Piaget

26.334 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
15 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
26.334
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
53
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
586
Comentários
0
Gostaram
15
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Piaget

  1. 1. Modelos Cognitivistas
  2. 2. Teorias de Aquisição <ul><li>Cognitivista : Construtivismo ( Piaget, 1979 ) </li></ul><ul><li> Construção de conhecimento </li></ul><ul><li> Interacionismo ( Vygotsky, 1962) </li></ul><ul><li> Interação social </li></ul><ul><li>Racionalista: Inatismo ( Chomsky, 1965, 1981) </li></ul><ul><li> Mecanismo inato, predisposição </li></ul>
  3. 3. Jean Piaget <ul><li>Modelo construtivista – construção do pensamento/conhecimento; </li></ul><ul><li>Aquisição do conhecimento: processo gradual através da interação da criança com o ambiente ; </li></ul><ul><li>Ocupou-se das condições necessárias para que o ser humano possa falar, possa construir a linguagem, falada e escrita. </li></ul>
  4. 4. Condição necessária <ul><li>Tudo aquilo que não pode deixar de estar presente para que o fenômeno da linguagem ocorra; </li></ul><ul><li>As condições necessárias podem não ser suficientes para a ocorrência do fenômeno . </li></ul>
  5. 5. Epistemologia Genética <ul><li>Piaget desenvolveu uma teoria do desenvolvimento humano com ênfase na gênese (ou desenvolvimento) do conhecimento. </li></ul>
  6. 6. Concepção de linguagem <ul><li>Empiristas : o meio como fator determinante da aquisição da linguagem; </li></ul><ul><li>Racionalistas : aspecto inato, órgão biológico. </li></ul>
  7. 7. Concepção de linguagem piagetiana <ul><li>Linguagem é constituída a partir do encontro de um funcionamento endógeno (orgânico) do ser humano com a vida social. </li></ul><ul><li>Desse encontro, a criança organizará seu mundo, entre o nascimento e um a dois anos (em média). </li></ul>
  8. 8. Concepção de linguagem piagetiana <ul><li>Conhecimento e linguagem são frutos de uma troca entre organismo e meio ; portanto, não é nem empirista, nem inatista. </li></ul>
  9. 9. Função semiótica <ul><li>Para Piaget, a criança adquire a função semiótica por volta dos dois anos; </li></ul><ul><li>Diferenciar os significantes dos significados , de tal maneira que os primeiros possam permitir a representação dos segundos . </li></ul>
  10. 10. Função semiótica <ul><li>Criança faz uso de imagens para criar fantasias, prever, imaginar; </li></ul><ul><li>Correspondência aproximativa: cópia do real refere-se não ao real em si, mas ao real construído pela criança através de suas ações. </li></ul>
  11. 11. Conhecimento figurativo <ul><li>Percepção : funciona em presença do objeto; </li></ul><ul><li>Imitação : gestual, fônica, desenho – funciona na presença do objeto ou não; </li></ul><ul><li>Imagem mental : existe na ausência do objeto, pela interiorização. </li></ul>
  12. 12. Relação linguagem e pensamento <ul><li>Piaget procurou determinar o lugar e o papel da imagem mental na origem e no processo de aquisição do conhecimento científico. </li></ul>
  13. 13. Relação linguagem e pensamento <ul><li>Sociedade permite a construção de conceitos, mas a possibilidade que o indivíduo tem de construir representações conceituais é uma das condições necessárias prévias para que ele receba a influência do meio e que possa adquirir a linguagem. </li></ul>
  14. 14. Piaget e aquisição <ul><li>Há uma sintaxe , lógica e cronologicamente anterior às gramáticas de cada uma das línguas. </li></ul><ul><li>Lógica das ações : análoga ao dispositivo inato para a aquisição. </li></ul><ul><li>Por volta dos 8 meses, a criança começa a coordenar esquemas para alcançar um objetivo. </li></ul>
