SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 33
Wecsley Oliveira
Aracaju, fevereiro de 2012
Honestidade
 Ser honesto não é somente a
 atitude de devolver um troco
 quando o recebemos errado.
 Não é evitar de espiar
 algo, quando se está fazendo
 uma prova à distância na
 “net”. Ser honesto é ser
 coerente com o que se diz e o
 que se faz, é a coragem de ter
 clareza ao expor opiniões.
Generosidade
 Há a lei da conveniência
 que regra: a cada atitude
 que nós temos
 buscamos sempre uma
 recompensa. Parece um
 tanto contrastante com a
 virtude
 “generosidade”, mas não
 é. O ato de doar ou doar-
 se é suficiente para
 satisfazer uma pessoa
 generosa.
Ponderação
 Contudo,
 precisamos sempre
 ponderar nossas
 atitudes. Afinal de
 contas, todo e
 qualquer tipo de
 excesso é
 prejudicial, até
 mesmo o EXCESSO
 de amor.
Respeito
 Não se adquire respeito oprimindo, isso é amedrontar.
 Não se adquire respeito impondo, isso é coagir.
 Não se adquire respeito punindo, isso é ofender.
 A única maneira de se adquirir respeito, é respeitando.
Descomplicar, dinamizar e divertir.
Descomplicando
 Agrupando atividades e conteúdos.
 Reduzindo métodos e processos.
Dinamizando
 Reduzir as apresentações cênicas.
 Aumentar interatividade digital/virtual.
Divertindo
 Atrair a participação efetiva do aluno no
  desenvolvimento do produto final.
 Dar liberdade à criatividade e à expressividade dos
  alunos.
Tema proposto
Apresentação
 A proposta deste tema é ressaltar a convergência das
 mídias e tecnologias de comunicação e informação,
 buscando soluções para envolver o aluno no
 desenvolvimento de atividades que tenham como
 principais características a socialização, interação e
 disseminação da informação.
Justificativa
 A escola, mais do que nunca, deve atentar-se à inserção, e porque
  não dizer, a fixação da imagem no crescente cyber espaço.
  Ela deve acompanhar com coerência e acima de tudo
  responsabilidade, a modernização do pensar e agir
  dos seus alunos. Buscando interação com as novas
  linguagens para que haja um aprendizado
  contemporâneo, eficiente e completo.

 Visando melhora tanto no desenvolvimento dos trabalhos dos
  alunos quanto na apresentação do evento que culmina o projeto
  proponho uma modernização no que diz respeito ao uso das
  novas tecnologias no âmbiente educacional.
Objetivos
Geral
 Utilizar o cyber-espaço para promover mais interação
  entre alunos, pais e a escola.
Objetivos
Específicos
 Reduzir o consumo de materiais como papel, tinta de
  impressora. (reduzir não é eliminar)
 Melhorar o desempenho dos alunos na apresentação
  da culminância (Fetec 2012).
 Dinamizar a aplicação dos conteúdos nos Laboratórios
  de Educação Tecnológica.
 Manter um registro on-line do trabalho desenvolvido
  no núcleo de Educação Tecnológica.
 Explorar mídias de comunicação e informação.
Ferramentas tecnológicas online
Ferramentas no terminal do aluno
 Mspaint
 Word
 Excel
 PowerPoint
 MovieMaker
 Flash
 Photoshop
 FrontPage
 CorelDraw
Campanha de Cartazes
 Campanha com cartazes confeccionados digitalmente.
 A pretensão é criar uma forma de expressão da opinião
 deles, fazendo com que eles interajam com o meio
 onde estão inseridos.

Recursos tecnológicos
 Word (WordArt, figuras, bordas da página)
 Paint
Método
 Exposição do tema para a turma.
 Composição de frase de efeito (mote)
 Desenvolvimento das ilustrações
 Montagem do cartaz usando o Word.

