SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 24
PLANO DE ENSINO
DE
GEOGRAFIA
ESCOLA: E E DR SYLVIO DE AGUIAR MAYA
PROFESSORA: ELIANE APARECIDA GERALDO
PLANO DE ENSINO DE GEOGRAFIA
ENSINO FUNDAMENTAL
7° ANO
PLANO DE ENSINO DE GEOGRAFIA - 7º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL - 1° BIMESTRE
CONTEÚDOS E TEMAS

COMPETÊNCIAS E
HABILIDADES

1. FRONTEIRAS DA
REPÚBLICA FEDERATIVA
DO BRASIL.

- Reconhecer informações geográficas
em mapas de diferentes escalas;
- Transpor essas informações de uma
escala para outra;
- Aplicar o conceito de território em
diferentes situações.

- Apresentação de vídeos;
- Aulas dialogadas;
- Discussão em grupos.

- Vídeo;
- Mapas;
- Roteiro de
questões

- Aplicar conhecimentos geográficos
na explicação de acontecimentos do
dia-a-dia;
- Ler e interpretar diagramas e mapas.

- Leitura e interpretação de
mapas e modelos gráficos;
- Aulas dialogadas;
- Exercícios.

- Dados do
grupo
- Internet.

- Limites e fronteiras ;
- Unidades federadas;
- Municípios.

2. FRONTEIRAS
PERMEAVEIS.
- Zona de fronteira;
- Fronteira permeável;
- Interações econômicas.

3. ESTUDO DA FORMAÇÃO
TERRITORIAL DO BRASIL
POR MEIO DE MAPAS.
- Cartografia da formação
territorial do Brasil;
- Fronteiras políticas e limites
(definição, delimitação e
demarcação).

- Explicar a formação territorial do
Brasil a partir da partir da análise de
um conjunto de dados cartográficos
- Exercitar a imaginação, colocandose no tempo e no espaço de textos
narrativos.

ESTRATÉGIAS

- Leitura e interpretação de
mapas síntese do processo de
consolidação das fronteiras
políticas do Brasil;
- Aulas dialogadas;
- Leitura;
- Interpretação e comparação
entre diferentes formas de
representação cartográfica

RECURSOS

- Mapas do
acervo
histórico da
Biblioteca
Nacional
(pesquisa).

AVALIAÇÃO

- Será um processo
contínuo de
participação e
compreensão do
aluno, com atividade
em classe, extraclasse e avaliação
bimestral
4. ESTUDO DA FORMAÇÃO
TERRITORIAL DO BRASIL
POR MEIO DA
LITERATURA: O
CONTEXTO CULTURAL.

- Transpor conhecimentos geográficos
entre diferentes formas de linguagem.

- Dimensão cultural das
fronteiras políticas;
- Rio Grande do Sul;
- Gaúchos da fronteiras

CONTEÚDO CURRICULAR

- Leitura, interpretação e
comparação de mapas;
- Leitura, interpretação e
comparação de trechos da
literatura regionalista;
- Aulas dialogadas e redação de
narrativa.

- Mapas;
- Trechos de
obras
romanescas
gaúchas.

HABILIDADES - SARESP

O território brasileiro

H13 - Diferenciar e aplicar conceitos
de limite e fronteira. (GIII)
- A formação territorial do Brasil. H33 - Identificar a partir da leitura de
- Limites e fronteiras.
textos e mapas, o processo de formação
- A federação brasileira.
territorial e/ou
- Organização política e
o estabelecimento das fronteiras
administrativa.
nacionais. (GI)
H34 - Identificar em registros
histórico-geográficos as diferentes
formas de organização políticoadministrativa do Brasil. (GI)

PLANO DE ENSINO DE GEOGRAFIA – 7º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL - 2º BIMESTRE
CONTEÚDOS E TEMAS

COMPETÊNCIAS E
HABILIDADES

ESTRATÉGIAS

RECURSOS

AVALIAÇÃO
- Extrair e analisar informações a
1 – AGRUPAMENTO
REGIONAL DAS UNIDADES partir de mapas e gráficos;
- Elaborar e interpretar mapas
FEDERADAS.
temáticos.
- Critérios de divisão regional.

- Elaboração e interpretação de
mapas temáticos de indicadores
sociais das unidades federadas;
- Aulas dialogadas;
- Leitura, interpretação entre
diferentes formas de
representação cartográfica.

- Dados da
pesquisa
nacional por
amostra de
domicílios.

2 – REGIONALIZAÇÃO NO - Contextualizar as diferentes
propostas de regionalização do
TEMPO E NO ESPAÇO.
Brasil, inferindo e julgando pontos de
- Regionalização do território
vista de interesse geográfico.
brasileiro.

- Comparação de mapas
temáticos com divisão regional
de diferentes épocas;
- Aulas dialogadas;
- Leitura,
- Interpretação e comparação
entre diferentes formas de
representação cartográfica.

- Mapas;
- Sites.

3 – OUTRAS FORMAS DE
REGIONALIZAÇÃO.

- Analisar as transformações
provocadas pela revolução técnicocientífico no processo de
regionalização do país, analisando e
interpretando informações extraídas de
mapas e gráficos.

- Comparação de mapas
temáticos de indicadores sociais
das unidades federadas;
- Aulas dialogadas;
- Redação de narrativas.

- Mapas
temáticos;
- Textos para
leitura.

- Problematizar o arranjo do Brasil,
compreendendo contextos regionais
representados em diferentes
linguagens.

- Observação e análise de vídeo; - Vídeo;
- Aulas dialogadas;
- Música.
- Aplicação de conhecimentos
anteriores na interpretação.

- Complexos regionais.

4 – VISÃO REGINAL.
- Região Nordeste.

- - Será um processo
contínuo de
participação e
compreensão do aluno,
com atividade em
classe, extra-classe e
avaliação bimestral
Conteúdo Curricular

Habilidades – SARESP

A regionalização do território
brasileiro

H11 - Agrupar os estados brasileiros
a partir da comparação de seus
indicadores socioeconômicos. (GI)

- Critérios de divisão regional.
- As regiões do Instituto
Brasileiro de Geografia e
Estatística (IBGE), os
complexos regionais e a região
concentrada.

H12 - partir de dados expressos em
tabelas e gráficos cartesianos,
comparar indicadores socioeconômicos
dos estados brasileiros. (GII)

PLANO DE ENSINO DE GEOGRAFIA
CONTEÚDOS E TEMAS

–

COMPETÊNCIAS E
HGABILIDADES

7º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL - 3º BIMESTRE
ESTRATÉGIAS

RECURSOS

AVALIAÇÃO
1 – As grandes paisagens
naturais brasileiras.
- Biomas brasileiros;
- Domínios morfoclimáticos do
Brasil.

2 – As florestas brasileiras.
- Mata Atlântica;
- Floresta Amazônica.

- Comparar diferentes formas de
representar as paisagens naturais;
- Identificar as principais características
dessas paisagens.

- Aulas dialogadas;
- Exercícios de interpretação de
mapas;
- Produção de uma exposição de
trabalhos realizados em grupos.

- Reconhecer os vetores de degradação - Aulas dialogadas;
do patrimônio ambiental brasileiro, em - Exercícios de interpretação de
espacial dos ecossistemas florestados. fotografia, de textos e de mapas;
- Discussão de vídeo.

3 – Os cerrados do Brasil
Central.

- Uso de
recortes de
jornais e
revistas;
- Fotografias.

- Textos;
- Mapas;
- Fotografia;
- Vídeos.

- Reconhecer os vetores de degradação - Aulas dialogadas;
do patrimônio ambiental brasileiro, em - Exercícios de interpretação de
especial dos cerrados;
textos, fotografias e mapas.
- Os cerrados do Brasil Central. - Comparar propostas de soluções para
problemas de natureza socioambiental,
respeitando valores humanos e a
diversidade sociocultural;
- Perceber-se integrante, dependente e
agente transformador do ambiente.

- Textos;
- Mapas;
- Fotografias.

4 – O Sistema Nacional de
Unidades de Conservação.

- Mapas;
- Tabela;
- Fotografias;
- Material de
pesquisa.

- O Sistema Nacional de
Unidades de Conservação

- Identificar os processos de formação
das
instituições sociais e políticas que
regulamentam a sociedade e o espaço
geográfico brasileiro.

- Aulas dialogadas;
- Leitura de entrevistas;
- Exercícios de interpretação de
mapas, de tabelas e de
fotografias;
- Pesquisa.

-- Será um processo
contínuo de
participação e
compreensão do aluno,
com atividade em
classe, extra-classe e
avaliação bimestral.
(SNUC);
- A gestão do Parque Estadual
da Serra do Mar, em São Paulo.

CONTEÍDO CURRICULAR HABILIDADES- SARESP

Domínios naturais do Brasil
- Biomas e domínios
morfoclimáticos do Brasil.
-O patrimônio ambiental e a
sua conservação
- Políticas ambientais no
Brasil.
- O Sistema Nacional de
Unidades de Conservação
(SNUC).

H15 - Identificar e descrever os
diferentes usos dos recursos naturais
realizados pela
sociedade. (GI)
H16 - Caracterizar, por meio de mapas,
a diversidade morfoclimática do
território brasileiro, identificando
fatores que colocam em risco a sua
preservação e/ou a importância destas
na distribuição dos recursos naturais.
(GII)
H17 - Aplicar o conceito/noção de
região na identificação e compreensão
dos biomas brasileiros. (GIII)
H18 - Reconhecer as generalidades e
singularidades que caracterizam os
biomas brasileiros, considerando os
impactos oriundos das diferentes
formas de intervenção humana em
diferentes épocas. (GI)
H19 - Avaliar por meio de diferentes
iconografias ou textos, formas de
propagação de hábitos que induzam ao
consumo e ao consumismo. (GIII)
H20 - Identificar as características
ambientais dos principais patrimônios
geoecológicos nacionais e/ou os
processos de formação das instituições
sociais e políticas que regulamentam o
patrimônio ambiental brasileiro. (GIII)

PLANO DE ENSINO DE GEOGRAFIA
CONTEÚDOS E TEMAS

–

COMPETÊNCIAS E
HABILIDADES

7º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL - 4º BIMESTRE
ESTRATÉGIAS

RECURSOS

AVALIAÇÃO
1 – O Brasil dos
imigrantes.
- A população brasileira e os
fluxos migratórios.

