passaram por diversas transformações...
As relações entre empregador e empregado passaram por diversas transformações...As relações entre empregador e empregado passaram por diversas transformações...
As relações entre empregador e empregado passaram por diversas transformações...excellenceeducaciona
 
LINKS 25 DE ABRIL TRABALHO DAC HISTORIA.pdf
LINKS 25 DE ABRIL TRABALHO DAC HISTORIA.pdfLINKS 25 DE ABRIL TRABALHO DAC HISTORIA.pdf
LINKS 25 DE ABRIL TRABALHO DAC HISTORIA.pdfAnaRitaFreitas7
 
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...manoelaarmani
 
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba InicialDomínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba InicialTeresaCosta92
 
MAPA - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
MAPA - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024MAPA - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
MAPA - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024excellenceeducaciona
 
PROJETO INTERDISCIPLINAR 6º AO 9º ANOS - 2.docx
PROJETO INTERDISCIPLINAR 6º AO 9º ANOS - 2.docxPROJETO INTERDISCIPLINAR 6º AO 9º ANOS - 2.docx
PROJETO INTERDISCIPLINAR 6º AO 9º ANOS - 2.docxssuser86fd77
 
Apresentação Aula Usabilidade Web Jogos e Apps
Apresentação Aula Usabilidade Web Jogos e AppsApresentação Aula Usabilidade Web Jogos e Apps
Apresentação Aula Usabilidade Web Jogos e AppsAlexandre Oliveira
 
Relatório Ação Saberes Indígenas na Escola - Grupo de Pesquisa Unã Baina
Relatório Ação Saberes Indígenas na Escola - Grupo de Pesquisa Unã BainaRelatório Ação Saberes Indígenas na Escola - Grupo de Pesquisa Unã Baina
Relatório Ação Saberes Indígenas na Escola - Grupo de Pesquisa Unã Bainaifacasie
 

Último (20)

TEMPLATE relatório de praticas por aluno.pptx
TEMPLATE relatório de praticas por aluno.pptxTEMPLATE relatório de praticas por aluno.pptx
TEMPLATE relatório de praticas por aluno.pptx
 
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaQuiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
 
A realização das atividades extensionistas do CST em Gestão Financeira, vincu...
A realização das atividades extensionistas do CST em Gestão Financeira, vincu...A realização das atividades extensionistas do CST em Gestão Financeira, vincu...
A realização das atividades extensionistas do CST em Gestão Financeira, vincu...
 
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
 
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
 
Trovadorismo, Humanismo, Classicismo e Quinhentismo
Trovadorismo, Humanismo, Classicismo e QuinhentismoTrovadorismo, Humanismo, Classicismo e Quinhentismo
Trovadorismo, Humanismo, Classicismo e Quinhentismo
 
Q20 - Reações fotoquímicas.pdf
Q20 - Reações fotoquímicas.pdfQ20 - Reações fotoquímicas.pdf
Q20 - Reações fotoquímicas.pdf
 
PLANEJAMENTO ANUAL LINGUA ESPANHOLA 2024 3 ANOS PRONTO.docx
PLANEJAMENTO ANUAL LINGUA ESPANHOLA 2024 3 ANOS PRONTO.docxPLANEJAMENTO ANUAL LINGUA ESPANHOLA 2024 3 ANOS PRONTO.docx
PLANEJAMENTO ANUAL LINGUA ESPANHOLA 2024 3 ANOS PRONTO.docx
 
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 7º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 7º ANO.pdfPLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 7º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 7º ANO.pdf
 
Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...
Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...
Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...
 
Agora, imagine a seguinte situação você é o coordenador da área de inovação e...
Agora, imagine a seguinte situação você é o coordenador da área de inovação e...Agora, imagine a seguinte situação você é o coordenador da área de inovação e...
Agora, imagine a seguinte situação você é o coordenador da área de inovação e...
 
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaFicha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
 
As relações entre empregador e empregado passaram por diversas transformações...
As relações entre empregador e empregado passaram por diversas transformações...As relações entre empregador e empregado passaram por diversas transformações...
As relações entre empregador e empregado passaram por diversas transformações...
 