Produto expositivo
 Durante o desenvolvimento das aulas expor os cartazes
  no colégio. No dia do evento montar um mural com
  todos os cartazes.
Contando histórias
 Criação de histórias registradas em formato de
 apresentação linear ou não. Cada turma deverá ter um
 tema específico e este deverá ser aplicado de acordo
 com o método seguinte:

Recursos tecnológicos
 Power Point
 Prezi
 Paint
Método
 Criação de personagens
 Criação de situação partindo da temática proposta
 Definição de cenários
 Composição das histórias num editor de slides (PowerPoint
  ou Prezi)
 Gerar arquivo para exposição no blog e no evento.
 Disponibilizar arquivos para download

Produto expositivo
 Armazenagem online em blogs, compartilhadores de fotos
  e apresentações.
Exposição Multimídia
Exposição audiovisual utilizando os desenhos
  confeccionados pelos alunos. Não requer apresentação
  individual.

Recursos
 Paint
 MoveMaker (editor de vídeo)
 Fundo musical (música linda)
Método
 Desenvolvimento de arquivos no paint.
 Montagem de coletânea dos trabalhos em formato de
  vídeo com fundo musical.

Produto expositivo
 Expor no evento com retroprojeção, TV ou monitor de
  grande porte. Atentar para a decoração.
Exposição Interativa
Exposição audiovisual ou não que possibilite o visitante
  interagir com o resultado do trabalho, decidindo a
  ordem de exibição dos trabalhos.

Recursos
 Paint
 Power Point ou Prezi
 Fundo musical (opcional)
Método
 Confecção de arquivos digitais no Paint.
 Montagem de apresentação linkada no PowerPoint


Produto expositivo
 Exposição do arquivo em um terminal que deverá ser
  acessado pelos visitantes.
Teatro de Fantoches
Apresentação de histórias e personagens produzidos
 pelos alunos.

Recursos
 Paint
 MovieMaker
 Captura de imagens (câmera fotográfica)
Método
 Divisão da turma em grandes grupos.
 Construção dos personagens no paint.
 Composição da história junto com os professores.
 Captura da encenação no teatro de fantoches.


Produto expositivo
 Exibição do vídeo produzido em retroprojetor, TV ou
  monitor de grande porte.
Mural Comunitário
Coletânea dos trabalhos desenvolvidos pelos alunos e
 expostas em mural.

Recursos
 Paint
 Impressora (com cartuchos devidamente carregados)
Método
 Confecção dos trabalhos no paint
 Coleta para impressão no Word
 Confecção do mural comunitário


Produto expositivo
 Mural com coletânea dos trabalhos impressos
Sugestões dos Colaboradores
 Temas
 Atividades
 Produtos
 Fetec 2012
Wecsley Oliveira

 Aracaju, março de   2012
“O ano do fim do mundo...”

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Projeto:Motivação e Liderança
Projeto:Motivação e LiderançaProjeto:Motivação e Liderança
Projeto:Motivação e Liderançafrancisleide
 
1 apresentação plano de negócios - educare consultoria. ppt
1   apresentação plano de negócios  - educare consultoria. ppt1   apresentação plano de negócios  - educare consultoria. ppt
1 apresentação plano de negócios - educare consultoria. pptC Estudos Santa Anna Anna
 
Cartilha - Representante de Turma
Cartilha - Representante de TurmaCartilha - Representante de Turma
Cartilha - Representante de Turmaclaudia
 
Eleição de represetante de turma 2013
Eleição de represetante de turma 2013Eleição de represetante de turma 2013
Eleição de represetante de turma 2013Wany Goes Dias
 
Líder em sala de aula
Líder em sala de aulaLíder em sala de aula
Líder em sala de aulaDulcelenacosta
 
Atribuições dos líderes de sala
Atribuições dos líderes de salaAtribuições dos líderes de sala
Atribuições dos líderes de salaeebirmawienfrida
 
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas ARTES
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas ARTESProjeto ler e escrever compromisso de todas as áreas ARTES
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas ARTESAdriana Melo
 
Palestra Motivacional Ensino Médio
Palestra Motivacional Ensino MédioPalestra Motivacional Ensino Médio
Palestra Motivacional Ensino Médioangelavbecker
 
Motivação em sala de aula
Motivação em sala de aulaMotivação em sala de aula
Motivação em sala de aulaRoselene Rocha
 

Destaque (10)

Projeto:Motivação e Liderança
Projeto:Motivação e LiderançaProjeto:Motivação e Liderança
Projeto:Motivação e Liderança
 
