SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 9
Baixar para ler offline
Origem e evolução da Vida
Até o presente momento, a Teoria do Big Bang é
utilizada para explicar o surgimento da Terra.
Acredita-se que nosso planeta se formou há 4,5
bilhões de anos e, durante cerca de um bilhão de
anos, sofreu processos importantes, como seu
resfriamento, viabilizando o surgimento da vida.
Estudiosos mais antigos acreditavam que os seres
vivos surgiam espontaneamente da matéria bruta –
a hipótese da geração espontânea, também
chamada de abiogênese. Entretanto, por meio de
diversos experimentos, executados por cientistas,
como Redi, Needham, Spallanzani e Pasteur, foi
possível descartar essa hipótese, adotando a
biogênese, que afirma que os micro-organismos
surgem a partir de outros preexistentes.
Embora tenha respondido uma grande
questão, a biogênese não explica como se
dá o processo de surgimento de uma
espécie a partir de outra. Assim, existem
algumas explicações para tal, sendo a
origem por evolução química a mais aceita
pela categoria científica. Essa teoria
propõe que a vida surgiu a partir do
arranjo entre moléculas mais simples,
aliadas a condições ambientais
peculiares, formando moléculas cada vez
mais complexas, até o surgimento de
estruturas dotadas de metabolismo e
capazes de se autoduplicar, dando origem
aos primeiros seres vivos. Oparin,
Haldane e Miller são os precursores
dessa hipótese.
 Atualmente, acredita-se que o primeiro ser vivo era
autotrófico. Dois motivos justificam sua ampla aceitação:
o fato do planeta provavelmente não dispor de moléculas
orgânicas suficientes para sustentar as multiplicações
dos primeiros seres vivos até que a fotossíntese
surgisse, e o fato de que, em razão da instabilidade do
planeta, estes organismos só conseguiriam sobreviver se
estivessem em locais mais protegidos, como fontes termais
submarinas dos mares primitivos.
. Assim, a hipótese autotrófica sugere que os
primeiros seres vivos surgiram primeiramente
em ambientes mais extremos, nutrindo-se a
partir da reação entre substâncias inorgânicas,
tal como algumas archaeas atuais: processo este
denominado quimiossíntese. Essa hipótese
sugere ainda que, a partir desses primeiros
seres vivos, surgiram aqueles capazes de
realizar fermentação, depois os fotossintéticos
e, por último, os seres heterotróficos.
Acredita-se que esses primeiros indivíduos eram
procarióticos, compartilhando diversas
semelhanças com as arqueas; e, há cerca de dois
bilhões de anos, surgiu a célula eucariótica.
 Abiogênese x Biogênese
 A teoria da abiogênese ou geração espontânea foi a
primeira idéia proposta pela origem da vida e teve
uma participação muito importante do filósofo grego
Aristóteles. Naquela época, como Aristóteles
influenciava o pensamento de muitas pessoas, e até
de grandes cientistas, essa teoria foi muito aceita.
 Nessa teoria, os seres vivos podiam brotar a partir
da matéria orgânica. Sapos poderiam brotar dos
pântanos, vermes brotavam das frutas. Um médico
chamado Jan Baptista van Helmont elaborou uma
receita de como fabricar ratos por geração
espontânea, que consistia em colocar grãos de trigo
em camisas sujas e esperar alguns dias. Ele estava
tão envolvido com essa idéia que não foi capaz de
imaginar que os ratos na verdade eram atraídos pela
sujeira, e não brotavam nessa “receita”.
Aluna: Eduarda Medeiros
 Obrigada!!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Origem da vida aula 1º ano do ensino médio-luiz carlos
Origem da vida aula 1º ano do ensino médio-luiz carlosOrigem da vida aula 1º ano do ensino médio-luiz carlos
Origem da vida aula 1º ano do ensino médio-luiz carlosLuiz Carlos
 
