SlideShare uma empresa Scribd logo
Escrituração Contábil
Fiscal - ECF
Privado & Confidencial
Câmara de Comércio
e Indústria Japonesa
do Brasil
28 de abril de 2015
© 2015 KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da
rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”),
uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653)
2
Em dezembro de 2009, a Receita Federal do Brasil (RFB) publicou a Instrução Normativa
nº 989/2009, que instituiu o Livro Eletrônico de Escrituração e Apuração do Imposto sobre a
Renda e da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido da Pessoa Jurídica Tributada pelo
Lucro Real (e-Lalur).
O intuito era de incorporar as informações relativas ao IRPJ e à CSLL ao ambiente do
Sistema Público de Escrituração Digital (SPED). Dessa forma, a norma determinava que a
escrituração e a entrega do e-LALUR era obrigatória para as pessoas jurídicas sujeitas à
apuração do Imposto sobre a Renda pelo regime do lucro real.
Entretanto, em 2013, a RFB, por meio da IN RFB nº 1.422/2013, introduziu a Escrituração
Contábil Fiscal (ECF), cuja apresentação é obrigatória para as pessoas jurídicas sujeitas à
apuração do Imposto sobre a Renda pelo regime do lucro real, lucro presumido ou lucro
arbitrado, e também para as pessoas jurídicas imunes e isentas.
ECF
Substitui a Declaração de Informações Econômico-fiscais da Pessoa
Jurídica (DIPJ), a partir do ano-calendário de 2014, com entrega prevista
para o último dia útil do mês de setembro de 2015 no ambiente do SPED.
O que é a ECF?
© 2015 KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da
rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”),
uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653)
3
Principais informações a serem prestadas
Dados cadastrais
Informações Contábeis
Planos de Contas Contábeis
Saldos contábeis por centros de custo
Balanço Patrimonial
Avaliação de estoques e Composição de Custos
Apuração dos tributos
 Demonstração do Lucro Real e da Base de Cálculo da CSLL
 Ajustes de Regime Tributário de Transição
 Lançamentos das Partes A e B do LALUR
 Cálculo dos tributos mensais recolhidos por estimativa
 Apuração dos tributos com base no lucro presumido ou arbitrado
Informações econômicas e outras
Fontes de informação
© 2015 KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da
rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”),
uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653)
4
Bloco 0: Abertura, Identificação e
Referências
0000: Abertura do Arquivo Digital e
Identificação da Entidade
0010: Abertura do Arquivo Digital e
Identificação da Entidade
0020: Parâmetros Complementares
0030: Dados Cadastrais
0035: Identificação das SCP
0930: Identificação dos Signatários
da ECF
0990: Encerramento do Bloco 0
Bloco C: Informações Recuperadas
da ECD
C001: Abertura do Bloco C
C040: Identificador da ECD
C050: Plano de Contas da ECD
C051: Plano Referencial
C053: Subcontas Correlatas
C100: Centro de Custos
C150: Identificação do Período dos
Saldos Periódicos das Contas
Patrimoniais
C155: Detalhes dos Saldos
Contábeis Patrimoniais
C157: Transferência de Saldos do
Plano de Contas Anterior
C350: Identificação da Data dos
Saldos das Contas de
Resultado Antes do
Encerramento
C355: Detalhes dos Saldos das
Contas de Resultado Antes
do Encerramento
C990: Encerramento do Bloco C
Bloco E: Informações Recuperadas
da ECF Anterior e Cálculo Fiscal
dos Dados Recuperados da ECD
E001: Abertura do Bloco E
E010: Saldos Finais Recuperados
da ECF Anterior
E015: Contas Contábeis Mapeadas
E020: Saldos Finais das Contas na
Parte B do E-Lalur da ECF
Imediatamente Anterior
E030: Identificação do Período
E155: Detalhes dos Saldos
Contábeis Calculados com
Base na ECD
E355: Detalhes dos Saldos das
Contas de Resultado Antes
do Encerramento
E990: Encerramento do Bloco E
Layout da ECF
© 2015 KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da
rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”),
uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653)
5
Bloco J: Plano de Contas e
Mapeamento
J001: Abertura do Bloco J
J050: Plano de Contas do
Contribuinte
J051: Plano de Contas
Referencial
J053: Subcontas Correlatas
J100: Centro de Custos
J990: Encerramento do Bloco J
Bloco K: Saldos das Contas
Contábeis e Referenciais
K001: Abertura do Bloco K
K030: Identificação dos Períodos e
Formas de Apuração do IRPJ
e da CSLL no Ano-Calendário
K155: Detalhes dos Saldos
Contábeis (Depois do
Encerramento do Resultado
do Período)
K156: Mapeamento Referencial do
Saldo Final
K355: Saldos Finais das Contas
Contábeis de Resultado
Antes do Encerramento
K356: Mapeamento Referencial
dos Saldos Finais das Contas
Contábeis de Resultado
Antes do Encerramento
K990: Encerramento do Bloco K
Bloco L: Lucro Real
L001: Abertura do Bloco L
L030: Identificação dos Períodos
e Formas de Apuração do
IRPJ e da CSLL no Ano-
Calendário
L100: Balanço Patrimonial
L200: Método de Avaliação de
Estoques
L210: Informativo da Composição
de Custos
L300: Demonstração do Lucro
Real, Lançamento do e-
Lalur (Parte A)
L990: Encerramento do Bloco L
Layout da ECF (cont.)
© 2015 KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da
rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”),
uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653)
6
Bloco M: Livro Eletrônico de Apuração
do Lucro Real e da Base de Cálculo da
CSLL
M001: Abertura do Bloco M
M010: Identificação da Conta na Parte B do e-Lalur
e do e-Lacs
M030: Identificação dos Períodos e Formas de
Apuração do IRPJ e da CSLL
M300: Lançamentos da Parte A do e-Lalur
M305: Conta da Parte B do e-Lalur
M310: Contas Contábeis Relacionadas ao
Lançamento da Parte A do e-Lalur
M312: Números dos Lançamentos
Relacionados a Conta Contábil
M350: Lançamentos da Parte A do e-Lacs
M315: Identificação de Processos
M355: Conta da Parte B do e-Lacs
M360: Contas Contábeis Relacionadas ao
Lançamento da Parte A do e-Lacs
M362: Números dos Lançamentos
Relacionados a Conta Contábil
M365: Identificação de Processos
M410: Lançamento na Conta da Parte B do e-
Lalur e do e-Lacs sem Reflexo na Parte A
M415: Identificação de Processos
M500: Controle de Saldos das Contas da Parte
B do e-Lalur e do e-Lacs
M990: Encerramento do Bloco M
Bloco N: Cálculo do IRPJ e da CSLL
N001: Abertura do Bloco N
N030: Identificação dos Períodos e Formas de
Apuração do IRPJ e da CSLL das
Empresas Tributadas pelo Lucro Real
N500: Base de Calculo do IRPJ Sobre o Lucro
Real Apos as Compensações de
Prejuízos
N600: Demonstração do Lucro da Exploração
N610: Calculo da Isenção e Redução do Imposto
Sobre o Lucro Real
N615: Informações da Base de Cálculo dos
Incentivos Fiscais
N620: Calculo do IRPJ Mensal por Estimativa
N630: Calculo do IRPJ Com Base no Lucro Real
N650: Base de Calculo da CSLL Apos as
Compensações da Base de Calculo
Negativa
N660: Calculo da CSLL Mensal por Estimativa
N670: Calculo da CSLL Com Base no Lucro
Real
N990: Encerramento do Bloco N
Bloco P: Lucro Presumido
P001: Abertura do Bloco P
P030: Identificação dos Períodos e Formas de
Apuração do IRPJ e da CSLL das
Empresas Tributadas pelo Lucro
Presumido
P100: Balanço Patrimonial
P130: Demonstração das Receitas Incentivadas
do Lucro Presumido
P150: Demonstrativo do Resultado do Exercício
P200: Apuração da Base de Calculo do Lucro
Presumido
P230: Calculo da Isenção e Redução do Lucro
Presumido
P300: Calculo do IRPJ com Base no Lucro
Presumido
P400: Apuração da Base de Calculo da CSLL
com Base no Lucro Presumido
P500: Calculo da CSLL com Base no Lucro
Presumido
P990: Encerramento do Bloco P
Layout da ECF (cont.)
© 2015 KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da
rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”),
uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653)
7
Bloco T: Lucro Arbitrado
T001: Abertura do Bloco T
T030: Identificação dos Períodos e Formas de
Apuração do IRPJ e da CSLL das
