Gestão ambiental e administração

2.878 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação, Tecnologia, Negócios
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.878
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
193
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Abordagem Sistêmica: - A percepção do mundo como máquina (mecanicista) cede lugar há percepção do mundo como sistema vivo. Visão Holística: - Visão do mundo como um todo integrado e não como um conjunto de partes dissociadas.
  • Agenda 21 convoca empresas a uma participação ativa na implementação desses programas que levarão ao desenvolvimento sustentável. Para a Agenda, as políticas da indústria e do c omércio têm o papel fundamental na redução do impacto no meio ambiente e no uso dos recursos naturais. Carta Empresarial as organizações necessitam partilhar do entendimento de que deve haver um objetivo comum, e não um conflito, entre desenvolvimento econômico e proteção ambiental, tanto para o momento presente como para gerações futuras. Auditoria Ambiental: Instrumento de gestão ambiental, que tem por objetivos verificar se a operação industrial está em conformidade com as normas; Auxiliar no processo de melhoria dos programas de controle ambiental; Consumidores Verdes: 37% da população dos EUA são consumidores verdes e nos países europeus já são 50% da população. Green Seal Nos EUA os selos ecológicos Green Cross e Green Seal são endossados por duas organizações privadas; Os critérios utilizados na análise dos produtos são a embalagem, a biodegradabilidade, a eficiência energégica e o uso de recursos sustentáveis. O Green Seal visa avaliar os aspectos do ciclo de vida dos produtos.
  • Gestão ambiental e administração

    1. 1. Administração e Gestão Ambiental Prof. MAURÍCIO NOVAES SOUZA MS: RAD / AIA / Economia e Gestão Ambiental DS: Engenharia de Água e Solo PROFESSOR UNIVERSITÁRIO E CONSULTOR IETEC / UFV– BH, 2006
    2. 2. Base Conceitual e Filosófica Aplicável ao meio ambiente e às atividades internas das Organizações Abordagem Sistêmica; Princípios de Qualidade; Visão Holística e Ecológica.
    3. 3. Conceito de Gestão Ambiental <ul><li>Processo contínuo e adaptativo de definição de objetivos e metas relativas à: </li></ul><ul><ul><li>Proteção do ambiente; </li></ul></ul><ul><ul><li>Saúde e segurança de seus empregados, clientes e comunidade  RESPONSABILIDADE SOCIAL. </li></ul></ul><ul><li>Seleção de estratégias e meios para atingir tais objetivos em determinado período de tempo </li></ul><ul><ul><li>Por meio de constante interação com o meio ambiente externo. </li></ul></ul>
    4. 4. Gestão Ambiental Conjunto de medidas que visam a redução e o controle dos impactos provocados por atividades e intervenções humanas sobre o meio-ambiente.
    5. 5. Gestão Ambiental <ul><li>1. Gestão Ambiental / Desenvolvimento Sustentável no Brasil </li></ul><ul><ul><li>Conferência da Biosfera 1968; </li></ul></ul><ul><ul><li>Estocolmo - 1972 </li></ul></ul><ul><ul><li>Rio 92: Agenda 21 e Carta Empresarial; </li></ul></ul><ul><ul><li>Crescimento demográfico; </li></ul></ul><ul><ul><li>Crescimento População Industrial 9,3% aa; </li></ul></ul><ul><ul><li>Auditoria Ambiental na Indústria; </li></ul></ul><ul><ul><li>Aumento dos Consumidores Verdes. </li></ul></ul>
    6. 6. Gestão Ambiental e o Desenvolvimento Sustentável no Brasil <ul><li>Princípios </li></ul><ul><li>Qualidade; </li></ul><ul><li>Criatividade; </li></ul><ul><li>Humanidade; </li></ul><ul><li>Lucratividade; </li></ul><ul><li>Continuidade; </li></ul><ul><li>Lealdade; </li></ul><ul><li>Ética. </li></ul>
    7. 7. Gestão Ambiental e o Desenvolvimento Sustentável no Brasil <ul><ul><li>Benefícios </li></ul></ul><ul><ul><li>Sobrevivência Humana; </li></ul></ul><ul><ul><li>Consenso Público; </li></ul></ul><ul><ul><li>Oportunidade de Mercado; </li></ul></ul><ul><ul><li>Redução de Risco; </li></ul></ul><ul><ul><li>Redução de Custos; </li></ul></ul><ul><ul><li>Integridade Pessoal. </li></ul></ul>
    8. 8. Mudança de Valores expansão conservação quantidade qualidade dominação parceria
    9. 9. Novo Contexto Econômico <ul><ul><li>Responsabilidade Social - organizações que buscam a preservação ambiental e ecológica </li></ul></ul><ul><ul><li>O Consumidor Verde </li></ul></ul><ul><ul><li>Legislação Ambiental </li></ul></ul>
