SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 36

Fórum de Roma
Objetivos
Compreender a formação da
civilização romana
Entender os conflitos sociais e a luta
pela cidadania em Roma

LOCALIZAÇÃO GEOGRAFICA

1. BREVE CRONOLOGIA

HISTÓRICA
Gregos – Sul da Península.
Italiotas – Centro da Península
(latinos e sabinos).
Etruscos – Norte da península.
2. ORIGENS DE ROMA

LENDÁRIA
Rômulo e Remo
Loba capitolina, escultura em bronze,
século V a.C.
2. ORIGENS DE ROMA

 Segundo tradição o primeiro rei foi Rômulo (Quirino). Os
outros foram:
 Numa Pompílio (sabino) – pacífico e prudente.
 Tulo Hostílo (latino) – empreendeu uma guerra contra
Alba Longa.
 Anco Márcio (sabino) – teria fundado o porto de Óstia,
assegurando o domínio na embocadura do Tibre.
 Tarquínio o Antigo (etrusco) – urbanização de Roma.
 Sérvio Túlio (etrusco) – fortificação de Roma construção
das muralhas.
 Tarquínio o Soberbo (etrusco) – teria buscado uma
aproximação com os plebeus.
3. MONARQUIA ROMANA
(753-509 a.C.)

POLÍTICA
Rei – concentrava os poderes
militar e religioso.
Senado – chefe das famílias mais
ricas e importantes.
Assembleia Curiata – papel
consultivo (arístocracia, maioria
dos votos)
3. MONARQUIA ROMANA
(753-509 a.C.)

SOCIEDADE
Patrícios: donos das terras romanas, que originou a
aristocracia patrícia, a elite rural e política. Originalmente os
descendentes diretos do pater famílias.
Clientes: dependentes dos patrícios, em troca de
proteção eles cuidavam e trabalhavam para os patrícios.
Plebeus: possivelmente se originaram dos parentes mais
distantes do pater famílias e dos povos dominados por
Roma, eram camponeses e artesãos, não tinham nenhum
direito político, porém, a grande maioria da população
3. MONARQUIA ROMANA
(753-509 a.C.)

FIM DA MONARQUIA
De acordo com a tradição o rei Tarquínio
(etrusco), teria buscado uma aproximação com
os plebeus, que custou a perda do apoio dos
patrícios, este, provavelmente por receios de
perder privilégios.
3. MONARQUIA ROMANA
(753-509 a.C.)

4. REPÚBLICA ROMANA
(509-27 a.C.)
O Senado romano reunido na cúria. Afresco de Cesare Maccari (1840-1919) – Palazzo Madama

Estrutura política na República
Senado
Apreciação das propostas de lei;
Geria as finanças públicas;
Fiscalizava os magistrados;
Dirigia a política externa;
Nomeava os governadores das
províncias.
Assembleias Centuriatas
Formadas pelo conjunto dos cidadãos
Elegiam os magistrados
Votavam as leis
Magistrados
Poder executivo.
Podiam ser cônsules, pretores, questores, edil, tribuno, censor, governador.
Os cônsules comandavam o exército, convocavam o Senado, presidiam aos
cultos públicos.
4. REPÚBLICA ROMANA
(509-27 a.C.)
Fórum Romano. A Cúria, à esquerda, e a Rostra, à direita.
Rostra, prédio ao lado do Senado onde os
políticos discursavam aos cidadãos romanos.
A Cúria, sede do antigo Senado Romano. Interior da Cúria, sede do antigo Senado
Romano.
 SOCIEDADE
Patrícios: donos das terras romanas, que originou a
aristocracia patrícia, a elite rural e política. Originalmente os
descendentes diretos do pater famílias.
Clientes: dependentes dos patrícios, em troca de
proteção eles cuidavam e trabalhavam para os patrícios.
Plebeus: possivelmente se originaram dos parentes mais
distantes do pater famílias e dos povos dominados por
Roma, eram camponeses e artesãos, não tinham nenhum
direito político, porém, a grande maioria da população
Escravos: como resultado da expansão romana, povos
conquistados foram transformados em escravos e se
tornaram a base da mão de obra no mundo romano.
4. REPÚBLICA ROMANA
(509-27 a.C.)