Empresas Tributadas pelo Lucro Arbtirado
T120: Apuração da Base de Calculo do IRPJ com
Base no Lucro Arbitrado
T150: Calculo do IRPJ com Base no Lucro
Arbitrado
T170: Apuração da Base de Calculo da CSLL
com Base no Lucro Arbitrado
T181: Calculo da CSLL com Base no Lucro
Arbitrado
T990: Encerramento do Bloco T
Bloco U: Imunes e Isentas
U001: Abertura do Bloco U
U030: Identificação dos Períodos e Formas de
Apuração do IRPJ e da CSLL das
Empresas Imunes e Isentas
U100: Balanço Patrimonial
U150: Demonstração do Resultado
U180: Calculo do IRPJ das Empresas Imunes e
Isentas
U182: Calculo da CSLL das Empresas Imunes e
Isentas
U990: Encerramento do Bloco U
Bloco X: Informações Econômicas
X001: Abertura do Bloco X
X280: Atividades Incentivadas
X291: Oper. c/ ext. Pessoa Vinculada/
X292: Oper. c/ ext. Pessoa Não Vinculada
X300: Oper. c/ ext. Exportações (Entradas)
X310: Oper. c/ ext. Contratantes das Exportações
X320: Oper. c/ ext. Importações (Saída)
X330: Oper. c/ ext. Contratantes das Importações
X340: Participações no Exterior
X350: Participações no Exterior Resultado
X351: Demonstrativo de Resultado e de Imposto Pago no
Exterior
X352: Demonstrativo de Resultados no Exterior Auferidos
por Intermédio de Coligadas em Regime de Caixa
X353: Demonstrativo de Consolidação
X354: Demonstrativo de Prejuízos Acumulados
X355: Demonstrativo de Rendas Ativas e Passivas
X356: Demonstrativo de Estrutura Societária
X390: Doar Imunes e Isentas
X400: Comercio Eletrônico e TI
X410: Comercio Eletrônico
X420: Royalties Recebidos do Brasil e do Exterior
X430: Rendimentos Recebidos do Brasil e do Ext.
X450: Pagamentos/Remessas Recebidos do Brasil e do
Exterior
X460: Inovação Tecnológica e Desenvolvimento
Tecnológico
X470: Capacitação de Informática e Inclusão Digital
X480: Repes, Recap, Padis, PATVD (...)
X490: ZFM e Amazônia Ocidental
X500: ZPE
X510: ALC
X990: Encerramento do Bloco X
Layout da ECF (cont.)
© 2015 KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da
rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”),
uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653)
8
Bloco Y: Informações Gerais
Bloco 9: Encerramento do Arquivo
Digital
9001: Abertura do Bloco 9
9900: Registros do Arquivo
9990: Encerramento do Bloco 9
9999: Encerramento do Arquivo Digital
Y630: Fundos/Clubes de Investimento
Y640: Participações em Consórcios de
Empresas
Y650: Participantes do Consorcio
Y660: Dados de Sucessoras
Y665: Demonstrativo das Diferenças na
Adoção Inicial
Y671: Outras Informações
Y672: Outras Informações (Lucro Presumido) ¡V
Ano Anterior
Y680: Mês das Informações de Optantes pelo
Refis (Lucros Real, Presumido e
Arbitrado)
Y681: Informações de Optantes pelo Refis
(Lucros Real, Presumido e Arbitrado)
Y682: Informações de Optantes pelo Refis ¡V
Imunes ou Isentas
Y690: Informações de Optantes pelo PSage
Y990: Encerramento do Bloco Y
Y001: Abertura do Bloco Y
Y520: Pagamentos/Recebimentos do Exterior
ou de Não Residentes
Y540: Discriminação da Receita de Vendas dos
Estabelecimentos por Atividade
Econômica
Y550: Vendas a Comercial Exportadora com
Fim Especifico de Exportação
Y560: Detalhamento das Exportações da
Comercial Exportadora
Y570: Demonstrativo do Imposto de Renda,
CSLL e Contribuição Previdenciária
Retidos na Fonte
Y580: Doações a Campanhas Eleitorais
Y590: Ativos no Exterior
Y600: Identificação de Sócios ou Titular
Y611: Rendimentos de Dirigentes,
Conselheiros, Sócios ou Titular
Y612: Rendimentos de Dirigentes e
Conselheiros - Imunes ou Isentas
Y620: Participação Permanente em Coligadas
ou Controladas
Layout da ECF (cont.)
© 2015 KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da
rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”),
uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653)
9
Vinculação das adições e exclusões efetuadas nas apurações do IRPJ e da CSLL ao
efetivo lançamento contábil: necessidade de revisão dos procedimentos efetuados para os
registros contábeis que possuem impacto fiscal.
Apresentação da Parte B do LALUR em meio digital: necessidade de revisão dos saldos
iniciais dos montantes registrados na Parte B do LALUR para a carga inicial da declaração.
Análise dos impactos fiscais decorrentes da nova legislação fiscal: mapeamento de
todos os efeitos da nova legislação fiscal e alteração nos procedimentos atuais visando a
atender às novas necessidades.
Dependência de informações prestadas por diversos setores da empresa: necessidade
da adequação ao layout da declaração das informações a ser disponibilizadas por outros
setores da empresa. Por exemplo: financeiro, RH, suprimentos etc.
Inconsistências entre as obrigações acessórias: inconsistências já existentes nos SPEDs
Contábil e Fiscal que demandem ajustes.
Desafios
© 2015 KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da
rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”),
uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653)
10
J050 – De/Para entre o plano
contábil do contribuinte e o plano
referencial.
M300 – Lançamentos da Parte A do
LALUR referenciados com as contas
contábeis e a Parte B do LALUR no
tocante aos ajustes.
M305 – Reprodução do LALUR
Parte B.
Demandará as
informações vinculadas
com a Parte A do LALUR
pelo registro M310 (contas
contábeis) e M312
(número dos lançamentos
contábeis) para gerar a
Parte B.
© 2015 KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da
rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”),
uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653)
11
Escopo do projeto (cont.)
Exemplo com
lançamentos contábeis.
Cada lançamento do Registro M300 (Parte A do LALUR)
demandará: (i) um Registro M305 no caso de diferença temporária,
(ii) um Registro M310 (contas contábeis) e (iii) um Registro M312
(número dos lançamentos contábeis)
(*) Verificamos que na versão beta os dados podem ser preenchidos
manualmente.
M310
M305
M312
© 2015 KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da
rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”),
uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653)
12
Escopo do projeto (cont.)
Saldo dos
lançamentos
utilizado na Parte A.
Soma dos
lançamentos
contábeis: 70.000,00 Saldo da Conta: 108.769,55
Total do Lanç.: (70.000,00)
Saldo: 38.769,55
© 2015 KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da
rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”),
uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653)
13
Multa pela não apresentação ou pela apresentação em atraso da ECF
● Equivalente a 0,25% por mês do lucro líquido antes do IRPJ/da CSLL no período a que se refere
a apuração, limitada a 10% relativamente às pessoas jurídicas que deixarem de apresentar ou
apresentarem em atraso o livro.
Quando não houver lucro líquido, antes do IRPJ/da CSLL, no período de apuração a que se
refere a escrituração, deverá ser utilizado o lucro líquido, antes do IRPJ/da CSLL do último
período de apuração informado, atualizado pela SELIC, até o termo final de encerramento do
período a que se refere a escrituração.
● Limite de R$ 100.000,00 para as pessoas jurídicas que no ano-calendário anterior tiverem
auferido receita bruta total igual ou inferior a R$ 3.600.000,00
● Limite de R$ 5.000.000,00 para as demais pessoas jurídicas.
Multa em decorrência de valor omitido, inexato ou incorreto
● 3%, não inferior a R$ 100,00, do valor omitido, inexato ou incorreto
ECF – Multas aplicáveis
Antonio C. Bruno
Gerente sênior
Corporate Tax
+55 (11) 2183-6514
abruno@kpmg.com.br
© 20XX KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da rede KPMG de firmas-membro independentes
e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”), uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653)
O nome KPMG, o logotipo e “cutting through complexity” são marcas registradas ou comerciais da KPMG International.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