1EM #5 Origem da vida na terra
1EM #5 Origem da vida na terra1EM #5 Origem da vida na terra
1EM #5 Origem da vida na terraProfessô Kyoshi
 
Teorias da Origem da vida e Evolução das espécies
Teorias da Origem da vida e Evolução das espéciesTeorias da Origem da vida e Evolução das espécies
Teorias da Origem da vida e Evolução das espéciesCarlos Priante
 
I. 2 Origem da vida
I. 2 Origem da vidaI. 2 Origem da vida
I. 2 Origem da vidaRebeca Vale
 
Aula origem da vida
Aula   origem da vidaAula   origem da vida
Aula origem da vidaNeil Azevedo
 
Cap 9 a origem da vida
Cap 9 a origem da vidaCap 9 a origem da vida
Cap 9 a origem da vidaJoao Balbi
 
(Power shrink) Origem Vida
(Power shrink)   Origem Vida(Power shrink)   Origem Vida
(Power shrink) Origem VidaGiovaniBeijaFlor
 
Origem da vida evolução histórica
Origem da vida   evolução históricaOrigem da vida   evolução histórica
Origem da vida evolução históricaEvandro Sanguinetto
 
01 aula origem da vida
01 aula   origem da vida01 aula   origem da vida
01 aula origem da vidaCIN
 
146681087-Teorias-e-Origem-Da-Vida.ppt
146681087-Teorias-e-Origem-Da-Vida.ppt146681087-Teorias-e-Origem-Da-Vida.ppt
146681087-Teorias-e-Origem-Da-Vida.pptCristianaLealSabel
 
Teorias e Origem da Vida
Teorias e Origem da Vida Teorias e Origem da Vida
Teorias e Origem da Vida Vanessa Anzolin
 
Durval origem da vida - versão definitiva
Durval   origem da vida - versão definitivaDurval   origem da vida - versão definitiva
Durval origem da vida - versão definitivatenraquel
 

Mais procurados (20)

Origem da vida aula 1º ano do ensino médio-luiz carlos
Origem da vida aula 1º ano do ensino médio-luiz carlosOrigem da vida aula 1º ano do ensino médio-luiz carlos
Origem da vida aula 1º ano do ensino médio-luiz carlos
 
1EM #5 Origem da vida na terra
1EM #5 Origem da vida na terra1EM #5 Origem da vida na terra
1EM #5 Origem da vida na terra
 
Origem vida 2
Origem vida 2Origem vida 2
Origem vida 2
 
A origem da vida
A origem da vidaA origem da vida
A origem da vida
 
A origem da vida
A origem da vidaA origem da vida
A origem da vida
 
Teorias da Origem da vida e Evolução das espécies
Teorias da Origem da vida e Evolução das espéciesTeorias da Origem da vida e Evolução das espécies
Teorias da Origem da vida e Evolução das espécies
 
I. 2 Origem da vida
I. 2 Origem da vidaI. 2 Origem da vida
I. 2 Origem da vida
 
A Origem da Vida
A Origem da VidaA Origem da Vida
A Origem da Vida
 
Aula origem da vida
Aula   origem da vidaAula   origem da vida
Aula origem da vida
 
Cap 9 a origem da vida
Cap 9 a origem da vidaCap 9 a origem da vida
Cap 9 a origem da vida
 
(Power shrink) Origem Vida
(Power shrink)   Origem Vida(Power shrink)   Origem Vida
(Power shrink) Origem Vida
 
Origem da vida evolução histórica
Origem da vida   evolução históricaOrigem da vida   evolução histórica
Origem da vida evolução histórica
 
01 aula origem da vida
01 aula   origem da vida01 aula   origem da vida
01 aula origem da vida
 
Aula sobre origem da vida
Aula sobre origem da vidaAula sobre origem da vida
Aula sobre origem da vida
 