2 – As diferenciações nos
território.
- A revolução de informação;
- A rede de cidades.

- Estabelecer relações entre diferentes
informações geográficas expressas em
diversas linguagens;
- Descrever aspectos da população
brasileira utilizando informações
extraídas de mapas;
- Explicar a mobilidade populacional a
partir de sua própria experiência de
vida.

- Elaboração e interpretação
de mapas de percurso;
- Aulas dialogadas;
- Leitura, interpretação e
comparação de diferentes
formas de representação
cartográfica.

- Mapas
temáticos e
textos
narrativos.

- Construir e interpretar mapas e
modelos;
- Comparar informações geográficas
expressas em diferentes linguagens.

- Comparação de mapas
temáticos;
- Aulas dialogadas;
- Leitura, elaboração e
comparação de diferentes
formas de representação
cartográfica.

- Mapas;
- Modelos.

- Comparação e elaboração de
mapas temáticos de indicadores
sociais das unidades federadas;
- Aulas dialogadas;
- Trabalho em grupo.

- Mapas
temáticos;
- Tabelas de
dados
estatísticos.

3 – A distribuição da
atividade industrial no Brasil. - Explicar a diferencialidade espacial a
partir da análise da distribuição
- Concentração e
territorial da atividade industrial;
descentralização do espaço
- Construir e interpretar cronogramas.
industrial.

4 – Perspectivas do
espaço agrário brasileiro.
- O espaço agrário e a
questão da terra no Brasil

- Inferir e julgar opiniões e pontos de
Análise de dados estatísticos e - Mapas
vista;
mapas temáticos;
temáticos;
- Aplicar conhecimentos geográficos na - Aulas dialogadas;
- Textos.
compreensão de diferentes atores
- Aplicação de conhecimentos à
sociais.
interpretação de textos

- Será um processo
contínuo de
participação e
compreensão do aluno,
com atividade em
classe, extra-classe e
avaliação bimestral

-
narrativos.
CONTEÚDO CURRICULAR
Brasil: população e economia

HABILIDADES - SARESP

H14 - Com base em dados expressos
em mapas e gráficos, identificar os
- A população e os fluxos
principais fluxos econômicos do Brasil
migratórios.
com os demais países do mundo. (GI)
- A revolução da informação e a H35 - Identificar as principais
rede de cidades
influências socioculturais resultantes
- O espaço industrial.
das etnias que compõem a matriz étnica
- Concentração e
brasileira. (GI)
descentralização.
H36 - Interpretar por meio de
- O espaço agrário e a questão iconografias ou textos, o processo de
da terra.
formação da sociedade brasileira e/ou
as diferentes formas de ocupação do
território. (GII)
H37 - A partir da leitura de tabelas e
gráficos identificar faixas de
crescimento e/ou distribuição por
gênero da população brasileira. (GI)
H38 - Identificar por meio de textos ou
iconografias elementos constituintes
e/ou representativos da paisagem rural e
urbana. (GI)
PLANO DE ENSINO DE GEOGRAFIA
ENSINO FUNDAMENTAL
8° ano

PLANO DE ENSINO DE GEOGRAFIA
CONTEÚDOS E TEMAS

–

COMPETÊNCIAS E
HABILIDADES

8º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL - 1º BIMESTRE
ESTRATÉGIAS

RECURSOS

AVALIAÇÃO
1 – O MEIO NATRUAL: O
CONTEXTO DO SENHOR
DS VENTOS.
- Representação cartográfica;
- Visão de mundo e suas
tecnologias.

2 – O MEIO TÉCNICO: A
FORÇA DAS MÁQUINAS
NA PRODUÇÃO E NA
CIRCULAÇÃO.

- Compreender processos sociais
utilizando conhecimentos históricos e
geográficos;
- Identificar representações do espaço
geográfico em textos científicos,
imagens, fotos, gráficos etc.

- Leitura e interpretação de
- Imagens
mapas medievais e portulanos
digitais,
(cartas náuticas
textos e mapas.
antigas);
- Aulas dialogadas, leitura, e
interpretação e comparação entre
diferentes formas de
representação cartográfica.

- Compreender o processo histórico de
ocupação dos territórios;
- Interpretar a formação e organização
do espaço geográfico, considerando
diferentes escalas.

- Leitura e interpretação de
textos e mapas;
- Trabalhos em grupos.

- Textos;
- Imagens;
- Mapa mudo.

- Analisar criticamente as implicações
sociais e ambientais do uso das
tecnologias em diferentes contextos
histórico-geográficos;
- caracterizar formas de circulação de
informação, capitais, mercadorias, e
serviços no tempo e no espaço

- Aulas dialogadas;
- Leitura e interpretação de
textos e mapas;
- Trabalhos em grupos.

- Mapas;
- Textos.

- Comparar propostas e ações das

- Aulas dialogadas;

- Vídeos.

- Será um processo
contínuo de
participação e
compreensão do aluno,
com atividade em
classe, extra-classe e
avaliação bimestral

- O meio técnico;
- A indústria;
- A ferrovia.

3 – O MEIO TÉCNICOCIENTIFICO E A
INCLUSÃO NO MUNDO
DIGITAL.
- O meio técnico-científicoinformacional;
- ciberespaço;
- globalização.

4 – ANÁLISE CRÍTICA DO

-
PROCESSO DE
COMUNICAÇÃO.
- Desigualdades internacionais
no processo de globalização.

instituições sociais e políticas, no
enfrentamento de problemas de ordem
econômico-social;
- Interpretar realidades históricas e
geográficas estabelecendo relações
entre diferentes fatos e processos
sociais.

- Trabalhos em grupos.

HABILIDADES – SARESP
H16 - Interpretar e comparar diferentes
Representação cartográfica
formas de representação cartográfica
- Visão de mundo e suas
dos espaços globalizados. (GI)
tecnologias.
H17 - Interpretar mapas e gráficos
relativos aos Índices de
Globalização em três tempos
Desenvolvimento Humano. (GII)
- O meio técnico e o
H18 - Identificar relações de
encurtamento das distâncias.
interdependência entre diferente redes
- O meio técnico-científicoilegais. (GIII)
informacional e a globalização. H19 - Interpretar mapas temáticos,
- O processo de globalização e tabelas ou gráficos relativos às questões
as desigualdades
energéticas em diferentes escalas. (GI)
internacionais.
H20 - Identificar por meio de gráficos
ou mapas a distribuição e apropriação
desigual dos recursos naturais. (GI)
CONTEÚDO CURRICULAR

PLANO DE ENSINO DE GEOGRAFIA
CONTEÚDOS E TEMAS

–

COMPETÊNCIAS E
HABILIDADES

8º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL – 2° BIMESTRE
ESTRATÉGIAS

RECURSOS

AVALIAÇÃO
1 – AS FONTES E AS
FORMAS D ENERGIA:
A FONTE ENERGÉTICA
DA VIDA.

- Explicar transformações ambientais;e
ciclos da natureza;
- Analisar e interpretar informações
geográficas expressas de diversas
maneiras.

- Elaboração de mapas temáticos - Textos;
e gráficos;
- Internet;
- Aulas dialogadas;
- Lousa.
- Leitura de diferentes formas de
representação cartográfica.

- Analisar e interpretar informações
geográficas a partir da elaboração de
gráficos e mapas temáticos.

- Elaboração de mapas temáticos
e gráficos;
- Aulas dialogadas;
- Leitura de diferentes formas de
representação cartográfica.

Representações
gráficas;
- Lousa;
- Textos.

- Problematizar a questão
energética, estabelecendo relações
entre dados e informações geográficas
expressas de diferentes maneiras.

- Elaboração de mapas temáticos
e gráficos;
- Aulas dialogadas;
- Leitura de diferentes formas de
representação cartográfica.

- Mapas;
- Lousa;
- Ilustrações;
- Gráficos.

- Aplicar conhecimentos para
posicionar-se diante de dados e
informações geográficas a respeito
da matriz energética brasileira,
utilizando-se de diferentes linguagens.

- Elaboração de mapas temáticos
e gráficos;
- Aulas dialogadas;
- Leitura de diferentes formas de
representação cartográfica.

- Mapas;
- Gráficos;
- Dados
coletados
em páginas da
internet.

- As fontes e as formas de
energia.

2 – MATRIZES
ENERGÉTICAS: DA
LENHA AO ÁTOMO.
- Matrizes energéticas.
3 – PERSPECTIVAS
ENERGÉTICAS:
POTENCIAL
E LIMITAÇÕES DE
ENERGIA RENOVÁVEIS.
- Perspectivas energéticas.
4 – A MATRIZ
ENERGÉTICA
BRASILEIRA.
- Matriz energética;
- Fontes energéticas
alternativas.

- Será um processo
contínuo de
participação e
compreensão do aluno,
com atividade em
classe, extra-classe e
avaliação bimestral
CONTEÚDO CURRICULAR
Produção e consumo de
energia

HABILIDADES – SARESP
H5 - Identificar e analisar dados em
tabelas, gráficos e mapas relativos
ao uso, forma ou consequência
ambiental da atividade energética
global. (GI)

- As fontes e as formas de
energia.
- Matrizes energéticas.
- Da lenha ao átomo.
H6 - Extrair informações em
- Perspectivas energéticas.
diferentes fontes, para exemplificar e
- A matriz energética mundial. explicar formas de utilização e/ou
- A matriz energética brasileira. consequências do uso indiscriminado
das distintas fontes de energia. (GII)
PLANO DE ENSINO DE GEOGRAFIA
CONTEÚDOS E TEMAS

1 – A apropriação desigual dos
recursos naturais.
- Reservas minerais;
- Recursos minerais;
- Jazidas minerais;
- Minério;
- Lavra;
- Mina;
- Recursos naturais não
renováveis;
- Resíduos sólidos;
- Reciclagem.
2 – Desmatamento, poluição
dos rios e da atmosfera.