REVOLTAS DA PLEBE
Tribunos da Plebe: sua pessoa era inviolável e dispunha de
poder de veto, isto é, podia suspender a aplicação de atos
dos magistrados ou das decisões do Senado que
considerasse contrários aos interesses dos plebeus
 2 tribunos 371 a.C. passou para 10 tribunos
4. REPÚBLICA ROMANA
(509-27 a.C.)

CONQUISTAS DA PLEBE
450 a.C. – Lei das 12 Tábuas: primeiras leis escritas de Roma;
 Asseguravam a igualdade jurídica entre patrícios e plebeus
445 a.C. – Lei Canuléia: Permissão do casamento entre patrícios e plebeus;
 Expansão comercial: enriquecimento de alguns plebeus;
 Formação de uma nova aristocracia: os nobilitas (notáveis);
367 a.C. – Leis Licínias:
 Um dos cônsules poderia ser plebeu;
 Os plebeus também participariam da partilha de terras e riquezas
pilhadas; 
326 a.C. Fim da escravidão por dívidas;
287 a.C. – Lei Hortênsia: Plebiscito, no qual a plebe exerceu maior influência
política.
4. REPÚBLICA ROMANA
(509-27 a.C.)

 Em Roma, ocorreram vários conflitos sociais
provocados principalmente pela desigualdade entre
ricos e pobres.
1 – Explique as razões dos conflitos entre plebeus e
patrícios.
2 – Cite e explique as principais conquistas da plebe.
Registre em seu caderno
Explorando o conhecimento
Utilize sua apostila...

Respostas
 1 – Embora sujeitos ao serviço militar, os plebeus
não tinham representação política e muitos deles
sequer possuíam um lote de terra.
 2 – O direito de eleger representantes (tribunos da
plebe), a publicação das leis escritas (Lei das Doze
Tábuas), a permissão de patrícios e plebeus de se
casarem (Lei Canuleia), o direito a participar do
consulado (Lei Licínia), o fim da escravidão por dividas
(Lei Poetélia Papíria), a distribuição de trigo a preços
baixos para a plebe (Lei Flumentária).

5. EXPANSÃO ROMANA
Necessidade de segurança face a vizinhos
mais poderosos (1ª fase) - Procura de novas
zonas agrícolas - Procura de novos mercados
- Procura de mão-de-obra escrava - Ambição
dos generais romanos, que queriam glória e
riqueza.
 1ª fase
 Os Romanos conquistaram a Península Itálica. Depois de derrotarem
Cartago, passaram a dominar várias regiões em África, as costas
mediterrânicas da Península Ibérica, a Sardenha, Córsega e Sicília.
  2ª fase
 Roma conquistou o Mediterrâneo Oriental (Grécia, a Macedónia, parte
da Ásia Menor, a Síria, a Judeia).
  3ª fase
 Roma conquistou várias regiões da Europa (Gália, Península Ibérica,
Britânia, Dácia), para além de outras regiões.
5. EXPANSÃO ROMANA

 Guerras Púnicas (264 – 146 a.C.);
 ROMA X CARTAGO;
 Puni: título romano aos
cartagineses;
 Disputa pela Sicília e pelo
comércio no Mar Mediterrâneo;
 237 a.C: Amílcar ◊ Conquista da
Península Ibérica
 218 a.C: Aníbal ◊ Toma Sagunto
e invade a Península Itálica pelos
Alpes.
 146 a.C.: Derrota final dos
Cartagineses
 Cartago: província romana
5. EXPANSÃO ROMANA

 Após as conquistas, os
Romanos passaram a
chamar ao Mediterrâneo
“mare nostrum”, pois todas
as regiões do Império (com
excepção da Grã-Bretanha)
ficavam nas suas margens.
5. EXPANSÃO ROMANA

 Após a grande expansão romana
 Grande afluxo de riquezas e escravos
 Nova classe social: homens novos ou cavaleiros
(ordem equestre)
 Falta de ocupação para plebe
 Aumento da corrupção nas estruturas do Estado
 Concentração de terras (ager publicus)
 Guerras civis (patrícios X militares X cavaleiros)
6. CRISE DA REPÚBLICA
ROMANA
Tibério Graco
conseguiu a aprovação de uma lei
agrária (ager publicus):
limitou a extensão territorial dos
latifúndios da nobreza e autorizou
a distribuição de terras públicas
para os desempregados;
Esta lei desagradou aos grandes
proprietários de terra;
132 a.C: Assassinato de Tibérios e
outros 500 partidário desta lei;
Caio Graco
 Lei Frumentária: baixou o
preço do trigo para os
cidadãos pobres;
 123 a.C: morte de Caio Graco;
 136-132 a.C: Revolta de
Escravos na Sicília ◊ chegaram
a dominar a ilha
 73-71 a.C: Revolta de
Spartacus ◊ mobilizou cerca
de 90 escravos
 Período de grande
instabilidade social
6. CRISE DA REPÚBLICA
ROMANA