Origem Da Vida
Origem Da VidaOrigem Da Vida
Origem Da Vida
 
Origem da vida
Origem da vidaOrigem da vida
Origem da vida
 
146681087-Teorias-e-Origem-Da-Vida.ppt
146681087-Teorias-e-Origem-Da-Vida.ppt146681087-Teorias-e-Origem-Da-Vida.ppt
146681087-Teorias-e-Origem-Da-Vida.ppt
 
Origem da vida
Origem da vidaOrigem da vida
Origem da vida
 
Teorias e Origem da Vida
Teorias e Origem da Vida Teorias e Origem da Vida
Teorias e Origem da Vida
 
Durval origem da vida - versão definitiva
Durval   origem da vida - versão definitivaDurval   origem da vida - versão definitiva
Durval origem da vida - versão definitiva
 

Destaque

Homônimos, parônimos, sinônimos e antônimos
Homônimos, parônimos, sinônimos e antônimosHomônimos, parônimos, sinônimos e antônimos
Homônimos, parônimos, sinônimos e antônimosEduarda Medeiros
 
Colocação Pronominal
Colocação PronominalColocação Pronominal
Colocação PronominalWalace Cestari
 
Antónimos e Sinónimos
Antónimos e SinónimosAntónimos e Sinónimos
Antónimos e SinónimosOdete Capaz
 
Sinônimos, antônimos, parônimos, homônimos
Sinônimos, antônimos, parônimos, homônimosSinônimos, antônimos, parônimos, homônimos
Sinônimos, antônimos, parônimos, homônimosHelia Coelho Mello
 
Teorias Sobre Origem Da Vida
Teorias Sobre Origem Da VidaTeorias Sobre Origem Da Vida
Teorias Sobre Origem Da Vidaprofatatiana
 
Origem da vida na terra (1ª aula)
Origem da vida na terra   (1ª aula)Origem da vida na terra   (1ª aula)
Origem da vida na terra (1ª aula)Blogzarife
 
Teoria da Evolução de Charles Darwin
Teoria da Evolução de Charles DarwinTeoria da Evolução de Charles Darwin
Teoria da Evolução de Charles Darwinhewencho
 
Noções de evolução
Noções de evoluçãoNoções de evolução
Noções de evoluçãoemanuel
 
Revisão ENEM II- Origem da vida e evolução
Revisão ENEM II- Origem da vida e evoluçãoRevisão ENEM II- Origem da vida e evolução
Revisão ENEM II- Origem da vida e evoluçãoemanuel
 
Geologia 10 intervenção do homem nos subsistemas terrestres
Geologia 10   intervenção do homem nos subsistemas terrestresGeologia 10   intervenção do homem nos subsistemas terrestres
Geologia 10 intervenção do homem nos subsistemas terrestresNuno Correia
 
Teorias evolutivas
Teorias evolutivasTeorias evolutivas
Teorias evolutivasDaniel Avila
 
ColocaçãO Pronominal
ColocaçãO PronominalColocaçãO Pronominal
ColocaçãO Pronominalguest0cbfe
 
Teorías evolutivas
Teorías evolutivasTeorías evolutivas
Teorías evolutivasalvarocavia
 
Ppt 14 A Terra, Um Planeta úNico A Proteger IntroduçãO
Ppt 14   A Terra, Um Planeta úNico A Proteger   IntroduçãOPpt 14   A Terra, Um Planeta úNico A Proteger   IntroduçãO
Ppt 14 A Terra, Um Planeta úNico A Proteger IntroduçãONuno Correia
 
Ppt 14 A Terra, Um Planeta úNico A Proteger
Ppt 14   A Terra, Um Planeta úNico A ProtegerPpt 14   A Terra, Um Planeta úNico A Proteger
Ppt 14 A Terra, Um Planeta úNico A ProtegerNuno Correia
 

Destaque (20)