–

8º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL -3°BIMESTRE

COMPETÊNCIAS E
HABULIDADES
- Identificar recursos minerais
utilizados no cotidiano;
- Diferenciar recursos renováveis de
não renováveis;
- Aplicar conceitos relativos à
Geologia;
- Propor formas de intervenção
solidária no ambiente escolar relativas
à coleta e ao envio de produtos
descartáveis para a reciclagem.

- Identificar as formas de poluição
ambiental em diferentes ambientes;
- Caracterizar as causas e
conseqüências do desmatamento;

ESTRATÉGIAS

RECURSOS

- Aulas
expositivas;
- Trabalho em
grupo;
- Observação de
campo;
- Exercícios
individuais.

- Ficha de
observação;
- Ilustrações;
- Mapas e
gráficos.

- Aulas
expositivas;
- Trabalhos individuais e em

- Mapas;
- Gráficos.

AVALIAÇÃO

- Será um processo
contínuo de
participação e
compreensão do aluno,
com atividade em
classe, extra-classe e
avaliação bimestral
- Poluição ambiental;
- Desmatamento;
- Crise na disponibilidade de
água;
- Efeito estufa.

- Analisar o impacto da expansão dos grupo.
meios de transporte em áreas
florestadas;
- Posicionar-se diante de argumentos
sobre a implantação ou não de rodovias
na região Centro-Oeste;
- Analisar os impactos causados pelas
atividades humanas que contribuem
para a escassez hídrica;
- Analisar questões naturais relativas à
distribuição dos recursos hídricos;
- Identificar elementos naturais e
sociais responsáveis pelo aumento do
efeito estufa:
- Analisar as conseqüências climáticas
relativas à intensificação do efeito
estufa.

3 – Do clube de Roma ao
desenvolvimento sustentável.

- Compreender as formas multilaterais
de regulamentação das sociedades e do
espaço geográfico;
- Conferências internacionais
- Comparar propostas de soluções para
sobre a
problemas de natureza socioambiental;
questão ambiental;
- Identificar modelos de produção e
- Desenvolvimento sustentável. consumo que induzam a sistemas
produtivos predatórios ao ambiente e à
sociedade.

- Aulas
expositivas;
- Análise de
mapas e
documentos.

- Mapas;
- Textos
teóricos.

4 – Alterações climáticas e
desenvolvimento: Análise de
relatório de desenvolvimento
humano.

- Aulas
expositivas;
- Análise de
textos;

- Textos
teóricos;
- Gráficos;
- Mapas.

- Comparar diferentes modos de vida;
- Analisar criticamente as implicações
ambientais do uso das
tecnologias;
- A “pegada do carbono”;
- As responsabilidades sobre a
alteração climática global.

CONTEÚDO
CURRICULAR
A crise ambiental
- A apropriação desigual dos
recursos
naturais.
- Poluição ambiental e efeito
estufa.
- Do Clube de Roma ao
desenvolvimento sustentável.
- Alterações climáticas e
desenvolvimento.
- Consumo sustentável.

- Identificar aspectos da realidade
socioambiental em suas diversas
escalas, a partir de indicadores
graficamente representados.

HABILIDADES - SARESP
H7 - Identificar a presença de recursos
naturais na organização do espaço
geográfico, relacionando
transformações naturais e intervenção
humana. (GIII)
H8 - Identificar o grau de
vulnerabilidade de diferentes áreas do
planeta aos impactos ambientais
decorrentes da ação antrópica. (GI)
H9 - Compreender o significado e a
importância da água para a sociedade,
sabendo qualificar diferentes formas de
uso resultantes da intervenção humana.
(GII)
H10 - Identificar e caracterizar
elementos responsáveis pela poluição
atmosférica. (GI)

- Gráficos;
- Mapas.
H11 - Comparar documentos e/ou
ações propostas por diferentes
instituições sociais e políticas para o
enfrentamento de problemas de caráter
ambiental. (GII)
H12 - Analisar criticamente
implicações socioambientais resultantes
das formas predatórias de utilização dos
recursos naturais. (GIII)
H13 - Analisar, de forma qualitativa,
situações-problema referentes à
poluição atmosférica, reconhecendo
suas transformações e/ou efeitos
ambientais. (GIII)
H14 - Analisar situações-problema
representativas da propagação de
hábitos de consumo que induzam ao
consumismo.(GIII)
H15 - Analisar as implicações sociais
decorrentes das atividades turísticas
com relação à sua participação
econômica e/ou às técnicas de
preservação ambiental em diferentes
partes do mundo. (GIII)
PLANO DE ENSINO DE GEOGRAFIA
CONTEÚDOS E TEMAS

–

COMPETÊNCIAS E
HABILIDADES

1 – Peru e México: a herança
- Identificar elementos
pré-colombiana.
representativos da herança pré- A arquitetura inca e maias;
colombiana no Peru e no México.
- As tradições agrícolas;
- As cidades pré-colombianas.

2 – Brasil e Argentina: As
correntes de povoamento.
- Densidades demográficas;
- Vetores de povoamento, do
território
na Argentina e no Brasil.
3 – Colômbia e Venezuela:
entre os Andes e o Caribe.

8º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL -4°BIMESTRE
ESTRATÉGIAS

- Leitura e interpretação de mapas
e fotografias ;
- Aulas dialogadas;
- Leitura, interpretação e
comparação entre diferentes
formas de representação
cartográfica.

RECURSOS

- Imagens
digitais;
- Tabelas;
- Mapas;
- Filme.

- Diferenciar correntes de povoamento, - Leitura e interpretação de tabelas - Mapas;
relacionando-as com a formação
e mapas;
- Textos;
socioespacial.
- Produção de mapa.
- Fotografia.

- Estabelecer semelhanças e

- Aulas dialogadas;

- Mapas;

AVALIAÇÃO

- Será um processo
contínuo de
participação e
compreensão do aluno,
com atividade em
classe, extra-classe e
avaliação bimestral
- Processo de apropriação e
valorização territorial na
Colômbia na
Colômbia e no Caribe.
4 – Haiti e Cuba: As
revoluções.
- Processo de independência;
- Características da revolução;
- Conquistas e problemas
sociais e políticos.

diferenças socioculturais;
- Leitura e interpretação de mapas. - Fotos.
- Caracterizar processos de apropriação
e valorização territorial.

- Analisar histórica e geograficamente
processo de formação política e
econômica;
- Comparar informações de interesse
geográfico, interpretando diversos
indicadores sociais e econômicos.

CONTEÚDO CURRICULAR

HABILIDADES - SARESP

Geografia comparada da
América:

H21 - Identificar na América
elementos histórico-geográficos
representativos de heranças précolombianas. (GI)

- Peru e México.
- A herança pré-colombiana.
- Brasil e Argentina.
- As correntes de povoamento.
- Colômbia e Venezuela.
- Entre os Andes e o Caribe.
- Haiti e Cuba.
- As revoluções.

H22 - Comparar a formação territorial
de países latino-americanos levando
em consideração a influência
colonial. (GII)
H23 - Estabelecer semelhanças e
diferenças socioculturais entre as
correntes de povoamento sulamericanas. (GIII)
H24 - Diferenciar as correntes de

- Aulas dialogadas;
- Trabalhos individuais e em
grupo.

- Tabelas de
dados;
- Textos;
Representações
gráfica.
povoamento responsáveis pela
formação territorial da Argentina e do
Brasil.(GII)
H25 -Na América do Sul, caracteriza
e/ou distinguir os processos de
povoamento e ocupação da região
andina
H26 - Analisar geograficamente os
processos de formação política e/ou
econômica de Cuba e do Haiti
estabelecendo relações destes com
a situação atual dos dois países.
(GIII) o Caribe. (GIII)

TEMAS TRANSVERSAIS
Os temas transversais dizem respeito a conteúdos de caráter social, que devem ser incluídos no currículo do ensino fundamental, de forma
“transversal”, ou seja: não como uma área de conhecimento específica, mas como conteúdo a ser ministrado no interior das várias áreas estabelecidas.
no decorrer do ano letivo .
Ética - É o tema transversal inserido em todas as disciplinas e que engloba todos os demais temas transversais, contribuindo para a concretização do
ensino e da aprendizagem. Reflete a preocupação com a constituição de valores de cada aluno, ajudando-o a se posicionar nas relações sociais dentro
da escola e da comunidade como um todo. São quatro blocos temáticos principais: respeito mútuo, justiça, diálogo e solidariedade.
Meio Ambiente - O Meio Ambiente não se restringe ao ambiente físico e biológico, mas inclui também as relações sociais, econômicas e culturais. O
objetivo é propor reflexões que levem o aluno ao enriquecimento cultural, à qualidade de vida e à preocupação com o equilíbrio ambiental.
Pluralidade Cultural - Participação do homem e da mulher na vida doméstica, o papel das crianças, com ênfase no apoio mútuo e solidariedade que
se constrói no cotidiano, com a divisão das responsabilidades familiares, valores de liberdade de escolha de vínculos socioafetivos, etnias e povos
nativos, cultura, habitações e organizações espacial de diferentes sociedades, diferentes formas de interação com ambiente.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Brasil país gigante pela própria natureza
Brasil país  gigante pela própria naturezaBrasil país  gigante pela própria natureza
Brasil país gigante pela própria naturezaSalageo Cristina
 
"Pedagogia dos Multiletramentos"
"Pedagogia dos Multiletramentos""Pedagogia dos Multiletramentos"
"Pedagogia dos Multiletramentos"Denise Oliveira
 
Categorias de análise da geografia
Categorias de análise da geografiaCategorias de análise da geografia
Categorias de análise da geografiaRoberta Sumar
 
1 lugar, território, espaço e paisagem
1 lugar, território, espaço e paisagem1 lugar, território, espaço e paisagem
1 lugar, território, espaço e paisagemFernanda Lopes
 
Geomorfologia fluvial
Geomorfologia fluvialGeomorfologia fluvial
Geomorfologia fluvialPedro Wallace
 
Gestão administrativa da escola publica
Gestão administrativa da escola publicaGestão administrativa da escola publica
Gestão administrativa da escola publicavilemarm
 
Caracterização da escola 2
Caracterização da escola 2Caracterização da escola 2
Caracterização da escola 2Superestagio
 