1 apresentação plano de negócios - educare consultoria. ppt
1   apresentação plano de negócios  - educare consultoria. ppt1   apresentação plano de negócios  - educare consultoria. ppt
1 apresentação plano de negócios - educare consultoria. ppt
 
Cartilha - Representante de Turma
Cartilha - Representante de TurmaCartilha - Representante de Turma
Cartilha - Representante de Turma
 
Motivação de Equipes
Motivação de EquipesMotivação de Equipes
Motivação de Equipes
 
Eleição de represetante de turma 2013
Eleição de represetante de turma 2013Eleição de represetante de turma 2013
Eleição de represetante de turma 2013
 
Líder em sala de aula
Líder em sala de aulaLíder em sala de aula
Líder em sala de aula
 
Atribuições dos líderes de sala
Atribuições dos líderes de salaAtribuições dos líderes de sala
Atribuições dos líderes de sala
 
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas ARTES
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas ARTESProjeto ler e escrever compromisso de todas as áreas ARTES
Projeto ler e escrever compromisso de todas as áreas ARTES
 
Palestra Motivacional Ensino Médio
Palestra Motivacional Ensino MédioPalestra Motivacional Ensino Médio
Palestra Motivacional Ensino Médio
 
Motivação em sala de aula
Motivação em sala de aulaMotivação em sala de aula
Motivação em sala de aula
 

Semelhante a O ano do fim do mundo e as tecnologias educacionais

Atividade dirigida unidade VII
Atividade dirigida unidade VIIAtividade dirigida unidade VII
Atividade dirigida unidade VIIMery Salgueiro
 
Unidade iv proinfo2013 sandra
Unidade iv proinfo2013 sandraUnidade iv proinfo2013 sandra
Unidade iv proinfo2013 sandradeolim1971
 
Unidade iv proinfo2013 sandra
Unidade iv proinfo2013 sandraUnidade iv proinfo2013 sandra
Unidade iv proinfo2013 sandragisorbo
 
Unidade iv proinfo2013 sandra
Unidade iv proinfo2013 sandraUnidade iv proinfo2013 sandra
Unidade iv proinfo2013 sandraSandra Guarnier
 
Tecnologia na educação proinfo itapeva
Tecnologia na educação proinfo itapevaTecnologia na educação proinfo itapeva
Tecnologia na educação proinfo itapevajanemiranda
 
Apresentacao curso introedudigital 40h - 2012
Apresentacao curso introedudigital 40h - 2012Apresentacao curso introedudigital 40h - 2012
Apresentacao curso introedudigital 40h - 2012Dirce Reges Crispim Sousa
 
Curso Tv Pendrive Autor
Curso Tv Pendrive AutorCurso Tv Pendrive Autor
Curso Tv Pendrive AutorMaicon Voigt
 
Recursos Digitais, Parque Tecnológico e suas possibilidades
Recursos Digitais, Parque Tecnológico e suas possibilidades Recursos Digitais, Parque Tecnológico e suas possibilidades
Recursos Digitais, Parque Tecnológico e suas possibilidades NTERJ12 Nilópolis
 
Oficina Design Thinking para Educadores - por Davi Moreno
Oficina Design Thinking para Educadores - por Davi MorenoOficina Design Thinking para Educadores - por Davi Moreno
Oficina Design Thinking para Educadores - por Davi MorenoDavi Moreno
 
Projeto Prioritário
Projeto PrioritárioProjeto Prioritário
Projeto Prioritáriodite2009
 
Fgv um desafio de design 04112013
Fgv um desafio de design 04112013Fgv um desafio de design 04112013
Fgv um desafio de design 04112013Dobra Inova
 

Semelhante a O ano do fim do mundo e as tecnologias educacionais (20)

Atividade dirigida unidade VII
Atividade dirigida unidade VIIAtividade dirigida unidade VII
Atividade dirigida unidade VII
 
Atividade dirigida 7
Atividade dirigida 7Atividade dirigida 7
Atividade dirigida 7
 
Atividade dirigida 7
Atividade dirigida 7Atividade dirigida 7
Atividade dirigida 7
 