LRF - Lei de Responsabilidade Fiscal.
LRF - Lei de Responsabilidade Fiscal.LRF - Lei de Responsabilidade Fiscal.
LRF - Lei de Responsabilidade Fiscal.
Guy Valerio Barros dos Santos
 
Imposto sobre Produtos Industrializados - IPI
Imposto sobre Produtos Industrializados - IPIImposto sobre Produtos Industrializados - IPI
Imposto sobre Produtos Industrializados - IPI
Fabiana Del Padre Tomé
 
2 7) 1001 questões de concurso - direito constitucional - fcc - 2012
2 7) 1001 questões de concurso - direito constitucional - fcc - 20122 7) 1001 questões de concurso - direito constitucional - fcc - 2012
2 7) 1001 questões de concurso - direito constitucional - fcc - 2012
Margelo Costa Santos Costa
 
Direito Previdenciário Concurso INSS 2015
Direito Previdenciário Concurso INSS 2015Direito Previdenciário Concurso INSS 2015
Direito Previdenciário Concurso INSS 2015
Estratégia Concursos
 
ICMS Dispositivos constitucionais
ICMS Dispositivos constitucionaisICMS Dispositivos constitucionais
ICMS Dispositivos constitucionais
elliando dias
 
Suspensão da exigibilidade do crédito tributário ibet
Suspensão da exigibilidade do crédito tributário   ibetSuspensão da exigibilidade do crédito tributário   ibet
Suspensão da exigibilidade do crédito tributário ibet
Rosangela Garcia
 
Resumo de Português p/ Concurso INSS 2016
Resumo de Português p/ Concurso INSS 2016Resumo de Português p/ Concurso INSS 2016
Resumo de Português p/ Concurso INSS 2016
Estratégia Concursos
 
Questões+8.112 90+cespe
Questões+8.112 90+cespeQuestões+8.112 90+cespe
Questões+8.112 90+cespe
lucasjatem
 
Questões para fixação da lei n 8112
Questões para fixação da lei n 8112Questões para fixação da lei n 8112
Questões para fixação da lei n 8112
Sil Vitorio
 
Constituição e emendas constitucionais
Constituição e emendas constitucionaisConstituição e emendas constitucionais
Constituição e emendas constitucionais
Marcos Gomes Lino
 
Caderno -de--questoes---lei-811290
Caderno -de--questoes---lei-811290Caderno -de--questoes---lei-811290
Caderno -de--questoes---lei-811290
Herval Vieira
 
1 7) 1001 questões de concurso - direito administrativo - fcc - 2012
1 7) 1001 questões de concurso - direito administrativo - fcc - 20121 7) 1001 questões de concurso - direito administrativo - fcc - 2012
1 7) 1001 questões de concurso - direito administrativo - fcc - 2012
Madá Cunha
 

Mais procurados (12)

LRF - Lei de Responsabilidade Fiscal.
LRF - Lei de Responsabilidade Fiscal.LRF - Lei de Responsabilidade Fiscal.
LRF - Lei de Responsabilidade Fiscal.
 
Imposto sobre Produtos Industrializados - IPI
Imposto sobre Produtos Industrializados - IPIImposto sobre Produtos Industrializados - IPI
Imposto sobre Produtos Industrializados - IPI
 
2 7) 1001 questões de concurso - direito constitucional - fcc - 2012
2 7) 1001 questões de concurso - direito constitucional - fcc - 20122 7) 1001 questões de concurso - direito constitucional - fcc - 2012
2 7) 1001 questões de concurso - direito constitucional - fcc - 2012
 
Direito Previdenciário Concurso INSS 2015
Direito Previdenciário Concurso INSS 2015Direito Previdenciário Concurso INSS 2015
Direito Previdenciário Concurso INSS 2015
 
ICMS Dispositivos constitucionais
ICMS Dispositivos constitucionaisICMS Dispositivos constitucionais
ICMS Dispositivos constitucionais
 
Suspensão da exigibilidade do crédito tributário ibet
Suspensão da exigibilidade do crédito tributário   ibetSuspensão da exigibilidade do crédito tributário   ibet
Suspensão da exigibilidade do crédito tributário ibet
 
Resumo de Português p/ Concurso INSS 2016
Resumo de Português p/ Concurso INSS 2016Resumo de Português p/ Concurso INSS 2016
Resumo de Português p/ Concurso INSS 2016
 
Questões+8.112 90+cespe
Questões+8.112 90+cespeQuestões+8.112 90+cespe
Questões+8.112 90+cespe
 
Questões para fixação da lei n 8112
Questões para fixação da lei n 8112Questões para fixação da lei n 8112
Questões para fixação da lei n 8112
 
Constituição e emendas constitucionais
Constituição e emendas constitucionaisConstituição e emendas constitucionais
Constituição e emendas constitucionais
 
Caderno -de--questoes---lei-811290
Caderno -de--questoes---lei-811290Caderno -de--questoes---lei-811290
Caderno -de--questoes---lei-811290
 
1 7) 1001 questões de concurso - direito administrativo - fcc - 2012
1 7) 1001 questões de concurso - direito administrativo - fcc - 20121 7) 1001 questões de concurso - direito administrativo - fcc - 2012
1 7) 1001 questões de concurso - direito administrativo - fcc - 2012
 

Destaque

Estrutura patrimonial e plano de contas
Estrutura patrimonial e plano de contasEstrutura patrimonial e plano de contas
Estrutura patrimonial e plano de contas
Concurseiro Antenado
 
Modelo de plano de contas
Modelo de plano de contasModelo de plano de contas
Modelo de plano de contas
Osmar Siqueira
 
Plano de contas (geral)
Plano de contas (geral)Plano de contas (geral)
Plano de contas (geral)
ELISMARCOS DIAS SILVA
 