Linguagem cartográfica para o ensino fundamental
Linguagem cartográfica para o ensino fundamentalLinguagem cartográfica para o ensino fundamental
Linguagem cartográfica para o ensino fundamentalAlessandroRubens
 
SLIDE DE TEORIAS ADMINISTRATIVAS E GESTÃO ESCOLAR
SLIDE DE TEORIAS ADMINISTRATIVAS E GESTÃO ESCOLARSLIDE DE TEORIAS ADMINISTRATIVAS E GESTÃO ESCOLAR
SLIDE DE TEORIAS ADMINISTRATIVAS E GESTÃO ESCOLARProfRibamar Campos
 
UrbanizaçãO e Crescimento Urbano
UrbanizaçãO e Crescimento UrbanoUrbanizaçãO e Crescimento Urbano
UrbanizaçãO e Crescimento Urbanovallmachado
 
Caderno do professor de geografia 5ª série 6 º ano vol 2
Caderno do professor de geografia 5ª série 6 º ano   vol 2Caderno do professor de geografia 5ª série 6 º ano   vol 2
Caderno do professor de geografia 5ª série 6 º ano vol 2Neide Marques
 
Plano aula estagio_5
Plano aula estagio_5Plano aula estagio_5
Plano aula estagio_5Mary Silva
 
Historico Educação do Campo
Historico Educação do CampoHistorico Educação do Campo
Historico Educação do CampoWanessa de Castro
 
Slide 1- Regionalização do Brasil - terceiro Ano
Slide 1-  Regionalização do Brasil - terceiro AnoSlide 1-  Regionalização do Brasil - terceiro Ano
Slide 1- Regionalização do Brasil - terceiro AnoLaisa Cabral Caetano
 
PRÁTICA PEDAGÓGICA III
PRÁTICA PEDAGÓGICA IIIPRÁTICA PEDAGÓGICA III
PRÁTICA PEDAGÓGICA IIIUFMA e UEMA
 
Plano de aula: prática esquecida pelo professor?
Plano de aula: prática esquecida pelo professor?Plano de aula: prática esquecida pelo professor?
Plano de aula: prática esquecida pelo professor?Valeria Rios
 

Mais procurados (20)

Brasil país gigante pela própria natureza
Brasil país  gigante pela própria naturezaBrasil país  gigante pela própria natureza
Brasil país gigante pela própria natureza
 
"Pedagogia dos Multiletramentos"
"Pedagogia dos Multiletramentos""Pedagogia dos Multiletramentos"
"Pedagogia dos Multiletramentos"
 
Categorias de análise da geografia
Categorias de análise da geografiaCategorias de análise da geografia
Categorias de análise da geografia
 
Currículo
CurrículoCurrículo
Currículo
 
1 lugar, território, espaço e paisagem
1 lugar, território, espaço e paisagem1 lugar, território, espaço e paisagem
1 lugar, território, espaço e paisagem
 
Geomorfologia fluvial
Geomorfologia fluvialGeomorfologia fluvial
Geomorfologia fluvial
 
Gestão administrativa da escola publica
Gestão administrativa da escola publicaGestão administrativa da escola publica
Gestão administrativa da escola publica
 
Caracterização da escola 2
Caracterização da escola 2Caracterização da escola 2
Caracterização da escola 2
 
Linguagem cartográfica para o ensino fundamental
Linguagem cartográfica para o ensino fundamentalLinguagem cartográfica para o ensino fundamental
Linguagem cartográfica para o ensino fundamental
 
PLANO DE ENSINO ANUAL 2023.pdf
PLANO DE ENSINO ANUAL 2023.pdfPLANO DE ENSINO ANUAL 2023.pdf
PLANO DE ENSINO ANUAL 2023.pdf
 
SLIDE DE TEORIAS ADMINISTRATIVAS E GESTÃO ESCOLAR
SLIDE DE TEORIAS ADMINISTRATIVAS E GESTÃO ESCOLARSLIDE DE TEORIAS ADMINISTRATIVAS E GESTÃO ESCOLAR
SLIDE DE TEORIAS ADMINISTRATIVAS E GESTÃO ESCOLAR
 
UrbanizaçãO e Crescimento Urbano
UrbanizaçãO e Crescimento UrbanoUrbanizaçãO e Crescimento Urbano
UrbanizaçãO e Crescimento Urbano
 
Caderno do professor de geografia 5ª série 6 º ano vol 2
Caderno do professor de geografia 5ª série 6 º ano   vol 2Caderno do professor de geografia 5ª série 6 º ano   vol 2
Caderno do professor de geografia 5ª série 6 º ano vol 2
 
PLANO MUNICIPAL pela PRIMEIRA INFÂNCIA - Guia - RNPI
PLANO MUNICIPAL pela PRIMEIRA INFÂNCIA - Guia - RNPI PLANO MUNICIPAL pela PRIMEIRA INFÂNCIA - Guia - RNPI
PLANO MUNICIPAL pela PRIMEIRA INFÂNCIA - Guia - RNPI
 
Plano aula estagio_5
Plano aula estagio_5Plano aula estagio_5
Plano aula estagio_5
 
Historico Educação do Campo
Historico Educação do CampoHistorico Educação do Campo
Historico Educação do Campo
 
Slide 1- Regionalização do Brasil - terceiro Ano
Slide 1-  Regionalização do Brasil - terceiro AnoSlide 1-  Regionalização do Brasil - terceiro Ano
Slide 1- Regionalização do Brasil - terceiro Ano
 
PRÁTICA PEDAGÓGICA III
PRÁTICA PEDAGÓGICA IIIPRÁTICA PEDAGÓGICA III
PRÁTICA PEDAGÓGICA III
 
Geografia nos anos iniciais
Geografia nos anos iniciaisGeografia nos anos iniciais
Geografia nos anos iniciais
 
Plano de aula: prática esquecida pelo professor?
Plano de aula: prática esquecida pelo professor?Plano de aula: prática esquecida pelo professor?
Plano de aula: prática esquecida pelo professor?
 

Semelhante a Plano de ensino de geografia 2014

Semelhante a Plano de ensino de geografia 2014 (20)

Guia de aprendizagem 2ºbimestre copia
Guia de aprendizagem 2ºbimestre   copiaGuia de aprendizagem 2ºbimestre   copia
Guia de aprendizagem 2ºbimestre copia
 
geografia3.docx
geografia3.docxgeografia3.docx
geografia3.docx
 
saresp geografia
saresp geografiasaresp geografia
saresp geografia
 
7º ANO-corrigido - ok.doc
7º ANO-corrigido - ok.doc7º ANO-corrigido - ok.doc
7º ANO-corrigido - ok.doc
 
Planejamento 4º ano
Planejamento 4º anoPlanejamento 4º ano
Planejamento 4º ano
 
2º a.edinaldo geo-pdf
2º a.edinaldo geo-pdf2º a.edinaldo geo-pdf
2º a.edinaldo geo-pdf
 
Plano de trabalho 2017 geo
Plano de trabalho  2017  geoPlano de trabalho  2017  geo
Plano de trabalho 2017 geo
 
7º a, b.edinaldo geo-pdf
7º a, b.edinaldo geo-pdf7º a, b.edinaldo geo-pdf
7º a, b.edinaldo geo-pdf
 
9º a, b, c neide-geo
9º a, b, c neide-geo9º a, b, c neide-geo
9º a, b, c neide-geo
 
8oano-1o-semestre-2022-geografia.docx
8oano-1o-semestre-2022-geografia.docx8oano-1o-semestre-2022-geografia.docx
8oano-1o-semestre-2022-geografia.docx
 
Plano de atividade docente
Plano de atividade docentePlano de atividade docente
Plano de atividade docente
 
FEVEREIRO GEOGRAFIA REGIOES ESTADOS E CAPITAIS.pdf
FEVEREIRO GEOGRAFIA REGIOES ESTADOS E CAPITAIS.pdfFEVEREIRO GEOGRAFIA REGIOES ESTADOS E CAPITAIS.pdf
FEVEREIRO GEOGRAFIA REGIOES ESTADOS E CAPITAIS.pdf
 
Plano de reposição
Plano de reposiçãoPlano de reposição
Plano de reposição
 
Pav plano tudo
Pav plano tudoPav plano tudo
Pav plano tudo
 
Planificacao 1 ch
Planificacao 1 chPlanificacao 1 ch
Planificacao 1 ch
 
Mat Enc Hist Geog Ef
Mat Enc Hist Geog EfMat Enc Hist Geog Ef
Mat Enc Hist Geog Ef
 
Plano de aula estagio iv
Plano de aula estagio ivPlano de aula estagio iv
Plano de aula estagio iv
 
PCN 1 a 4 - História
PCN 1 a 4 -  HistóriaPCN 1 a 4 -  História
PCN 1 a 4 - História
 
Livro05 1-historia-geografia (23 fls 5 reais)
Livro05 1-historia-geografia (23 fls 5 reais)Livro05 1-historia-geografia (23 fls 5 reais)
Livro05 1-historia-geografia (23 fls 5 reais)
 
05.1 história e geografia
05.1 história e geografia05.1 história e geografia
05.1 história e geografia
 

Mais de elianegeraldo

Projeto Sala de Leitura 2016 - Escola Estadual Dr. Sylvio de Aguiar Maya
Projeto Sala de Leitura 2016 - Escola Estadual Dr. Sylvio de Aguiar MayaProjeto Sala de Leitura 2016 - Escola Estadual Dr. Sylvio de Aguiar Maya
Projeto Sala de Leitura 2016 - Escola Estadual Dr. Sylvio de Aguiar Mayaelianegeraldo
 
1.4. projeto varal literário de poesia
1.4. projeto varal literário de poesia 1.4. projeto varal literário de poesia
1.4. projeto varal literário de poesia elianegeraldo
 
1.3. projeto caixa de leituraritabroglio 2015
1.3. projeto caixa de leituraritabroglio 20151.3. projeto caixa de leituraritabroglio 2015
1.3. projeto caixa de leituraritabroglio 2015elianegeraldo
 
1.2. projeto sacola literária
1.2. projeto sacola literária1.2. projeto sacola literária
1.2. projeto sacola literáriaelianegeraldo
 