 Período dos Generais:
 General Mário: pagamento de soldo aos guerreiros
(soldados) e concessão de terras aos guerreiros
depois de 25 anos de serviço militar;
 General Sila: ´´Proscrições de Sila``: premiação pela
cabeça de líderes de revoltas;
6. CRISE DA REPÚBLICA
ROMANA
Triunviratos:
1º Triunvirato (59 a.C): Júlio César, Pompeu e Crasso
Júlio César: comando do exército na Gália;
58-51 a.C: Conquistou toda a Gália e parte da ilha da Bretanha;
Pompeu: os regimentos da Espanha;
Crasso: as forças militares no Oriente;
54 a.C: Morte de Crasso em combate na Pérsia;
52 a.C: Pompeu nomeado único cônsul de Roma  Reação de Júlio César
49 a.C: Júlio César pressionou o exército e foi nomeado Ditador Vitalício
6. CRISE DA REPÚBLICA
ROMANA
Vercingetorix, chefe gaulês, depõe as armas
perante os Romanos
 Ditadura de Júlio César:
 Acumulou os poderes de cônsul, tribuno, sumo sacerdote e
 supremo comandante do exército;
 Distribuiu terras entre os soldados;
 Impulsionou a colonização das províncias;
 Diminuiu o poder do Senado;
 Auxiliou Cleópatra contra o seu irmão o faraó Ptolomeu;
 44 a.C: Júlio César foi assassinado na escadaria do Senado
por uma conspiração liderada por Brutus e Cássio.
6. CRISE DA REPÚBLICA
ROMANA

 2º Triunvirato: Marco Antônio, Lépido e Otávio
 Marco Antônio aliou-se com Cleópatra
 31 a.C.: Batalha de Accio  Marco Antônio X
Otávio
 27 a.C.: Otávio é aclamado imperador
6. CRISE DA REPÚBLICA
ROMANA
O casamento entre os romanos
O padeiro e sua mulher século I,
pintura feita na parede de uma
casa em Pompéia, na Itália.
Leia o texto “o casamento entre os
romanos” p. 8 e 9 e responda.
1 – Quais as características da família
romana? Há alguma semelhança com
nossos conceitos de família atualmente.
OBS: Apostila - Sistema inter@tivo de ensino: 1° ano. –
2. ed. – Tatuí, SP: Casa Publicadora Brasileira, 2011.
 Roma era uma sociedade patriarcal. Isso quer dizer que
grande parte dos membros daquela sociedade estava
submetida à autoridade exercida por algum pai de família, o
patriarca. Assim, tinha-se uma família extensa, que incluía o
núcleo com pais e filhos, e também os escravos, os
agregados, os colonos, os animais e todos os bens da casa.
Podemos estabelecer uma semelhança com a família
moderna quanto ao papel desempenhado pelo “pai”, que
durante muito tempo foi visto como principal (e única)
autoridade familiar. Atualmente, com as mudanças sociais e
as conquistas de direitos pelas mulheres, surgiram novos
arranjos familiares e uma nova concepção do papel do “pai
de família” e sua autoridade, que foi relativamente reduzida.
Resposta

Próxima aula
Atividades
Agora é a sua vez - p. 9 e 10
De olho no vestibular - p. 10, 11, 12 e 13
Módulo 6   monarquia e república romanas 111 112-113

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

PPT - Civilização Romana
PPT - Civilização RomanaPPT - Civilização Romana
PPT - Civilização Romana
josafaslima
 
O Império Romano
O Império RomanoO Império Romano
O Império Romano
HCA_10I
 
A civilização romana
A civilização romana  A civilização romana
A civilização romana
eb23ja
 
Antiguidade clássica roma 7ano
Antiguidade clássica roma 7anoAntiguidade clássica roma 7ano
Antiguidade clássica roma 7ano
Leonardo Caputo
 
