O slideshow foi denunciado.

Fórum E-Commerce Brasil 2011 - Gabriel Borges

2.242 visualizações

Publicada em

Publicada em: Negócios
  • Seja o primeiro a comentar

Fórum E-Commerce Brasil 2011 - Gabriel Borges

  1. 1. SOCIAL CO MME RC E GABR IEL BORGES gb@likestore.com.br @gborges
  2. 2. SOCIAL COMMERCE:MODISMO OU TENDÊNCIA?
  3. 3. 1979 Antropologia  do  Consumo  se  cons3tuiu  a  par3r  de  uma  crí3ca   às  interpretações  apoiadas  em   teorias  econômicas  que   reduziam  o  fenômeno  do   consumo  à  esfera  do  indivíduo   visto  como  um  ser  racional,  que  realiza  a  compra  a  par3r  de  uma   escolha  em  função  da  busca  de   maximização  de  sua  u3lidade  
  4. 4. TECNOLOGIA vs. COMPORTAMENTO: QUEM INFLUENCIA QUEM?
  5. 5. VOCÊ SABE O QUE É VIDEO HAULING?
  6. 6. CIRCULAÇÃO  PAGA  -­‐  MARÇO/2011   Domingos:  352.459  exemplares   Dias  Úteis:  300.648  exemplares  
  7. 7. CONSUMIDOR SE APROPRIA DA TECNOLOGIA E CRIANOVOS COMPORTAMENTOS
  8. 8. TECNOLOGIA REAGE AOCOMPORTAMENTO DE CONSUMO NAS MÍDIAS SOCIAIS...
  9. 9. O  QUE  É  O  SOCIAL  COMMERCE   E-­‐COMMERCE   SOCIAL   SOCIAL  MEDIA   COMMERCE   com  o  social  commerce,  consumidores  são   expostos  a  ofertas  de  e-­‐commerce  através  da   curadoria  de  seus  amigos  nas  redes  sociais  
  10. 10. COMPRA COLETIVA SERIA UMTIPO DE SOCIAL COMMERCE?
  11. 11. OS 3 PRINCIPAIS TIPOSDE SOCIAL COMMERCE [ f-­‐commerce:  e-­‐commerce  on  facebook   uso  do  social  graph  no  e-­‐commerce   uso  do  social  graph  no  varejo  Msico   ]
  12. 12. OS 3 PRINCIPAIS TIPOSDE SOCIAL COMMERCE [ f-­‐commerce:  e-­‐commerce  on  facebook   uso  do  social  graph  no  e-­‐commerce   uso  do  social  graph  no  varejo  Msico   ]
  13. 13. OS 3 PRINCIPAIS TIPOSDE SOCIAL COMMERCE [ f-­‐commerce:  e-­‐commerce  on  facebook   uso  do  social  graph  no  e-­‐commerce   uso  do  social  graph  no  varejo  Msico   ]
  14. 14. OS 3 PRINCIPAIS TIPOSDE SOCIAL COMMERCE [ f-­‐commerce:  e-­‐commerce  on  facebook   uso  do  social  graph  no  e-­‐commerce   uso  do  social  graph  no  varejo  Msico   ]
  15. 15. POR QUE ACREDITARNO SOCIAL COMMERCE NO BRASIL?
  16. 16. A  FORÇA  DOS  LAÇOS  SOCIAIS   FORMAS  DE  PROPAGANDA  MAIS  CONFIÁVEIS   SEGUNDO  OS  CONSUMIDORES   recomendação  de  amigos   90%   opinião  online  de  consumidores   70%   site  da  marca   69%   Segundo  estudo  global   noXcias  da  imprensa   69%   realizado  pela  Nielsen,   as  formas  de  propaganda   patrocínios  de  marca   63%   mais  confiáveis  declaradas     propaganda  em  tv   61%   pelos  consumidores  são  as   recomendações  de  amigos   propaganda  em  jornal   61%   e  as  opiniões  geradas  por   outros  consumidores  em   propaganda  em  revista   59%   canais  online   propaganda  em  rádio   55%   outdoor   55%   e-­‐mail  markeUng   54%   FONTE:  NIELSEN  /  JUL’09    