LINKS 25 DE ABRIL TRABALHO DAC HISTORIA.pdf
LINKS 25 DE ABRIL TRABALHO DAC HISTORIA.pdfLINKS 25 DE ABRIL TRABALHO DAC HISTORIA.pdf
LINKS 25 DE ABRIL TRABALHO DAC HISTORIA.pdf
 
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
 
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba InicialDomínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
 
MAPA - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
MAPA - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024MAPA - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
MAPA - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
 
PROJETO INTERDISCIPLINAR 6º AO 9º ANOS - 2.docx
PROJETO INTERDISCIPLINAR 6º AO 9º ANOS - 2.docxPROJETO INTERDISCIPLINAR 6º AO 9º ANOS - 2.docx
PROJETO INTERDISCIPLINAR 6º AO 9º ANOS - 2.docx
 
Apresentação Aula Usabilidade Web Jogos e Apps
Apresentação Aula Usabilidade Web Jogos e AppsApresentação Aula Usabilidade Web Jogos e Apps
Apresentação Aula Usabilidade Web Jogos e Apps
 
Relatório Ação Saberes Indígenas na Escola - Grupo de Pesquisa Unã Baina
Relatório Ação Saberes Indígenas na Escola - Grupo de Pesquisa Unã BainaRelatório Ação Saberes Indígenas na Escola - Grupo de Pesquisa Unã Baina
Relatório Ação Saberes Indígenas na Escola - Grupo de Pesquisa Unã Baina
 

