Etanol

1.771 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.771
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
42
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Etanol

  1. 1. Em 1975, com o lançamento do Programa Nacional do Álcool (Proálcool), que o governo criou as condições necessárias para que o país surgisse na vanguarda do uso de bicombustíveis.O Brasil apresentava diversos pré-requisitos para assumir esse pioneirismo: possuía um expressivo setor açucareiro e usinas com alta capacidade ociosa.As altas no preço do petróleo colocavam em risco o abastecimento interno.A saída encontrada foi reunir num grupo de trabalho governo, instituições de pesquisa, indústria automobilística, refinarias e usineiros.As primeiras especificações do álcool (dos tipos anidro e hidratado) foram lançadas em 1979 e reformuladas em 1989, depois de pesquisadas as razões do problema de corrosão nos motores.
  2. 2.  No final dos anos 80 Houve aumento da cotação do açúcar no mercado internacional, antes ocorreu forte escassez de álcool hidratado nos postos de abastecimento, tendo uma queda brutal na venda de automóveis à álcool. Na década de 90 Em 1993, estabeleceu- se a mistura obrigatória de 22% de álcool anidro em toda a gasolina distribuída para revenda nos postos, gerando uma expansão de mercado para o combustível vegetal, que vigora até hoje.Ao longo destes trinta anos, o uso do álcool, em substituição ou misturado à gasolina, promoveu uma economia de mais de um bilhão de barris equivalentes de petróleo, o correspondente a 19 meses de produção atuais. Graças ao álcool combustível, nos últimos oito anos deixaram de ser importados US$ 61 bilhões em barris de petróleo.
  3. 3.  Produção mundial de álcool aproxima-se dos 40 bilhões de litros,• Brasil até 25 bilhões de litros são utilizados• EUA para fins energéticos. O Brasil responde por 15 bilhões de• Argentina litros deste total.• Quênia O álcool é utilizado em mistura com• Malawi gasolina no Brasil, EUA, UE, México, Índia, Argentina, Colômbia,Japão. O uso exclusivo de álcool como combustível está concentrado no Brasil.
  4. 4. Fonte: Elaboração D. L. Gazzoni, a partir de diversas fontes
  5. 5. Fonte: Elaboração D. L. Gazzoni
  6. 6.  Biomassa são substâncias orgânicas,já utilizada, a principal é a cana de açúcar. Mandioca: Todos os tipos de mandioca podem ser usadas, mas aqueles que possuem maior concentração de amido, como a mandioca industrial, são as mais indicadas. Celulose: a produção de álcool a partir de celulose, em 2020, serão cerca de 30 bilhões de litros de álcool que poderão ser obtidos desta fonte, apenas nos EUA. Também estão em curso pesquisas para transformá-lo em álcool, em biodiesel, ou mesmo, para o seu melhor aproveitamento pela indústria moveleira e para a fabricação de ração animal.
  7. 7.  Cerca de 2,3 t de CO2 deixam de ser emitidas para cada tonelada de álcool combustível utilizado, sem considerar outras emissões, como o SO2. A cana-de-açúcar é a segunda maior fonte de energia renovável do Brasil com 12,6% de participação na matriz energética atual, considerando-se o álcool combustível e a co-geração de eletricidade, a partir do bagaço. O setor canavieiro emprega mais de 3,5 milhões de pessoas no Brasil. Destas, cerca de 2,5 milhões são trabalhadores temporários. Por conter oxigênio em sua composição, a combustão do álcool é mais fácil do que a da gasolina e libera menos poluentes. Isso não significa, porém, que seja inofensiva.
  8. 8. O investimento total no Proetanol foi da ordem de US$ 7,5 bilhões, sendo US$ 5 bilhões financiados pelo governo brasileiro, US$ 250 milhões obtidos através de recursos do Banco Mundial e US$ 2,5 bilhões providos por empresários do setor.Em contrapartida, ao reduzir as importações de petróleo, o Brasil economizou, em 25 anos, cerca de US$ 22 bilhões.
  9. 9.  http://www.biodieselbr.com/energia/alcool/etanol.htm http://ecoviagem.uol.com.br/noticias/ambiente/desenvolvimen to-sustentavel/etanol-podera-ser-extraido-da-mandioca- 8535.asp http://veja.abril.com.br/idade/exclusivo/energias_alternativas/c ontexto2.html http://oglobo.globo.com/projetos/biocombustivel/mat/2007/09/ 12/297691575.asp http://www.youtube.com/watch?v=hyLCB5UE55g

×