Independência da América Latina: Haiti, colônias espanholas e portuguesa

1.094 visualizações

Publicada em

Emancipacionismo na América Latina

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.094
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
58
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Professor: tente associar os movimentos de independência dos países latino-americanos não só com a chegada das teorias iluministas, mas também com as possibilidades advindas com a derrubada das monarquias europeias por Napoleão.
  • Professor: a escala original desse mapa se encontra no módulo. Utilize o mapa animado para a descrição dos processos revolucionários de cada um dos países latino-americanos.
  • Explicar que Fernando VII foi deposto do trono espanhol pelas tropas de Napoleão. Sobre as contradições do sistema colonial podemos afirmar que apesar de colônia sofrer exploração econômica da metrópole, ao mesmo tempo, ela se desenvolvia e a produção era estimulada.
  • Explicar que em 1808 a porção oriental da ilha de Hispaniola foi libertada do domínio haitiano e em 1814 foi retomada pela Espanha. Em 1844 nasceu a República Dominicana.
  • Independência da América Latina: Haiti, colônias espanholas e portuguesa

    1. 1. CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS HISTÓRIA www.sejaetico.com.br Próximo REVOLUÇÕES BURGUESAS E RUPTURAS COLONIAIS Caderno 6 » Capítulo 3
    2. 2. CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS www.sejaetico.com.br Próximo Américas independentes Caderno 6 » Capítulo 3
    3. 3. Índice Início Voltar Próximo HISTÓRIA » CADERNO 6 » CAPÍTULO 3 Clique sobre tema desejado. América espanhola no século XVIII Causas da independência O processo de descolonização A independência da América Latina www.sejaetico.com.br 3
    4. 4. IInníícciioo Voltar Próximo HISTÓRIA » CADERNO 6 » CAPÍTULO 3 América espanhola no século XVIII www.sejaetico.com.br 4
    5. 5. IInníícciioo Voltar Próximo Independência: limites e contradições “Descolonização” liderada por setores dominantes, insatisfeitos com o sistema colonial Elite criolla Ideias iluministas Consolidação do poder da elite local na economia e na política dos novos países Liberalismo comercial Praça do mercado em Buenos Aires, na Argentina, em 1835 3 A crise do sistema colonial na América espanhola www.sejaetico.com.br 5 BIBLIOTECA NACIONAL DE BUENOS AIRES
    6. 6. IInníícciioo Voltar Próximo Uma tradição de autonomia Fins do século XVIII: ideias de liberdade e independência chegaram às colônias espanholas na América, fortalecidas pela emancipação das Treze Colônias inglesas e pela derrubada do despotismo na França. Prédio da Biblioteca Central da Universidade do México, importante centro de difusão das ideias emancipacionistas 3 A crise do sistema colonial na América espanhola www.sejaetico.com.br 6 CID
    7. 7. IInníícciioo Voltar Próximo A ruptura com a metrópole “Contágio da Revolução Francesa” 1808: Napoleão afastou os Bourbons da Espanha e entregou a Coroa a seu irmão. Autoridades na América não reconheceram a usurpação e as colônias ficaram sob as ordens dos vice-reis. 4 Os processos de independência da América Latina www.sejaetico.com.br 7
    8. 8. IInníícciioo Voltar Próximo As independências na América Latina A Batalha de Carabobo representou a vitória definitiva das forças revolucionárias contra os realistas na independência da Venezuela. Requintes de crueldade na execução de Tupac Amaru II e outros líderes indígenas, em Cuzco, Peru REPRODUÇÃO ARCHIVO ICONOGRÁFICO/ CORBIS/LATINSTOCK 4 Os processos de independência da América Latina www.sejaetico.com.br 8
    9. 9. As independências na América Latina (1804-1981) IInníícciioo Voltar Próximo Clique na imagem abaixo para ver o mapa animado. www.sejaetico.com.br 9