1.1. projeto produzindo histórias através da escrita e do desenh oritabroglio o
1.1. projeto produzindo histórias através da escrita e do desenh oritabroglio o1.1. projeto produzindo histórias através da escrita e do desenh oritabroglio o
1.1. projeto produzindo histórias através da escrita e do desenh oritabroglio oelianegeraldo
 
1.0. primeira parte escrita PROJETO SALA DE LEITURA 2015
1.0. primeira parte  escrita PROJETO SALA DE LEITURA 20151.0. primeira parte  escrita PROJETO SALA DE LEITURA 2015
1.0. primeira parte escrita PROJETO SALA DE LEITURA 2015elianegeraldo
 
PROJETO ESTRATÉGIAS DE LEITURA - GÊNEROS TEXTUAIS E TEXTOS LITERÁRIOS
PROJETO ESTRATÉGIAS DE LEITURA - GÊNEROS TEXTUAIS E TEXTOS LITERÁRIOSPROJETO ESTRATÉGIAS DE LEITURA - GÊNEROS TEXTUAIS E TEXTOS LITERÁRIOS
PROJETO ESTRATÉGIAS DE LEITURA - GÊNEROS TEXTUAIS E TEXTOS LITERÁRIOSelianegeraldo
 
PROJETO VIAGEM AO MUNDO ENCANTADO DA LITERATURA - 2014
PROJETO VIAGEM AO MUNDO ENCANTADO DA LITERATURA - 2014PROJETO VIAGEM AO MUNDO ENCANTADO DA LITERATURA - 2014
PROJETO VIAGEM AO MUNDO ENCANTADO DA LITERATURA - 2014elianegeraldo
 
PROJETO PUBLICIDADE LITERÁRIA - LENDO E ANUNCIANDO BOAS HISTÓRIAS
PROJETO  PUBLICIDADE LITERÁRIA - LENDO E ANUNCIANDO BOAS HISTÓRIASPROJETO  PUBLICIDADE LITERÁRIA - LENDO E ANUNCIANDO BOAS HISTÓRIAS
PROJETO PUBLICIDADE LITERÁRIA - LENDO E ANUNCIANDO BOAS HISTÓRIASelianegeraldo
 
PROJETO DIÁRIO DE LEITURA: INSTRUMENTO DIDÁTICO PARA FORMAÇÃO DO ALUNO LEITOR
PROJETO DIÁRIO DE LEITURA: INSTRUMENTO DIDÁTICO PARA FORMAÇÃO DO ALUNO LEITOR PROJETO DIÁRIO DE LEITURA: INSTRUMENTO DIDÁTICO PARA FORMAÇÃO DO ALUNO LEITOR
PROJETO DIÁRIO DE LEITURA: INSTRUMENTO DIDÁTICO PARA FORMAÇÃO DO ALUNO LEITOR elianegeraldo
 
PROJETO DESIGN DE OBJETOS - CADEIRAS
PROJETO DESIGN DE OBJETOS - CADEIRASPROJETO DESIGN DE OBJETOS - CADEIRAS
PROJETO DESIGN DE OBJETOS - CADEIRASelianegeraldo
 
PROJETO PINTURAS EM CAIXAS DE OVOS - A ARTE ALIADA A RECICLAGEM
PROJETO PINTURAS EM CAIXAS DE OVOS - A ARTE ALIADA A RECICLAGEMPROJETO PINTURAS EM CAIXAS DE OVOS - A ARTE ALIADA A RECICLAGEM
PROJETO PINTURAS EM CAIXAS DE OVOS - A ARTE ALIADA A RECICLAGEMelianegeraldo
 
PROJETO ANÚNCIOS PUBLICITÁRIOS E LITERATURA - CONTANDO BOAS HISTÓRIAS
PROJETO ANÚNCIOS PUBLICITÁRIOS E LITERATURA - CONTANDO BOAS HISTÓRIASPROJETO ANÚNCIOS PUBLICITÁRIOS E LITERATURA - CONTANDO BOAS HISTÓRIAS
PROJETO ANÚNCIOS PUBLICITÁRIOS E LITERATURA - CONTANDO BOAS HISTÓRIASelianegeraldo
 
PROJETO SALA DE LEITURA 2014 - E. E. DR. SYLVIO DE AGUIAR MAYA
PROJETO SALA DE LEITURA 2014 - E. E. DR. SYLVIO DE AGUIAR MAYAPROJETO SALA DE LEITURA 2014 - E. E. DR. SYLVIO DE AGUIAR MAYA
PROJETO SALA DE LEITURA 2014 - E. E. DR. SYLVIO DE AGUIAR MAYAelianegeraldo
 
Projeto sala de leitura 2014 eliane aparecida geraldo
Projeto sala de leitura 2014 eliane aparecida geraldoProjeto sala de leitura 2014 eliane aparecida geraldo
Projeto sala de leitura 2014 eliane aparecida geraldoelianegeraldo
 
Projeto Voto Consciente e Cidadania - Eleições na Escola
Projeto Voto Consciente e Cidadania - Eleições na EscolaProjeto Voto Consciente e Cidadania - Eleições na Escola
Projeto Voto Consciente e Cidadania - Eleições na Escolaelianegeraldo
 
Trabalho de portugues - O CORTIÇO
Trabalho de portugues - O CORTIÇOTrabalho de portugues - O CORTIÇO
Trabalho de portugues - O CORTIÇOelianegeraldo
 
Trabalho sargento de milicias
Trabalho sargento de miliciasTrabalho sargento de milicias
Trabalho sargento de miliciaselianegeraldo
 
Trabalho memórias de um sargento de milícias pamela 3 d e luana 3c
Trabalho memórias de um sargento de milícias pamela 3 d e luana 3cTrabalho memórias de um sargento de milícias pamela 3 d e luana 3c
Trabalho memórias de um sargento de milícias pamela 3 d e luana 3celianegeraldo
 

Mais de elianegeraldo (20)

Projeto Sala de Leitura 2016 - Escola Estadual Dr. Sylvio de Aguiar Maya
Projeto Sala de Leitura 2016 - Escola Estadual Dr. Sylvio de Aguiar MayaProjeto Sala de Leitura 2016 - Escola Estadual Dr. Sylvio de Aguiar Maya
Projeto Sala de Leitura 2016 - Escola Estadual Dr. Sylvio de Aguiar Maya
 
1.4. projeto varal literário de poesia
1.4. projeto varal literário de poesia 1.4. projeto varal literário de poesia
1.4. projeto varal literário de poesia
 
1.3. projeto caixa de leituraritabroglio 2015
1.3. projeto caixa de leituraritabroglio 20151.3. projeto caixa de leituraritabroglio 2015
1.3. projeto caixa de leituraritabroglio 2015
 
1.2. projeto sacola literária
1.2. projeto sacola literária1.2. projeto sacola literária
1.2. projeto sacola literária
 
1.1. projeto produzindo histórias através da escrita e do desenh oritabroglio o
1.1. projeto produzindo histórias através da escrita e do desenh oritabroglio o1.1. projeto produzindo histórias através da escrita e do desenh oritabroglio o
1.1. projeto produzindo histórias através da escrita e do desenh oritabroglio o
 
1.0. primeira parte escrita PROJETO SALA DE LEITURA 2015
1.0. primeira parte  escrita PROJETO SALA DE LEITURA 20151.0. primeira parte  escrita PROJETO SALA DE LEITURA 2015
1.0. primeira parte escrita PROJETO SALA DE LEITURA 2015
 
PROJETO ESTRATÉGIAS DE LEITURA - GÊNEROS TEXTUAIS E TEXTOS LITERÁRIOS
PROJETO ESTRATÉGIAS DE LEITURA - GÊNEROS TEXTUAIS E TEXTOS LITERÁRIOSPROJETO ESTRATÉGIAS DE LEITURA - GÊNEROS TEXTUAIS E TEXTOS LITERÁRIOS
PROJETO ESTRATÉGIAS DE LEITURA - GÊNEROS TEXTUAIS E TEXTOS LITERÁRIOS
 
PROJETO VIAGEM AO MUNDO ENCANTADO DA LITERATURA - 2014
PROJETO VIAGEM AO MUNDO ENCANTADO DA LITERATURA - 2014PROJETO VIAGEM AO MUNDO ENCANTADO DA LITERATURA - 2014
PROJETO VIAGEM AO MUNDO ENCANTADO DA LITERATURA - 2014
 
PROJETO PUBLICIDADE LITERÁRIA - LENDO E ANUNCIANDO BOAS HISTÓRIAS
PROJETO  PUBLICIDADE LITERÁRIA - LENDO E ANUNCIANDO BOAS HISTÓRIASPROJETO  PUBLICIDADE LITERÁRIA - LENDO E ANUNCIANDO BOAS HISTÓRIAS
PROJETO PUBLICIDADE LITERÁRIA - LENDO E ANUNCIANDO BOAS HISTÓRIAS
 
PROJETO DIÁRIO DE LEITURA: INSTRUMENTO DIDÁTICO PARA FORMAÇÃO DO ALUNO LEITOR
PROJETO DIÁRIO DE LEITURA: INSTRUMENTO DIDÁTICO PARA FORMAÇÃO DO ALUNO LEITOR PROJETO DIÁRIO DE LEITURA: INSTRUMENTO DIDÁTICO PARA FORMAÇÃO DO ALUNO LEITOR
PROJETO DIÁRIO DE LEITURA: INSTRUMENTO DIDÁTICO PARA FORMAÇÃO DO ALUNO LEITOR
 
PROJETO DESIGN DE OBJETOS - CADEIRAS
PROJETO DESIGN DE OBJETOS - CADEIRASPROJETO DESIGN DE OBJETOS - CADEIRAS
PROJETO DESIGN DE OBJETOS - CADEIRAS
 
PROJETO PINTURAS EM CAIXAS DE OVOS - A ARTE ALIADA A RECICLAGEM
PROJETO PINTURAS EM CAIXAS DE OVOS - A ARTE ALIADA A RECICLAGEMPROJETO PINTURAS EM CAIXAS DE OVOS - A ARTE ALIADA A RECICLAGEM
PROJETO PINTURAS EM CAIXAS DE OVOS - A ARTE ALIADA A RECICLAGEM
 