Aula sistema nervoso boa aula-2

  • 2. Sistema Nervoso 1) Introdução O sistema nervoso é responsável pelo ajustamento do organismo ao ambiente. Sua função é perceber e identificar as condições ambientais externas, bem como as condições reinantes dentro do próprio corpo e elaborar respostas que adaptem a essas condições. 2) Organização do sistema nervoso humano Sistema Nervoso Central (SNC) Encéfalo Cérebro Cerebelo Tronco Encefálico Mesencéfalo Ponte Bulbo Medula Sistema Nervoso Periférico (SNP) Nervos cranianos (12 pares) Nervos raquidianos (31 pares) Terminações nervosas
  • 3. Sistema Nervoso 3) Sistema nervoso central (SNC) a) Encéfalo  Possui cerca de 1,4 kg nos adultos  Está localizado na caixa craniana  Dividido em 3 partes: cérebro, cerebelo e tronco encefálico Encéfalo cérebro cerebelo Tronco encefálico
  • 4. Sistema Nervoso 3) Sistema nervoso central (SNC) a) Encéfalo I) Cérebro  Constitui cerca de 90% da massa encefálica  Sua superfície é bastante pregueada (aumento da superfície)  Dividido em dois hemisférios (esquerdo e direito)  Dividido em duas partes: o Córtex (externo) – substância cinzenta (corpos neuronais) o Região interna – substância branca (dendritos e axônios)
  • 5. Sistema Nervoso 3) Sistema nervoso central (SNC) a) Encéfalo I) Cérebro  Funções: o Sensações o Atos conscientes e voluntários (movimentos) o Pensamento o Memória o Inteligência o Aprendizagem o Sentidos o Equilíbrio
  • 6. Sistema Nervoso 3) Sistema nervoso central (SNC) a) Encéfalo I) Cérebro  Tálamo e Hipotálamo (presentes na região inferior do cérebro)  Tálamo o Reorganização dos estímulos nervosos o Percepção sensorial (consciência)  Hipotálamo o Regulador da homeostase corporal o Temperatura o Apetite o Balanço hídrico o Controle da hipófise e outras glândulas
  • 7. Sistema Nervoso 3) Sistema nervoso central (SNC) I) Cérebro Tálamo e Hipotálamo Tálamo Hipotálamo
  • 8. Sistema Nervoso 3) Sistema nervoso central (SNC) II) Cerebelo  Responsável pelo equilíbrio do corpo  Tônus e vigor muscular  Orientação espacial  Coordenação dos movimentos Cerebelo
  • 9. Sistema Nervoso 3) Sistema nervoso central (SNC) III) Tronco encefálico 3 divisões:  Mesencéfalo  Ponte  Bulbo Mesencéfalo Ponte Bulbo
  • 10. Sistema Nervoso 3) Sistema nervoso central (SNC) III) Tronco encefálico  Mesencéfalo o Recepção e coordenação da contração muscular o Postura corporal Mesencéfalo
  • 11. Sistema Nervoso 3) Sistema nervoso central (SNC) III) Tronco encefálico  Ponte o Manutenção da postura corporal, equilíbrio do corpo e tônus muscular. Ponte
  • 12. Sistema Nervoso 3) Sistema nervoso central (SNC) III) Tronco encefálico  Bulbo o Controle dos batimentos cardíacos o Controle dos movimentos respiratórios o Controle da deglutição (engolir) Bulbo
  • 13. Sistema Nervoso 3) Sistema nervoso central (SNC) b) Medula Espinhal (raque)  Cordão cilíndrico que parte da base do encéfalo e percorre toda a coluna vertebral.  Aloja-se dentro das perfurações das vértebras.  Da medula espinhal partem 31 pares de nervos raquidianos
  • 14. Sistema Nervoso 3) Sistema nervoso central (SNC) b) Medula Espinhal (raque)  Funções da medula o Recebe as informações de diversas partes do corpo e as enviam para o encéfalo e vice-versa. o Responsável pelos atos reflexos (reflexo medular).
  • 15. Sistema Nervoso 3) Sistema nervoso central (SNC) b) Medula Espinhal (raque)  Reflexo Medular A medula espinhal é capaz de elaborar respostas rápidas em situações de emergência, sem a interferência do encéfalo.
  • 16. Sistema Nervoso 3) Sistema nervoso central (SNC) c) Meninges  São três delicadas membranas que revestem e protegem o sistema nervoso central (SNC). o Dura-máter o Aracnóide o Pia-máter Medula espinhal Encéfalo
  • 17. Sistema Nervoso 4) Sistema nervoso periférico (SNP)  Constituído por: a) Nervos b) Gânglios nervosos c) Terminações nervosas (receptores para dor, tato, frio, pressão, calor, paladar, etc.). Nervos São fios finos formados por vários axônios de neurônios envolvidos por tecido conjuntivo. Transmitem mensagens de várias partes do corpo para o sistema nervoso central ou destes para as regiões corporais.
  • 18. Sistema Nervoso 4) Sistema nervoso periférico (SNP) Classificação dos nervos I) Quanto ao tipo de neurônio  Sensitivos ou aferentes (contém apenas neurônios sensitivos)  Motores ou eferentes (contém apenas neurônios motores)  Mistos (contém neurônios sensitivos e motores) II) Quanto à posição anatômica  Cranianos (ligados ao encéfalo) – 12 pares  Raquidianos ou espinhais (ligados à medula) – 31 pares
  • 19. Sistema Nervoso 4) Sistema nervoso periférico (SNP) Gânglios nervosos o Aglomerado de corpos celulares de neurônios encontrados fora do sistema nervo central. Corpos celulares
  • 20. Sistema Nervoso 4) Sistema nervoso periférico (SNP) Terminações Nervosas Captam estímulos do meio interno ou externo e os levam para o sistema nervoso central.
  • 21. Sistema Nervoso 4) Sistema nervoso periférico (SNP) Divisão do sistema nervoso periférico Sistema Nervoso Voluntário (somático) Ações conscientes: andar, falar, pensar, movimentar um braço, etc. Sistema Nervoso Autônomo (visceral) Ações inconscientes: controle da digestão, batimentos cardíacos, movimento das vísceras, etc. Simpático Parassimpático