O Mundo Romano No Apogeu Do ImpéRio
O Mundo Romano No Apogeu Do ImpéRioO Mundo Romano No Apogeu Do ImpéRio
O Mundo Romano No Apogeu Do ImpéRio
Sílvia Mendonça
 
Roma antiga da república ao império
Roma antiga   da república ao impérioRoma antiga   da república ao império
Roma antiga da república ao império
Nelia Salles Nantes
 
O poder político em roma
O poder político em romaO poder político em roma
O poder político em roma
Carla Teixeira
 

Mais procurados (20)

Roma Antiga
Roma  Antiga Roma  Antiga
Roma Antiga
 
O expansionismo romano
O expansionismo romanoO expansionismo romano
O expansionismo romano
 
O império romano
O império romanoO império romano
O império romano
 
Roma Antiga
Roma AntigaRoma Antiga
Roma Antiga
 
ROMA ANTIGA
ROMA ANTIGAROMA ANTIGA
ROMA ANTIGA
 
Roma: Monarquia/ República/ Império
Roma: Monarquia/ República/ ImpérioRoma: Monarquia/ República/ Império
Roma: Monarquia/ República/ Império
 
PPT - Civilização Romana
PPT - Civilização RomanaPPT - Civilização Romana
PPT - Civilização Romana
 
Mundo Romano
Mundo RomanoMundo Romano
Mundo Romano
 
Roma antiga
Roma antigaRoma antiga
Roma antiga
 
Mundo Romano: Da cidade-estado a formação do império.
Mundo Romano: Da cidade-estado a formação do império.Mundo Romano: Da cidade-estado a formação do império.
Mundo Romano: Da cidade-estado a formação do império.
 
Roma
RomaRoma
Roma
 
O Império Romano
O Império RomanoO Império Romano
O Império Romano
 
O império romano
O império romanoO império romano
O império romano
 
Expansão romana
Expansão romanaExpansão romana
Expansão romana
 
A civilização romana
A civilização romana  A civilização romana
A civilização romana
 
Antiguidade clássica roma 7ano
Antiguidade clássica roma 7anoAntiguidade clássica roma 7ano
Antiguidade clássica roma 7ano
 
História de roma antiga e o império romano/Dica Enem!
História de roma antiga e o império romano/Dica Enem!História de roma antiga e o império romano/Dica Enem!
História de roma antiga e o império romano/Dica Enem!
 
O Mundo Romano No Apogeu Do ImpéRio
O Mundo Romano No Apogeu Do ImpéRioO Mundo Romano No Apogeu Do ImpéRio
O Mundo Romano No Apogeu Do ImpéRio
 
Roma antiga da república ao império
Roma antiga   da república ao impérioRoma antiga   da república ao império
Roma antiga da república ao império
 
O poder político em roma
O poder político em romaO poder político em roma
O poder político em roma
 

Destaque

O dominio de napoleão na europa 121 122
O dominio de napoleão na europa 121 122O dominio de napoleão na europa 121 122
O dominio de napoleão na europa 121 122
Edson
 
CAPITVLVM II - Clases Sociales en Roma
CAPITVLVM II - Clases Sociales en RomaCAPITVLVM II - Clases Sociales en Roma
CAPITVLVM II - Clases Sociales en Roma
Germán González
 
Língua portuguesa power point poetas
Língua portuguesa power point   poetasLíngua portuguesa power point   poetas
Língua portuguesa power point poetas
salrainho
 
A república romana
A república romanaA república romana
A república romana
historiando
 
A Integração Dos Povos No Império Romano
A Integração Dos Povos No Império RomanoA Integração Dos Povos No Império Romano
A Integração Dos Povos No Império Romano
Mariana Neves
 

Destaque (20)

O dominio de napoleão na europa 121 122
O dominio de napoleão na europa 121 122O dominio de napoleão na europa 121 122
O dominio de napoleão na europa 121 122
 
CAPITVLVM II - Clases Sociales en Roma
CAPITVLVM II - Clases Sociales en RomaCAPITVLVM II - Clases Sociales en Roma
CAPITVLVM II - Clases Sociales en Roma
 
Língua portuguesa power point poetas
Língua portuguesa power point   poetasLíngua portuguesa power point   poetas
Língua portuguesa power point poetas
 