Contabilidade plano contas_simplificado_1_sem_2010
Contabilidade plano contas_simplificado_1_sem_2010Contabilidade plano contas_simplificado_1_sem_2010
Contabilidade plano contas_simplificado_1_sem_2010
razonetecontabil
 
Apostila teoria contabil
Apostila teoria contabilApostila teoria contabil
Apostila teoria contabil
zeramento contabil
 
Plano de contas
Plano de contasPlano de contas
Plano de contas
Felipe Leo
 
Contabilidade i plano de contas
Contabilidade i   plano de contasContabilidade i   plano de contas
Contabilidade i plano de contas
geral contabil
 
Modelo de plano de contas
Modelo de plano de contasModelo de plano de contas
Modelo de plano de contas
Fafá Mota
 
Modelo plano de contas
Modelo plano de contasModelo plano de contas
Modelo plano de contas
apostilacontabil
 
Manual de contabilidade aplicada ao setor público plano de contas
Manual de contabilidade aplicada ao setor público plano de contasManual de contabilidade aplicada ao setor público plano de contas
Manual de contabilidade aplicada ao setor público plano de contas
José Ripardo
 
Apresentacao Plano De Contas
Apresentacao Plano De ContasApresentacao Plano De Contas
Apresentacao Plano De Contas
Rafhael Sena
 
Plano de contas contabeis conforme Lei 11638/2007
Plano de contas contabeis conforme Lei 11638/2007Plano de contas contabeis conforme Lei 11638/2007
Plano de contas contabeis conforme Lei 11638/2007
wiltonroberto
 

Destaque (12)

Estrutura patrimonial e plano de contas
Estrutura patrimonial e plano de contasEstrutura patrimonial e plano de contas
Estrutura patrimonial e plano de contas
 
Modelo de plano de contas
Modelo de plano de contasModelo de plano de contas
Modelo de plano de contas
 
Plano de contas (geral)
Plano de contas (geral)Plano de contas (geral)
Plano de contas (geral)
 
Contabilidade plano contas_simplificado_1_sem_2010
Contabilidade plano contas_simplificado_1_sem_2010Contabilidade plano contas_simplificado_1_sem_2010
Contabilidade plano contas_simplificado_1_sem_2010
 
Apostila teoria contabil
Apostila teoria contabilApostila teoria contabil
Apostila teoria contabil
 
Plano de contas
Plano de contasPlano de contas
Plano de contas
 
Contabilidade i plano de contas
Contabilidade i   plano de contasContabilidade i   plano de contas
Contabilidade i plano de contas
 
Modelo de plano de contas
Modelo de plano de contasModelo de plano de contas
Modelo de plano de contas
 
Modelo plano de contas
Modelo plano de contasModelo plano de contas
Modelo plano de contas
 
Manual de contabilidade aplicada ao setor público plano de contas
Manual de contabilidade aplicada ao setor público plano de contasManual de contabilidade aplicada ao setor público plano de contas
Manual de contabilidade aplicada ao setor público plano de contas
 
Apresentacao Plano De Contas
Apresentacao Plano De ContasApresentacao Plano De Contas
Apresentacao Plano De Contas
 
Plano de contas contabeis conforme Lei 11638/2007
Plano de contas contabeis conforme Lei 11638/2007Plano de contas contabeis conforme Lei 11638/2007
Plano de contas contabeis conforme Lei 11638/2007
 

Semelhante a ECF – Desafios

Jose jayme moraes_jr_06
Jose jayme moraes_jr_06Jose jayme moraes_jr_06
Jose jayme moraes_jr_06
decision-it
 
EFD-IRPJ
EFD-IRPJEFD-IRPJ
2 forum sped fabio almeida
2 forum sped   fabio almeida2 forum sped   fabio almeida
2 forum sped fabio almeida
Professor Edgar Madruga
 
Alterações no SPED para 2015
Alterações no SPED para 2015Alterações no SPED para 2015
Alterações no SPED para 2015
Edgar Gonçalves
 
Alterações no sped 2015, o que vem de novo? Escrituração de Retenções e Infor...
Alterações no sped 2015, o que vem de novo? Escrituração de Retenções e Infor...Alterações no sped 2015, o que vem de novo? Escrituração de Retenções e Infor...
Alterações no sped 2015, o que vem de novo? Escrituração de Retenções e Infor...
Tania Gurgel
 
Mauro Negruni - Fórum SPED Belém - EFD IRPJ
Mauro Negruni - Fórum SPED Belém - EFD IRPJMauro Negruni - Fórum SPED Belém - EFD IRPJ
Mauro Negruni - Fórum SPED Belém - EFD IRPJ
decision-it
 
Apresentação 3° Fórum SPED | Clóvis Belbute: A Escrituração Contábil Fiscal
Apresentação 3° Fórum SPED | Clóvis Belbute: A Escrituração Contábil FiscalApresentação 3° Fórum SPED | Clóvis Belbute: A Escrituração Contábil Fiscal
Apresentação 3° Fórum SPED | Clóvis Belbute: A Escrituração Contábil Fiscal
decision-it
 
2 forum sped goiania clovis
2 forum sped goiania clovis 2 forum sped goiania clovis
2 forum sped goiania clovis
Professor Edgar Madruga
 
Efd contribuies-junho2012-receita federal
Efd contribuies-junho2012-receita federalEfd contribuies-junho2012-receita federal
Efd contribuies-junho2012-receita federal
Tania Gurgel
 
Palestra da RFB sobre EFD-Contribuiçóes - junho 2012
Palestra da RFB sobre EFD-Contribuiçóes - junho 2012Palestra da RFB sobre EFD-Contribuiçóes - junho 2012
Palestra da RFB sobre EFD-Contribuiçóes - junho 2012
Roberto Dias Duarte
 
Pwc ECF
Pwc ECFPwc ECF
Pwc ECF
Edu Ferreira
 
Painel Escrituração Contábil Fiscal 2015
Painel Escrituração Contábil Fiscal 2015Painel Escrituração Contábil Fiscal 2015
Painel Escrituração Contábil Fiscal 2015
Edgar Gonçalves
 
SAGE | IOB CORPORATIVO - MAPEAMENTO DE RISCOS ECF
SAGE | IOB CORPORATIVO - MAPEAMENTO DE RISCOS ECFSAGE | IOB CORPORATIVO - MAPEAMENTO DE RISCOS ECF
SAGE | IOB CORPORATIVO - MAPEAMENTO DE RISCOS ECF
Martcom Digital
 
IRC 2013 - Sabe se a sua empresa vai pagar muito imposto em 2014?
IRC 2013 - Sabe se a sua empresa vai pagar muito imposto em 2014?IRC 2013 - Sabe se a sua empresa vai pagar muito imposto em 2014?
IRC 2013 - Sabe se a sua empresa vai pagar muito imposto em 2014?
UWU Solutions, Lda.
 