PROJETO ANÚNCIOS PUBLICITÁRIOS E LITERATURA - CONTANDO BOAS HISTÓRIAS
PROJETO ANÚNCIOS PUBLICITÁRIOS E LITERATURA - CONTANDO BOAS HISTÓRIASPROJETO ANÚNCIOS PUBLICITÁRIOS E LITERATURA - CONTANDO BOAS HISTÓRIAS
PROJETO ANÚNCIOS PUBLICITÁRIOS E LITERATURA - CONTANDO BOAS HISTÓRIAS
 
PROJETO SALA DE LEITURA 2014 - E. E. DR. SYLVIO DE AGUIAR MAYA
PROJETO SALA DE LEITURA 2014 - E. E. DR. SYLVIO DE AGUIAR MAYAPROJETO SALA DE LEITURA 2014 - E. E. DR. SYLVIO DE AGUIAR MAYA
PROJETO SALA DE LEITURA 2014 - E. E. DR. SYLVIO DE AGUIAR MAYA
 
Projeto sala de leitura 2014 eliane aparecida geraldo
Projeto sala de leitura 2014 eliane aparecida geraldoProjeto sala de leitura 2014 eliane aparecida geraldo
Projeto sala de leitura 2014 eliane aparecida geraldo
 
Projeto Voto Consciente e Cidadania - Eleições na Escola
Projeto Voto Consciente e Cidadania - Eleições na EscolaProjeto Voto Consciente e Cidadania - Eleições na Escola
Projeto Voto Consciente e Cidadania - Eleições na Escola
 
Trabalho de portugues - O CORTIÇO
Trabalho de portugues - O CORTIÇOTrabalho de portugues - O CORTIÇO
Trabalho de portugues - O CORTIÇO
 
Apresentacao1
Apresentacao1Apresentacao1
Apresentacao1
 
Trabalho sargento de milicias
Trabalho sargento de miliciasTrabalho sargento de milicias
Trabalho sargento de milicias
 
Trabalho memórias de um sargento de milícias pamela 3 d e luana 3c
Trabalho memórias de um sargento de milícias pamela 3 d e luana 3cTrabalho memórias de um sargento de milícias pamela 3 d e luana 3c
Trabalho memórias de um sargento de milícias pamela 3 d e luana 3c
 

Último

EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxEBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxIlda Bicacro
 
O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaHenrique Santos
 
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na Áfricajuekfuek
 
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfUFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfManuais Formação
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxKeslleyAFerreira
 
Testes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdfTestes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdfCsarBaltazar1
 
Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosFernanda Ledesma
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfKelly Mendes
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"Ilda Bicacro
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...azulassessoria9
 
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxSlides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docxSílvia Carneiro
 
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...marioeugenio8
 
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresModelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresAna Isabel Correia
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfAndersonW5
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...Eró Cunha
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMary Alvarenga
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxprofbrunogeo95
 
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdfApostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdflbgsouza
 

Último (20)

EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxEBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
 
O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de Infância
 
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
 
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfUFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
 
Testes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdfTestes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdf
 
Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativos
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
 
Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxSlides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
 
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
 
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
 
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresModelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
 
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdfApostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
 