    10. 10. Legislação Ambiental Brasileira “ Todos têm direito ao meio ambiente ecologicamente equilibrado, bem de uso comum do povo e essencial à sadia qualidade de vida, impondo-se ao Poder Público e à coletividade o dever de defendê-lo e preservá-lo para a presente e as futuras gerações.” Artigo 225 da Constituição Federal do Brasil
    11. 11. Um Modelo de Gestão Ambiental <ul><li>Decisões estratégicas integradas à questão ambiental garantem vantagens competitivas </li></ul><ul><ul><li>Estratégias diferenciadas conforme: </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Tipo da organização </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Setor econômico de inserção da organização </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Cultura organizacional </li></ul></ul></ul><ul><ul><li>Normas ISO14000 </li></ul></ul><ul><ul><li>Redução de custos e aumento de lucros </li></ul></ul><ul><ul><li>Reciclagem </li></ul></ul>
    12. 12. Certificação Ambiental <ul><li>Empresas Brasileiras com: </li></ul>ISO 14.000: ISO 9000: 14.000 1O70 Fonte: ISO/Bureau Veritas (em novembro-2005)
    13. 13. <ul><li>Distribuição, por setor industrial, do número de certificados emitidos em 158 países </li></ul>Qualidade no Mundo SETOR ISO 9.000 ISO 14.000 Metal-mecânico Eletroeletrônico Construção Civil Máquinas e Equipamentos Químico Outros 40.713 38.148 32.389 23.027 14.790 168.059 9.428 1.737 1.071 1.035 3.100 1.105 Total 317.126 17.476 Fonte: ISO/Bureau Veritas (em dezembro-2000)
    14. 14. Distribuição Setorial de Certificação Ambiental (ISO 14.000) - Brasil Fonte: Inmetro/Bureau Veritas (em junho/01)
    15. 15. Um Modelo de Gestão Ambiental <ul><li>Coleta de dados e informações; </li></ul><ul><li>Análise de informações; </li></ul><ul><li>Análise da estratégia vigente; </li></ul><ul><li>Análise comparativa da missão versus setor econômico / meio ambiente; </li></ul><ul><li>Formulação do plano estratégico ambiental; </li></ul><ul><li>Implementação e controle. </li></ul>
    16. 16. <ul><li>O Desenvolvimento Sustentável : </li></ul>Estratégias de Gestão Ambiental <ul><li>Deixa de ser um mero controle de poluição </li></ul><ul><li>Passa a ser integrado às práticas e processos produtivos da organização </li></ul>
    17. 17. Desenvolvimento Sustentável “ Atender as necessidades do presente, sem comprometer a capacidade de as gerações futuras atenderem também as suas.” Fonte: Nosso Futuro Comum, Relatório da Comissão Brundtland que inspirou a Rio 92
    18. 18. <ul><li>Noções básicas de economia geral e ambiental; </li></ul><ul><li>Análise de problemas ambientais; </li></ul><ul><li>Metodologias de avaliação de impacto ambiental; </li></ul><ul><li>Meio ambiente e qualidade de vida; </li></ul><ul><li>Desenvolvimento sustentável; </li></ul><ul><li>Ecoempreendimentos; </li></ul><ul><li>Legislação Ambiental; </li></ul><ul><li>Planejamento Ambiental; </li></ul><ul><li>Ecologia; </li></ul><ul><li>Patrimônio Natural. </li></ul>Temas da área de Gestão Ambiental
    19. 19. O Profissional de Administração e a Gestão Ambiental no Brasil <ul><li>Incorporem tecnologias inovadoras; </li></ul><ul><li>Tomem decisões tendo como base uma visão sistêmica; </li></ul><ul><li>Promovam um contexto de maior responsabilidade social; </li></ul><ul><li>Conheçam outras culturas. </li></ul>Desenvolvimento Sustentável requer profissionais que:
    20. 20. <ul><li>Comunicação interpessoal, intercultural e expressão correta; </li></ul><ul><li>Profissional atuante, responsável e plenamente qualificado; </li></ul><ul><li>Utilização do raciocínio lógico, crítico e analítico operando com valores; </li></ul><ul><li>Domínio da Tecnologia da Informação; </li></ul>Habilidades Desejadas
    21. 21. <ul><li>Perceber a necessidade constante de aperfeiçoamento e atualização; </li></ul><ul><li>Atuação em todas as áreas concernentes à profissão - visão sistêmica; </li></ul><ul><li>Contribuir para a ações de equipes interdisciplinares e multidisciplinares; </li></ul><ul><li>Lidar com modelos de gestão inovadores; </li></ul><ul><li>Compreender a complexidade do mundo globalizado das sociedades pós-industriais. </li></ul>Habilidades Desejadas