Homônimos, parônimos, sinônimos e antônimos
Homônimos, parônimos, sinônimos e antônimosHomônimos, parônimos, sinônimos e antônimos
Homônimos, parônimos, sinônimos e antônimos
 
Colocação Pronominal
Colocação PronominalColocação Pronominal
Colocação Pronominal
 
Antónimos e Sinónimos
Antónimos e SinónimosAntónimos e Sinónimos
Antónimos e Sinónimos
 
Sinônimos e antônimos
Sinônimos e antônimosSinônimos e antônimos
Sinônimos e antônimos
 
Sinônimos, antônimos, parônimos, homônimos
Sinônimos, antônimos, parônimos, homônimosSinônimos, antônimos, parônimos, homônimos
Sinônimos, antônimos, parônimos, homônimos
 
Teorias Sobre Origem Da Vida
Teorias Sobre Origem Da VidaTeorias Sobre Origem Da Vida
Teorias Sobre Origem Da Vida
 
Origem da vida
Origem da vidaOrigem da vida
Origem da vida
 
Origem da vida na terra (1ª aula)
Origem da vida na terra   (1ª aula)Origem da vida na terra   (1ª aula)
Origem da vida na terra (1ª aula)
 
Teorias evolutivas
Teorias evolutivasTeorias evolutivas
Teorias evolutivas
 
Teorías evolutivas
Teorías evolutivasTeorías evolutivas
Teorías evolutivas
 
Teoria da Evolução de Charles Darwin
Teoria da Evolução de Charles DarwinTeoria da Evolução de Charles Darwin
Teoria da Evolução de Charles Darwin
 
Noções de evolução
Noções de evoluçãoNoções de evolução
Noções de evolução
 
Revisão ENEM II- Origem da vida e evolução
Revisão ENEM II- Origem da vida e evoluçãoRevisão ENEM II- Origem da vida e evolução
Revisão ENEM II- Origem da vida e evolução
 
Geologia 10 intervenção do homem nos subsistemas terrestres
Geologia 10   intervenção do homem nos subsistemas terrestresGeologia 10   intervenção do homem nos subsistemas terrestres
Geologia 10 intervenção do homem nos subsistemas terrestres
 
Teorias evolutivas
Teorias evolutivasTeorias evolutivas
Teorias evolutivas
 
ColocaçãO Pronominal
ColocaçãO PronominalColocaçãO Pronominal
ColocaçãO Pronominal
 
Teorías evolutivas
Teorías evolutivasTeorías evolutivas
Teorías evolutivas
 
Teorias de evolução
Teorias de evoluçãoTeorias de evolução
Teorias de evolução
 
Ppt 14 A Terra, Um Planeta úNico A Proteger IntroduçãO
Ppt 14   A Terra, Um Planeta úNico A Proteger   IntroduçãOPpt 14   A Terra, Um Planeta úNico A Proteger   IntroduçãO
Ppt 14 A Terra, Um Planeta úNico A Proteger IntroduçãO
 
Ppt 14 A Terra, Um Planeta úNico A Proteger
Ppt 14   A Terra, Um Planeta úNico A ProtegerPpt 14   A Terra, Um Planeta úNico A Proteger
Ppt 14 A Terra, Um Planeta úNico A Proteger
 

Semelhante a Origem Vida 4,5 bilhões anos

Texto de apoio de biologia evolutica 2019
Texto de apoio de biologia evolutica 2019Texto de apoio de biologia evolutica 2019
Texto de apoio de biologia evolutica 2019IsmaelRafael
 
Aula 01 - BOOLOGIA - ORIGEM DA VIDA.pptx
Aula 01 - BOOLOGIA - ORIGEM DA VIDA.pptxAula 01 - BOOLOGIA - ORIGEM DA VIDA.pptx
Aula 01 - BOOLOGIA - ORIGEM DA VIDA.pptxAparecidoSouza23
 
