Riscos de Endividamento

6.385 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia, Turismo
0 comentários
7 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
6.385
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
208
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
7
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Riscos de Endividamento

  1. 1. Quais as maiores causas de endividamento?  O apelo agressivo ao consumo (compra de bens supérfluos);  Grande facilidade na obtenção de créditos;  Falta de análise sobre o orçamento familiar antes de estabelecer um contrato;  Instabilidade no emprego;  Instabilidade no mercado financeiro;  Várias ofertas disponíveis em termos de produtos;  Alteração do consumo nas famílias portuguesas.
  2. 2. Quais as consequências do endividamento?  Diminuição da poupança;  Sobrecarga laboral;  Penhora (casa, carro, etc…);  Aumento da criminalidade;  Ruptura dos laços familiares (divórcio);  Doenças do foro psicológico;  Impossibilidade de se adquirir bens essenciais (alimentação).
  3. 3. Quais são as principais causas de endividamento das famílias portuguesas ?
  4. 4. Nos dias de hoje existe um apelo agressivo ao consumismo!
  5. 5. Existe uma enorme facilidade na obtenção de crédito!
  6. 6. Uma grande parte da população portuguesa não analisa o seu orçamento familiar antes de estabelecer um contrato!
  7. 7. Cada vez existem menos empregos estáveis e mais emprego precário. A cada dia que passa existe mais uma empresa a optar pelos trabalhadores a recibos verdes…
  8. 8. O mercado financeiro está cada vez mais instável.
  9. 9. Existe maior oferta de produtos do que mercado para os vender. As empresas fecham e o desemprego aumenta ainda mais!
  10. 10. A facilidade na obtenção de produtos, levou a que as famílias portuguesas alterassem os seus hábitos de consumo.
  11. 11. Quais são as consequências do endividamento das famílias portuguesas ?
  12. 12. Diminuição das poupanças
  13. 13. Sobrecarga laboral
  14. 14. Os bens dos devedores começam a ser penhorados
  15. 15. A criminalidade começa a aumentar
  16. 16. Começam a crescer os problemas no seio familiar, que por vezes levam ao colapso da relação.
  17. 17. As doenças de foro psicológico começam a aumentar.
  18. 18. Hoje em dia, sem dinheiro não se consegue praticamente nada. Por isso, a aquisição dos bens de primeira necessidade também diminui.
  19. 19. Quem são os mais endividados?
  20. 20. Origem das dívidas
  21. 21. Que fazer para evitar o sobreendividamento? Ponderar bem antes de gastar Analisar o seu orçamento Determinar a sua capacidade de reembolso Constituir uma poupança prévia Estabelecer os seus limites Determinar o montante máximo de um empréstimo Ter em conta os custos associados à compra

×