    22. 22. <ul><li>Aprender a aprender </li></ul><ul><li>Ampla formação cultural - conhecer/saber </li></ul><ul><li>Ser criativo e inovador </li></ul><ul><li>Conciliar conhecimento teórico e prático </li></ul><ul><li>Ser líder e capaz de tomar decisões </li></ul><ul><li>Trabalhar em parceria/compartilhar </li></ul><ul><li>Estar tecnologicamente atualizado </li></ul>Atitudes e procedimentos
    23. 23. <ul><li>Saber lidar com produtividade e competitividade </li></ul><ul><li>Ter visão estratégica </li></ul><ul><li>Possuir espírito empreendedor </li></ul><ul><li>Sensível às questões sociais e ambientais; </li></ul><ul><li>Flexível às mudanças. </li></ul>Atitudes e procedimentos
    24. 24. Vantagens Competitivas <ul><li>Redução de custos, em função da economia de recursos naturais e diminuição da geração de resíduos; </li></ul><ul><li>Possibilidades de conquistar mercados restritos, como o da União Européia; </li></ul><ul><li>Redução das indenizações por responsabilidade civil, e danos ao meio ambiente; </li></ul><ul><li>Atendimento às legislações inerentes ao meio ambiente. </li></ul>
    25. 25. Antigamente existia uma divisão nítida entre os defensores da natureza (ditos ecologistas) e os que pregavam a exploração irrestrita dos recursos naturais. Com o advento do termo &quot;desenvolvimento sustentável&quot; tornou-se necessária a formação de pessoas com um diferente perfil, profissionais que agregassem a visão ambientalista à exploração &quot;racional&quot; dos recursos naturais – surgiram, então, os gestores ambientais . Considerações
    26. 26. A Gestão Ambiental, enfim, torna-se um importante instrumento gerencial para capacitação e criação de condições de competitividade para as organizações, qualquer que seja o seu segmento econômico. Considerações
    27. 27. A Gestão Ambiental visa ordenar as atividades humanas para que estas originem o menor impacto possível sobre o meio ambiente. Esta organização vai desde a escolha das melhores técnicas até o cumprimento da legislação e a alocação correta de recursos humanos e financeiros. Considerações
    28. 28. O que deve ficar claro é que &quot;gerir&quot; ou &quot;gerenciar&quot; significa saber manejar as ferramentas existentes da melhor forma possível e não necessariamente desenvolver a técnica ou a pesquisa ambiental em si. Considerações
    29. 29. Pode estar aí o foco da confusão de conceitos entre a enorme gama de profissionais em meio ambiente, pois muitos são partes das ferramentas de Gestão (ciências naturais, pesquisas ambientais, sistemas e outros), mas não desenvolve esta como um todo: esta função pertence aos gestores ou gerentes ambientais, que devem ter uma visão holística apurada. Considerações
    30. 30. Existe também uma outra discussão sobre o que é &quot;Gestão Ambiental&quot; e o que é &quot;Gerenciamento Ambiental&quot;: alguns defendem que a &quot;gestão&quot; é inerente aos assuntos públicos (gestão de cidades, bacias, zonas costeiras, parques); ... Considerações
    31. 31. ..... e que gerenciamento refere-se ao meio privado (empresas, indústrias, fazendas e outros). Esta diferença de significados, na verdade, não é importante, o que é realmente importante é promover a Gestão Ambiental em todos os seus aspectos. Considerações
    32. 32. Considerações <ul><li>Alguns setores já assumiram tais compromissos com o novo modelo de desenvolvimento, ao incorporarem em seus modelos de gestão a dimensão ambiental. </li></ul>
    33. 33. Conclusões <ul><li>A gestão de qualidade empresarial passa pela obrigatoriedade de que sejam implantados sistemas organizacionais e de produção que valorizem os bens naturais, as fontes de matérias-prima, as potencialidades do quadro humano criativo, as comunidades locais e devem iniciar o novo ciclo, onde a cultura do descartável e do desperdício sejam coisas do passado. </li></ul>
    34. 34. Conclusões <ul><li>Atividades de reciclagem, incentivo à diminuição do consumo, controle de resíduo, capacitação permanentes dos quadros profissionais, em diferentes níveis e escalas de conhecimento, fomento ao trabalho em equipe e às ações criativas são desafios-chave neste novo cenário. </li></ul>
    35. 35. Conclusões A Gestão Ambiental é a resposta natural das empresas ao novo cliente: o consumidor verde e ecologicamente correto.
    36. 36. <ul><li>Obrigado! </li></ul>[email_address]

    ×