Teoria neoclássica da Administração

51.114 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
28 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
51.114
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
10
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
28
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Teoria neoclássica da Administração

  1. 1. Os principais autores são: Peter F. Drucker, Ernest Dale, Harold Koontz, CyrilO’Donnell, Michael Jucius, William Newman, RalphDavis, George Terry, Morris Hurley, Louis Allen . Há também os autores da escola da Administração por Objetivos — não se preocupavam em se alinhar dentro de uma visão comum. Na verdade, alguns autoresneoclássicos não formam uma escola bem definida, mas um movimento relativamente heterogêneo que recebe denominações como Escola Operacional ou Escola do Processo Administrativo .
  2. 2.  Características As principais características da Teoria Neoclássica são as seguintes:• Ênfase na prática da administração.• Reafirmação dos postulados clássicos.• Ênfase nos princípios gerais de administração.• Ênfase nos objetivos e nos resultados.• Ecletismo nos conceitos.• Ênfase na departamentalização.
  3. 3.  Ênfase na prática da administração• A Teoria Neoclássica caracteriza-se por: uma forte ênfase nos aspectos práticos da Administração, pelo pragmatismo enfatizando aspectos instrumentais da Administração. Busca de resultados concretos e palpáveis, embora não descuide dos conceitos teóricos, visando á ação administrativa, enfatizando aspectos instrumentais da administração.
  4. 4.  Reafirmação dos postulados clássicos• Os neoclássicos retomam grande parte do material desenvolvido pela Teoria Clássica, redimensionando-o e reestruturando-o de acordo com as condições da época atual, dando-lhe uma configuração mais ampla e flexível. A estrutura de organização do tipo linear, funcional e linha staff, as relações de linha e assessoria, o problema da autoridade e responsabilidade, a departamentalização e toda uma avalanche de conceitos clássicos são realinhados dentro da nova abordagem neoclássica.
  5. 5.  Ênfase nos princípios gerais de Administração • Os neoclássicos definem normas de comportamento administrativo. Os princípios de Administração, que os clássicos utilizavam como “leis” são retomados como critérios elásticos para a busca de soluções práticas. Alguns autores, como Koontz e O’Donnell, The Haiman e outros, baseia-se na utilização de princípios. Os neoclássicos se preocupam em estabelecer princípios gerais da Administração para orientar o administrador em suas funções. Esses princípios, apresentados sob conteúdos variados por autor, definem o processo pelo qual o administrador deve planejar, organizar, dirigir e controlar o trabalho dos subordinados. Alvin Brown chegou a coletar 96 princípios gerais.
  6. 6.  Ênfase nos objetivos e nos resultados. • Toda organização existe, não para si mesma, mas para alcançar objetivos e produzir resultados. É em função dos objetivos e resultados que a organização deve ser dimensionada, estruturada e orientada. Daí a ênfase colocada nos objetivos organizacionais e nos resultados pretendidos como forma de avaliar o desempenho das organizações. Os objetivos são valores visados ou resultados desejados pela organização. A organização espera alcançá- los por meio de sua operação eficiente. Se a operação falha, os objetivos são parcialmente alcançados ou simplesmente frustrados. São os objetivos que justificam a existência e operação de uma organização. Um dos melhores produtos da Teoria Neoclássica é a chamada Administração por Objetivos (APO).
  7. 7. Ecletismo nos conceitos. • Os autores neoclássicos são ecléticos, absorvendo o conteúdo de outras teoriasadministrativas mais recentes. A pluralidade deautores e idéias somados às diferentes origensde inspiração faz da Teoria Neoclássica amplae diversificada. Trata-se de um movimento deagregação de idéias. Devido a esse ecletismo, a Teoria Neoclássica se afigura como uma Teoria Clássica atualizada e dentro do figurino eclético que define a formação do administrador na metade final do século XX.
  8. 8. Peter Drucker • Iniciou com o conceito de "(re)privatizações", que significa a privatização dos serviços públicos, como forma de reduzir a burocracia. O seu segundo conceito pode ser a "gestão por objetivos", ou seja, é um tipo de gestão caracterizada como um método de planejamento e avaliação, baseado em fatores quantitativos. Já o terceiro conceito é a "descentralização das "Para ter um negócio de sucesso, empresas" que ele podiaalguém, algum dia, teve que tomar uma explicar como sendo a divisão atitude de coragem.“ (Peter Drucker) de trabalho.
  9. 9. Hierarquia: Níveis deposição em uma empresa
  10. 10. Componentes ALINE Nº 01 ANDRESSA Nº 04 CYBELLE Nº 07 GABRIEL Nº 14 ISABELLA Nº 20 ISABELLY Nº 211 A2- Administração

×