Estudo resultado fiscalização_receita_federal_2014
Estudo resultado fiscalização_receita_federal_2014Estudo resultado fiscalização_receita_federal_2014
Estudo resultado fiscalização_receita_federal_2014
Innovare Tributos
 
Um importância da contabilidade
Um importância da contabilidadeUm importância da contabilidade
Um importância da contabilidade
Nilton Facci
 
Gestão como uma visão de resultados da Receita Federal
Gestão como uma visão de resultados da Receita FederalGestão como uma visão de resultados da Receita Federal
Gestão como uma visão de resultados da Receita Federal
Gestão Pública: Pensando Diferente
 
200 questões comentadas contabilidade geral fcc
200 questões comentadas contabilidade geral   fcc200 questões comentadas contabilidade geral   fcc
200 questões comentadas contabilidade geral fcc
Higor Silva
 
Passo a passo - Erro ecf base de calculo negativa lacs
Passo a passo - Erro ecf base de calculo negativa lacsPasso a passo - Erro ecf base de calculo negativa lacs
Passo a passo - Erro ecf base de calculo negativa lacs
Conselho Regional de Contabilidade do Estado do Ceará
 
Anefac gt processos e riscos e social 8 out-2013 xrisk
Anefac gt processos e riscos e social 8 out-2013 xriskAnefac gt processos e riscos e social 8 out-2013 xrisk
Anefac gt processos e riscos e social 8 out-2013 xrisk
Numeric Contadores
 

Semelhante a ECF – Desafios (20)

Jose jayme moraes_jr_06
Jose jayme moraes_jr_06Jose jayme moraes_jr_06
Jose jayme moraes_jr_06
 
EFD-IRPJ
EFD-IRPJEFD-IRPJ
EFD-IRPJ
 
2 forum sped fabio almeida
2 forum sped   fabio almeida2 forum sped   fabio almeida
2 forum sped fabio almeida
 
Alterações no SPED para 2015
Alterações no SPED para 2015Alterações no SPED para 2015
Alterações no SPED para 2015
 
Alterações no sped 2015, o que vem de novo? Escrituração de Retenções e Infor...
Alterações no sped 2015, o que vem de novo? Escrituração de Retenções e Infor...Alterações no sped 2015, o que vem de novo? Escrituração de Retenções e Infor...
Alterações no sped 2015, o que vem de novo? Escrituração de Retenções e Infor...
 
Mauro Negruni - Fórum SPED Belém - EFD IRPJ
Mauro Negruni - Fórum SPED Belém - EFD IRPJMauro Negruni - Fórum SPED Belém - EFD IRPJ
Mauro Negruni - Fórum SPED Belém - EFD IRPJ
 
Apresentação 3° Fórum SPED | Clóvis Belbute: A Escrituração Contábil Fiscal
Apresentação 3° Fórum SPED | Clóvis Belbute: A Escrituração Contábil FiscalApresentação 3° Fórum SPED | Clóvis Belbute: A Escrituração Contábil Fiscal
Apresentação 3° Fórum SPED | Clóvis Belbute: A Escrituração Contábil Fiscal
 
2 forum sped goiania clovis
2 forum sped goiania clovis 2 forum sped goiania clovis
2 forum sped goiania clovis
 
Efd contribuies-junho2012-receita federal
Efd contribuies-junho2012-receita federalEfd contribuies-junho2012-receita federal
Efd contribuies-junho2012-receita federal
 
Palestra da RFB sobre EFD-Contribuiçóes - junho 2012
Palestra da RFB sobre EFD-Contribuiçóes - junho 2012Palestra da RFB sobre EFD-Contribuiçóes - junho 2012
Palestra da RFB sobre EFD-Contribuiçóes - junho 2012
 
Pwc ECF
Pwc ECFPwc ECF
Pwc ECF
 
Painel Escrituração Contábil Fiscal 2015
Painel Escrituração Contábil Fiscal 2015Painel Escrituração Contábil Fiscal 2015
Painel Escrituração Contábil Fiscal 2015
 
SAGE | IOB CORPORATIVO - MAPEAMENTO DE RISCOS ECF
SAGE | IOB CORPORATIVO - MAPEAMENTO DE RISCOS ECFSAGE | IOB CORPORATIVO - MAPEAMENTO DE RISCOS ECF
SAGE | IOB CORPORATIVO - MAPEAMENTO DE RISCOS ECF
 
IRC 2013 - Sabe se a sua empresa vai pagar muito imposto em 2014?
IRC 2013 - Sabe se a sua empresa vai pagar muito imposto em 2014?IRC 2013 - Sabe se a sua empresa vai pagar muito imposto em 2014?
IRC 2013 - Sabe se a sua empresa vai pagar muito imposto em 2014?
 
Estudo resultado fiscalização_receita_federal_2014
Estudo resultado fiscalização_receita_federal_2014Estudo resultado fiscalização_receita_federal_2014
Estudo resultado fiscalização_receita_federal_2014
 
Um importância da contabilidade
Um importância da contabilidadeUm importância da contabilidade
Um importância da contabilidade
 
Gestão como uma visão de resultados da Receita Federal
Gestão como uma visão de resultados da Receita FederalGestão como uma visão de resultados da Receita Federal
Gestão como uma visão de resultados da Receita Federal
 
200 questões comentadas contabilidade geral fcc
200 questões comentadas contabilidade geral   fcc200 questões comentadas contabilidade geral   fcc
200 questões comentadas contabilidade geral fcc
 
Passo a passo - Erro ecf base de calculo negativa lacs
Passo a passo - Erro ecf base de calculo negativa lacsPasso a passo - Erro ecf base de calculo negativa lacs
Passo a passo - Erro ecf base de calculo negativa lacs
 
Anefac gt processos e riscos e social 8 out-2013 xrisk
Anefac gt processos e riscos e social 8 out-2013 xriskAnefac gt processos e riscos e social 8 out-2013 xrisk
Anefac gt processos e riscos e social 8 out-2013 xrisk
 

Mais de Edgar Gonçalves

EFD ICMS/IPI - Bloco K
EFD ICMS/IPI - Bloco KEFD ICMS/IPI - Bloco K
EFD ICMS/IPI - Bloco K
Edgar Gonçalves
 
Substituição Tributária do ICMS/SP
Substituição Tributária do ICMS/SPSubstituição Tributária do ICMS/SP
Substituição Tributária do ICMS/SP
Edgar Gonçalves
 
RETENÇÃO de TRIBUTOS (IR, PIS, COFINS, CSLL, INSS e ISS)
RETENÇÃO de TRIBUTOS (IR, PIS, COFINS, CSLL, INSS e ISS)RETENÇÃO de TRIBUTOS (IR, PIS, COFINS, CSLL, INSS e ISS)
RETENÇÃO de TRIBUTOS (IR, PIS, COFINS, CSLL, INSS e ISS)
Edgar Gonçalves
 
A Carga Tributária no Brasil: Repercussões na Indústria de Transformação
A Carga Tributária no Brasil: Repercussões na Indústria de TransformaçãoA Carga Tributária no Brasil: Repercussões na Indústria de Transformação
A Carga Tributária no Brasil: Repercussões na Indústria de Transformação
Edgar Gonçalves
 
Emenda Constitucional 87/2015 - DIFAL - Perguntas e Respostas'
Emenda Constitucional 87/2015 - DIFAL - Perguntas e Respostas'Emenda Constitucional 87/2015 - DIFAL - Perguntas e Respostas'
Emenda Constitucional 87/2015 - DIFAL - Perguntas e Respostas'
Edgar Gonçalves
 
Emenda Constitucional 87/2015 - Adequações paulistas à nova legislação do ICMS
Emenda Constitucional 87/2015 - Adequações paulistas à nova legislação do ICMSEmenda Constitucional 87/2015 - Adequações paulistas à nova legislação do ICMS
Emenda Constitucional 87/2015 - Adequações paulistas à nova legislação do ICMS
Edgar Gonçalves
 
NOVA CONTRIBUIÇÃO PARA O PIS/PASEP
NOVA CONTRIBUIÇÃO PARA O PIS/PASEPNOVA CONTRIBUIÇÃO PARA O PIS/PASEP
NOVA CONTRIBUIÇÃO PARA O PIS/PASEP
Edgar Gonçalves
 
