Plantas

780 visualizações

Publicada em

Constituintes, matéria prima e reprodução das plantas.
Fotossíntese e micróbios.

Publicada em: Ciências
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
780
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Plantas

  1. 1. Realizado por: Eduarda Sofia Nº8 6ºA
  2. 2.  Micróbios:  introdução;  Tipos de micróbios, suas características e exemplos de doenças;  Plantas:  A fotossíntese;  Processo da fotossíntese e sua importância;  Matéria prima das plantas;  A reprodução das plantas com flor  a reprodução dos fetos
  3. 3.  Os micróbios são organismos unicelulares que só podem ser vistos ao microscópio. Incluem os vírus, as bactérias, os protozoários e algumas formas de fungos.  A disciplina que estuda os microrganismos é a microbiologia.  Muitos microrganismos são agente patogénicos, mas muitos são benéficos para outras espécies, para o meio ambiente, como as bactérias que decompõem a matéria orgânica dentro do ciclo biogeoquímico. Podem encontrar-se microrganismos em todos os habitats, desde o fundo dos oceanos, passando pelo solo terrestre, e até na atmosfera.
  4. 4. Micróbios Características Doenças Vírus São partículas só visíveis ao microscópio eletrónico. Apenas demonstram atividade quando introduzidos numa célula viva. Constipações, gripes, sarampo, sida, papeira, herpes, meningite, hepatites, febre aftosa. Bactérias São seres unicelulares que não possuem núcleo organizado. Pertencem ao Reino Monera. Carie dentária, cólera, tétano, meningite, difteria, tuberculose. Protozoários Seres unicelulares que vivem, geralmente, em ambientes aquáticos. Pertencem ao Reino Protista. Doença do sono, malária, coccídea nos coelhos. Fungos Uns são unicelulares e outros pluricelulares. Alguns vivem à custa de animais e plantas, parasitando-os. Pertencem ao Reino dos Fungos. Micoses, cravagem do centeio, míldio da videira, ferrugem do trigo, morrão do milho.
  5. 5. Os micróbios patogénicos são causadores de doenças e podem ser transmitidos por contato direto com esses micróbios ou por contato indireto através da água, do ar e dos alimentos.
  6. 6. Os micróbios úteis transformam o leite em iogurte ou em queijo, intervêm no fabrico do pão, transformam a matéria orgânica do solo em matéria mineral, etc.
  7. 7. A fotossíntese é um processo realizado pelas plantas para produção de seu próprio alimento. De forma simples, podemos entender que a planta retira gás carbônico do ar e energia do Sol.
  8. 8.  A planta produz seu próprio alimento constituído essencialmente por glicose. À medida que a planta produz glicose, ela elimina oxigênio.  A glicose é utilizada pela planta na realização de suas funções metabólicas, ou seja, ela é o seu principal combustível, sem ela, seria impossível manter suas funções vitais. O processo de formação da glicose se dá através de reação química, e esta, somente é possível devido à transformação da energia solar em energia química.
  9. 9. Sem a fotossíntese, não existiria vida em nosso planeta, pois é através dela que se inicia toda a cadeia alimentar. Daí a grande importância das plantas, vegetais verdes e alguns outros organismos. Além disso, como já vimos, a medida em que a planta produz glicose ela elimina oxigênio, e sem oxigênio é impossível sobreviver.
  10. 10. As plantas são uma fonte de alimento. Os elementos podem ser consumidos crus, cozinhados ou transformados pela indústria alimental. Além dos alimentos, as plantas também fornecem matérias-primas como, por exemplo, madeira, cortiça, fibras, borracha, resina, óleo e corantes, utilizadas em várias indústrias. Algumas plantas são utilizadas para fins medicinais. São exemplos a cidreira, a tília e a vidreira.
  11. 11. Fases da reprodução nas plantas com flor: Polinização- transporte dos grãos de pólen das anteras para o estigma.
  12. 12. Fases da reprodução nas plantas com flor: Fecundação- encontro da célula masculina, transportada pelo tubo polínico, com a célula sexual feminina existente no óvulo.
  13. 13. Fases da reprodução nas plantas com flor: Frutificação- transformação do ovário e dos óvulos fecundados num fruto. O pericarpo pode ser carnudo ou seco.
  14. 14. Fases da reprodução nas plantas com flor: Dispersão- distribuição das sementes pelo ambiente, por vezes a grandes distâncias. Pode ser feita, frequentemente, pelo vento, pela água e pelos animais.
  15. 15. Fases da reprodução nas plantas com flor: Germinação-transformação do embrião da semente numa nova planta à custa das reservas alimentares contidas, geralmente, nos cotilédones.
  16. 16. Nos fetos formam-se, na página inferior das folhas, fiadas de grupos de esporângios. Quando estes se abrem, libertam os esporos acumulados mo seu interior- dispersão.
  17. 17. Apos a dispersão, se os esporos caírem em ambiente apropriado, germinam. Da germinação de cada esporo resulta um corpo laminar verde, que é designado por protalo. No protalo formam-se células reprodutoras, que, por fusão, dão origem a um novo ovo e este novo feto com raiz, caule e folha.

×