Grécia antiga
Grécia antigaGrécia antiga
Grécia antiga
 
Ásia - aspectos naturais e geopolíticos
Ásia - aspectos naturais e geopolíticos Ásia - aspectos naturais e geopolíticos
Ásia - aspectos naturais e geopolíticos
 
4. roma antiga
4. roma antiga4. roma antiga
4. roma antiga
 
História (Grécia)
História (Grécia)História (Grécia)
História (Grécia)
 
Biblioteca de Alejandría: antes y ahora
Biblioteca de Alejandría: antes y ahora Biblioteca de Alejandría: antes y ahora
Biblioteca de Alejandría: antes y ahora
 
Os jesuitas na iasd
Os jesuitas na iasdOs jesuitas na iasd
Os jesuitas na iasd
 
Republica Romana - Prof.Altair Aguilar
Republica Romana -  Prof.Altair AguilarRepublica Romana -  Prof.Altair Aguilar
Republica Romana - Prof.Altair Aguilar
 
A república romana
A república romanaA república romana
A república romana
 
MAGISTRATURAS ROMANAS
MAGISTRATURAS ROMANASMAGISTRATURAS ROMANAS
MAGISTRATURAS ROMANAS
 
Caderno Pedagógico de História - 6º Ano/4º Bimestre
Caderno Pedagógico de História - 6º Ano/4º BimestreCaderno Pedagógico de História - 6º Ano/4º Bimestre
Caderno Pedagógico de História - 6º Ano/4º Bimestre
 
Monarquia y republica romana.pptx.docx
Monarquia y republica romana.pptx.docxMonarquia y republica romana.pptx.docx
Monarquia y republica romana.pptx.docx
 
Roma antiga resumo
Roma antiga resumoRoma antiga resumo
Roma antiga resumo
 
História (Roma)
História (Roma)História (Roma)
História (Roma)
 
A Integração Dos Povos No Império Romano
A Integração Dos Povos No Império RomanoA Integração Dos Povos No Império Romano
A Integração Dos Povos No Império Romano
 
Roma Antiga - Da Monarquia à República
Roma Antiga - Da Monarquia à RepúblicaRoma Antiga - Da Monarquia à República
Roma Antiga - Da Monarquia à República
 
Roma Antiga
Roma AntigaRoma Antiga
Roma Antiga
 
A cultura do senado
A cultura do senadoA cultura do senado
A cultura do senado
 

Semelhante a Módulo 6 monarquia e república romanas 111 112-113

Império romano 2011
Império romano 2011Império romano 2011
Império romano 2011
BriefCase
 
Roma prof. andre teixeira
Roma prof. andre teixeiraRoma prof. andre teixeira
Roma prof. andre teixeira
Tâmara Almeida
 
A Civilização Romana
A Civilização RomanaA Civilização Romana
A Civilização Romana
Jorge Miklos
 
História Roma
História RomaHistória Roma
História Roma
BriefCase
 

Semelhante a Módulo 6 monarquia e república romanas 111 112-113 (20)

Roma antiga
Roma antigaRoma antiga
Roma antiga
 
Roma Antiga
Roma AntigaRoma Antiga
Roma Antiga
 
Roma
RomaRoma
Roma
 
Civilização Romana
Civilização RomanaCivilização Romana
Civilização Romana
 
3° ano - Civilização Romana - aula 1
3° ano - Civilização Romana - aula 13° ano - Civilização Romana - aula 1
3° ano - Civilização Romana - aula 1
 
ROMA ANTIGA.pdf
ROMA ANTIGA.pdfROMA ANTIGA.pdf
ROMA ANTIGA.pdf
 
Império romano 2011
Império romano 2011Império romano 2011
Império romano 2011
 
Apresentaçãohistdir12
Apresentaçãohistdir12Apresentaçãohistdir12
Apresentaçãohistdir12
 
02 1 a_cultura_do_senado
02 1 a_cultura_do_senado02 1 a_cultura_do_senado
02 1 a_cultura_do_senado
 
Roma prof. andre teixeira
Roma prof. andre teixeiraRoma prof. andre teixeira
Roma prof. andre teixeira
 
A Civilização Romana
A Civilização RomanaA Civilização Romana
A Civilização Romana
 
História Roma
História RomaHistória Roma
História Roma
 
Os romanos por Rafael Ascari
Os romanos por Rafael AscariOs romanos por Rafael Ascari
Os romanos por Rafael Ascari
 