Plano de ensino de geografia 2014

  • 1. PLANO DE ENSINO DE GEOGRAFIA ESCOLA: E E DR SYLVIO DE AGUIAR MAYA PROFESSORA: ELIANE APARECIDA GERALDO
  • 2. PLANO DE ENSINO DE GEOGRAFIA ENSINO FUNDAMENTAL 7° ANO
  • 3. PLANO DE ENSINO DE GEOGRAFIA - 7º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL - 1° BIMESTRE CONTEÚDOS E TEMAS COMPETÊNCIAS E HABILIDADES 1. FRONTEIRAS DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL. - Reconhecer informações geográficas em mapas de diferentes escalas; - Transpor essas informações de uma escala para outra; - Aplicar o conceito de território em diferentes situações. - Apresentação de vídeos; - Aulas dialogadas; - Discussão em grupos. - Vídeo; - Mapas; - Roteiro de questões - Aplicar conhecimentos geográficos na explicação de acontecimentos do dia-a-dia; - Ler e interpretar diagramas e mapas. - Leitura e interpretação de mapas e modelos gráficos; - Aulas dialogadas; - Exercícios. - Dados do grupo - Internet. - Limites e fronteiras ; - Unidades federadas; - Municípios. 2. FRONTEIRAS PERMEAVEIS. - Zona de fronteira; - Fronteira permeável; - Interações econômicas. 3. ESTUDO DA FORMAÇÃO TERRITORIAL DO BRASIL POR MEIO DE MAPAS. - Cartografia da formação territorial do Brasil; - Fronteiras políticas e limites (definição, delimitação e demarcação). - Explicar a formação territorial do Brasil a partir da partir da análise de um conjunto de dados cartográficos - Exercitar a imaginação, colocandose no tempo e no espaço de textos narrativos. ESTRATÉGIAS - Leitura e interpretação de mapas síntese do processo de consolidação das fronteiras políticas do Brasil; - Aulas dialogadas; - Leitura; - Interpretação e comparação entre diferentes formas de representação cartográfica RECURSOS - Mapas do acervo histórico da Biblioteca Nacional (pesquisa). AVALIAÇÃO - Será um processo contínuo de participação e compreensão do aluno, com atividade em classe, extraclasse e avaliação bimestral
  • 4. 4. ESTUDO DA FORMAÇÃO TERRITORIAL DO BRASIL POR MEIO DA LITERATURA: O CONTEXTO CULTURAL. - Transpor conhecimentos geográficos entre diferentes formas de linguagem. - Dimensão cultural das fronteiras políticas; - Rio Grande do Sul; - Gaúchos da fronteiras CONTEÚDO CURRICULAR - Leitura, interpretação e comparação de mapas; - Leitura, interpretação e comparação de trechos da literatura regionalista; - Aulas dialogadas e redação de narrativa. - Mapas; - Trechos de obras romanescas gaúchas. HABILIDADES - SARESP O território brasileiro H13 - Diferenciar e aplicar conceitos de limite e fronteira. (GIII) - A formação territorial do Brasil. H33 - Identificar a partir da leitura de - Limites e fronteiras. textos e mapas, o processo de formação - A federação brasileira. territorial e/ou - Organização política e o estabelecimento das fronteiras administrativa. nacionais. (GI) H34 - Identificar em registros histórico-geográficos as diferentes formas de organização políticoadministrativa do Brasil. (GI) PLANO DE ENSINO DE GEOGRAFIA – 7º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL - 2º BIMESTRE CONTEÚDOS E TEMAS COMPETÊNCIAS E HABILIDADES ESTRATÉGIAS RECURSOS AVALIAÇÃO
  • 5. - Extrair e analisar informações a 1 – AGRUPAMENTO REGIONAL DAS UNIDADES partir de mapas e gráficos; - Elaborar e interpretar mapas FEDERADAS. temáticos. - Critérios de divisão regional. - Elaboração e interpretação de mapas temáticos de indicadores sociais das unidades federadas; - Aulas dialogadas; - Leitura, interpretação entre diferentes formas de representação cartográfica. - Dados da pesquisa nacional por amostra de domicílios. 2 – REGIONALIZAÇÃO NO - Contextualizar as diferentes propostas de regionalização do TEMPO E NO ESPAÇO. Brasil, inferindo e julgando pontos de - Regionalização do território vista de interesse geográfico. brasileiro. - Comparação de mapas temáticos com divisão regional de diferentes épocas; - Aulas dialogadas; - Leitura, - Interpretação e comparação entre diferentes formas de representação cartográfica. - Mapas; - Sites. 3 – OUTRAS FORMAS DE REGIONALIZAÇÃO. - Analisar as transformações provocadas pela revolução técnicocientífico no processo de regionalização do país, analisando e interpretando informações extraídas de mapas e gráficos. - Comparação de mapas temáticos de indicadores sociais das unidades federadas; - Aulas dialogadas; - Redação de narrativas. - Mapas temáticos; - Textos para leitura. - Problematizar o arranjo do Brasil, compreendendo contextos regionais representados em diferentes linguagens. - Observação e análise de vídeo; - Vídeo; - Aulas dialogadas; - Música. - Aplicação de conhecimentos anteriores na interpretação. - Complexos regionais. 4 – VISÃO REGINAL. - Região Nordeste. - - Será um processo contínuo de participação e compreensão do aluno, com atividade em classe, extra-classe e avaliação bimestral
  • 6. Conteúdo Curricular Habilidades – SARESP A regionalização do território brasileiro H11 - Agrupar os estados brasileiros a partir da comparação de seus indicadores socioeconômicos. (GI) - Critérios de divisão regional. - As regiões do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), os complexos regionais e a região concentrada. H12 - partir de dados expressos em tabelas e gráficos cartesianos, comparar indicadores socioeconômicos dos estados brasileiros. (GII) PLANO DE ENSINO DE GEOGRAFIA CONTEÚDOS E TEMAS – COMPETÊNCIAS E HGABILIDADES 7º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL - 3º BIMESTRE ESTRATÉGIAS RECURSOS AVALIAÇÃO
  • 7. 1 – As grandes paisagens naturais brasileiras. - Biomas brasileiros; - Domínios morfoclimáticos do Brasil. 2 – As florestas brasileiras. - Mata Atlântica; - Floresta Amazônica. - Comparar diferentes formas de representar as paisagens naturais; - Identificar as principais características dessas paisagens. - Aulas dialogadas; - Exercícios de interpretação de mapas; - Produção de uma exposição de trabalhos realizados em grupos. - Reconhecer os vetores de degradação - Aulas dialogadas; do patrimônio ambiental brasileiro, em - Exercícios de interpretação de espacial dos ecossistemas florestados. fotografia, de textos e de mapas; - Discussão de vídeo. 3 – Os cerrados do Brasil Central. - Uso de recortes de jornais e revistas; - Fotografias. - Textos; - Mapas; - Fotografia; - Vídeos. - Reconhecer os vetores de degradação - Aulas dialogadas; do patrimônio ambiental brasileiro, em - Exercícios de interpretação de especial dos cerrados; textos, fotografias e mapas. - Os cerrados do Brasil Central. - Comparar propostas de soluções para problemas de natureza socioambiental, respeitando valores humanos e a diversidade sociocultural; - Perceber-se integrante, dependente e agente transformador do ambiente. - Textos; - Mapas; - Fotografias. 4 – O Sistema Nacional de Unidades de Conservação. - Mapas; - Tabela; - Fotografias; - Material de pesquisa. - O Sistema Nacional de Unidades de Conservação - Identificar os processos de formação das instituições sociais e políticas que regulamentam a sociedade e o espaço geográfico brasileiro. - Aulas dialogadas; - Leitura de entrevistas; - Exercícios de interpretação de mapas, de tabelas e de fotografias; - Pesquisa. -- Será um processo contínuo de participação e compreensão do aluno, com atividade em classe, extra-classe e avaliação bimestral.
  • 8. (SNUC); - A gestão do Parque Estadual da Serra do Mar, em São Paulo. CONTEÍDO CURRICULAR HABILIDADES- SARESP Domínios naturais do Brasil - Biomas e domínios morfoclimáticos do Brasil. -O patrimônio ambiental e a sua conservação - Políticas ambientais no Brasil. - O Sistema Nacional de Unidades de Conservação (SNUC). H15 - Identificar e descrever os diferentes usos dos recursos naturais realizados pela sociedade. (GI) H16 - Caracterizar, por meio de mapas, a diversidade morfoclimática do território brasileiro, identificando fatores que colocam em risco a sua preservação e/ou a importância destas na distribuição dos recursos naturais. (GII) H17 - Aplicar o conceito/noção de região na identificação e compreensão dos biomas brasileiros. (GIII) H18 - Reconhecer as generalidades e singularidades que caracterizam os biomas brasileiros, considerando os impactos oriundos das diferentes formas de intervenção humana em diferentes épocas. (GI)
  • 9. H19 - Avaliar por meio de diferentes iconografias ou textos, formas de propagação de hábitos que induzam ao consumo e ao consumismo. (GIII) H20 - Identificar as características ambientais dos principais patrimônios geoecológicos nacionais e/ou os processos de formação das instituições sociais e políticas que regulamentam o patrimônio ambiental brasileiro. (GIII) PLANO DE ENSINO DE GEOGRAFIA CONTEÚDOS E TEMAS – COMPETÊNCIAS E HABILIDADES 7º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL - 4º BIMESTRE ESTRATÉGIAS RECURSOS AVALIAÇÃO
  • 10. 1 – O Brasil dos imigrantes. - A população brasileira e os fluxos migratórios. 2 – As diferenciações nos território. - A revolução de informação; - A rede de cidades. - Estabelecer relações entre diferentes informações geográficas expressas em diversas linguagens; - Descrever aspectos da população brasileira utilizando informações extraídas de mapas; - Explicar a mobilidade populacional a partir de sua própria experiência de vida. - Elaboração e interpretação de mapas de percurso; - Aulas dialogadas; - Leitura, interpretação e comparação de diferentes formas de representação cartográfica. - Mapas temáticos e textos narrativos. - Construir e interpretar mapas e modelos; - Comparar informações geográficas expressas em diferentes linguagens. - Comparação de mapas temáticos; - Aulas dialogadas; - Leitura, elaboração e comparação de diferentes formas de representação cartográfica. - Mapas; - Modelos. - Comparação e elaboração de mapas temáticos de indicadores sociais das unidades federadas; - Aulas dialogadas; - Trabalho em grupo. - Mapas temáticos; - Tabelas de dados estatísticos. 3 – A distribuição da atividade industrial no Brasil. - Explicar a diferencialidade espacial a partir da análise da distribuição - Concentração e territorial da atividade industrial; descentralização do espaço - Construir e interpretar cronogramas. industrial. 4 – Perspectivas do espaço agrário brasileiro. - O espaço agrário e a questão da terra no Brasil - Inferir e julgar opiniões e pontos de Análise de dados estatísticos e - Mapas vista; mapas temáticos; temáticos; - Aplicar conhecimentos geográficos na - Aulas dialogadas; - Textos. compreensão de diferentes atores - Aplicação de conhecimentos à sociais. interpretação de textos - Será um processo contínuo de participação e compreensão do aluno, com atividade em classe, extra-classe e avaliação bimestral -
  • 11. narrativos. CONTEÚDO CURRICULAR Brasil: população e economia HABILIDADES - SARESP H14 - Com base em dados expressos em mapas e gráficos, identificar os - A população e os fluxos principais fluxos econômicos do Brasil migratórios. com os demais países do mundo. (GI) - A revolução da informação e a H35 - Identificar as principais rede de cidades influências socioculturais resultantes - O espaço industrial. das etnias que compõem a matriz étnica - Concentração e brasileira. (GI) descentralização. H36 - Interpretar por meio de - O espaço agrário e a questão iconografias ou textos, o processo de da terra. formação da sociedade brasileira e/ou as diferentes formas de ocupação do território. (GII) H37 - A partir da leitura de tabelas e gráficos identificar faixas de crescimento e/ou distribuição por gênero da população brasileira. (GI) H38 - Identificar por meio de textos ou iconografias elementos constituintes e/ou representativos da paisagem rural e urbana. (GI)
  • 12. PLANO DE ENSINO DE GEOGRAFIA ENSINO FUNDAMENTAL 8° ano PLANO DE ENSINO DE GEOGRAFIA CONTEÚDOS E TEMAS – COMPETÊNCIAS E HABILIDADES 8º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL - 1º BIMESTRE ESTRATÉGIAS RECURSOS AVALIAÇÃO
  • 13. 1 – O MEIO NATRUAL: O CONTEXTO DO SENHOR DS VENTOS. - Representação cartográfica; - Visão de mundo e suas tecnologias. 2 – O MEIO TÉCNICO: A FORÇA DAS MÁQUINAS NA PRODUÇÃO E NA CIRCULAÇÃO. - Compreender processos sociais utilizando conhecimentos históricos e geográficos; - Identificar representações do espaço geográfico em textos científicos, imagens, fotos, gráficos etc. - Leitura e interpretação de - Imagens mapas medievais e portulanos digitais, (cartas náuticas textos e mapas. antigas); - Aulas dialogadas, leitura, e interpretação e comparação entre diferentes formas de representação cartográfica. - Compreender o processo histórico de ocupação dos territórios; - Interpretar a formação e organização do espaço geográfico, considerando diferentes escalas. - Leitura e interpretação de textos e mapas; - Trabalhos em grupos. - Textos; - Imagens; - Mapa mudo. - Analisar criticamente as implicações sociais e ambientais do uso das tecnologias em diferentes contextos histórico-geográficos; - caracterizar formas de circulação de informação, capitais, mercadorias, e serviços no tempo e no espaço - Aulas dialogadas; - Leitura e interpretação de textos e mapas; - Trabalhos em grupos. - Mapas; - Textos. - Comparar propostas e ações das - Aulas dialogadas; - Vídeos. - Será um processo contínuo de participação e compreensão do aluno, com atividade em classe, extra-classe e avaliação bimestral - O meio técnico; - A indústria; - A ferrovia. 3 – O MEIO TÉCNICOCIENTIFICO E A INCLUSÃO NO MUNDO DIGITAL. - O meio técnico-científicoinformacional; - ciberespaço; - globalização. 4 – ANÁLISE CRÍTICA DO -