  15. 15. Lógica das ações <ul><li>Ao entrar em contato com uma língua materna, dá origem às diferentes gramáticas das várias línguas. </li></ul><ul><li>Constituída nas ações a partir da construção dos primeiros esquemas motores. </li></ul><ul><li>Não é inato!!! </li></ul>
  16. 16. Esquemas <ul><li>A forma pela qual a criança entra em contato com o mundo. </li></ul><ul><li>Na presença de um objeto novo, a criança procura encaixá-lo em seus esquemas, ou seja, classificá-lo. </li></ul>
  17. 17. Assimilação e acomodação <ul><li>Assimilação : resposta que utiliza aprendizagem prévia; </li></ul><ul><li>Acomodação : mudança de comportamento em resposta ao ambiente </li></ul>
  18. 18. Assimilação e acomodação <ul><li>Os esquemas ou assimilam os objetos ou acomodam-se a eles; </li></ul><ul><li>Há uma tendência em manter um equilíbrio entre assimilação e acomodação. </li></ul>
  19. 19. Maturação <ul><li>Na constante troca do organismo com o meio, a cada transformação ocorrida no nível exógeno corresponderia uma transformação interna. </li></ul>
  20. 20. Experiência <ul><li>A criança assimila o mundo através de seus esquemas , numa espécie de classificação de objetos , e age sobre eles, impondo-lhes uma ordenação no espaço e no tempo. </li></ul>
  21. 21. Interação social <ul><li>A criança constrói pequenas cenas sociais que são demonstrações significativas da noção de tempo e da dimensão do espaço . </li></ul><ul><li>A criança só falará adequadamente e escreverá com sentido, se adquirir essas noções. São condições necessárias para a aquisição da linguagem. </li></ul>
  22. 22. Quatro forças que moldam o desenvolvimento humano
  23. 23. Estágios do desenvolvimento cognitivo de Piaget <ul><li>Sensório-motor: 0-2 anos </li></ul><ul><li>Inteligência motora; </li></ul><ul><li>Mundo do aqui e agora; </li></ul><ul><li>Ausência de linguagem e de pensamento nos estágios iniciais ; </li></ul><ul><li>Nenhuma noção da realidade objetiva. </li></ul>
  24. 24. Estágios do desenvolvimento cognitivo de Piaget <ul><li>Pré-operacional: 2-7 anos </li></ul><ul><li>Preconceitual: 2-4 anos </li></ul><ul><li>Pensamento egocêntrico; </li></ul><ul><li>Raciocínio dominado pela percepção; </li></ul><ul><li>Noção de classe, mas não distinguem os membros da mesma classe. </li></ul><ul><li>Intuitivo: 4-7 anos </li></ul><ul><li>Soluções intuitivas e não lógicas; </li></ul><ul><li>Incapacidade de conservar (teste com recipientes de vidro). </li></ul>
  25. 25. Estágios do desenvolvimento cognitivo de Piaget <ul><li>Operações concretas: 7-11 ou 12 anos </li></ul><ul><li>Capacidade de conservar; </li></ul><ul><li>Lógicas de classes e relações; </li></ul><ul><li>Compreensão de números; </li></ul><ul><li>Pensamento ligado ao concreto; </li></ul><ul><li>Desenvolvimento da reversibilidade no pensamento. </li></ul>
  26. 26. Estágios do desenvolvimento cognitivo de Piaget <ul><li>Operações formais: 11 ou 12-14 ou 15 anos </li></ul><ul><li>Generalidade completa do pensamento; </li></ul><ul><li>Pensamento proposicional; </li></ul><ul><li>Capacidade para lidar com o hipotético; </li></ul><ul><li>Desenvolvimento de forte idealismo. </li></ul>
  27. 27. Aquisição da linguagem <ul><li>Período crítico : Piaget nada escreve sobre isso. </li></ul><ul><li>Para ele a aquisição da linguagem dependerá da embriologia mental, da construção interna das estruturas mentais em nível cerebral. </li></ul>
  28. 28. Atividade: entendendo o modelo piagetiano <ul><li>Comente sobre a função simbólica dentro do modelo cognitivista de Piaget. </li></ul><ul><li>Comente sobre o conceito de esquemas no sistema piagetiano. </li></ul><ul><li>Fale a respeito dos 3 aspectos fundamentais da linguagem – sintaxe, semântica e pragmática – considerados por Piaget na sua teoria de aquisição da linguagem. </li></ul><ul><li>Fale a respeito dos 4 principais estágios de desenvolvimento infantil descritos por Piaget. </li></ul>

×