Civilização romana
Civilização romanaCivilização romana
Civilização romana
 
Aula 03 roma
Aula 03   romaAula 03   roma
Aula 03 roma
 
Roma antica civilização ocidental
Roma antica   civilização ocidentalRoma antica   civilização ocidental
Roma antica civilização ocidental
 
Roma
RomaRoma
Roma
 
Roma
RomaRoma
Roma
 
Roma Antiga - Antiguidade Clássica II
Roma Antiga - Antiguidade Clássica IIRoma Antiga - Antiguidade Clássica II
Roma Antiga - Antiguidade Clássica II
 
[Aula+12]+Roma+Antiga.pptx
[Aula+12]+Roma+Antiga.pptx[Aula+12]+Roma+Antiga.pptx
[Aula+12]+Roma+Antiga.pptx
 

Módulo 6 monarquia e república romanas 111 112-113

  • 1.
  • 3. Objetivos Compreender a formação da civilização romana Entender os conflitos sociais e a luta pela cidadania em Roma
  • 6.  HISTÓRICA Gregos – Sul da Península. Italiotas – Centro da Península (latinos e sabinos). Etruscos – Norte da península. 2. ORIGENS DE ROMA
  • 7.  LENDÁRIA Rômulo e Remo Loba capitolina, escultura em bronze, século V a.C. 2. ORIGENS DE ROMA
  • 8.   Segundo tradição o primeiro rei foi Rômulo (Quirino). Os outros foram:  Numa Pompílio (sabino) – pacífico e prudente.  Tulo Hostílo (latino) – empreendeu uma guerra contra Alba Longa.  Anco Márcio (sabino) – teria fundado o porto de Óstia, assegurando o domínio na embocadura do Tibre.  Tarquínio o Antigo (etrusco) – urbanização de Roma.  Sérvio Túlio (etrusco) – fortificação de Roma construção das muralhas.  Tarquínio o Soberbo (etrusco) – teria buscado uma aproximação com os plebeus. 3. MONARQUIA ROMANA (753-509 a.C.)
  • 9.  POLÍTICA Rei – concentrava os poderes militar e religioso. Senado – chefe das famílias mais ricas e importantes. Assembleia Curiata – papel consultivo (arístocracia, maioria dos votos) 3. MONARQUIA ROMANA (753-509 a.C.)
  • 10.  SOCIEDADE Patrícios: donos das terras romanas, que originou a aristocracia patrícia, a elite rural e política. Originalmente os descendentes diretos do pater famílias. Clientes: dependentes dos patrícios, em troca de proteção eles cuidavam e trabalhavam para os patrícios. Plebeus: possivelmente se originaram dos parentes mais distantes do pater famílias e dos povos dominados por Roma, eram camponeses e artesãos, não tinham nenhum direito político, porém, a grande maioria da população 3. MONARQUIA ROMANA (753-509 a.C.)
  • 11.  FIM DA MONARQUIA De acordo com a tradição o rei Tarquínio (etrusco), teria buscado uma aproximação com os plebeus, que custou a perda do apoio dos patrícios, este, provavelmente por receios de perder privilégios. 3. MONARQUIA ROMANA (753-509 a.C.)
  • 12.  4. REPÚBLICA ROMANA (509-27 a.C.) O Senado romano reunido na cúria. Afresco de Cesare Maccari (1840-1919) – Palazzo Madama
  • 13.  Estrutura política na República Senado Apreciação das propostas de lei; Geria as finanças públicas; Fiscalizava os magistrados; Dirigia a política externa; Nomeava os governadores das províncias. Assembleias Centuriatas Formadas pelo conjunto dos cidadãos Elegiam os magistrados Votavam as leis Magistrados Poder executivo. Podiam ser cônsules, pretores, questores, edil, tribuno, censor, governador. Os cônsules comandavam o exército, convocavam o Senado, presidiam aos cultos públicos. 4. REPÚBLICA ROMANA (509-27 a.C.)
  • 14. Fórum Romano. A Cúria, à esquerda, e a Rostra, à direita. Rostra, prédio ao lado do Senado onde os políticos discursavam aos cidadãos romanos.
  • 15. A Cúria, sede do antigo Senado Romano. Interior da Cúria, sede do antigo Senado Romano.