  • 22. Sistema Nervoso 4) Sistema nervoso periférico (SNP) a) Sistema Nervoso Voluntário (Somático) Formado por nervos motores que conduzem impulsos do sistema nervoso central (SNC) à musculatura estriada esquelética. Determina ações conscientes: Andar, falar, abraçar, correr, etc. SNC Corpos celulares dentro do SNC Axônios controlando a musculatura esquelética
  • 23. Sistema Nervoso 4) Sistema nervoso periférico (SNP) b) Sistema Nervoso Autônomo (vegetativo ou visceral) Constituído por nervos motores que conduzem impulsos do sistema nervoso central à musculatura lisa de órgãos viscerais, músculos cardíacos e glândulas. Realiza o controle da digestão, sistema cardiovascular, excretor e endócrino. Os nervos do SNP autônomo possuem dois tipos de neurônios: I. Pré-ganglionares (corpo celular dentro do SNC) II. Pós-ganglionares (Corpo celular dentro do gânglio) SNC órgãogânglio Neurônio Pós-ganglionar Neurônio Pré-ganglionar
  • 24. Sistema Nervoso 4) Sistema nervoso periférico (SNP) b) Sistema Nervoso Autônomo É dividido em duas partes: I. Simpático II. Parassimpático  Sistema Nervoso Simpático: Prepara o organismo para o estresse (instinto de fuga ou luta)  Sistema Nervos Parassimpático: Estimula atividades relaxantes (repouso) Ações antagônicas no organismo!
  • 26. Sistema Nervoso 4) Sistema nervoso periférico (SNP) Diferenças entre os sistemas nervosos simpático e parassimpático: Sistema Nervoso Autônomo Simpático Parassimpático Fibra pré-ganglionar curta longa Fibra pós-ganglionar longa curta Origem dos nervos Região torácica e lombar da medula (somente nervos raquidianos) Região cervical (nervos cranianos) e região sacral da medula (nervos raquidianos) Mediador químico Fibras pré-ganglionares: Acetilcolina Fibras pós-ganglionares: Adrenalina Fibras pré-ganglionares: Acetilcolina Fibras pós-ganglionares: Acetilcolina
  • 28. Sistema Nervoso 1) (VUNESP) Quando uma pessoa encosta a mão em um ferro quente, ela reage imediatamente por meio de um reflexo. Neste reflexo o neurônio efetuador (motor) leva o impulso nervoso para: a) a medula espinhal. b) o encéfalo. c) os músculos flexores do braço d) as terminações sensoriais de calor na ponta dos dedos. e) as terminações sensoriais de dor na ponta dos dedos. Resposta: C 2) Se o cerebelo de um rato for destruído, ele perderá a capacidade de: a) digerir alimentos. b) respirar. c) andar. d) eliminar excretas e) produzir anticorpos. Resposta: C
  • 29. Sistema Nervoso 3) Assinale a alternativa que apresenta de forma correta, a condução do impulso nervoso nos neurônios sensorial e motor. a) O estímulo nervoso se propaga do dendrito para o corpo celular e deste para o axônio no neurônio sensorial, e o inverso no neurônio motor. b) O estímulo nervoso se propaga do axônio para o corpo celular e deste para o dendrito no neurônio sensorial, e o inverso no neurônio motor. c) O estímulo nervoso se propaga do dendrito para o corpo celular e deste para o axônio no neurônio sensorial e no neurônio motor. d) O estímulo nervoso se propaga do axônio para o corpo celular e deste para o dendrito, tanto no neurônio sensorial como no motor. e) O estímulo nervoso se propaga do dendrito para o corpo celular ou do corpo celular para o dendrito no neurônio sensorial e do corpo celular para o axônio no neurônio motor. Resposta: C
  • 30. Sistema Nervoso 4) Dos sistemas abaixo relacionados, qual está subordinado ao sistema nervoso vegetativo ou autônomo? a) sistema muscular estriado. b) sistema ósseo. c) todo o sistema de revestimento. d) sistema ósteo-articular e) sistema glandular. 5) Considere os seguintes elementos do sistema nervoso: I- encéfalo III- nervos cranianos II- medula IV- nervos raquidianos O sistema nervoso central é constituído por: a) II e III b) III e IV c) I e II d) I e III e) II e IV Resposta: e Resposta: c
  • 31. Sistema Nervoso 6) Um arco reflexo simples exige, pelo menos: a) um neurônio motor, um gânglio e a medula. b) um neurônio sensorial, um gânglio e a medula. c) um neurônio sensorial, dois gânglios e a medula. d) um neurônio motor, um sensorial e um gânglio. e) dois neurônios ( um sensorial e um motor) e a medula. 7) Cérebro, cerebelo e bulbo são órgãos do: a) sistema nervoso periférico. b) sistema nervoso parassimpático. c) sistema nervoso autônomo. d) sistema nervoso central e) As respostas c e d estão corretas Resposta: e Resposta: d
  • 32. Sistema Nervoso Resposta: d 8) É comum nos animais a presença de receptores específicos ou órgãos dos sentidos capazes de obter informações ambientais ou corpóreas. Após a captação destas informações, impulsos são gerados e transportados para serem processados e interpretados. Por onde são transportados e onde ocorre a interpretação desses estímulos, respectivamente? a) SNC e SNA b) SNA e SNP c) SNP e SNA d) SNP e SNC e) Nenhuma das respostas anteriores
  • 35. Sistema Nervoso Resposta: c (PUC-SP) O esquema abaixo representa, de maneira simplificada, as inter- relações do sistema nervoso. Encéfalo Gânglios1 2 3 4 Resposta (músculos voluntários) Resposta (músculos involuntários) Assinale a alternativa correta: a) 1 representa uma fibra sensorial do sistema nervoso voluntário b) 2 representa uma fibra motora do sistema nervoso simpático c) 3 e 4 representam fibras do sistema nervoso autônomo d) 1 e 4 representam fibras motoras do sistema nervoso autônomo