Geração do Bloco K no SPED Fiscal: Registro de Controle da Produção e do Estoque
Geração do Bloco K no SPED Fiscal: Registro de Controle da Produção e do EstoqueGeração do Bloco K no SPED Fiscal: Registro de Controle da Produção e do Estoque
Geração do Bloco K no SPED Fiscal: Registro de Controle da Produção e do Estoque
Edgar Gonçalves
 
Maturidade do Compliance no Brasil
Maturidade do Compliance no BrasilMaturidade do Compliance no Brasil
Maturidade do Compliance no Brasil
Edgar Gonçalves
 
ECF/ECD - Infográfico
ECF/ECD - InfográficoECF/ECD - Infográfico
ECF/ECD - Infográfico
Edgar Gonçalves
 
DRAWBACK
DRAWBACKDRAWBACK
DCTF Web
DCTF WebDCTF Web
BIPBOP - Automação de consultas à CNPJ, CPF e outros
BIPBOP - Automação de consultas à CNPJ, CPF e outrosBIPBOP - Automação de consultas à CNPJ, CPF e outros
BIPBOP - Automação de consultas à CNPJ, CPF e outros
Edgar Gonçalves
 
OEA - Operador Economico Autorizado
OEA - Operador Economico AutorizadoOEA - Operador Economico Autorizado
OEA - Operador Economico Autorizado
Edgar Gonçalves
 
Construindo as condições para a retomada do crescimento
Construindo as condições para a retomada do crescimentoConstruindo as condições para a retomada do crescimento
Construindo as condições para a retomada do crescimento
Edgar Gonçalves
 
Desafios do Contencioso
Desafios do ContenciosoDesafios do Contencioso
Desafios do Contencioso
Edgar Gonçalves
 
Aspectos Tributários no Comércio Exterior de Serviços
Aspectos Tributários no Comércio Exterior de ServiçosAspectos Tributários no Comércio Exterior de Serviços
Aspectos Tributários no Comércio Exterior de Serviços
Edgar Gonçalves
 
Entendendo o eSocial
Entendendo o eSocialEntendendo o eSocial
Entendendo o eSocial
Edgar Gonçalves
 
SISCOSERV
SISCOSERVSISCOSERV
SISCOSERV
Edgar Gonçalves
 
Bloco K
Bloco KBloco K

Mais de Edgar Gonçalves (20)

EFD ICMS/IPI - Bloco K
EFD ICMS/IPI - Bloco KEFD ICMS/IPI - Bloco K
EFD ICMS/IPI - Bloco K
 
Substituição Tributária do ICMS/SP
Substituição Tributária do ICMS/SPSubstituição Tributária do ICMS/SP
Substituição Tributária do ICMS/SP
 
RETENÇÃO de TRIBUTOS (IR, PIS, COFINS, CSLL, INSS e ISS)
RETENÇÃO de TRIBUTOS (IR, PIS, COFINS, CSLL, INSS e ISS)RETENÇÃO de TRIBUTOS (IR, PIS, COFINS, CSLL, INSS e ISS)
RETENÇÃO de TRIBUTOS (IR, PIS, COFINS, CSLL, INSS e ISS)
 
A Carga Tributária no Brasil: Repercussões na Indústria de Transformação
A Carga Tributária no Brasil: Repercussões na Indústria de TransformaçãoA Carga Tributária no Brasil: Repercussões na Indústria de Transformação
A Carga Tributária no Brasil: Repercussões na Indústria de Transformação
 
Emenda Constitucional 87/2015 - DIFAL - Perguntas e Respostas'
Emenda Constitucional 87/2015 - DIFAL - Perguntas e Respostas'Emenda Constitucional 87/2015 - DIFAL - Perguntas e Respostas'
Emenda Constitucional 87/2015 - DIFAL - Perguntas e Respostas'
 
Emenda Constitucional 87/2015 - Adequações paulistas à nova legislação do ICMS
Emenda Constitucional 87/2015 - Adequações paulistas à nova legislação do ICMSEmenda Constitucional 87/2015 - Adequações paulistas à nova legislação do ICMS
Emenda Constitucional 87/2015 - Adequações paulistas à nova legislação do ICMS
 
NOVA CONTRIBUIÇÃO PARA O PIS/PASEP
NOVA CONTRIBUIÇÃO PARA O PIS/PASEPNOVA CONTRIBUIÇÃO PARA O PIS/PASEP
NOVA CONTRIBUIÇÃO PARA O PIS/PASEP
 
Geração do Bloco K no SPED Fiscal: Registro de Controle da Produção e do Estoque
Geração do Bloco K no SPED Fiscal: Registro de Controle da Produção e do EstoqueGeração do Bloco K no SPED Fiscal: Registro de Controle da Produção e do Estoque
Geração do Bloco K no SPED Fiscal: Registro de Controle da Produção e do Estoque
 
Maturidade do Compliance no Brasil
Maturidade do Compliance no BrasilMaturidade do Compliance no Brasil
Maturidade do Compliance no Brasil
 
ECF/ECD - Infográfico
ECF/ECD - InfográficoECF/ECD - Infográfico
ECF/ECD - Infográfico
 
DRAWBACK
DRAWBACKDRAWBACK
DRAWBACK
 
DCTF Web
DCTF WebDCTF Web
DCTF Web
 
BIPBOP - Automação de consultas à CNPJ, CPF e outros
BIPBOP - Automação de consultas à CNPJ, CPF e outrosBIPBOP - Automação de consultas à CNPJ, CPF e outros
BIPBOP - Automação de consultas à CNPJ, CPF e outros
 
OEA - Operador Economico Autorizado
OEA - Operador Economico AutorizadoOEA - Operador Economico Autorizado
OEA - Operador Economico Autorizado
 
Construindo as condições para a retomada do crescimento
Construindo as condições para a retomada do crescimentoConstruindo as condições para a retomada do crescimento
Construindo as condições para a retomada do crescimento
 
Desafios do Contencioso
Desafios do ContenciosoDesafios do Contencioso
Desafios do Contencioso
 
Aspectos Tributários no Comércio Exterior de Serviços
Aspectos Tributários no Comércio Exterior de ServiçosAspectos Tributários no Comércio Exterior de Serviços
Aspectos Tributários no Comércio Exterior de Serviços
 
Entendendo o eSocial
Entendendo o eSocialEntendendo o eSocial
Entendendo o eSocial
 
