O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

Lixo organico

2.344 visualizações

Publicada em

Projeto apresentado na EEM José Francisco de Moura.

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Lixo organico

  1. 1. “LIXO INORGÂNICO DE TODO DIA: O QUE FAZER PARA REAPROVEITAR?” Maria Eugênia Beserra dos Santos1 Débora Nogueira de Freitas1 Lilianne de Sousa Silva2 1 Alunos do 1° ano da EEM José Francisco de Moura 2 Professora de Química da EEM José Francisco de Moura P INTRODUÇÃO algumas comunidades o lixo é As atividades humanas geram muitos resíduos que jogado próximo a reservatórioquando são inúteis aos homens recebem a denominação de lixo. natural de água (figura 04). OsO lixo pode ser dividido em: ORGÂNICO e INORGÂNICO. dados obtidos mostraram que grande parte do lixo inorgânico produzido são plásticos (embalagens) e garrafas PET’s (figura 05). Figura 05 – Lixo mais comum Figura - 01 Lixo Orgânico Figura - 02 Lixo Inorgânico Cada brasileiro produz em média quinhentos gramas(500g) de lixo por dia, e dependendo do lugar que mora e de seupoder aquisitivo, pode chegar a mais de um quilo (1Kg).Geralmente, o lixo produzido pelas cidades brasileiras édescartado em locais inapropriados o que geram poluição e Figura 06 –Descarte do lixo Figura 07 – Lixo queimado em terreno baldiosdegradação do meio ambiente. Neste contexto o presente trabalho teve como objetivo O gráfico 01 indica as formas mais utilizadas para oprincipal promover uma discussão entre os alunos sobre a forma descarte do lixo inorgânico pelas comunidades.correta do descarte do lixo inorgânico produzido pelascomunidades do município de Palhano, buscando alternativaspara o seu reaproveitamento. METODOLOGIA O projeto “Lixo inorgânico de todo dia: o que fazer parareaproveitar?” foi desenvolvido com as turmas do 1° anos E e Fda Escola de Ensino Médio José Francisco de Moura. Para aexecução do mesmo foram realizadas pesquisas na literatura,pesquisa in locu, análise quantitativa e qualitativa dos dados Gráfico 01 – Descarte do lixo inorgânico nas comunidadescoletados. Na pesquisa da literatura on line e impressa teve o Sugestões para o descarte apropriado do lixo inorgânico:intuito de buscar informações sobre o descarte correto do lixo  Reciclagem do lixo;inorgânico. Na in locu teve o intuito de fazer um levantamento da  Coleta seletiva;quantidade de lixo produzido semanalmente e o tipo de lixo  Aterro sanitário;mais produzido.  Incineração. As análises quantitativas serviram para produção dosgráficos e para fundamentar a análise qualitativa. RESULTADOS E DISCUSSÕES CONCLUSÃO Esse projeto veio contribuir para o desenvolvimento da A partir das análises dos consciência dos alunos em relação ao descarte do lixo inorgânicoresultados obtidos observou-se que gerado pelas comunidades, favorecendo a aproximação dosos moradores das comunidades, de mesmos com as lideranças locais e para um melhoruma forma geral, ainda não tem um aproveitamento do lixo produzido, utilizando os recursos deesclarecimento a respeito de comodeve ser realizado o descarte do forma racional e contribuindo para a sustentabilidade.lixo inorgânico. Muitos não tem aconsciência de que quando se joga o Figura 03 – Poluição visual REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS lixo na natureza, este ato prejudica SANDES, B. A. Coleta seletiva: alternativa par o problema do lixo. Revista Mundo ao meio ambiente e as pessoas. Pois, Jovem. N° 421. Out. 2011. http://unidosporanalandia.blogspot.com/2010/05/por-que-ainda-nao-temos- o lixo além de provocar a poluição coleta-seletiva.html Acesso dia: 30 de setembro de 2011. visual (figura 03) pode provocar http://nossabio.blogspot.com/2010/12/poluicao.html. Acesso dia: 30 de contaminações que interfere nas setembro de 2011. atividades principais das http://meioambiente-stefany.blogspot.com/2010_11_01_archive.html. Acesso dia: 30 de setembro de 2011. comunidades que é a agricultura e a Contatos: liliannepalhano@gmail.comFigura 04 – lixo próximo a rios criação de animais, já que em

×