Atividade dirigida 7
Atividade dirigida 7Atividade dirigida 7
Atividade dirigida 7
 
Unidade iv proinfo2013 sandra
Unidade iv proinfo2013 sandraUnidade iv proinfo2013 sandra
Unidade iv proinfo2013 sandra
 
Unidade iv proinfo2013 sandra
Unidade iv proinfo2013 sandraUnidade iv proinfo2013 sandra
Unidade iv proinfo2013 sandra
 
Unidade iv proinfo2013 sandra
Unidade iv proinfo2013 sandraUnidade iv proinfo2013 sandra
Unidade iv proinfo2013 sandra
 
Do analógico ao digital na promoção da aprendizagem do Português L2
Do analógico ao digital na promoção da aprendizagem do Português L2Do analógico ao digital na promoção da aprendizagem do Português L2
Do analógico ao digital na promoção da aprendizagem do Português L2
 
Tecnologia na educação proinfo itapeva
Tecnologia na educação proinfo itapevaTecnologia na educação proinfo itapeva
Tecnologia na educação proinfo itapeva
 
Apresentacao curso introedudigital 40h - 2012
Apresentacao curso introedudigital 40h - 2012Apresentacao curso introedudigital 40h - 2012
Apresentacao curso introedudigital 40h - 2012
 
Oficina conteudos digitais - nteac
Oficina conteudos digitais  - nteac Oficina conteudos digitais  - nteac
Oficina conteudos digitais - nteac
 
Utilizando Windows Movie Maker
Utilizando Windows Movie MakerUtilizando Windows Movie Maker
Utilizando Windows Movie Maker
 
Curso Tv Pendrive Autor
Curso Tv Pendrive AutorCurso Tv Pendrive Autor
Curso Tv Pendrive Autor
 
Recursos Digitais, Parque Tecnológico e suas possibilidades
Recursos Digitais, Parque Tecnológico e suas possibilidades Recursos Digitais, Parque Tecnológico e suas possibilidades
Recursos Digitais, Parque Tecnológico e suas possibilidades
 
Oficina Design Thinking para Educadores - por Davi Moreno
Oficina Design Thinking para Educadores - por Davi MorenoOficina Design Thinking para Educadores - por Davi Moreno
Oficina Design Thinking para Educadores - por Davi Moreno
 
Padlet
PadletPadlet
Padlet
 
Cennarium educacao
Cennarium educacaoCennarium educacao
Cennarium educacao
 
Projeto Prioritário
Projeto PrioritárioProjeto Prioritário
Projeto Prioritário
 
PROJETO PRIORITÁRIO
PROJETO PRIORITÁRIOPROJETO PRIORITÁRIO
PROJETO PRIORITÁRIO
 
Fgv um desafio de design 04112013
Fgv um desafio de design 04112013Fgv um desafio de design 04112013
Fgv um desafio de design 04112013
 

Mais de Wecsley Oliveira (20)

GIROSER
GIROSERGIROSER
GIROSER
 
Colcha de Retalhos
Colcha de RetalhosColcha de Retalhos
Colcha de Retalhos
 
Mapas mentais e conceituais
Mapas mentais e conceituaisMapas mentais e conceituais
Mapas mentais e conceituais
 
Mídia educação
Mídia educaçãoMídia educação
Mídia educação
 
Imagens e Cores
Imagens e CoresImagens e Cores
Imagens e Cores
 
Néclea Dantas - Identidade Visual
Néclea Dantas - Identidade VisualNéclea Dantas - Identidade Visual
Néclea Dantas - Identidade Visual
 
RELATO DE EXPERIÊNCIA: oficina de arte com jornal no desenvolvimento do traba...
RELATO DE EXPERIÊNCIA: oficina de arte com jornal no desenvolvimento do traba...RELATO DE EXPERIÊNCIA: oficina de arte com jornal no desenvolvimento do traba...
RELATO DE EXPERIÊNCIA: oficina de arte com jornal no desenvolvimento do traba...
 