SISCOSERV
SISCOSERVSISCOSERV
SISCOSERV
 
Bloco K
Bloco KBloco K
Bloco K
 

ECF – Desafios

  • 1. Escrituração Contábil Fiscal - ECF Privado & Confidencial Câmara de Comércio e Indústria Japonesa do Brasil 28 de abril de 2015
  • 2. © 2015 KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”), uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653) 2 Em dezembro de 2009, a Receita Federal do Brasil (RFB) publicou a Instrução Normativa nº 989/2009, que instituiu o Livro Eletrônico de Escrituração e Apuração do Imposto sobre a Renda e da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido da Pessoa Jurídica Tributada pelo Lucro Real (e-Lalur). O intuito era de incorporar as informações relativas ao IRPJ e à CSLL ao ambiente do Sistema Público de Escrituração Digital (SPED). Dessa forma, a norma determinava que a escrituração e a entrega do e-LALUR era obrigatória para as pessoas jurídicas sujeitas à apuração do Imposto sobre a Renda pelo regime do lucro real. Entretanto, em 2013, a RFB, por meio da IN RFB nº 1.422/2013, introduziu a Escrituração Contábil Fiscal (ECF), cuja apresentação é obrigatória para as pessoas jurídicas sujeitas à apuração do Imposto sobre a Renda pelo regime do lucro real, lucro presumido ou lucro arbitrado, e também para as pessoas jurídicas imunes e isentas. ECF Substitui a Declaração de Informações Econômico-fiscais da Pessoa Jurídica (DIPJ), a partir do ano-calendário de 2014, com entrega prevista para o último dia útil do mês de setembro de 2015 no ambiente do SPED. O que é a ECF?
  • 3. © 2015 KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”), uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653) 3 Principais informações a serem prestadas Dados cadastrais Informações Contábeis Planos de Contas Contábeis Saldos contábeis por centros de custo Balanço Patrimonial Avaliação de estoques e Composição de Custos Apuração dos tributos  Demonstração do Lucro Real e da Base de Cálculo da CSLL  Ajustes de Regime Tributário de Transição  Lançamentos das Partes A e B do LALUR  Cálculo dos tributos mensais recolhidos por estimativa  Apuração dos tributos com base no lucro presumido ou arbitrado Informações econômicas e outras Fontes de informação
  • 4. © 2015 KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”), uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653) 4 Bloco 0: Abertura, Identificação e Referências 0000: Abertura do Arquivo Digital e Identificação da Entidade 0010: Abertura do Arquivo Digital e Identificação da Entidade 0020: Parâmetros Complementares 0030: Dados Cadastrais 0035: Identificação das SCP 0930: Identificação dos Signatários da ECF 0990: Encerramento do Bloco 0 Bloco C: Informações Recuperadas da ECD C001: Abertura do Bloco C C040: Identificador da ECD C050: Plano de Contas da ECD C051: Plano Referencial C053: Subcontas Correlatas C100: Centro de Custos C150: Identificação do Período dos Saldos Periódicos das Contas Patrimoniais C155: Detalhes dos Saldos Contábeis Patrimoniais C157: Transferência de Saldos do Plano de Contas Anterior C350: Identificação da Data dos Saldos das Contas de Resultado Antes do Encerramento C355: Detalhes dos Saldos das Contas de Resultado Antes do Encerramento C990: Encerramento do Bloco C Bloco E: Informações Recuperadas da ECF Anterior e Cálculo Fiscal dos Dados Recuperados da ECD E001: Abertura do Bloco E E010: Saldos Finais Recuperados da ECF Anterior E015: Contas Contábeis Mapeadas E020: Saldos Finais das Contas na Parte B do E-Lalur da ECF Imediatamente Anterior E030: Identificação do Período E155: Detalhes dos Saldos Contábeis Calculados com Base na ECD E355: Detalhes dos Saldos das Contas de Resultado Antes do Encerramento E990: Encerramento do Bloco E Layout da ECF
  • 5. © 2015 KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”), uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653) 5 Bloco J: Plano de Contas e Mapeamento J001: Abertura do Bloco J J050: Plano de Contas do Contribuinte J051: Plano de Contas Referencial J053: Subcontas Correlatas J100: Centro de Custos J990: Encerramento do Bloco J Bloco K: Saldos das Contas Contábeis e Referenciais K001: Abertura do Bloco K K030: Identificação dos Períodos e Formas de Apuração do IRPJ e da CSLL no Ano-Calendário K155: Detalhes dos Saldos Contábeis (Depois do Encerramento do Resultado do Período) K156: Mapeamento Referencial do Saldo Final K355: Saldos Finais das Contas Contábeis de Resultado Antes do Encerramento K356: Mapeamento Referencial dos Saldos Finais das Contas Contábeis de Resultado Antes do Encerramento K990: Encerramento do Bloco K Bloco L: Lucro Real L001: Abertura do Bloco L L030: Identificação dos Períodos e Formas de Apuração do IRPJ e da CSLL no Ano- Calendário L100: Balanço Patrimonial L200: Método de Avaliação de Estoques L210: Informativo da Composição de Custos L300: Demonstração do Lucro Real, Lançamento do e- Lalur (Parte A) L990: Encerramento do Bloco L Layout da ECF (cont.)
  • 6. © 2015 KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”), uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653) 6 Bloco M: Livro Eletrônico de Apuração do Lucro Real e da Base de Cálculo da CSLL M001: Abertura do Bloco M M010: Identificação da Conta na Parte B do e-Lalur e do e-Lacs M030: Identificação dos Períodos e Formas de Apuração do IRPJ e da CSLL M300: Lançamentos da Parte A do e-Lalur M305: Conta da Parte B do e-Lalur M310: Contas Contábeis Relacionadas ao Lançamento da Parte A do e-Lalur M312: Números dos Lançamentos Relacionados a Conta Contábil M350: Lançamentos da Parte A do e-Lacs M315: Identificação de Processos M355: Conta da Parte B do e-Lacs M360: Contas Contábeis Relacionadas ao Lançamento da Parte A do e-Lacs M362: Números dos Lançamentos Relacionados a Conta Contábil M365: Identificação de Processos M410: Lançamento na Conta da Parte B do e- Lalur e do e-Lacs sem Reflexo na Parte A M415: Identificação de Processos M500: Controle de Saldos das Contas da Parte B do e-Lalur e do e-Lacs M990: Encerramento do Bloco M Bloco N: Cálculo do IRPJ e da CSLL N001: Abertura do Bloco N N030: Identificação dos Períodos e Formas de Apuração do IRPJ e da CSLL das Empresas Tributadas pelo Lucro Real N500: Base de Calculo do IRPJ Sobre o Lucro Real Apos as Compensações de Prejuízos N600: Demonstração do Lucro da Exploração N610: Calculo da Isenção e Redução do Imposto Sobre o Lucro Real N615: Informações da Base de Cálculo dos Incentivos Fiscais N620: Calculo do IRPJ Mensal por Estimativa N630: Calculo do IRPJ Com Base no Lucro Real N650: Base de Calculo da CSLL Apos as Compensações da Base de Calculo Negativa N660: Calculo da CSLL Mensal por Estimativa N670: Calculo da CSLL Com Base no Lucro Real N990: Encerramento do Bloco N Bloco P: Lucro Presumido P001: Abertura do Bloco P P030: Identificação dos Períodos e Formas de Apuração do IRPJ e da CSLL das Empresas Tributadas pelo Lucro Presumido P100: Balanço Patrimonial P130: Demonstração das Receitas Incentivadas do Lucro Presumido P150: Demonstrativo do Resultado do Exercício P200: Apuração da Base de Calculo do Lucro Presumido P230: Calculo da Isenção e Redução do Lucro Presumido P300: Calculo do IRPJ com Base no Lucro Presumido P400: Apuração da Base de Calculo da CSLL com Base no Lucro Presumido P500: Calculo da CSLL com Base no Lucro Presumido P990: Encerramento do Bloco P Layout da ECF (cont.)