  • 14. PROCESSO DE COMUNICAÇÃO. - Desigualdades internacionais no processo de globalização. instituições sociais e políticas, no enfrentamento de problemas de ordem econômico-social; - Interpretar realidades históricas e geográficas estabelecendo relações entre diferentes fatos e processos sociais. - Trabalhos em grupos. HABILIDADES – SARESP H16 - Interpretar e comparar diferentes Representação cartográfica formas de representação cartográfica - Visão de mundo e suas dos espaços globalizados. (GI) tecnologias. H17 - Interpretar mapas e gráficos relativos aos Índices de Globalização em três tempos Desenvolvimento Humano. (GII) - O meio técnico e o H18 - Identificar relações de encurtamento das distâncias. interdependência entre diferente redes - O meio técnico-científicoilegais. (GIII) informacional e a globalização. H19 - Interpretar mapas temáticos, - O processo de globalização e tabelas ou gráficos relativos às questões as desigualdades energéticas em diferentes escalas. (GI) internacionais. H20 - Identificar por meio de gráficos ou mapas a distribuição e apropriação desigual dos recursos naturais. (GI) CONTEÚDO CURRICULAR PLANO DE ENSINO DE GEOGRAFIA CONTEÚDOS E TEMAS – COMPETÊNCIAS E HABILIDADES 8º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL – 2° BIMESTRE ESTRATÉGIAS RECURSOS AVALIAÇÃO
  • 15. 1 – AS FONTES E AS FORMAS D ENERGIA: A FONTE ENERGÉTICA DA VIDA. - Explicar transformações ambientais;e ciclos da natureza; - Analisar e interpretar informações geográficas expressas de diversas maneiras. - Elaboração de mapas temáticos - Textos; e gráficos; - Internet; - Aulas dialogadas; - Lousa. - Leitura de diferentes formas de representação cartográfica. - Analisar e interpretar informações geográficas a partir da elaboração de gráficos e mapas temáticos. - Elaboração de mapas temáticos e gráficos; - Aulas dialogadas; - Leitura de diferentes formas de representação cartográfica. Representações gráficas; - Lousa; - Textos. - Problematizar a questão energética, estabelecendo relações entre dados e informações geográficas expressas de diferentes maneiras. - Elaboração de mapas temáticos e gráficos; - Aulas dialogadas; - Leitura de diferentes formas de representação cartográfica. - Mapas; - Lousa; - Ilustrações; - Gráficos. - Aplicar conhecimentos para posicionar-se diante de dados e informações geográficas a respeito da matriz energética brasileira, utilizando-se de diferentes linguagens. - Elaboração de mapas temáticos e gráficos; - Aulas dialogadas; - Leitura de diferentes formas de representação cartográfica. - Mapas; - Gráficos; - Dados coletados em páginas da internet. - As fontes e as formas de energia. 2 – MATRIZES ENERGÉTICAS: DA LENHA AO ÁTOMO. - Matrizes energéticas. 3 – PERSPECTIVAS ENERGÉTICAS: POTENCIAL E LIMITAÇÕES DE ENERGIA RENOVÁVEIS. - Perspectivas energéticas. 4 – A MATRIZ ENERGÉTICA BRASILEIRA. - Matriz energética; - Fontes energéticas alternativas. - Será um processo contínuo de participação e compreensão do aluno, com atividade em classe, extra-classe e avaliação bimestral
  • 16. CONTEÚDO CURRICULAR Produção e consumo de energia HABILIDADES – SARESP H5 - Identificar e analisar dados em tabelas, gráficos e mapas relativos ao uso, forma ou consequência ambiental da atividade energética global. (GI) - As fontes e as formas de energia. - Matrizes energéticas. - Da lenha ao átomo. H6 - Extrair informações em - Perspectivas energéticas. diferentes fontes, para exemplificar e - A matriz energética mundial. explicar formas de utilização e/ou - A matriz energética brasileira. consequências do uso indiscriminado das distintas fontes de energia. (GII)
  • 17. PLANO DE ENSINO DE GEOGRAFIA CONTEÚDOS E TEMAS 1 – A apropriação desigual dos recursos naturais. - Reservas minerais; - Recursos minerais; - Jazidas minerais; - Minério; - Lavra; - Mina; - Recursos naturais não renováveis; - Resíduos sólidos; - Reciclagem. 2 – Desmatamento, poluição dos rios e da atmosfera. – 8º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL -3°BIMESTRE COMPETÊNCIAS E HABULIDADES - Identificar recursos minerais utilizados no cotidiano; - Diferenciar recursos renováveis de não renováveis; - Aplicar conceitos relativos à Geologia; - Propor formas de intervenção solidária no ambiente escolar relativas à coleta e ao envio de produtos descartáveis para a reciclagem. - Identificar as formas de poluição ambiental em diferentes ambientes; - Caracterizar as causas e conseqüências do desmatamento; ESTRATÉGIAS RECURSOS - Aulas expositivas; - Trabalho em grupo; - Observação de campo; - Exercícios individuais. - Ficha de observação; - Ilustrações; - Mapas e gráficos. - Aulas expositivas; - Trabalhos individuais e em - Mapas; - Gráficos. AVALIAÇÃO - Será um processo contínuo de participação e compreensão do aluno, com atividade em classe, extra-classe e avaliação bimestral
  • 18. - Poluição ambiental; - Desmatamento; - Crise na disponibilidade de água; - Efeito estufa. - Analisar o impacto da expansão dos grupo. meios de transporte em áreas florestadas; - Posicionar-se diante de argumentos sobre a implantação ou não de rodovias na região Centro-Oeste; - Analisar os impactos causados pelas atividades humanas que contribuem para a escassez hídrica; - Analisar questões naturais relativas à distribuição dos recursos hídricos; - Identificar elementos naturais e sociais responsáveis pelo aumento do efeito estufa: - Analisar as conseqüências climáticas relativas à intensificação do efeito estufa. 3 – Do clube de Roma ao desenvolvimento sustentável. - Compreender as formas multilaterais de regulamentação das sociedades e do espaço geográfico; - Conferências internacionais - Comparar propostas de soluções para sobre a problemas de natureza socioambiental; questão ambiental; - Identificar modelos de produção e - Desenvolvimento sustentável. consumo que induzam a sistemas produtivos predatórios ao ambiente e à sociedade. - Aulas expositivas; - Análise de mapas e documentos. - Mapas; - Textos teóricos. 4 – Alterações climáticas e desenvolvimento: Análise de relatório de desenvolvimento humano. - Aulas expositivas; - Análise de textos; - Textos teóricos; - Gráficos; - Mapas. - Comparar diferentes modos de vida; - Analisar criticamente as implicações ambientais do uso das tecnologias;
  • 19. - A “pegada do carbono”; - As responsabilidades sobre a alteração climática global. CONTEÚDO CURRICULAR A crise ambiental - A apropriação desigual dos recursos naturais. - Poluição ambiental e efeito estufa. - Do Clube de Roma ao desenvolvimento sustentável. - Alterações climáticas e desenvolvimento. - Consumo sustentável. - Identificar aspectos da realidade socioambiental em suas diversas escalas, a partir de indicadores graficamente representados. HABILIDADES - SARESP H7 - Identificar a presença de recursos naturais na organização do espaço geográfico, relacionando transformações naturais e intervenção humana. (GIII) H8 - Identificar o grau de vulnerabilidade de diferentes áreas do planeta aos impactos ambientais decorrentes da ação antrópica. (GI) H9 - Compreender o significado e a importância da água para a sociedade, sabendo qualificar diferentes formas de uso resultantes da intervenção humana. (GII) H10 - Identificar e caracterizar elementos responsáveis pela poluição atmosférica. (GI) - Gráficos; - Mapas.
  • 20. H11 - Comparar documentos e/ou ações propostas por diferentes instituições sociais e políticas para o enfrentamento de problemas de caráter ambiental. (GII) H12 - Analisar criticamente implicações socioambientais resultantes das formas predatórias de utilização dos recursos naturais. (GIII) H13 - Analisar, de forma qualitativa, situações-problema referentes à poluição atmosférica, reconhecendo suas transformações e/ou efeitos ambientais. (GIII) H14 - Analisar situações-problema representativas da propagação de hábitos de consumo que induzam ao consumismo.(GIII) H15 - Analisar as implicações sociais decorrentes das atividades turísticas com relação à sua participação econômica e/ou às técnicas de preservação ambiental em diferentes partes do mundo. (GIII)
  • 21. PLANO DE ENSINO DE GEOGRAFIA CONTEÚDOS E TEMAS – COMPETÊNCIAS E HABILIDADES 1 – Peru e México: a herança - Identificar elementos pré-colombiana. representativos da herança pré- A arquitetura inca e maias; colombiana no Peru e no México. - As tradições agrícolas; - As cidades pré-colombianas. 2 – Brasil e Argentina: As correntes de povoamento. - Densidades demográficas; - Vetores de povoamento, do território na Argentina e no Brasil. 3 – Colômbia e Venezuela: entre os Andes e o Caribe. 8º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL -4°BIMESTRE ESTRATÉGIAS - Leitura e interpretação de mapas e fotografias ; - Aulas dialogadas; - Leitura, interpretação e comparação entre diferentes formas de representação cartográfica. RECURSOS - Imagens digitais; - Tabelas; - Mapas; - Filme. - Diferenciar correntes de povoamento, - Leitura e interpretação de tabelas - Mapas; relacionando-as com a formação e mapas; - Textos; socioespacial. - Produção de mapa. - Fotografia. - Estabelecer semelhanças e - Aulas dialogadas; - Mapas; AVALIAÇÃO - Será um processo contínuo de participação e compreensão do aluno, com atividade em classe, extra-classe e avaliação bimestral
  • 22. - Processo de apropriação e valorização territorial na Colômbia na Colômbia e no Caribe. 4 – Haiti e Cuba: As revoluções. - Processo de independência; - Características da revolução; - Conquistas e problemas sociais e políticos. diferenças socioculturais; - Leitura e interpretação de mapas. - Fotos. - Caracterizar processos de apropriação e valorização territorial. - Analisar histórica e geograficamente processo de formação política e econômica; - Comparar informações de interesse geográfico, interpretando diversos indicadores sociais e econômicos. CONTEÚDO CURRICULAR HABILIDADES - SARESP Geografia comparada da América: H21 - Identificar na América elementos histórico-geográficos representativos de heranças précolombianas. (GI) - Peru e México. - A herança pré-colombiana. - Brasil e Argentina. - As correntes de povoamento. - Colômbia e Venezuela. - Entre os Andes e o Caribe. - Haiti e Cuba. - As revoluções. H22 - Comparar a formação territorial de países latino-americanos levando em consideração a influência colonial. (GII) H23 - Estabelecer semelhanças e diferenças socioculturais entre as correntes de povoamento sulamericanas. (GIII) H24 - Diferenciar as correntes de - Aulas dialogadas; - Trabalhos individuais e em grupo. - Tabelas de dados; - Textos; Representações gráfica.
  • 23. povoamento responsáveis pela formação territorial da Argentina e do Brasil.(GII) H25 -Na América do Sul, caracteriza e/ou distinguir os processos de povoamento e ocupação da região andina H26 - Analisar geograficamente os processos de formação política e/ou econômica de Cuba e do Haiti estabelecendo relações destes com a situação atual dos dois países. (GIII) o Caribe. (GIII) TEMAS TRANSVERSAIS Os temas transversais dizem respeito a conteúdos de caráter social, que devem ser incluídos no currículo do ensino fundamental, de forma “transversal”, ou seja: não como uma área de conhecimento específica, mas como conteúdo a ser ministrado no interior das várias áreas estabelecidas. no decorrer do ano letivo . Ética - É o tema transversal inserido em todas as disciplinas e que engloba todos os demais temas transversais, contribuindo para a concretização do ensino e da aprendizagem. Reflete a preocupação com a constituição de valores de cada aluno, ajudando-o a se posicionar nas relações sociais dentro da escola e da comunidade como um todo. São quatro blocos temáticos principais: respeito mútuo, justiça, diálogo e solidariedade.
  • 24. Meio Ambiente - O Meio Ambiente não se restringe ao ambiente físico e biológico, mas inclui também as relações sociais, econômicas e culturais. O objetivo é propor reflexões que levem o aluno ao enriquecimento cultural, à qualidade de vida e à preocupação com o equilíbrio ambiental. Pluralidade Cultural - Participação do homem e da mulher na vida doméstica, o papel das crianças, com ênfase no apoio mútuo e solidariedade que se constrói no cotidiano, com a divisão das responsabilidades familiares, valores de liberdade de escolha de vínculos socioafetivos, etnias e povos nativos, cultura, habitações e organizações espacial de diferentes sociedades, diferentes formas de interação com ambiente.