Persistência Visual
Persistência VisualPersistência Visual
Persistência Visual
 
Equipe robotica
Equipe roboticaEquipe robotica
Equipe robotica
 
Amey identidade visual2 curvas
Amey identidade visual2 curvasAmey identidade visual2 curvas
Amey identidade visual2 curvas
 
Banda mavi
Banda maviBanda mavi
Banda mavi
 
Reuniao de pais 2013 - Robótica
Reuniao de pais 2013 - RobóticaReuniao de pais 2013 - Robótica
Reuniao de pais 2013 - Robótica
 
Sabra manual
Sabra manualSabra manual
Sabra manual
 
Identidade olhar
Identidade olharIdentidade olhar
Identidade olhar
 
Manual conhecimento
Manual conhecimentoManual conhecimento
Manual conhecimento
 
Identidade
IdentidadeIdentidade
Identidade
 
Identidade FETEC
Identidade FETECIdentidade FETEC
Identidade FETEC
 
Astec manual
Astec manualAstec manual
Astec manual
 
O lago
O lagoO lago
O lago
 
Musica
MusicaMusica
Musica
 

Último

HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfIedaGoethe
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...Martin M Flynn
 
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESPRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESpatriciasofiacunha18
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduraAdryan Luiz
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAlexandreFrana33
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxDeyvidBriel
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOMarcosViniciusLemesL
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveaulasgege
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfHenrique Pontes
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxacaciocarmo1
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...LuizHenriquedeAlmeid6
 
Atividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu AbrigoAtividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu AbrigoMary Alvarenga
 
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfO guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfErasmo Portavoz
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxconcelhovdragons
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 
A galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A  galinha ruiva sequencia didatica 3 anoA  galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A galinha ruiva sequencia didatica 3 anoandrealeitetorres
 
Habilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e EspecíficasHabilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e EspecíficasCassio Meira Jr.
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfIedaGoethe
 
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosBingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosAntnyoAllysson
 

Último (20)

HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
 
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESPRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditadura
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
 
Atividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu AbrigoAtividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu Abrigo
 
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfO guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 
A galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A  galinha ruiva sequencia didatica 3 anoA  galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
 
Habilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e EspecíficasHabilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e Específicas
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
 
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosBingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
 