Origem da terra
Origem da terraOrigem da terra
Origem da terramarclae
 
REVISÃO COSMOLOGIA - 1° ANO ENSINO MEDIO.pptx
REVISÃO COSMOLOGIA - 1° ANO ENSINO MEDIO.pptxREVISÃO COSMOLOGIA - 1° ANO ENSINO MEDIO.pptx
REVISÃO COSMOLOGIA - 1° ANO ENSINO MEDIO.pptxAleAvelino1
 
ORIGEM DA VIDA - PERCURSO FILOSOFICO .pptx
ORIGEM DA VIDA - PERCURSO FILOSOFICO .pptxORIGEM DA VIDA - PERCURSO FILOSOFICO .pptx
ORIGEM DA VIDA - PERCURSO FILOSOFICO .pptxTobiasFim2
 
Origem da vida
Origem da vidaOrigem da vida
Origem da vidaletyap
 
AULA BIO - 02 - ORIG DA VIDA.pptx
AULA BIO - 02 - ORIG DA VIDA.pptxAULA BIO - 02 - ORIG DA VIDA.pptx
AULA BIO - 02 - ORIG DA VIDA.pptxAdemirSantos70
 
1º ano – Biologia –A origem da vida – Prof. Marcelo Costa – Aula 09.pptx
1º ano – Biologia –A origem da vida – Prof. Marcelo Costa – Aula 09.pptx1º ano – Biologia –A origem da vida – Prof. Marcelo Costa – Aula 09.pptx
1º ano – Biologia –A origem da vida – Prof. Marcelo Costa – Aula 09.pptxMARCELOCOSTA261637
 
3º ANO JACARECAPA II-MÓDULO -1º PERIODO.docx
3º ANO JACARECAPA II-MÓDULO -1º PERIODO.docx3º ANO JACARECAPA II-MÓDULO -1º PERIODO.docx
3º ANO JACARECAPA II-MÓDULO -1º PERIODO.docxmarcia santos
 
A origem dos seres vivos, confrontando concepções
A origem dos seres vivos, confrontando concepçõesA origem dos seres vivos, confrontando concepções
A origem dos seres vivos, confrontando concepçõesBeth_bio
 
Apostila6 (1)
Apostila6 (1)Apostila6 (1)
Apostila6 (1)tiagaoc1
 

Semelhante a Origem Vida 4,5 bilhões anos (20)

Origem da vida 2
Origem da vida 2Origem da vida 2
Origem da vida 2
 
Texto de apoio de biologia evolutica 2019
Texto de apoio de biologia evolutica 2019Texto de apoio de biologia evolutica 2019
Texto de apoio de biologia evolutica 2019
 
Aula 01 - BOOLOGIA - ORIGEM DA VIDA.pptx
Aula 01 - BOOLOGIA - ORIGEM DA VIDA.pptxAula 01 - BOOLOGIA - ORIGEM DA VIDA.pptx
Aula 01 - BOOLOGIA - ORIGEM DA VIDA.pptx
 
Origem da vida
Origem da vidaOrigem da vida
Origem da vida
 
Origem da vida
Origem da vidaOrigem da vida
Origem da vida
 
Origem da terra
Origem da terraOrigem da terra
Origem da terra
 
Origem da vida cd
Origem da vida cdOrigem da vida cd
Origem da vida cd
 
Aula origem da vida
Aula origem da vidaAula origem da vida
Aula origem da vida
 
Nathalia rodrigues pereira
Nathalia rodrigues pereiraNathalia rodrigues pereira
Nathalia rodrigues pereira
 
REVISÃO COSMOLOGIA - 1° ANO ENSINO MEDIO.pptx
REVISÃO COSMOLOGIA - 1° ANO ENSINO MEDIO.pptxREVISÃO COSMOLOGIA - 1° ANO ENSINO MEDIO.pptx
REVISÃO COSMOLOGIA - 1° ANO ENSINO MEDIO.pptx
 