  • 7. © 2015 KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”), uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653) 7 Bloco T: Lucro Arbitrado T001: Abertura do Bloco T T030: Identificação dos Períodos e Formas de Apuração do IRPJ e da CSLL das Empresas Tributadas pelo Lucro Arbtirado T120: Apuração da Base de Calculo do IRPJ com Base no Lucro Arbitrado T150: Calculo do IRPJ com Base no Lucro Arbitrado T170: Apuração da Base de Calculo da CSLL com Base no Lucro Arbitrado T181: Calculo da CSLL com Base no Lucro Arbitrado T990: Encerramento do Bloco T Bloco U: Imunes e Isentas U001: Abertura do Bloco U U030: Identificação dos Períodos e Formas de Apuração do IRPJ e da CSLL das Empresas Imunes e Isentas U100: Balanço Patrimonial U150: Demonstração do Resultado U180: Calculo do IRPJ das Empresas Imunes e Isentas U182: Calculo da CSLL das Empresas Imunes e Isentas U990: Encerramento do Bloco U Bloco X: Informações Econômicas X001: Abertura do Bloco X X280: Atividades Incentivadas X291: Oper. c/ ext. Pessoa Vinculada/ X292: Oper. c/ ext. Pessoa Não Vinculada X300: Oper. c/ ext. Exportações (Entradas) X310: Oper. c/ ext. Contratantes das Exportações X320: Oper. c/ ext. Importações (Saída) X330: Oper. c/ ext. Contratantes das Importações X340: Participações no Exterior X350: Participações no Exterior Resultado X351: Demonstrativo de Resultado e de Imposto Pago no Exterior X352: Demonstrativo de Resultados no Exterior Auferidos por Intermédio de Coligadas em Regime de Caixa X353: Demonstrativo de Consolidação X354: Demonstrativo de Prejuízos Acumulados X355: Demonstrativo de Rendas Ativas e Passivas X356: Demonstrativo de Estrutura Societária X390: Doar Imunes e Isentas X400: Comercio Eletrônico e TI X410: Comercio Eletrônico X420: Royalties Recebidos do Brasil e do Exterior X430: Rendimentos Recebidos do Brasil e do Ext. X450: Pagamentos/Remessas Recebidos do Brasil e do Exterior X460: Inovação Tecnológica e Desenvolvimento Tecnológico X470: Capacitação de Informática e Inclusão Digital X480: Repes, Recap, Padis, PATVD (...) X490: ZFM e Amazônia Ocidental X500: ZPE X510: ALC X990: Encerramento do Bloco X Layout da ECF (cont.)
  • 8. © 2015 KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”), uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653) 8 Bloco Y: Informações Gerais Bloco 9: Encerramento do Arquivo Digital 9001: Abertura do Bloco 9 9900: Registros do Arquivo 9990: Encerramento do Bloco 9 9999: Encerramento do Arquivo Digital Y630: Fundos/Clubes de Investimento Y640: Participações em Consórcios de Empresas Y650: Participantes do Consorcio Y660: Dados de Sucessoras Y665: Demonstrativo das Diferenças na Adoção Inicial Y671: Outras Informações Y672: Outras Informações (Lucro Presumido) ¡V Ano Anterior Y680: Mês das Informações de Optantes pelo Refis (Lucros Real, Presumido e Arbitrado) Y681: Informações de Optantes pelo Refis (Lucros Real, Presumido e Arbitrado) Y682: Informações de Optantes pelo Refis ¡V Imunes ou Isentas Y690: Informações de Optantes pelo PSage Y990: Encerramento do Bloco Y Y001: Abertura do Bloco Y Y520: Pagamentos/Recebimentos do Exterior ou de Não Residentes Y540: Discriminação da Receita de Vendas dos Estabelecimentos por Atividade Econômica Y550: Vendas a Comercial Exportadora com Fim Especifico de Exportação Y560: Detalhamento das Exportações da Comercial Exportadora Y570: Demonstrativo do Imposto de Renda, CSLL e Contribuição Previdenciária Retidos na Fonte Y580: Doações a Campanhas Eleitorais Y590: Ativos no Exterior Y600: Identificação de Sócios ou Titular Y611: Rendimentos de Dirigentes, Conselheiros, Sócios ou Titular Y612: Rendimentos de Dirigentes e Conselheiros - Imunes ou Isentas Y620: Participação Permanente em Coligadas ou Controladas Layout da ECF (cont.)
  • 9. © 2015 KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”), uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653) 9 Vinculação das adições e exclusões efetuadas nas apurações do IRPJ e da CSLL ao efetivo lançamento contábil: necessidade de revisão dos procedimentos efetuados para os registros contábeis que possuem impacto fiscal. Apresentação da Parte B do LALUR em meio digital: necessidade de revisão dos saldos iniciais dos montantes registrados na Parte B do LALUR para a carga inicial da declaração. Análise dos impactos fiscais decorrentes da nova legislação fiscal: mapeamento de todos os efeitos da nova legislação fiscal e alteração nos procedimentos atuais visando a atender às novas necessidades. Dependência de informações prestadas por diversos setores da empresa: necessidade da adequação ao layout da declaração das informações a ser disponibilizadas por outros setores da empresa. Por exemplo: financeiro, RH, suprimentos etc. Inconsistências entre as obrigações acessórias: inconsistências já existentes nos SPEDs Contábil e Fiscal que demandem ajustes. Desafios
  • 10. © 2015 KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”), uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653) 10 J050 – De/Para entre o plano contábil do contribuinte e o plano referencial. M300 – Lançamentos da Parte A do LALUR referenciados com as contas contábeis e a Parte B do LALUR no tocante aos ajustes. M305 – Reprodução do LALUR Parte B. Demandará as informações vinculadas com a Parte A do LALUR pelo registro M310 (contas contábeis) e M312 (número dos lançamentos contábeis) para gerar a Parte B.
  • 11. © 2015 KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”), uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653) 11 Escopo do projeto (cont.) Exemplo com lançamentos contábeis. Cada lançamento do Registro M300 (Parte A do LALUR) demandará: (i) um Registro M305 no caso de diferença temporária, (ii) um Registro M310 (contas contábeis) e (iii) um Registro M312 (número dos lançamentos contábeis) (*) Verificamos que na versão beta os dados podem ser preenchidos manualmente. M310 M305 M312
  • 12. © 2015 KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”), uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653) 12 Escopo do projeto (cont.) Saldo dos lançamentos utilizado na Parte A. Soma dos lançamentos contábeis: 70.000,00 Saldo da Conta: 108.769,55 Total do Lanç.: (70.000,00) Saldo: 38.769,55
  • 13. © 2015 KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”), uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653) 13 Multa pela não apresentação ou pela apresentação em atraso da ECF ● Equivalente a 0,25% por mês do lucro líquido antes do IRPJ/da CSLL no período a que se refere a apuração, limitada a 10% relativamente às pessoas jurídicas que deixarem de apresentar ou apresentarem em atraso o livro. Quando não houver lucro líquido, antes do IRPJ/da CSLL, no período de apuração a que se refere a escrituração, deverá ser utilizado o lucro líquido, antes do IRPJ/da CSLL do último período de apuração informado, atualizado pela SELIC, até o termo final de encerramento do período a que se refere a escrituração. ● Limite de R$ 100.000,00 para as pessoas jurídicas que no ano-calendário anterior tiverem auferido receita bruta total igual ou inferior a R$ 3.600.000,00 ● Limite de R$ 5.000.000,00 para as demais pessoas jurídicas. Multa em decorrência de valor omitido, inexato ou incorreto ● 3%, não inferior a R$ 100,00, do valor omitido, inexato ou incorreto ECF – Multas aplicáveis
  • 14. Antonio C. Bruno Gerente sênior Corporate Tax +55 (11) 2183-6514 abruno@kpmg.com.br © 20XX KPMG Tax Advisors Ltda., uma sociedade simples brasileira, de responsabilidade limitada, e firma-membro da rede KPMG de firmas-membro independentes e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”), uma entidade suíça. Todos os direitos reservados. Impresso no Brasil. (KPDS 114653) O nome KPMG, o logotipo e “cutting through complexity” são marcas registradas ou comerciais da KPMG International.