O ano do fim do mundo e as tecnologias educacionais

  • 2.
  • 3. Honestidade  Ser honesto não é somente a atitude de devolver um troco quando o recebemos errado. Não é evitar de espiar algo, quando se está fazendo uma prova à distância na “net”. Ser honesto é ser coerente com o que se diz e o que se faz, é a coragem de ter clareza ao expor opiniões.
  • 4. Generosidade  Há a lei da conveniência que regra: a cada atitude que nós temos buscamos sempre uma recompensa. Parece um tanto contrastante com a virtude “generosidade”, mas não é. O ato de doar ou doar- se é suficiente para satisfazer uma pessoa generosa.
  • 5. Ponderação  Contudo, precisamos sempre ponderar nossas atitudes. Afinal de contas, todo e qualquer tipo de excesso é prejudicial, até mesmo o EXCESSO de amor.
  • 6. Respeito  Não se adquire respeito oprimindo, isso é amedrontar.  Não se adquire respeito impondo, isso é coagir.  Não se adquire respeito punindo, isso é ofender.  A única maneira de se adquirir respeito, é respeitando.
  • 8. Descomplicando  Agrupando atividades e conteúdos.  Reduzindo métodos e processos.
  • 9. Dinamizando  Reduzir as apresentações cênicas.  Aumentar interatividade digital/virtual.
  • 10. Divertindo  Atrair a participação efetiva do aluno no desenvolvimento do produto final.  Dar liberdade à criatividade e à expressividade dos alunos.
  • 12. Apresentação  A proposta deste tema é ressaltar a convergência das mídias e tecnologias de comunicação e informação, buscando soluções para envolver o aluno no desenvolvimento de atividades que tenham como principais características a socialização, interação e disseminação da informação.
  • 13. Justificativa  A escola, mais do que nunca, deve atentar-se à inserção, e porque não dizer, a fixação da imagem no crescente cyber espaço. Ela deve acompanhar com coerência e acima de tudo responsabilidade, a modernização do pensar e agir dos seus alunos. Buscando interação com as novas linguagens para que haja um aprendizado contemporâneo, eficiente e completo.  Visando melhora tanto no desenvolvimento dos trabalhos dos alunos quanto na apresentação do evento que culmina o projeto proponho uma modernização no que diz respeito ao uso das novas tecnologias no âmbiente educacional.
  • 14. Objetivos Geral  Utilizar o cyber-espaço para promover mais interação entre alunos, pais e a escola.
  • 15. Objetivos Específicos  Reduzir o consumo de materiais como papel, tinta de impressora. (reduzir não é eliminar)  Melhorar o desempenho dos alunos na apresentação da culminância (Fetec 2012).  Dinamizar a aplicação dos conteúdos nos Laboratórios de Educação Tecnológica.  Manter um registro on-line do trabalho desenvolvido no núcleo de Educação Tecnológica.  Explorar mídias de comunicação e informação.
  • 17. Ferramentas no terminal do aluno  Mspaint  Word  Excel  PowerPoint  MovieMaker  Flash  Photoshop  FrontPage  CorelDraw
  • 18.
  • 19. Campanha de Cartazes  Campanha com cartazes confeccionados digitalmente. A pretensão é criar uma forma de expressão da opinião deles, fazendo com que eles interajam com o meio onde estão inseridos. Recursos tecnológicos  Word (WordArt, figuras, bordas da página)  Paint
  • 20. Método  Exposição do tema para a turma.  Composição de frase de efeito (mote)  Desenvolvimento das ilustrações  Montagem do cartaz usando o Word. Produto expositivo  Durante o desenvolvimento das aulas expor os cartazes no colégio. No dia do evento montar um mural com todos os cartazes.
  • 21. Contando histórias  Criação de histórias registradas em formato de apresentação linear ou não. Cada turma deverá ter um tema específico e este deverá ser aplicado de acordo com o método seguinte: Recursos tecnológicos  Power Point  Prezi  Paint
  • 22. Método  Criação de personagens  Criação de situação partindo da temática proposta  Definição de cenários  Composição das histórias num editor de slides (PowerPoint ou Prezi)  Gerar arquivo para exposição no blog e no evento.  Disponibilizar arquivos para download Produto expositivo  Armazenagem online em blogs, compartilhadores de fotos e apresentações.
  • 23. Exposição Multimídia Exposição audiovisual utilizando os desenhos confeccionados pelos alunos. Não requer apresentação individual. Recursos  Paint  MoveMaker (editor de vídeo)  Fundo musical (música linda)
  • 24. Método  Desenvolvimento de arquivos no paint.  Montagem de coletânea dos trabalhos em formato de vídeo com fundo musical. Produto expositivo  Expor no evento com retroprojeção, TV ou monitor de grande porte. Atentar para a decoração.
  • 25. Exposição Interativa Exposição audiovisual ou não que possibilite o visitante interagir com o resultado do trabalho, decidindo a ordem de exibição dos trabalhos. Recursos  Paint  Power Point ou Prezi  Fundo musical (opcional)
  • 26. Método  Confecção de arquivos digitais no Paint.  Montagem de apresentação linkada no PowerPoint Produto expositivo  Exposição do arquivo em um terminal que deverá ser acessado pelos visitantes.
  • 27. Teatro de Fantoches Apresentação de histórias e personagens produzidos pelos alunos. Recursos  Paint  MovieMaker  Captura de imagens (câmera fotográfica)
  • 28. Método  Divisão da turma em grandes grupos.  Construção dos personagens no paint.  Composição da história junto com os professores.  Captura da encenação no teatro de fantoches. Produto expositivo  Exibição do vídeo produzido em retroprojetor, TV ou monitor de grande porte.
  • 29. Mural Comunitário Coletânea dos trabalhos desenvolvidos pelos alunos e expostas em mural. Recursos  Paint  Impressora (com cartuchos devidamente carregados)
  • 30. Método  Confecção dos trabalhos no paint  Coleta para impressão no Word  Confecção do mural comunitário Produto expositivo  Mural com coletânea dos trabalhos impressos
  • 31.
  • 32. Sugestões dos Colaboradores  Temas  Atividades  Produtos  Fetec 2012
  • 33. Wecsley Oliveira Aracaju, março de 2012 “O ano do fim do mundo...”