    10. 10. IInníícciioo Voltar Próximo HISTÓRIA » CADERNO 6 » CAPÍTULO 3 Causas da independência FERNANDO VII • O ENTRAVE ECONÔMICO REPRESENTADO PELO MONOPÓLIO COMERCIAL EXERCIDO PELAS METRÓPOLES IBÉRICAS • A DIFUSÃO DO PENSAMENTO ILUMINISTA NA AMÉRICA • O SUCESSO DA INDEPENDÊNCIA DOS ESTADOS UNIDOS • AS CONTRADIÇÕES DO SISTEMA COLONIAL. • CONFLITOS DE INTERESSES ENTRE COLÔNIA E METROPOLE • INSATISFAÇÃO DAS ELITES COLONIAIS COM A METROPOLE • CONFLITOS NA AMÉRICA ESPANHOLA ENTRE CHAPETONES E CRIOLLOS • POLÍTICA EXPANSIONISTA DE NAPOLEÃO www.sejaetico.com.br 10
    11. 11. IInníícciioo Voltar Próximo HISTÓRIA » CADERNO 6 » CAPÍTULO 3 O processo de descolonização Primeiros movimentos (1810-1816) • CRIAÇÃO DAS JUNTAS GOVERNATIVAS • FORTALECIMENTO DOS CABILDOS NA ADMINISTRAÇÃO COLONIAL • LUTA POLÍTICA ENTRE CRIOLLOS E CHAPETONES • DEPOSIÇÃO DE AUTORIDADES METROPOLITANAS • INFLUÊNCIA DO PENSAMENTO ILUMINISTA NOS MOVIMENTOS DE EMANCIPAÇÃO • INÍCIO DOS MOVIMENTOS POPULARES EMANCIPACIONISTAS •1810: ECLOSÃO DE MOVIMENTOS EMANCIPACIONISTAS NO VICE-REINO DO PRATA • 1811: NASCIMENTO DO PARAGUAI • 1816: INSTITUIÇÃO DE UM GOVERNO PROVISÓRIO NA VENEZUELA www.sejaetico.com.br 11
    12. 12. IInníícciioo Voltar Próximo HISTÓRIA » CADERNO 6 » CAPÍTULO 3 O processo de descolonização Segunda fase da descolonização (1817-1828) • 1817: FORTALECIMENTO DOS MOVIMENTOS EMANCIPACIONISTAS, PARTICIPAÇÃO DAS MASSAS POPULARES E APOIO DA INGLATERRA • 1817: INDEPENDÊNCIA DO CHILE •FRAGMENTAÇÃO DO VICE-REINO DE NOVA GRANADA E DO PERU. •CAPITANIA GERAL DA VENEZUELA: 1.COLÔMBIA 2.EQUADOR 3.PERU 4.BOLÍVIA 5.VENEZUELA. •1819: INDEPENDÊNCIA DA COLÔMBIA •1821: BOLÍVAR LIBERTOU O EQUADOR •1824: PROCLAMADA A REPÚBLICA DA BOLÍVIA •DE 1808 A 1821: PROCESSO DE INDEPENDÊNCIA DO MÉXICO www.sejaetico.com.br 12
    13. 13. IInníícciioo Voltar Próximo HISTÓRIA » CADERNO 6 » CAPÍTULO 3 O processo de descolonização SIMÓN BOLÍVAR Toussaint L’Ouverture www.sejaetico.com.br 13
    14. 14. IInníícciioo Voltar Próximo HISTÓRIA » CADERNO 6 » CAPÍTULO 3 O processo de descolonização AMÉRICA CENTRAL • 1823- CONFEDERAÇÃO DAS PROVÍNCIAS UNIDAS DE CENTRO AMÉRICA • 1838 - FORMAÇÃO DE CINCO PAÍSES: 1.GUATEMALA 2.HONDURAS 3.COSTA RICA 4.NICARÁGUA 5.EL SALVADOR HAITI • 1791- INÍCIO DO PROCESSO DE INDEPENDÊNCIA • ECLOSÃO DE INSURREIÇÃO ESCRAVA • 1794- DECRETO JACABINO QUE ABOLIU A ESCRAVIDÃO • INTENSIFICAÇÃO DO MOVIMENTO EMANCIPACIONISTA • 1801- ASSUME O GOVERNO TOUSSAINT L’OUVERTURE • 1804- DECLARAÇÃO DE INDEPENDÊNCIA • 1a REPÚBLICA NEGRA DA AMÉRICA www.sejaetico.com.br 14
    15. 15. IInníícciioo Voltar Próximo A independência do Haiti Pioneiro na libertação dos escravos e também da independência na América Latina Região de Maioria negra colonização francesa Açúcar: base econômica Defesa da liberdade, igualdade e o direito à propriedade Toussaint-L’Ouverture www.sejaetico.com.br 15 REPRODUÇÃO
    16. 16. IInníícciioo Voltar Próximo HISTÓRIA » CADERNO 6 » CAPÍTULO 3 A independência da América Latina Características • PREDOMÍNIO DA FORMA REPUBLICANA DE GOVERNO • FORMAÇÃO DE REPÚBLICAS DITATORIAIS • MANUTENÇÃO DA ESTRUTURA COLONIAL • INFLUÊNCIA IMPERIALISTA DA INGLATERRA E ESTADOS UNIDOS • ENFRAQUECIMENTO DO PAN-AMERICANISMO • FRAGMENTAÇÃO POLÍTICA DA REGIÃO • SURGIMENTO DO CAUDILHISMO • 1823: DOUTRINA MONROE www.sejaetico.com.br 16
    17. 17. IInníícciioo Voltar Próximo Rumo à liberdade?  Movimentos de secessão: consolidação do poder à classe já dominante na esfera colonial  Elite criolla: ligada ao capital estrangeiro  América espanhola: constituição em repúblicas  Congresso de Viena: alianças para conter manifestações liberais e nacionais nos impérios ultramarinos.  Inglaterra e Estados Unidos substituíram as antigas metrópoles.  Independências não acompanharam mudanças sociais, econômicas e políticas. 4 Os processos de independência da América Latina www.sejaetico.com.br 17

    ×