  • 16.  SOCIEDADE Patrícios: donos das terras romanas, que originou a aristocracia patrícia, a elite rural e política. Originalmente os descendentes diretos do pater famílias. Clientes: dependentes dos patrícios, em troca de proteção eles cuidavam e trabalhavam para os patrícios. Plebeus: possivelmente se originaram dos parentes mais distantes do pater famílias e dos povos dominados por Roma, eram camponeses e artesãos, não tinham nenhum direito político, porém, a grande maioria da população Escravos: como resultado da expansão romana, povos conquistados foram transformados em escravos e se tornaram a base da mão de obra no mundo romano. 4. REPÚBLICA ROMANA (509-27 a.C.)
  • 17.  REVOLTAS DA PLEBE Tribunos da Plebe: sua pessoa era inviolável e dispunha de poder de veto, isto é, podia suspender a aplicação de atos dos magistrados ou das decisões do Senado que considerasse contrários aos interesses dos plebeus  2 tribunos 371 a.C. passou para 10 tribunos 4. REPÚBLICA ROMANA (509-27 a.C.)
  • 18.  CONQUISTAS DA PLEBE 450 a.C. – Lei das 12 Tábuas: primeiras leis escritas de Roma;  Asseguravam a igualdade jurídica entre patrícios e plebeus 445 a.C. – Lei Canuléia: Permissão do casamento entre patrícios e plebeus;  Expansão comercial: enriquecimento de alguns plebeus;  Formação de uma nova aristocracia: os nobilitas (notáveis); 367 a.C. – Leis Licínias:  Um dos cônsules poderia ser plebeu;  Os plebeus também participariam da partilha de terras e riquezas pilhadas;  326 a.C. Fim da escravidão por dívidas; 287 a.C. – Lei Hortênsia: Plebiscito, no qual a plebe exerceu maior influência política. 4. REPÚBLICA ROMANA (509-27 a.C.)
  • 19.   Em Roma, ocorreram vários conflitos sociais provocados principalmente pela desigualdade entre ricos e pobres. 1 – Explique as razões dos conflitos entre plebeus e patrícios. 2 – Cite e explique as principais conquistas da plebe. Registre em seu caderno Explorando o conhecimento Utilize sua apostila...
  • 20.  Respostas  1 – Embora sujeitos ao serviço militar, os plebeus não tinham representação política e muitos deles sequer possuíam um lote de terra.  2 – O direito de eleger representantes (tribunos da plebe), a publicação das leis escritas (Lei das Doze Tábuas), a permissão de patrícios e plebeus de se casarem (Lei Canuleia), o direito a participar do consulado (Lei Licínia), o fim da escravidão por dividas (Lei Poetélia Papíria), a distribuição de trigo a preços baixos para a plebe (Lei Flumentária).
  • 21.  5. EXPANSÃO ROMANA Necessidade de segurança face a vizinhos mais poderosos (1ª fase) - Procura de novas zonas agrícolas - Procura de novos mercados - Procura de mão-de-obra escrava - Ambição dos generais romanos, que queriam glória e riqueza.
  • 22.  1ª fase  Os Romanos conquistaram a Península Itálica. Depois de derrotarem Cartago, passaram a dominar várias regiões em África, as costas mediterrânicas da Península Ibérica, a Sardenha, Córsega e Sicília.   2ª fase  Roma conquistou o Mediterrâneo Oriental (Grécia, a Macedónia, parte da Ásia Menor, a Síria, a Judeia).   3ª fase  Roma conquistou várias regiões da Europa (Gália, Península Ibérica, Britânia, Dácia), para além de outras regiões. 5. EXPANSÃO ROMANA
  • 23.   Guerras Púnicas (264 – 146 a.C.);  ROMA X CARTAGO;  Puni: título romano aos cartagineses;  Disputa pela Sicília e pelo comércio no Mar Mediterrâneo;  237 a.C: Amílcar ◊ Conquista da Península Ibérica  218 a.C: Aníbal ◊ Toma Sagunto e invade a Península Itálica pelos Alpes.  146 a.C.: Derrota final dos Cartagineses  Cartago: província romana 5. EXPANSÃO ROMANA
  • 24.   Após as conquistas, os Romanos passaram a chamar ao Mediterrâneo “mare nostrum”, pois todas as regiões do Império (com excepção da Grã-Bretanha) ficavam nas suas margens. 5. EXPANSÃO ROMANA