ORIGEM DA VIDA - PERCURSO FILOSOFICO .pptx
ORIGEM DA VIDA - PERCURSO FILOSOFICO .pptxORIGEM DA VIDA - PERCURSO FILOSOFICO .pptx
ORIGEM DA VIDA - PERCURSO FILOSOFICO .pptx
 
Origem da vida
Origem da vidaOrigem da vida
Origem da vida
 
AULA BIO - 02 - ORIG DA VIDA.pptx
AULA BIO - 02 - ORIG DA VIDA.pptxAULA BIO - 02 - ORIG DA VIDA.pptx
AULA BIO - 02 - ORIG DA VIDA.pptx
 
1º ano – Biologia –A origem da vida – Prof. Marcelo Costa – Aula 09.pptx
1º ano – Biologia –A origem da vida – Prof. Marcelo Costa – Aula 09.pptx1º ano – Biologia –A origem da vida – Prof. Marcelo Costa – Aula 09.pptx
1º ano – Biologia –A origem da vida – Prof. Marcelo Costa – Aula 09.pptx
 
B.molecular unidade #1
B.molecular unidade #1B.molecular unidade #1
B.molecular unidade #1
 
Biologia modulo i
Biologia modulo iBiologia modulo i
Biologia modulo i
 
3º ANO JACARECAPA II-MÓDULO -1º PERIODO.docx
3º ANO JACARECAPA II-MÓDULO -1º PERIODO.docx3º ANO JACARECAPA II-MÓDULO -1º PERIODO.docx
3º ANO JACARECAPA II-MÓDULO -1º PERIODO.docx
 
A origem dos seres vivos, confrontando concepções
A origem dos seres vivos, confrontando concepçõesA origem dos seres vivos, confrontando concepções
A origem dos seres vivos, confrontando concepções
 
Apostila6 (1)
Apostila6 (1)Apostila6 (1)
Apostila6 (1)
 
Origem da vida
Origem da vidaOrigem da vida
Origem da vida
 

Mais de Eduarda Medeiros

Mais de Eduarda Medeiros (8)

Polo Aquático
Polo AquáticoPolo Aquático
Polo Aquático
 
Sífilis- Sintomas e Tratamentos
Sífilis- Sintomas e TratamentosSífilis- Sintomas e Tratamentos
Sífilis- Sintomas e Tratamentos
 
Automutilação.
Automutilação.Automutilação.
Automutilação.
 
Ebola.
Ebola.Ebola.
Ebola.
 
Regiões do brasil.
Regiões do brasil.Regiões do brasil.
Regiões do brasil.
 
Planetas do sistema solar
Planetas do sistema solar Planetas do sistema solar
Planetas do sistema solar
 
Estrelas Cadentes- Um Pouco Sobre Elas
Estrelas Cadentes- Um Pouco Sobre ElasEstrelas Cadentes- Um Pouco Sobre Elas
Estrelas Cadentes- Um Pouco Sobre Elas
 
História Sobre Posêidon
História Sobre PosêidonHistória Sobre Posêidon
História Sobre Posêidon
 

Último

Apreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escritaApreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escritaeliana862656
 
As variações do uso da palavra "como" no texto
As variações do uso da palavra "como" no  textoAs variações do uso da palavra "como" no  texto
As variações do uso da palavra "como" no textoMariaPauladeSouzaTur
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoJayaneSales1
 
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil  2023.ppsxA área de ciências da religião no brasil  2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsxGilbraz Aragão
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxJMTCS
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAEdioFnaf
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024GleyceMoreiraXWeslle
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREIVONETETAVARESRAMOS
 
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLaseVasconcelos1
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terraBiblioteca UCS
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdfCarlosRodrigues832670
 
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURACRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURADouglasVasconcelosMa
 
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETOProjeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETODouglasVasconcelosMa
 
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxQUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxAntonioVieira539017
 
atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãodanielagracia9
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...Unidad de Espiritualidad Eudista
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...LuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

Apreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escritaApreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escrita
 
As variações do uso da palavra "como" no texto
As variações do uso da palavra "como" no  textoAs variações do uso da palavra "como" no  texto
As variações do uso da palavra "como" no texto
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
 
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil  2023.ppsxA área de ciências da religião no brasil  2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
 
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
 
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURACRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
 
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
 
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETOProjeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
 
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxQUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
 
atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetização
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
 

Origem Vida 4,5 bilhões anos

  • 2. Até o presente momento, a Teoria do Big Bang é utilizada para explicar o surgimento da Terra. Acredita-se que nosso planeta se formou há 4,5 bilhões de anos e, durante cerca de um bilhão de anos, sofreu processos importantes, como seu resfriamento, viabilizando o surgimento da vida.
  • 3. Estudiosos mais antigos acreditavam que os seres vivos surgiam espontaneamente da matéria bruta – a hipótese da geração espontânea, também chamada de abiogênese. Entretanto, por meio de diversos experimentos, executados por cientistas, como Redi, Needham, Spallanzani e Pasteur, foi possível descartar essa hipótese, adotando a biogênese, que afirma que os micro-organismos surgem a partir de outros preexistentes.
  • 4. Embora tenha respondido uma grande questão, a biogênese não explica como se dá o processo de surgimento de uma espécie a partir de outra. Assim, existem algumas explicações para tal, sendo a origem por evolução química a mais aceita pela categoria científica. Essa teoria propõe que a vida surgiu a partir do arranjo entre moléculas mais simples, aliadas a condições ambientais peculiares, formando moléculas cada vez mais complexas, até o surgimento de estruturas dotadas de metabolismo e capazes de se autoduplicar, dando origem aos primeiros seres vivos. Oparin, Haldane e Miller são os precursores dessa hipótese.
  • 5.  Atualmente, acredita-se que o primeiro ser vivo era autotrófico. Dois motivos justificam sua ampla aceitação: o fato do planeta provavelmente não dispor de moléculas orgânicas suficientes para sustentar as multiplicações dos primeiros seres vivos até que a fotossíntese surgisse, e o fato de que, em razão da instabilidade do planeta, estes organismos só conseguiriam sobreviver se estivessem em locais mais protegidos, como fontes termais submarinas dos mares primitivos.
  • 6. . Assim, a hipótese autotrófica sugere que os primeiros seres vivos surgiram primeiramente em ambientes mais extremos, nutrindo-se a partir da reação entre substâncias inorgânicas, tal como algumas archaeas atuais: processo este denominado quimiossíntese. Essa hipótese sugere ainda que, a partir desses primeiros seres vivos, surgiram aqueles capazes de realizar fermentação, depois os fotossintéticos e, por último, os seres heterotróficos.
  • 7. Acredita-se que esses primeiros indivíduos eram procarióticos, compartilhando diversas semelhanças com as arqueas; e, há cerca de dois bilhões de anos, surgiu a célula eucariótica.
  • 8.  Abiogênese x Biogênese  A teoria da abiogênese ou geração espontânea foi a primeira idéia proposta pela origem da vida e teve uma participação muito importante do filósofo grego Aristóteles. Naquela época, como Aristóteles influenciava o pensamento de muitas pessoas, e até de grandes cientistas, essa teoria foi muito aceita.  Nessa teoria, os seres vivos podiam brotar a partir da matéria orgânica. Sapos poderiam brotar dos pântanos, vermes brotavam das frutas. Um médico chamado Jan Baptista van Helmont elaborou uma receita de como fabricar ratos por geração espontânea, que consistia em colocar grãos de trigo em camisas sujas e esperar alguns dias. Ele estava tão envolvido com essa idéia que não foi capaz de imaginar que os ratos na verdade eram atraídos pela sujeira, e não brotavam nessa “receita”.