  17. 17. REDES  SOCIAIS  EM  NÚMEROS   78 MM  usuários  de  internet   no  brasil   o  orkut  possui  35MM  de  usuários   no  Brasil.  Em  2010,  o  facebook   teve  um  crescimento  anual  de   85 %   quase  70%  no  país.  Mesmo  o   Brasil  sendo  a  única  nação  no     dos  usuários  de  internet   mundo  que  registra  mais  usuários   no  brasil  alegam  que  redes   no  orkut  que  no  facebook,   esGma-­‐se  que  até  o  final  de  2011,   sociais  é  um  dos  principais   o  facebook  seja  o  líder  de   moUvos  de  acesso   mercado  no  país   25 MM  usuários  do  facebook   no  brasil   750 MM  usuários  do  facebook   no  mundo   FONTE:  COMSCORE,  IAB  /  MAR’11  
  18. 18. E-­‐COMMERCE  EM  NÚMEROS   14  BI  R$   é  o  valor  total  de  vendas  por   e-­‐commerce  no  brasil  em  2010   41 o  brasil  é  o  país  da  américa   laGna  com  o  maior  percentual   %   é  o  crescimento  anual  do  e-­‐ de  usuário  de  e-­‐commerce   dentro  do  universo  total  de   commerce  no  brasil  em  2010   usuários  de  internet   23 MM   de  brasileiros  têm  o  hábito  de   realizar  compras  online     225 US$   é  o  Ucket  médio  das  compras   online  no  brasil   FONTE:  COMSCORE,  IAB  /  MAR’11  
  19. 19. SOCIAL COMMERCE:MODISMO OU TENDÊNCIA? SEM DÚVIDA, A DINÂMICA DO SOCIALCOMMERCE IRÁ INVADIR O E-COMMERCE BRASILEIRO NOS PRÓXIMOS TEMPOS
  20. 20. COMO COMEÇAR UM PROJETO DESOCIAL COMMERCE NO BRASIL?
  21. 21. youtube.com/likestorebr  
  22. 22. TRANSFORME CONVERSASEM CONVERSÃO: VENDA SEUSPRODUTOS COM A FORÇADAS REDES SOCIAISA LikeStore é um serviço brasileiro que permite a criação de lojas no Facebook.É uma iniciativa independente, que une a força da interação entre amigos nas redes sociaiscom o poder de conversão de vendas do e-commerce.TODA EXPERIÊNCIA CADA VENDA MESMO SEM TRANSAÇÕES GERENCIADOR DEDE COMPRA EFETUADA PODE COMPRAR, O TOTALMENTE LOJA COMOCORRE DENTRO SER DIVULGADA NO USUÁRIO PODE SEGURAS ATRAVÉS CONTROLE DEDO FACEBOOK NA MURAL DO CURTIR AS OFERTAS DO WIDGET DE ESTOQUE EPÁGINA DA SUA COMPRADOR E DIVULGAR EM SEU PAGAMENTO DO PEDIDOS EM TEMPOMARCA MURAL MOIP REAL
  23. 23. A LIKESTORE É FÁCILDE CRIAR, SIMPLES DEGERENCIAR E NÃOTEM CUSTO DEATIVAÇÃO, NEMMENSALIDADEFUNCIONA ATRAVÉS GERENCIADOR DE INTEGRAÇÃO COM MAIS DE 15 FORMAS SEM CUSTO DEDE UM APLICATIVO LOJA COM OS CORREIOS DE PAGAMENTOS, ATIVAÇÃO,ASSOCIADO À SUA CONTROLE PARA CÁLCULO COM TOTAL NEM MENSALIDADEPÁGINA NO DE ESTOQUE E DE FRETE SEGURANÇAFACEBOOK PEDIDOS EM TEMPO ATRAVÉS DO WIDGET REAL DO MOIP
  24. 24. P E RG UNTAS ?GABRIEL BORGESgb@likestore.com.br JÁ PEGOU SEU@gborges BOTTOM? ;)

×