  • 25.   Após a grande expansão romana  Grande afluxo de riquezas e escravos  Nova classe social: homens novos ou cavaleiros (ordem equestre)  Falta de ocupação para plebe  Aumento da corrupção nas estruturas do Estado  Concentração de terras (ager publicus)  Guerras civis (patrícios X militares X cavaleiros) 6. CRISE DA REPÚBLICA ROMANA
  • 26. Tibério Graco conseguiu a aprovação de uma lei agrária (ager publicus): limitou a extensão territorial dos latifúndios da nobreza e autorizou a distribuição de terras públicas para os desempregados; Esta lei desagradou aos grandes proprietários de terra; 132 a.C: Assassinato de Tibérios e outros 500 partidário desta lei; Caio Graco  Lei Frumentária: baixou o preço do trigo para os cidadãos pobres;  123 a.C: morte de Caio Graco;  136-132 a.C: Revolta de Escravos na Sicília ◊ chegaram a dominar a ilha  73-71 a.C: Revolta de Spartacus ◊ mobilizou cerca de 90 escravos  Período de grande instabilidade social 6. CRISE DA REPÚBLICA ROMANA
  • 27.   Período dos Generais:  General Mário: pagamento de soldo aos guerreiros (soldados) e concessão de terras aos guerreiros depois de 25 anos de serviço militar;  General Sila: ´´Proscrições de Sila``: premiação pela cabeça de líderes de revoltas; 6. CRISE DA REPÚBLICA ROMANA
  • 28. Triunviratos: 1º Triunvirato (59 a.C): Júlio César, Pompeu e Crasso Júlio César: comando do exército na Gália; 58-51 a.C: Conquistou toda a Gália e parte da ilha da Bretanha; Pompeu: os regimentos da Espanha; Crasso: as forças militares no Oriente; 54 a.C: Morte de Crasso em combate na Pérsia; 52 a.C: Pompeu nomeado único cônsul de Roma  Reação de Júlio César 49 a.C: Júlio César pressionou o exército e foi nomeado Ditador Vitalício 6. CRISE DA REPÚBLICA ROMANA
  • 29. Vercingetorix, chefe gaulês, depõe as armas perante os Romanos
  • 30.  Ditadura de Júlio César:  Acumulou os poderes de cônsul, tribuno, sumo sacerdote e  supremo comandante do exército;  Distribuiu terras entre os soldados;  Impulsionou a colonização das províncias;  Diminuiu o poder do Senado;  Auxiliou Cleópatra contra o seu irmão o faraó Ptolomeu;  44 a.C: Júlio César foi assassinado na escadaria do Senado por uma conspiração liderada por Brutus e Cássio. 6. CRISE DA REPÚBLICA ROMANA
  • 31.   2º Triunvirato: Marco Antônio, Lépido e Otávio  Marco Antônio aliou-se com Cleópatra  31 a.C.: Batalha de Accio  Marco Antônio X Otávio  27 a.C.: Otávio é aclamado imperador 6. CRISE DA REPÚBLICA ROMANA
  • 32.
  • 33. O casamento entre os romanos O padeiro e sua mulher século I, pintura feita na parede de uma casa em Pompéia, na Itália. Leia o texto “o casamento entre os romanos” p. 8 e 9 e responda. 1 – Quais as características da família romana? Há alguma semelhança com nossos conceitos de família atualmente. OBS: Apostila - Sistema inter@tivo de ensino: 1° ano. – 2. ed. – Tatuí, SP: Casa Publicadora Brasileira, 2011.
  • 34.  Roma era uma sociedade patriarcal. Isso quer dizer que grande parte dos membros daquela sociedade estava submetida à autoridade exercida por algum pai de família, o patriarca. Assim, tinha-se uma família extensa, que incluía o núcleo com pais e filhos, e também os escravos, os agregados, os colonos, os animais e todos os bens da casa. Podemos estabelecer uma semelhança com a família moderna quanto ao papel desempenhado pelo “pai”, que durante muito tempo foi visto como principal (e única) autoridade familiar. Atualmente, com as mudanças sociais e as conquistas de direitos pelas mulheres, surgiram novos arranjos familiares e uma nova concepção do papel do “pai de família” e sua autoridade, que foi relativamente reduzida. Resposta
  • 35.  Próxima aula Atividades Agora é a sua vez - p. 9 e 10 De olho no vestibular - p. 10, 11, 12 e 13